RODA MORTA DIANTE DE MANO BROWN

O líder… Opa! “Vamos parar por aí, não sou líder de ninguém”, foi a resposta a um dos pífios entrevistadores ao rapper Mano Brown, dos Racionais MC’s no programa Roda Viva, da Tv Cultura. E por aí saiu desmanchando rapidamente as rotulações que lhe tentaram impingir de todos os mesmos lados. Apesar de em certos momentos o programa até parecer ameno, conforme o próprio Brown, uma guerra de linguagens estava instalada, quando lhe questionavam o apoio dado a Lula, e com argumentos lúcidos, o rapper afirmou que gosta de Lula, votou nele e o apóia, sempre dando exemplos práticos de melhorias político-sociais no Brasil, e falou de sua decepção em ver Marta Suplicy perder a prefeitura de São Paulo. Ao se referir aos candidatos tucanos, apenas debochou ironicamente, sem sequer perder tempo citando nomes. Ao criticar as elites brasileiras, deu como exemplo a educação cubana, e o retardamento de José Nêumanne quis interferir para dizer que Mano não poderia citar Cuba, por ter um ditador há 40 anos. Então levou uma aula de todo o processo cubano de libertação e sua luta por permanecer independente por todos estes anos e valorizar o homem e não o capital. Foi aí que o medíocre mediador atucanado Paulo Markun, demonstrando toda a sua capacidade de entendimento, perguntou rasteiramente se Brown era um socialista, daqueles que acreditavam em igualdade para todos. Ele afirmou luta pessoal e falou de várias pessoas que vieram antes e outras que estão próximas a ele tentando fazer um trabalho fora do mundo político corrompido e distantes da mídia trapaceira. Ao ser questionado sobre a pirataria, referiu-se aos pirateadores, carinhosamente como os trata: “Vocês são a minha rádio”. Ainda deu pra Maria Rita Kehl dizer que não entendia quando ele dizia não ter nenhum discurso. Mano Brown então derrubou o rótulo de pessoa fechada, séria; com sensibilidade, deu exemplos simples que ridicularizaram a falsa intelectualidade dos presentes, como cuidar de si e dos que estão próximos e de ter atitude diante de tudo que ocorre a sua volta.

Diante de tanta mediocridade, talvez Mano Brown não queira mais conceder entrevista, já que ele é conhecido por se manter, com toda razão, longe da mídia. Para quem assistiu, serviu para constatar mais uma vez a decadência da midiotização televisiva, mas principalmente para perceber a autenticidade e engajamento com questões sociais, políticas, existenciais de manifestações que surgem nos subúrbios, nas periferias, como o Rap e o Hip-Hop.

5 Responses to “RODA MORTA DIANTE DE MANO BROWN”


  1. 1 Felipe Medeiros segunda-feira, 28 janeiro, 2008 às 5:45 pm

    ” mesmo com todos meus defeitos faço alguma coisa para tentar mudar, e voces com todas essas qualidades o que fazem?” Com essas palavras de Brown creio que se pode entender a força de uns e a mediocridade de ditos intelectuais que dizem entender a nova ordem mundial e os porques dos problemas que existem. Os inteligentíssimos jornalistas, doutores e portadores de outros títulos inúteis do programa Roda Viva demonstraram de forma clara sua raiva e rancor ao tentar sob qualquer custo fazer o rapper paulista se contradizer. O programa apenas mostrou que a simplicidade, vontade, esperança e inteligencia de mentes engenhosas como a do artista entrevistado geram um remoído ciumes nas teorias baseadas em demagogia de certos ”doutores da hipocrisia”. É impossivel negar a força e o talento presente nas músicas dos Racionais, as quais servem, para muitas pessoas que sentem na pele o que é dificuldade, de fonte de energia para seguir em frente a batalha de um novo dia.

  2. 2 Danilo César quinta-feira, 7 agosto, 2008 às 12:30 pm

    Mano Brow, serve de espelho para muitos, ou melhor tinha que dar aula de inteligência para os políticos curruptos que fazer te tudo para interfeir no crescimento, educação, saúde e os demais fatores que a maioria (nós),precisa para ter uma vida digna.

  3. 3 gerson vida loka quinta-feira, 25 junho, 2009 às 8:20 am

    mano brawn é um cara de verdades que mudou avida de muita gente com seus exemplos de tragetos e glorias e sempre de fende os pobres que são o milhado pela burguesia q infeleis men ainda existo no brasil ele sempre lutara pelos seus porque não a nada melhor como um dia apos outro dia!!!!!!!!!!!!!!!vcs min intemdem??????????????????

  4. 4 gerson vida loka quinta-feira, 25 junho, 2009 às 8:25 am

    Deixa eu fala, pocê,
    Tudo, tudo, tudo vai, tudo é fase irmão,
    Logo mais vamo arrebentar no mundão,
    De cordão de elite, 18 quilate,
    Põe no pulso, logo bright,

    Que tal, tá bom,

    De lupa Bausch&Lomb, bombeta branca e vinho,
    Champanhe para o ar, que é pra abri nossos caminhos,
    Pobre é o Diabo, e odeia a ostentação
    Pode rir, ri, mais não desacredita não,

    É só questão de tempo, o fim do sofrimento,
    Um brinde pros guerreiro, Zé povinho eu lamento,
    Vermes que só faz peso na Terra,

    Tira o zóio,

    Tira o zóio, vê se me erra,
    Eu durmo pronto pra guerra,
    E eu não era assim, eu tenho ódio,
    E sei que é mau pra mim,
    Fazer o que se é assim,
    VIDA LOKA CABULOSA,
    O cheiro é de Pólvora,
    E eu prefiro rosas,

    E eu que…E eu que…

    Sempre quis um lugar,
    Gramado e limpo, assim verde como o mar,
    Cercas brancas, uma seringueira com balança,
    Disbicando pipa cercado de criança…

    How…How Brow

    Acorda sangue bom,
    Aqui é Capão Redondo Tru,
    Não Pokemon,
    Zona Sul é invés, é Stress concentrado,
    Um coração ferido, por metro quadrado…

    Quanto mais tempo eu vou resistir, Pior
    Que eu ja vi meu lado bom na U.T.I,
    Meu anjo do perdão foi bom,
    Mais ta fraco,
    Culpa dos imundo, do espirito opaco,

    Eu queria ter, pra testa e vê,
    Um malote, com Gloria, Fama,
    Embrulhado em pacote,
    Se é isso que seis qué,
    Vem pega,

    Jogar num rio de merda e ver varios pula,
    Dinheiro é Foda,
    Na mão de favelado, é mó guela,
    Na crise, varios pedra 90, esfarela,

    Eu vou joga pra ganha,

    O meu money, vai e vem,
    Porém quem tem, tem,
    Não cresço o Zóio em niguem,
    O que tiver que ser,
    Será meu,
    Tá escrito nas estrela,
    vai reclama com Deus,

    Imagina nóis de Audi,
    Ou de Citroen,
    Indo aqui, indo ali,
    Só Pam,
    De vai e vem,
    No Capão, no Apura, vo cola,
    Na Pedreira do São Bento,
    Na Fundão, no pião,
    Sexta-Feira,

    De teto Solar,
    O luar representa,
    Ouvindo Cassiano, AH
    Os gambé não guenta,
    É mais se não dé,

    Nego,
    O que é que tem,
    O importante é nóis aqui,
    Junto ano que vem,
    E o caminho,
    Da felicidade ainda existi,
    É uma trilha estreita,
    É em meio a selva triste,

    Quanto se paga,
    Pra vê sua mãe agora,
    E nunca mais ve seu Pivete,
    Embora,
    Da a casa, da o carro,
    Uma Glok, e uma FAL,
    Sobe cego de joelho,
    Mil e cem degrau,

    Quente é Mil Grau,
    O que o guerreiro diz,
    O promotor é só um homem,
    Deus é o juiz,

    Enquanto Zé Povinho,
    Apedrejava a Cruz,
    Um canalha fardado,
    Cuspiu em Jesus,

    Hó…

    Aos 45 do segundo arrependido,
    Salvo e perdoado,
    É DIMAS o bandido,

    É loko o bagulho,
    Arrepia na hora,
    Ó

    DIMAS primeiro VIDA LOKA da historia,

    Eu digo,

    Gloria…Gloria…
    Sei que Deus ta aqui,

    E só quem é,
    Só quem é vai sentir,

    E meus guerreiro de fé,
    Quero ouvi….Quero ouvi…

    E meus guerreiro de fé,
    Quero ouvi….irmão…

    Programado pra morre nóis é,
    É certo…é certo…é crer no que der…

    Firmeza

    Não é questão de luxo,
    Não é questão de cor,
    É questão que fartura,
    Alega o sofredor,

    Não é questão de Presa,
    Nem cor,
    A idéia é essa,
    Miséria traz tristeza, e vice-versa,
    Inconcientemente,
    Vem na minha mente inteira,

    Uma loja de tênis,
    O olhar do parceiro,
    Feliz de poder comprar,
    O azul, o vermelho,
    O balcão, o espelho,
    O estoque, a modelo,

    Não importa,
    Dinheiro é puta,
    E abre as porta,
    Dos castelo de areia que quizer,

    Preto e dinheiro,
    São palavras rivais,
    É,
    Então mostra pra esses Cú,
    Como é que faz,

    O seu enterro foi dramatico,
    Como o blues antigo,
    Mais de estilo,
    Me perdoe de bandido,

    Tempo pá pensar,
    Qué para,
    Que se qué,
    Viver pouco como um Rei,
    Ou então muito, como um Zé,

    As vezes eu acho,
    Que todo preto como eu,
    Só qué um terreno no mato,
    Só seu,

    Sem luxo, descalço, nadar num riacho,
    Sem fome,
    Pegando as fruta no cacho,

    Ae truta, é o que eu acho,
    Quero tambem,
    Mas em São Paulo,
    Deus é uma nota de 100,
    VIDALOKA.

    PORQUE O GUERREIRO DE FÉ NUNCA GELA,
    NÃO AGRADA O INJUSTO, E NÃO AMARELA,
    O REI DOS REIS, FOI TRAIDO, E SANGRO NESSA TERRA,
    MAIS MORRE COMO UM HOMEM É O PREMIO DA GUERRA,
    MAIS Ó,
    CONFORME FOR, SE PRECISÁ, AFOGA NO PRÓPRIO SANGUE ASSIM SERÁ,
    NOSSO ESPÍRITO É IMORTAL, SANGUE DO MEU SANGUE,
    ENTRE O CORTE DA ESPADA E O PERFUME DA ROSA,
    SEM MENÇÃO HONROSA, SEM MASSAGEM.

    A VIDA É LOKA NEGO,
    E NELA EU TO DE PASSAGEM,

    A DIMAS O PRIMEIRO,
    SAÚDE GUERREIRO.

    DIMAS…DIMAS…DIMAS

    voces escolhem viver poco como um rtei oumuito com um zé!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  5. 5 afinsophia sexta-feira, 26 junho, 2009 às 2:58 am

    Aí, Gerson,
    na sua “vida loka” há a inconformação com armadilhas do sistema e a busca pela construção de outra existência, outra sociedade. E isso é o hip-hop, é Mano Brown, é a tentativa de agir para as construções democráticas reais, muito diferente da simulação dos engravatados da mídia sequelada e da classe política corrompida. Manda ver…


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s




USAR O CONTROLE REMOTO É UM ATO DEMOCRÁTICO!

EXPERIMENTE CONTRA A TV GLOBO! Você sabe que um canal de televisão não é uma empresa privada. É uma concessão pública concedida pelo governo federal com tempo determinado de uso. Como meio de comunicação, em uma democracia, tem como compromisso estimular a educação, as artes e o entretenimento como seu conteúdo. O que o torna socialmente um serviço público e eticamente uma disciplina cívica. Sendo assim, é um forte instrumento de realização continua da democracia. Mas nem todo canal de televisão tem esse sentido democrático da comunicação. A TV Globo (TVG), por exemplo. Ela, além de manter um monopólio midiático no Brasil, e abocanhar a maior fatia da publicidade oficial, conspira perigosamente contra a democracia, principalmente, tentando atingir maleficamente os governos populares. Notadamente em seu JN. Isso tudo, amparada por uma grade de programação que é um verdadeiro atentado as faculdades sensorial e cognitiva dos telespectadores. Para quem duvida, basta apenas observar a sua maldição dos três Fs dominical: Futebol, Faustão e Fantástico. Um escravagismo-televisivo- depressivo que só é tratado com o controle remoto transfigurador. Se você conhece essa proposição-comunicacional desdobre-a com outros. Porque mudanças só ocorrem como potência coletiva, como disse o filósofo Spinoza.

Acesse esquizofia.wordpress.com

esquizofia.wordpress.com

CAMPANHA AFINADA CONTRA O

VIRTUALIZAÇÕES DESEJANTES DA AFIN

Este é um espaço virtual (virtus=potência) criado pela Associação Filosofia Itinerante, que atua desde 2001 na cidade de Manaus-Am, e, a partir da Inteligência Coletiva das pessoas e dos dizeres de filósofos como Epicuro, Lucrécio, Spinoza, Marx, Nietzsche, Bergson, Félix Guattari, Gilles Deleuze, Clément Rosset, Michael Hardt, Antônio Negri..., agencia trabalhos filosóficos-políticos- estéticos na tentativa de uma construção prática de cidadania e da realização da potência ativa dos corpos no mundo. Agora, com este blog, lança uma alternativa de encontro para discussões sociais, éticas, educacionais e outros temas que dizem respeito à comunidade de Manaus e outros espaços por onde passa em movimento intensivo o cometa errante da AFIN.

"Um filósofo: é um homem que experimenta, vê, ouve, suspeita, espera e sonha constantemente coisas extraordinárias; que é atingido pelos próprios pensamentos como se eles viessem de fora, de cima e de baixo, como por uma espécie de acontecimentos e de faíscas de que só ele pode ser alvo; que é talvez, ele próprio, uma trovoada prenhe de relâmpagos novos; um homem fatal, em torno do qual sempre ribomba e rola e rebenta e se passam coisas inquietantes” (Friedrich Nietzsche).

Daí que um filósofo não é necessariamente alguém que cursou uma faculdade de filosofia. Pode até ser. Mas um filósofo é alguém que em seus percursos carrega devires alegres que aumentam a potência democrática de agir.

_________________________________

BLOG PÚBLICO

Propaganda Gratuita

Você que quer comprar entre outros produtos terçado, prego, enxada, faca, sandália, correia, pé de cabra ou bola de caititu vá na CASA UYRAPURU, onde os preços são um chuchu. Rua Barão de São Domingos, nº30, Centro, Tel 3658-6169

Pão Quente e Outras Guloseimas no caminho do Tancredo.
PANIFICADORA SERPAN (Rua José Romão, 139 - Tancredo Neves - Fone: 92-8159-5830)

Fique Frio! Sabor e Refrescância!
DEGUST GULA (Avenida Bispo Pedro Massa, Cidade Nova, núcleo 5, na Rua ao lado do DB CIdade Nova.Todos os dias).

O Almoço em Família.
BAR DA NAZA OU CASA DA VAL (Comendador Clementino, próximo à Japurá, de Segunda a Sábado).

Num Passo de Mágica: transforme seu sapato velho em um lindo sapato novo!
SAPATEIRO CÂNDIDO (Calçada da Comendador Clementino, próximo ao Grupo Escolar Ribeiro da Cunha).

A Confluência das Torcidas!
CHURRASQUINHO DO LUÍS TUCUNARÉ (Japurá, entre a Silva Ramos e a Comendador Clementino).

Só o Peixe Sabe se é Novo e do Rio que Saiu. Confira esta voz na...
BARRACA DO LEGUELÉ (na Feira móvel da Prefeitura)

Preocupado com o desempenho, a memória e a inteligência? Tu és? Toma o guaraná que não é lenda. O natural de Maués!
LIGA PRA MADALENA!!! (0 XX 92 3542-1482)

Decepcionado com seus desenganos? Ponha fé nos seus planos! Fale com:
PAI GEOVANO DE OXAGUIÃ (Rua Belforroxo, S/N - Jorge Teixeira IV) (3682-5727 / 9154-5877).

Quem tem fé naõ é um qualquer! Consultas::
PAI JOEL DE OGUM (9155-3632 ou paijoeldeogum@yahoo.com.br).

Belém tá no teu plano? Então liga pro Germano!
GERMANO MAGHELA - TAXISTA - ÁGUIA RADIOTAXI - (91-8151-1464 ou 0800 280 1999).

E você que gostaria de divulgar aqui seu evento, comércio, terreiro, time de futebol, procurar namorado(a), receita de comida, telefone de contato, animal encontrado, convites diversos, marocagens, contacte: afinsophiaitin@yahoo.com.br

Outras Comunalidades

   

Categorias

Arquivos

Blog Stats

  • 4.243.128 hits

Páginas

setembro 2007
D S T Q Q S S
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  

Arquivos


%d blogueiros gostam disto: