Arquivo para 22 de janeiro de 2008

SAÍDA DE OGAN NO NO ILÉ AŞÉ DO PAI GEOVAŅO DE AJAGÙNNỌN

O milho branco estava no meio do barracão e os alagbês soaram alegres os atabaques para receber mais um que estará ao lado deles para compor as músicas para os orixás nos próximos xirês. E foi nesse sentido que prosseguiu o ritual no ilé axé de Pai Geovano.

E chegou a hora de Pai Gilmar, Fômu de Iemanjá, tomar o adjá para que Oxaguiã trouxesse ao salão seu filho, o Ogan-Alagbê Jonas de Oxaguiã, para apresentá-lo ao público e deixar suas bênçãos aos presentes.

E logo Jonas passou ao toque dos atabaques, lugar ao qual de hoje em diante ele será visto nas festas vindouras, tocando com alegria para louvar todos os orixás.

Finalmente Oxaguiã distribuiu sua comida aos presentes, deixando para Jonas e todos as suas bênçãos de enaltecimento a essa religião de música, de rezas e de crença autêntica que é o Candomblé, que se enaltece cada vez mais a cada saída. Axé!

A CONSTITUIÇÃO DO SENADOR

A comemoração dos 20 anos da Constituição Brasileira permitiu expressões de várias opiniões, entre elas, no Amazonas, salta a do senador Jéferson Peres, que se dedicou a selecionar palavras: encontrou uma quantidade abusiva da palavra direito em detrimento da palavra dever. Para ele, resultado da última reforma constitucional saída do afã de liberdades democráticas oriundas do passado ditatorial. A preocupação do senador é que a Constituição deve apresentar mais deveres, pois com muito direito o cidadão brasileiro confunde suas obrigações com o Estado e a Sociedade. Adenso a sua retidão discursiva, o senador não percebe ser o processual constitutivo um movimento de potências emaranhando-se como modus de ser do homem de onde sai a sua Constituição Política/Jurídica. Não uma lei à priori à práxis do sujeito saída de um ato moral quase sempre oriunda dos desejos de uma classe dominante que a pretende imprimida como hábito e tradição de um povo, sem originalidade popular. É no movimento criador do sujeito como força de produção física (fundação) e intelectiva (superfície) que os signos lingüísticos direito e dever se mostram. Exteriorizam-se nas relações sociais e não, através de um enunciado moral de acordo com as interpretações jurídicas. Diretos e deveres saem das experiências/comunalidades dos homens que constituem o Direito Civil e o Bem Comum. Nenhum dos dois conceitos, como práxis/comunalidade, é menos ou mais que o outro. São apenas as faces da mesma Potência democrática. É anterior aos conceitos Direitos e Deveres saídos da Idéia hegeliana de Estado e do conceito de democracia representativa, que, em relação a democracia constitutiva, chegam tarde para o homem, já um atuante de seu modus de ser político singular e original: Ética. Por tal, preso no truque/moral lingüístico, o senador não percebe que direito e dever não são signos lingüísticos, mas práxis constitutivas. Ou como diriam os estóicos: não são lectons palavras sem suporte material/prático. Eco fonemático. Daí não serem simulacros de obrigações sociais, mas idéias e imagens sociais provenientes do essencial e o do intelectual do homem.

DAS MÍDIAS SEM RUÍDOS

Entre as várias características decadentes que fazem da mídia uma doença social, a mercadológica é a que se destaca com maior força. Esta carrega consigo a covardia do funcionário capacho que anula a sua existência no mundo para se tornar um servo das vontades do patrão. Daí ocorrer a contratação e demissão de articulistas, colunistas e profissionais dos meios de comunicação em geral, na maioria das vezes, segundo indicações de pessoas envolvidas com os mercados da publicidade, empresas transnacionais e partidos políticos (que nada tem de políticos enquanto polis e produção da alegria de uma vida sem privações física-biológicas, econômicas e afetivas), sempre presos aos seus próprios interesses barrigais. É desta situação de onde sai uma mídia que não corresponde ao seu trabalho comunitário na sociedade, como um serviço público. Ela não traz consigo a informação como uma atitude que modifique o estagnado estado de coisas concebido por uma política reduzida a funções estatais tecnoburocráticas comuns ao neoliberalismo. Disto uma lógica surge para a mídia (seja ela impressa, digital, radiofônica ou televisiva): o que é informado pela mídia internacional é assegurada pela mídia nacional e esta, por sua vez, pauta a mídia local. E a informação deve seguir a harmonia do neoliberalismo, pois quando há um ruído (aqui, diferente da teoria da informação clássica, o significado de ruído não é um distúrbio na informação que indica problemas na comunicação, mas como produção de linha de fuga que escapa à realidade constituída) na informação que desloca a percepção para outros entendimentos que não sejam os centralizados na lógica do capital, a informação é desconsiderada. Foi o que aconteceu com funcionários da doente mídia padronizada (nacional e local) quando não se esforçaram nem um pouco para compreender o caso em que Kaká é chamado a depor no processo do casal Hernandes da igreja Renascer em Cristo. Eles apenas se conservaram na lógica midiática: reproduziram as débeis informações da mídia internacional. Mas o que se torna motivo de medo e desespero desta mídia enferma é quando os ruídos das informações padronizadas começam a saltar evidenciando a harmonia estagnada da violência midiática. O que resta para os defensores da insuficiência epistemológica midiática é atacar aqueles que conseguiram ter a percepção distorcida pelos ruídos que saltam da informação padronizada. Aí eles se aborrecem, reclamam, e fazem todo tipo de infantilização, posto que não alcançam estes ruídos e se mantêm passionalmente presos à percepção que o mundo constituído os ofereceu e eles abraçaram com força.


USAR O CONTROLE REMOTO É UM ATO DEMOCRÁTICO!

EXPERIMENTE CONTRA A TV GLOBO! Você sabe que um canal de televisão não é uma empresa privada. É uma concessão pública concedida pelo governo federal com tempo determinado de uso. Como meio de comunicação, em uma democracia, tem como compromisso estimular a educação, as artes e o entretenimento como seu conteúdo. O que o torna socialmente um serviço público e eticamente uma disciplina cívica. Sendo assim, é um forte instrumento de realização continua da democracia. Mas nem todo canal de televisão tem esse sentido democrático da comunicação. A TV Globo (TVG), por exemplo. Ela, além de manter um monopólio midiático no Brasil, e abocanhar a maior fatia da publicidade oficial, conspira perigosamente contra a democracia, principalmente, tentando atingir maleficamente os governos populares. Notadamente em seu JN. Isso tudo, amparada por uma grade de programação que é um verdadeiro atentado as faculdades sensorial e cognitiva dos telespectadores. Para quem duvida, basta apenas observar a sua maldição dos três Fs dominical: Futebol, Faustão e Fantástico. Um escravagismo-televisivo- depressivo que só é tratado com o controle remoto transfigurador. Se você conhece essa proposição-comunicacional desdobre-a com outros. Porque mudanças só ocorrem como potência coletiva, como disse o filósofo Spinoza.

Acesse esquizofia.wordpress.com

esquizofia.wordpress.com

CAMPANHA AFINADA CONTRA O

VIRTUALIZAÇÕES DESEJANTES DA AFIN

Este é um espaço virtual (virtus=potência) criado pela Associação Filosofia Itinerante, que atua desde 2001 na cidade de Manaus-Am, e, a partir da Inteligência Coletiva das pessoas e dos dizeres de filósofos como Epicuro, Lucrécio, Spinoza, Marx, Nietzsche, Bergson, Félix Guattari, Gilles Deleuze, Clément Rosset, Michael Hardt, Antônio Negri..., agencia trabalhos filosóficos-políticos- estéticos na tentativa de uma construção prática de cidadania e da realização da potência ativa dos corpos no mundo. Agora, com este blog, lança uma alternativa de encontro para discussões sociais, éticas, educacionais e outros temas que dizem respeito à comunidade de Manaus e outros espaços por onde passa em movimento intensivo o cometa errante da AFIN.

"Um filósofo: é um homem que experimenta, vê, ouve, suspeita, espera e sonha constantemente coisas extraordinárias; que é atingido pelos próprios pensamentos como se eles viessem de fora, de cima e de baixo, como por uma espécie de acontecimentos e de faíscas de que só ele pode ser alvo; que é talvez, ele próprio, uma trovoada prenhe de relâmpagos novos; um homem fatal, em torno do qual sempre ribomba e rola e rebenta e se passam coisas inquietantes” (Friedrich Nietzsche).

Daí que um filósofo não é necessariamente alguém que cursou uma faculdade de filosofia. Pode até ser. Mas um filósofo é alguém que em seus percursos carrega devires alegres que aumentam a potência democrática de agir.

_________________________________

BLOG PÚBLICO

Propaganda Gratuita

Você que quer comprar entre outros produtos terçado, prego, enxada, faca, sandália, correia, pé de cabra ou bola de caititu vá na CASA UYRAPURU, onde os preços são um chuchu. Rua Barão de São Domingos, nº30, Centro, Tel 3658-6169

Pão Quente e Outras Guloseimas no caminho do Tancredo.
PANIFICADORA SERPAN (Rua José Romão, 139 - Tancredo Neves - Fone: 92-8159-5830)

Fique Frio! Sabor e Refrescância!
DEGUST GULA (Avenida Bispo Pedro Massa, Cidade Nova, núcleo 5, na Rua ao lado do DB CIdade Nova.Todos os dias).

O Almoço em Família.
BAR DA NAZA OU CASA DA VAL (Comendador Clementino, próximo à Japurá, de Segunda a Sábado).

Num Passo de Mágica: transforme seu sapato velho em um lindo sapato novo!
SAPATEIRO CÂNDIDO (Calçada da Comendador Clementino, próximo ao Grupo Escolar Ribeiro da Cunha).

A Confluência das Torcidas!
CHURRASQUINHO DO LUÍS TUCUNARÉ (Japurá, entre a Silva Ramos e a Comendador Clementino).

Só o Peixe Sabe se é Novo e do Rio que Saiu. Confira esta voz na...
BARRACA DO LEGUELÉ (na Feira móvel da Prefeitura)

Preocupado com o desempenho, a memória e a inteligência? Tu és? Toma o guaraná que não é lenda. O natural de Maués!
LIGA PRA MADALENA!!! (0 XX 92 3542-1482)

Decepcionado com seus desenganos? Ponha fé nos seus planos! Fale com:
PAI GEOVANO DE OXAGUIÃ (Rua Belforroxo, S/N - Jorge Teixeira IV) (3682-5727 / 9154-5877).

Quem tem fé naõ é um qualquer! Consultas::
PAI JOEL DE OGUM (9155-3632 ou paijoeldeogum@yahoo.com.br).

Belém tá no teu plano? Então liga pro Germano!
GERMANO MAGHELA - TAXISTA - ÁGUIA RADIOTAXI - (91-8151-1464 ou 0800 280 1999).

E você que gostaria de divulgar aqui seu evento, comércio, terreiro, time de futebol, procurar namorado(a), receita de comida, telefone de contato, animal encontrado, convites diversos, marocagens, contacte: afinsophiaitin@yahoo.com.br

Outras Comunalidades

   

Categorias

Arquivos

Blog Stats

  • 4.243.025 hits

Páginas

Arquivos