Arquivo para 28 de fevereiro de 2008

PLANO DE CURSO DE SOCIOLOGIA ATIVA – EDUCAÇÃO BÁSICA

Este Plano de Curso de Sociologia Ativa para Educação Básica carrega em seus Corpos-Socius (Companheiro de Sociedade) elementos/individuações possíveis de novas produções sociais capazes de escapar dos conceitos tradicionais da teoria sociológica de seu fundador, Auguste Comte (século XIX), para quem esta ciência social (Física Social), ainda presa nos enunciados da Filosofia da História, seu signo social epistemológico, trata das relações sociais, organização das sociedades, transformações, regras e leis que regem o complexo social. Além de fixar o conceito de indivíduo em um Estar Social. Evidenciando mais a enunciação do sujeito-passivo (rastros do evolucionismo darwiniano), e menos o sujeito-ativo, corpos-socius de produção da enunciação coletiva. Mais modelado pelo Espaço Estriado com seus territórios demarcados pelos planos de organização e desenvolvimento calcados na pontuação de suas leis, do que no Espaço Liso de onde emanam as individuações criadoras de novas formas de relações sociais capazes de tecer uma cartografia social de desejos necessários a construção  de uma sociedade/movente, ao contrário de uma sociedade cujas necessidades produzidas e estratificadas em uma ordem imobilizadora, mantém suas classes sociais em constante antagonismo. O círculo deletério a produtividade, a saúde e o amor dos homens e mulheres.

“Cada sociedade tem seu regime de verdade, sua ‘política geral’ de verdade; isto é, os tipos de discurso que ela acolhe e faz funcionar, como verdadeiros; os mecanismos e as instâncias que permitem distinguir os enunciados verdadeiros dos falsos, a maneira como se sanciona uns e outros; as técnicas e os procedimentos que são valorizados para a obtenção da verdade; o estatuto daqueles que têm o encargo de dizer o que funciona como verdadeiro”.

Foucault

 

I  – UNIDADE

CORPOS-SOCIUS — MÁQUINAS PONTUADORAS

 Movimentos maquínicos: bárbaros, hordas e bandos.

 Natureza, territórios, nomos e discursos.

 Relações de produção e enunciados-leis.

 Redes sociais e políticas.

 Máquina Imperial.

 Nobreza e enunciação teológica.

II  –  UNIDADE

CORPUS-SOCIUS — AGENCIAMENTOS CULTURAIS

 Fluxos corporais.

 Experiências, pensamento e conhecimento.

 Cultura: Cultura Primitiva, Alma e Mercadoria.

 Signos, língua, linguagem e fala.

 A família e suas enunciações.

 Fluxos plásticos, visuais-auditivos: dança, música, desenho,pintura.

 Fluxos gráficos.

 Fluxos religiosos.

III  –  UNIDADE

CORPOS-SOCIUS —   ESTADOS E REGIMES SOCIAIS

O Estado Egípcio e a aliança-social planetária.

 O Estado Teológico Hebraico.

O Estado Grego e a Democracia: Sociedade dos amigos.

 O Estado Romano e a Ordem Imperial.

IV  –  UNIDADE

CORPOS SOCIUS — DESTERRITORIALIZAÇÃO DA TERRA

A sociedade cristã-paulínea.

 A sociedade medieval: a terra é o centro do universo.

 Uma sociedade em transição ao outro mundo.

 Terra, nobre e vassalos teo-geo-irmanados.

V  –  UNIDADE

CORPUS-SOCIUS — RETERRITORIALIZAÇÃO DA TERRA

 Gallileu coloca a terra em seu lugar.

 Solidificação da sociedade capitalista.

 A emergência do espírito burguês.

 O romantismo social: “O homem nasce livre, mas em todo canto está acorrentado”.

 As ciências, as artes e as letras tidas clássicas.

 O capitalismo e suas sociedades religiosas.

 A potência social da multidão.

 A sociedade disciplinar e o assentamento social da multidão.

VI  –  UNIDADE

CORPOS-SOCIUS — SOCIEDADE TERRITORIALIZADA

 Estruturação da sociedade.

 As pontuações do liberalismo econômico.

 A democracia representativa.

 Segregações da sociedade industrial: Patrões e Operários.

 Estratificação social: Elite, Média, Pobre e Lupemproletariado.

 O valor, o lucro e a mais-valia.

 Capitalismo e marxismo.

 Aumento e diversidade demográfica.

 Instrumentos de análise social: sociologia, psicologia, psicanálise, antropologia.

As artes como novas formas de percepções sociais: o romance, a fotografia e o cinema.

 Transfigurações da sociedade: as guerras.

 O império fundamentalista e o império neoliberal: economia de mercado.

VII  –  UNIDADE

CORPOS-SOCIUS — ENUNCIAÇÕES BRASILEIRAS

 A subjetividade primeira: povos das florestas.

 A subjetividade européia sobrecodificadora: interdição lingüística, índio.

 A construção de uma sociedade escravocrata.

 A sociedade colonial.

 Movimentos sociais étnicos.

 Sociedade brasileira moderna.

 As alternações políticas: breves democracias, e longas ditaduras.

 A sociedade brasileira contemporânea.

 O governo Lula.

 Mudanças de status do povo brasileiro.

 A sociedade de consumo.

 As enunciações afro-brasileiras: quilombolas, capoeira, candomblé, macumba, etc.

 Enunciações artísticas: teatro, cinema, dança, samba, bumba-meu-boi, hip-hop, etc.

_______________________________________

BIBLIOGRAFIA BREVE

O Anti-Édipo – Gilles Deleuze e Félix Guattari.

Mil Platôs Volume V -___________________

Micropolítica – Cartografias do Desejo – Félix Guattari e Suely Rolnik.

Microfísica do Poder – Michel Foucault.

Vigiar e Punir -____________________

A Ordem do Discurso-______________

Em Defesa da Sociedade-____________

Arqueologia do Saber-______________

Ensaios de Sociologia- Marcel Mauss.

Manual de Etnografia -____________

A Sagrada Família ou Crítica da Crítica Crítica –   Kar Marx.

Contribuição à Crítica da Economia Política – ___________

A Ideologia Alemã -________________________________

O Manifesto do Partido Comunista – Marx e Engels.

A Origem da Família, da Sociedade Privada e do Estado- Friedrich Engels.

O Contrato Social – Rousseau.

O Príncipe – Maquiavel.

Leviatã –  Hobbes.

A Crise da Social-Democracia – Rosa Luxemburg.

As Regras do Método Sociológico – Émile Durkheim.

O Suicídio – _________________________________

Escritos Políticos Volume II – Antonio Gramsci.

Caráter e Estrutura Social – Hans Gerth Wright Mills.

O Destino das Elites – Suzzane Keller.

Razões Práticas – A Teoria da Ação – Pierre Bourdieu.

Comunidade da Diferença – Miroslav Milovic.

Uma Teoria Científica da Cultura –  Bronislaw Malinowski.

Os Nuer – E. E. Evans-Pritchard.

O Pensamento Selvagem – C. Lévi-Strauss.

Tristes Trópicos _ ____________________

O Rumor da Língua – Roland Barthes.

Linguagem e Conhecimento – Adam Schaff.

Tudo Que é Sólido Desmancha no Ar – A Aventura da Modernidade- Marshall Berman.

O Povo Brasileiro – Darcy Ribeiro.

A “Teoria do Autoritarismo” – Florestan Fernandes.

A Condição de Sociólogo – ____________________

Circuito Fechado –   _________________________

Escravidão e Racismo – Octavio Ianni.

Signagem da Televisão – Décio Pignatari.

DAS TENTATIVAS COLOMBIANAS

Desde que Manuel Marulanda e um pequeno grupo de homens e mulheres se embrenharam nas selvas colombianas há mais de 40 anos, fugindo ao extermínio que a brutal ditadura militar impôs à Colômbia em todos os aspectos, que o acontecimento FARC ou Ejército del Pueblo tenta uma possibilidade de diálogo para uma democratização do país. Com a libertação dos quatro ex-congressistas Gloria Polanco de Lozada, Orlando Beltrán Cuéllar, Luis Eladio Pérez e Jorge Eduardo Gechen Turbay ontem, 27 de fevereiro, as FARC seguem nessa linha democrática.

Um encontro se deu com a entrada da potência socialista/democrática Hugo Chávez, o qual vem tentando, oficialmente desde 20 de agosto do ano passado, compor para fazer fissuras nos blocos constituídos que perduram no governo da Colômbia. Com a impossibilidade de qualquer proximidade com esse governo, Chávez segue conspirando com Marulanda, que mais uma vez liberta reféns em reconhecimento a “la sincera preocupación por la paz de Colombia del Presidente Hugo Chávez y de la senadora Piedad Córdoba”.

Enquanto isso, por parte dos grupos que comandam o esvaziado Estado colombiano — grupos militares e paramilitares de extermínio, a intervencionice americana, multinacionais, etc —, desde Andrés Pastrana (1998-2002), e continuando com Uribe, o presidente laranja, vai prosseguindo, como perceberam Oliver Stone e a ex-refém Consuelo González, no empenho de emperrar qualquer avanço no sentido de uma possibilidade dialógica. Prova disso é o tom imperativo que Uribe teve diante da proposta das FARC de desmilitarização de dois municípios para um início de tentativa de conversa com governo colombiano.

Em todos os jornais da destra mídia seqüelada, a notícia que repercutiu foi o precário estado de saúde de Ingrid Betancourt. Com certeza, às FARC e a Chávez sua saúde interessa, sua liberdade interessa, assim como a saúde e liberdade democrática de toda a população colombiana. A Uribe, ou às vozes que o comandam, é que nada disso interessa. Só a manutenção do terror e da tirania o interessam. Por isso, Marulanda sorri e acena, e as FARC seguem…

DUAS NOTAS SEM VERBA E SEM BOLSA

Notas Musicais

PRIMEIRA NOTA – MI: Os técnicos na assistência social (assistentes sociais e psicólogos) contratados pela Prefeitura Municipal de Manaus em regime de prestação de serviço para atuar no Sistema Único de Assistência Social (SUAS) estão sem receber o salário desde o início do ano. A alegação da Prefeitura para tal descaso é que ainda não recebeu a verba do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS). Se o Ministério realmente não repassou a verba para a prefeitura isso demonstra a falta de organização na administração de um prefeito economista. Se o Ministério já repassou a verba, o que a Prefeitura está esperando para pagar os funcionários? O que se sabe é que o salário dos técnicos contratados não é composto apenas da verba do ministério, mas também de uma contrapartida da prefeitura.

SEGUNDA NOTA – SOL: Enquanto divulga as diversas parcerias que está firmando para fortalecimento de sua atuação, a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Amazonas – FAPEAM (menina dos olhos do governador Eduardo “Guerreiro de Sempre” Braga), também apresenta falhas no pagamento dos bolsistas, que ainda não receberam o pagamento referente ao mês de janeiro. “Devido a problemas de ordem operacional que fogem à vontade dos gestores desta entidade”, segundo seu site, o pagamento ainda não foi efetuado. O que demonstra a falha na gestão administrativa e em não divulgar e esclarecer aos bolsistas o real motivo por esta falta.

*……….::::: CHAGÃO:::::……….*

Quien quiera entender como funciona el mundo
deberá entender el fútbol”.
Roberto Perfumo (ex-jogador argentino).

Θ NACIONAL VIRA NOVELA DA GLOBOTÁRIA? O Nacional do Amazonas, conhecido com o Leão da Vila Municipal, um dos clubes amazonenses com um mínimo de expressão nacional (sem trocadilho), convocou o escritor global, ex-presidente da FUNARTE no governo FHC, xenófobo e equivocado Márcio Souza para escrever a História do Clube. Garantia de que o time da Vila estará na próxima minissérie global? Se se confirmar a escrita de Souza, sempre anódina e povoada pelo efemerismo, evidente que será estrela na telinha global. E aí pouco importa que Souza, além de jamais ter sido sequer roupeiro, não carregue os elementos lúdicos e os fluxos existenciais necessários a uma confluência textual que carregue os incorporais do futebol como potência criadora do ser humano. Não pode escrever sobre futebol porque não o tem como experiência localizada no mundo – como o tem, por exemplo, Eduardo Galeano, que nunca jogou efetivamente, mas é craque nos devires-bola, devir-corpo-balanço, devir-chagão – mas como conceito abstrato fora da sua corporeidade e mundaneidade. Mas até aí, perguntaria um leitor intempestivo e torcedor crítico do Naça-Ça!, o que também tem a ver com futebol o eterno presidente do clube, Maneca? Estão entre iguais!

Θ SÉRGIO GUEDES, LINHA INTENSIVA ALVI-NEGRA. Lucidez e inteligência estão para o futebol como a água para o deserto: cada vez mais raros. O técnico do time da Ponte Preta de Campinas, que disputa os primeiros lugares do campeonato paulista, surpreendeu a IEER, ao montar um time competitivo que não é “só arranque”, como apregoa a imprensa da capital paulista, e também ao se revelar uma pessoa inteligente, bem articulada e livre da redução epistemológica que atinge à 99% dos jornalistas tupiniquins. Questionado sobre se o time irá diminuir o ritmo e cair na tabela com os jogos fora, Sérgio foi claro: o jornalismo não sabe sequer ler. Como em qualquer outro certame, os jogos são metade fora, metade em casa, portanto não haveria este risco. Lembrou ainda que os times pequenos não estão no campeonato para “servir” os grandes, e que essa estória de jornalista perguntar se fulano ou cicrano quer jogar em clube tal ou qual – que também acontece na Europa – é um desrespeito ao clube. Sergio não tem os cacoetes de linguagem típicos de técnicos, jogadores e jornalistas. Expressa claramente sua opinião. Portanto, dificilmente – a não ser que mude – você, torcedor de Palmeiras, São Paulo, Corinthians, Santos, Flamengo, Fluminense, Vasco e iguais, verá Sérgio como técnico do clube com o mesmo sucesso da Macaca campineira. É mais fácil ele ir para o Guarani.

Θ ‘CHAGÃO’ PERGUNTA: Respostas do anterior: em 11 de maio de 1978, no Campeonato Brasileiro, jogando no estádio Mário Filho (Maracanã), o Tricolor de Aço alcançou uma heróica vitória sobre o Fluminense (RJ) por 2×1, com gols de Raulino e Cabral. Agora, o ‘Chagão!’ pergunta: Qual ou quais os times que mais venceram a Copa do Brasil?

Θ COPA DO BRASIL. Mais jogos de ida pela primeira fase da copa. Estréia para alguns clubes, como o Atlético Mineiro, que foi a Palmas enfrentar o time local. O Palmeiras também iniciou sua luta pelo título, enfrentando o CENE, do Mato Grosso do Sul. Alguns times jogaram a partida de volta, como o Fast Clube, que encarou o Santa Cruz no Recife, após a histórica vitória por 3 a 1 no vivaldão, perdeu mas se classificou, e agora enfrenta o Goiás. E o Nacional, que estreou com uma vitória fora de casa contra o Guará/DF, já classificando-se. Joga agora contra o Atlético Mineiro. Noite de gala para o futebol manoniquim! Resultados:

Jogos de Ida (27/02)

América/SE 0 – 0 Fortaleza/CE

Cacerense/MT 1 – 4 Goiás/GO

Rio Branco/AC 1 – 3 Botafogo/RJ

Jaguaré/ES 3 – 2 River/PI

Palmas/TO 0 – 7 Atlético/MG

Guará/DF 1 – 3 Nacional/AM

Coruripe/AL 4 – 1 Juventus/SP

CENE/MS 0 – 2 Palmeiras/SP

Central/PE 0 – 0 Remo/PA

Imperatriz/MA 2 – 2 Sport/PE

ULBRA/RS 1 – 1 Brasiliense/DF

Nacional/PB 0 – 4 Internacional/RS

Democrata/MG 3 – 2 Bragantino/SP

Icasa/CE 3 – 2 Bahia/BA

Corinthians/AL 1 – 1 Atlético/PR

Madureira/RJ 1 – 1 ABC/RN

Jogos de Volta (27/02)

Santa Cruz/PE 1 – 0 Fast Clube/AM

Grêmio/RS 6 – 0 Jaciara/MT

Atlético/GO 3 – 2 Itaiatuba/MG

Coritiba/PR 6 – 0 Tuna Luso/PA

Portuguesa/SP 3 – 1 ULBRA Ji-Paraná/RO

Paraná/PR 4 – 0 Trem/AP

Vasco/RJ 3 – 2 Itabaiana/SE

Paranavaí/PR 3 – 3 Águia Negra/MS

Juventude/RS (5)0 – 0(4) Linhares/ES

Θ LIBERTADORES DA AMÉRICA. Venezuelanos do Caracas FC surpreendem e lideram o grupo 1 com 100% de aproveitamento em dois jogos. O esperadíssimo Estudiantes e Lanús decepcionou. River Plate tira o dedo contra o América mexicano. Flamengo dorme líder do seu grupo. São Paulo empata na Colômbia. Resultados:

Grupo 1

12/02 – Caracas (VEN) 2 – 0 San Lorenzo (ARG)

13/02 – Cruzeiro (BRA) 3 – 0 Real Potosí (BOL)

21/02 – San Lorenzo 0 – 0 Cruzeiro

26/02 – Caracas 2 – 1 Real Potosí

04/03 – Cruzeiro – Caracas

11/03 – Real Potosí – San Lorenzo

18/03 – Caracas – Cruzeiro

25/03 – San Lorenzo – Real Potosí

01/04 – Real Potosí – Caracas

03/04 – Cruzeiro – San Lorenzo

17/04 – Real Potosí – Cruzeiro

17/04 – San Lorenzo – Caracas

Grupo 2

12/02 – Dep. Cuenca (EQU) 1 – 0 Estudiantes (ARG)

14/02 – Lanús (ARG) 3 – 1 Danubio (URU)

21/02 – Dep. Cuenca 0 – 0 Danubio

26/02 – Estudiantes 0 – 0 Lanús

05/03 – Danubio – Estudiantes

13/03 – Lanús – Dep. Cuenca

18/03 – Estudiantes – Danubio

20/03 – Dep. Cuenca – Lanús

27/03 – Danubio – Dep. Cuenca

02/04 – Lanús – Estudiantes

15/04 – Danubio – Lanús

15/04 – Estudiantes – Dep. Cuenca

Grupo 3

20/02 – Unión Maracaibo (VEN) 1 – 0 Boca Jrs (ARG)

21/02 – Atlas (MEX) 3 – 0 Colo Colo (CHI)

28/02 – Unión Maracaibo 1 – 3 Colo Colo

06/03 – Boca Jrs – Atlas

12/03 – Atlas – Unión Maracaibo

20/03 – Colo Colo – Boca Jrs

26/03 – Unión Maracaibo – Atlas

27/03 – Boca Jrs – Colo Colo

09/04 – Atlas – Boca Jrs

10/04 – Colo Colo – Unión Maracaibo

22/04 – Colo Colo – Atlas

22/04 – Boca Jrs – Unión Maracaibo

Grupo 4

13/02 – Cienciano (PER) 2 – 0 Nacional (URU)

13/02 – Cel. Bolognesi (PER) 0 – 0 Flamengo (BRA)

19/02 – Cel. Bolognesi 0 – 1 Nacional

27/02 – Flamengo 2 – 1 Cienciano

05/03 – Nacional – Flamengo

11/03 – Cienciano – Bolognesi

19/03 – Flamengo – Nacional

25/03 – Cel. Bolognesi – Cienciano

03/04 – Nacional – Cel. Bolognesi

09/04 – Cienciano – Flamengo

23/04 – Flamengo – Cel. Bolognesi

23/04 – Nacional – Cienciano

Grupo 5

13/02 – Universidad San Martín (PER) 2 – 0 River Plate (ARG)

21/02 – América (MEX) 2 – 1 Universidad Católica (CHI)

26/02 – U. San Martín 0 – 1 U. Católica

27/02 – River Plate 2 – 1 América

12/03 – U. Católica – River Plate

13/03 – América – U. San Martín

26/03 – River Plate – U. Católica

26/03 – U. San Martín – América

01/04 – U. Católica – U. San Martín

02/04 – América – River Plate

16/04 – U. Católica – América

16/04 – River Plate – U. San Martín

Grupo 6

14/02 – Cúcuta Deportivo (COL) 0 – 0 Santos (BRA)

19/02 – Chivas Guadalajara (MEX) 2 – 0 San José (BOL)

28/02 – Cúcuta 0 – 0 San José

04/03 – Santos – Chivas

11/03 – Chivas – Cúcuta

19/03 – San José – Santos

27/03 – Cúcuta – Chivas

01/04 – Santos – San José

08/04 – San José – Cúcuta

09/04 – Chivas – Santos

16/04 – San José – Chivas

16/04 – Santos – Cúcuta

Grupo 7

19/02 – Audax Italiano (CHI) 1 – 2 Sportivo Luqueño (PAR)

27/02 – Nacional Medellín (COL) 1 – 1 São Paulo (BRA)

05/03 – São Paulo – Audax Italiano

06/03 – Nacional Medellín – Sportivo Luqueño

18/03 – Audax Italiano – Nacional Medellín

20/03 – Sportivo Luqueño – São Paulo

02/04 – São Paulo – Sportivo Luqueño

03/04 – Nacional Medellín – Audax Italiano

10/04 – Audax Italiano – São Paulo

10/04 – Sportivo Luqueño – Nacional Medellín

23/04 – Sportivo Luqueño – Audax Italiano

23/04 – São Paulo – Nacional Medellín

Grupo 8

20/02 – Arsenal (ARG) 1 – 0 Libertad (PAR)

20/02 – LDU Quito (EQU) 0 – 0 Fluminense (BRA)

05/03 – Fluminense – Arsenal

06/03 – LDU Quito – Libertad

12/03 – Arsenal – LDU Quito

19/03 – Libertad – Fluminense

25/03 – LDU Quito – Arsenal

02/04 – Fluminense – Libertad

08/04 – Arsenal – Fluminense

08/04 – Libertad – LDU Quito

17/04 – Libertad – Arsenal

17/04 – Fluminense – LDU Quito


USAR O CONTROLE REMOTO É UM ATO DEMOCRÁTICO!

EXPERIMENTE CONTRA A TV GLOBO! Você sabe que um canal de televisão não é uma empresa privada. É uma concessão pública concedida pelo governo federal com tempo determinado de uso. Como meio de comunicação, em uma democracia, tem como compromisso estimular a educação, as artes e o entretenimento como seu conteúdo. O que o torna socialmente um serviço público e eticamente uma disciplina cívica. Sendo assim, é um forte instrumento de realização continua da democracia. Mas nem todo canal de televisão tem esse sentido democrático da comunicação. A TV Globo (TVG), por exemplo. Ela, além de manter um monopólio midiático no Brasil, e abocanhar a maior fatia da publicidade oficial, conspira perigosamente contra a democracia, principalmente, tentando atingir maleficamente os governos populares. Notadamente em seu JN. Isso tudo, amparada por uma grade de programação que é um verdadeiro atentado as faculdades sensorial e cognitiva dos telespectadores. Para quem duvida, basta apenas observar a sua maldição dos três Fs dominical: Futebol, Faustão e Fantástico. Um escravagismo-televisivo- depressivo que só é tratado com o controle remoto transfigurador. Se você conhece essa proposição-comunicacional desdobre-a com outros. Porque mudanças só ocorrem como potência coletiva, como disse o filósofo Spinoza.

Acesse esquizofia.wordpress.com

esquizofia.wordpress.com

CAMPANHA AFINADA CONTRA O

VIRTUALIZAÇÕES DESEJANTES DA AFIN

Este é um espaço virtual (virtus=potência) criado pela Associação Filosofia Itinerante, que atua desde 2001 na cidade de Manaus-Am, e, a partir da Inteligência Coletiva das pessoas e dos dizeres de filósofos como Epicuro, Lucrécio, Spinoza, Marx, Nietzsche, Bergson, Félix Guattari, Gilles Deleuze, Clément Rosset, Michael Hardt, Antônio Negri..., agencia trabalhos filosóficos-políticos- estéticos na tentativa de uma construção prática de cidadania e da realização da potência ativa dos corpos no mundo. Agora, com este blog, lança uma alternativa de encontro para discussões sociais, éticas, educacionais e outros temas que dizem respeito à comunidade de Manaus e outros espaços por onde passa em movimento intensivo o cometa errante da AFIN.

"Um filósofo: é um homem que experimenta, vê, ouve, suspeita, espera e sonha constantemente coisas extraordinárias; que é atingido pelos próprios pensamentos como se eles viessem de fora, de cima e de baixo, como por uma espécie de acontecimentos e de faíscas de que só ele pode ser alvo; que é talvez, ele próprio, uma trovoada prenhe de relâmpagos novos; um homem fatal, em torno do qual sempre ribomba e rola e rebenta e se passam coisas inquietantes” (Friedrich Nietzsche).

Daí que um filósofo não é necessariamente alguém que cursou uma faculdade de filosofia. Pode até ser. Mas um filósofo é alguém que em seus percursos carrega devires alegres que aumentam a potência democrática de agir.

_________________________________

BLOG PÚBLICO

Propaganda Gratuita

Você que quer comprar entre outros produtos terçado, prego, enxada, faca, sandália, correia, pé de cabra ou bola de caititu vá na CASA UYRAPURU, onde os preços são um chuchu. Rua Barão de São Domingos, nº30, Centro, Tel 3658-6169

Pão Quente e Outras Guloseimas no caminho do Tancredo.
PANIFICADORA SERPAN (Rua José Romão, 139 - Tancredo Neves - Fone: 92-8159-5830)

Fique Frio! Sabor e Refrescância!
DEGUST GULA (Avenida Bispo Pedro Massa, Cidade Nova, núcleo 5, na Rua ao lado do DB CIdade Nova.Todos os dias).

O Almoço em Família.
BAR DA NAZA OU CASA DA VAL (Comendador Clementino, próximo à Japurá, de Segunda a Sábado).

Num Passo de Mágica: transforme seu sapato velho em um lindo sapato novo!
SAPATEIRO CÂNDIDO (Calçada da Comendador Clementino, próximo ao Grupo Escolar Ribeiro da Cunha).

A Confluência das Torcidas!
CHURRASQUINHO DO LUÍS TUCUNARÉ (Japurá, entre a Silva Ramos e a Comendador Clementino).

Só o Peixe Sabe se é Novo e do Rio que Saiu. Confira esta voz na...
BARRACA DO LEGUELÉ (na Feira móvel da Prefeitura)

Preocupado com o desempenho, a memória e a inteligência? Tu és? Toma o guaraná que não é lenda. O natural de Maués!
LIGA PRA MADALENA!!! (0 XX 92 3542-1482)

Decepcionado com seus desenganos? Ponha fé nos seus planos! Fale com:
PAI GEOVANO DE OXAGUIÃ (Rua Belforroxo, S/N - Jorge Teixeira IV) (3682-5727 / 9154-5877).

Quem tem fé naõ é um qualquer! Consultas::
PAI JOEL DE OGUM (9155-3632 ou paijoeldeogum@yahoo.com.br).

Belém tá no teu plano? Então liga pro Germano!
GERMANO MAGHELA - TAXISTA - ÁGUIA RADIOTAXI - (91-8151-1464 ou 0800 280 1999).

E você que gostaria de divulgar aqui seu evento, comércio, terreiro, time de futebol, procurar namorado(a), receita de comida, telefone de contato, animal encontrado, convites diversos, marocagens, contacte: afinsophiaitin@yahoo.com.br

Outras Comunalidades

   

Categorias

Arquivos

Blog Stats

  • 4.244.770 hits

Páginas

fevereiro 2008
D S T Q Q S S
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
242526272829  

Arquivos