Arquivo para 5 de março de 2008

OS ESTADISTAS FERNANDO HENRIQUE E ARTHUR

No pensamento político de Sócrates/Platão, encontram-se dois fundamentos essenciais ao conceito de estado. 1- A homologia: a identidade do discurso. 2– A homonóia: identidade do pensamento. Ambos resultantes da Aidós, respeito da opinião publica; e da Díké, norma pública de conduta (justiça social). Nada mais do que a prática social. O que engrandece o estado. A virtude por excelência como obra da temperança (Sophrosyne) aliada a coragem (Andréia). Eis a democracia como sociedade de todos. Onde, embora, o discurso e o pensamento sejam plurais, constituíssem em práxis social dirigida ao mesmo objetivo: o Bem Comum. Um modelo de inteligibilidade social compreendido nas partes social e individual. Não há dúvida que historicamente as democracias são organizações (táxis) políticas resultantes das experiências singulares de cada povo, principalmente do que lhe é próprio, mas também, não há dúvida, que a idéia grega como relação de produção política de todos, permanece implicada em todas democracias como o invariante social. A subjetividade social capaz de implicar todos, principalmente, no caso da modernidade, a democracia representativa. Idéia obrigada a todos que representam um cargo legislativo e executivo.

A DOXA DE FERNANDO E ARTHUR

Entretanto, não é o que acontece com a auto-alcunhada oposição. Acometida pela patológica síndrome da pseudologia: o falso discurso. Síndrome manifestada todo dia nos quadrantes múltiplos da democracia brasileira. E para não fugir da comoção, ela dissemina agora o seu cacólogo nas nuances da violência geo-jurídica promovida pelo governo Uribe, presidente (sob suspeição eleitoral) da Colômbia (nada a ver com o povo colombiano) contra o Estado do Equador (que tem a ver com o povo equatoriano). Não podendo se furtar ao ato disseminador, o iludido (quer acreditar que alguém acredita que fala) Fernando Henrique, ao ser indagado sobre a decisão do presidente da Venezuela, Hugo Chávez deslocar tropas militares para a fronteira com a Colômbia, respondeu ser uma coisa muito audaciosa, que não era preciso. Opinião do estadista contrária às opiniões dos democratas do planeta, mas homo a de seu amigo tirano Bush. E para não deixar nenhuma dúvida sobre sua submissão estadista a Bush, ao ser indagado se havia algum perigo no conflito entre os dois países, não pestanejou e mandou seu conhecimento diplomático-belicista, afirmando ser a América do Sul da paz, e que em um conflito como este os Estados Unidos podem até intervir na América do Sul. Este, o ex-presidente do Brasil. Este, o que ainda fabula voltar à presidência. Este que, como um menininho medroso diante de um fato que não sabe resolver, evoca a figura do ‘pai primordial’. Da parte representativa da direita escandalizante, a que se nutre de intrigas simbiotizada com a mídia seqüelada, mostrou-se o Bem Mandado Arthur ‘3%’ Neto. Como não podia deixar vazio o palco para seu strip-tease parlamentar cotidiano, aproveitou as purpurinas velhacas e acusou o governo Lula de vender armas à Venezuela, afirmando também, com seu molejo caricato, seu fascínio, como seu mestre, por Bush. Acusação logo rebatida pelo ministro Nelson Jobim. Talvez o ‘3%’, tenha visto no impasse internacional, um colorido imperdível para exercitar sua verve de diplomata, que é como se toma: diplomata de carreira. Bem, lá nos Estados Unidos, o governo Bush também tem diplomata de carreira. Agora, resta ao senhor Bem Mandado, convocar uma reunião com o aguado Agripino Maia, e sair na busca de assinaturas para criar a CPI da venda de armas. A indústria bélica comandada por Bush agradece, pois é para isso que servem estes estadistas: a propaganda do fim da democracia. Os autos excluídos no Brasil da homologia e homonóia. Os sem democracia.

O MEDIUM TELEVISIVO E A OPINIÃO PÚBLICA

O NÍTIDO PRECONCEITO DA MÍDIA

Em um blog do jornalão Estadão de ontem, houve reforço para a homofobia e o preconceito na mídia televisiva. Em resposta a um e-meio que criticava uma cena de beijo entre dois atores e condenava o apoio do blog a cenas homossexuais na tevê, houve os seguintes esclarecimentos:

Elogiei a performance de Guilherme Weber [um dos dois atores] que está fantástico nesse papel e não a decisão da autora de mostrar um beijo entre dois homens”.

Antes deste judicativo esclarecimento, ainda houve um: “Tenho diversos amigos gays e sei o quanto sofrem por serem discriminados”.

No primeiro esclarecimento fica claro a despreocupação de uma análise política/social sobre a forma que a tevê usa o acontecimento gay em sua programação. Daí não ocorrer a percepção da relação existente entre homofobia, tevê e mercado.

Na segunda, justificando um não preconceito e uma solidariedade aos gays e aos seus sofrimentos por causa dos preconceitos, faz saltar a sabedoria popular que diz que quem muito justifica acaba se entregando.

Quanto ao conteúdo do e-meio, não se percebeu que tal conteúdo foi desencadeado como reprodução da programação da própria mídia que é criticada.

O início do texto no blog diz: “A temática gay voltou a agitar a TV”.

Não voltou, porque nunca existiu, e a volta é uma ilusão do tempo cronológico que ajusta as convenções. E tão pouco agitou a “TV”. Se na tevê não há movimento fora da realidade constituída pela lógica do mercado; logo, pelo grande capital. Não há agitação, pois não há deslocamento, desvio, fuga do já constituído.

E como poderia haver agito gay se a mídia, por mais que se esforce (equivocadamente), não consegue se aproximar do Mundo Gay. Não tem a alegria, a leveza, beleza e objetividade necessária para esse corte na superfície terrena.

E sobre o beijo: o que há de gay nisso? A boca tem sexo?

Nisto observamos que a mídia confirma sua insuficiência cognitiva, posto que esclarece seu preconceito, e o torna nítido, no momento em que tenta demonstrar que não é preconceituosa. Senão, o que são seus programas de humor decadentes homofóbicos? Os beijos nus apelativos para ganhar audiência, colocados como “beijos homossexuais”?

TV GLOBO É CONDENADA

A mídia é ávida por fazer justiça. E os telejornais tomam esta empreitada como o seu principal objetivo na sociedade. Mas como não percebem a justiça como a despersonalização dos interesses privados para que se abra um espaço público onde as opiniões possam movimentar os diversos modos de existência, acredita fazer justiça quando exige e/ou constrói culpados, manipula informações, espalha testemunhos, sejam eles certos ou duvidosos, insere palavras acusatórias em seus enunciados, faz ligações entre enunciados de violência e aqueles que quer atingir, se acredita a dona da verdade e fabrica-a. Daí que os telejornais, e em especial o Jornal Nacional, não chegarem nem próximo ao conceito de justiça do Estado de Direito que diz que algo é justo quando está atrelado à lei. Em um Estado de Direito, o que a lei prescreve é o que determina se algo é justo ou não. E quando se trata de informações que estão ligadas à formação da opinião pública, a justiça deve ter no mínimo a imparcialidade da notícia. Veja o que ocorreu com a TV Globo por causa da prática do Jornal Nacional de quanto mais comunicar menos informar; logo, mais desinformar. Texto de Venício A. de Lima no Blog do Nassif.

Esta coluna acredita na possibilidade da expansão da consciência pelas experiências autênticas que fazem soltar novas percepções, a criação de novos olhares sobre o mundo. Na alegria-estética de perceber o medium televisivo como uma violência à inteligência coletiva, contamos com a sua contribuição.

 


USAR O CONTROLE REMOTO É UM ATO DEMOCRÁTICO!

EXPERIMENTE CONTRA A TV GLOBO! Você sabe que um canal de televisão não é uma empresa privada. É uma concessão pública concedida pelo governo federal com tempo determinado de uso. Como meio de comunicação, em uma democracia, tem como compromisso estimular a educação, as artes e o entretenimento como seu conteúdo. O que o torna socialmente um serviço público e eticamente uma disciplina cívica. Sendo assim, é um forte instrumento de realização continua da democracia. Mas nem todo canal de televisão tem esse sentido democrático da comunicação. A TV Globo (TVG), por exemplo. Ela, além de manter um monopólio midiático no Brasil, e abocanhar a maior fatia da publicidade oficial, conspira perigosamente contra a democracia, principalmente, tentando atingir maleficamente os governos populares. Notadamente em seu JN. Isso tudo, amparada por uma grade de programação que é um verdadeiro atentado as faculdades sensorial e cognitiva dos telespectadores. Para quem duvida, basta apenas observar a sua maldição dos três Fs dominical: Futebol, Faustão e Fantástico. Um escravagismo-televisivo- depressivo que só é tratado com o controle remoto transfigurador. Se você conhece essa proposição-comunicacional desdobre-a com outros. Porque mudanças só ocorrem como potência coletiva, como disse o filósofo Spinoza.

Acesse esquizofia.wordpress.com

esquizofia.wordpress.com

CAMPANHA AFINADA CONTRA O

VIRTUALIZAÇÕES DESEJANTES DA AFIN

Este é um espaço virtual (virtus=potência) criado pela Associação Filosofia Itinerante, que atua desde 2001 na cidade de Manaus-Am, e, a partir da Inteligência Coletiva das pessoas e dos dizeres de filósofos como Epicuro, Lucrécio, Spinoza, Marx, Nietzsche, Bergson, Félix Guattari, Gilles Deleuze, Clément Rosset, Michael Hardt, Antônio Negri..., agencia trabalhos filosóficos-políticos- estéticos na tentativa de uma construção prática de cidadania e da realização da potência ativa dos corpos no mundo. Agora, com este blog, lança uma alternativa de encontro para discussões sociais, éticas, educacionais e outros temas que dizem respeito à comunidade de Manaus e outros espaços por onde passa em movimento intensivo o cometa errante da AFIN.

"Um filósofo: é um homem que experimenta, vê, ouve, suspeita, espera e sonha constantemente coisas extraordinárias; que é atingido pelos próprios pensamentos como se eles viessem de fora, de cima e de baixo, como por uma espécie de acontecimentos e de faíscas de que só ele pode ser alvo; que é talvez, ele próprio, uma trovoada prenhe de relâmpagos novos; um homem fatal, em torno do qual sempre ribomba e rola e rebenta e se passam coisas inquietantes” (Friedrich Nietzsche).

Daí que um filósofo não é necessariamente alguém que cursou uma faculdade de filosofia. Pode até ser. Mas um filósofo é alguém que em seus percursos carrega devires alegres que aumentam a potência democrática de agir.

_________________________________

BLOG PÚBLICO

Propaganda Gratuita

Você que quer comprar entre outros produtos terçado, prego, enxada, faca, sandália, correia, pé de cabra ou bola de caititu vá na CASA UYRAPURU, onde os preços são um chuchu. Rua Barão de São Domingos, nº30, Centro, Tel 3658-6169

Pão Quente e Outras Guloseimas no caminho do Tancredo.
PANIFICADORA SERPAN (Rua José Romão, 139 - Tancredo Neves - Fone: 92-8159-5830)

Fique Frio! Sabor e Refrescância!
DEGUST GULA (Avenida Bispo Pedro Massa, Cidade Nova, núcleo 5, na Rua ao lado do DB CIdade Nova.Todos os dias).

O Almoço em Família.
BAR DA NAZA OU CASA DA VAL (Comendador Clementino, próximo à Japurá, de Segunda a Sábado).

Num Passo de Mágica: transforme seu sapato velho em um lindo sapato novo!
SAPATEIRO CÂNDIDO (Calçada da Comendador Clementino, próximo ao Grupo Escolar Ribeiro da Cunha).

A Confluência das Torcidas!
CHURRASQUINHO DO LUÍS TUCUNARÉ (Japurá, entre a Silva Ramos e a Comendador Clementino).

Só o Peixe Sabe se é Novo e do Rio que Saiu. Confira esta voz na...
BARRACA DO LEGUELÉ (na Feira móvel da Prefeitura)

Preocupado com o desempenho, a memória e a inteligência? Tu és? Toma o guaraná que não é lenda. O natural de Maués!
LIGA PRA MADALENA!!! (0 XX 92 3542-1482)

Decepcionado com seus desenganos? Ponha fé nos seus planos! Fale com:
PAI GEOVANO DE OXAGUIÃ (Rua Belforroxo, S/N - Jorge Teixeira IV) (3682-5727 / 9154-5877).

Quem tem fé naõ é um qualquer! Consultas::
PAI JOEL DE OGUM (9155-3632 ou paijoeldeogum@yahoo.com.br).

Belém tá no teu plano? Então liga pro Germano!
GERMANO MAGHELA - TAXISTA - ÁGUIA RADIOTAXI - (91-8151-1464 ou 0800 280 1999).

E você que gostaria de divulgar aqui seu evento, comércio, terreiro, time de futebol, procurar namorado(a), receita de comida, telefone de contato, animal encontrado, convites diversos, marocagens, contacte: afinsophiaitin@yahoo.com.br

Outras Comunalidades

   

Categorias

Arquivos

Blog Stats

  • 4.242.055 hits

Páginas

Arquivos