Arquivo para 27 de junho de 2008

CLINAMEN

___ oblíquas variações infinitas dos corpos ___

_______________Ritornelos____________Disjuntivos_________Passar pela ponte não é uma questão de vontade, mas de equilíbrio: se deixar cair ou não. Para frente ou para trás. Para esquerda ou direita. Mas passar.   Quanto ao que se encontra nessa passagem, não importa.                  “Que as aparências não nos enganem: há casos em que é a linguagem imagética que fala cientemente no sentido próprio, e a linguagem abstrata que fala inconscientemente no figurado” Bergson                Pesquisa realizada pelo Ministério da Saúde e Universidade de Brasília mostra que a maioria das propagandas divulgadas nas mídias é de alimentos(?) que contém grandes quantidades de gordura, sal e açúcar. Enquanto isso, o SUS, Sistema Único de Saúde, gasta 60% de suas verbas em tratamento de hipertensão e diabetes.               Sabe-se: quando um alimento precisa de marketing para ser consumido, já demonstra sua inutilidade alimentar.      O alimento é um corpo protetor de prevenção contra as enfermidades.  O marketing é um recurso virtual de convencimento do consumidor. Logo, esse produto, que se auto denomina de alimento, é um corpo diminuidor das defesas do organismo.  Nisso, também, a mídia auxilia nas enfermidades físicas do telespectador. Além das cognitivas e afetivas.     Não faltam exemplos audiovisuais: Faustão, Jô, Jabor, Datena, Luciano do Vale, Boris Casoy, Hebe etc.            “Para quem tem sede, um copo d´agua. Para quem tem tédio, um novo amor” Anísio Silva  _____________________

_________________________Fala-se muito da magia do espelho. Mas o espelho não é mágico. Ele apenas duplica, e isso não é refletir. Se fosse, candidatos perversos veriam a si próprios e, então, teriam certeza que é desta forma que o povo os vê.   Todavia, como não refletem a si mesmos, cabe ao eleitor rejeitar estas formas.                “Multipliquei-me para me sentir, para me sentir, precisei sentir tudo” Pessoa          ______________

____________Quinta-feira, 26, foram realizadas em Brasília, as cerimônias do Dia Internacional de Combate à Tortura com o tema “Tortura é Intolerável”.  Com a participação de autoridades da União Européia, a Secretaria Especial dos Direitos Humanos, e outras entidades compromissadas com os direitos humanos, comentaram-se e analisaram-se os discursos e práticas que carregam esta patológica violência executada pelo homem contra o próprio homem. Principalmente como justificativa policial/jurídica de proteção dos bons contra os maus que habitam a sociedade.  Moral aceita por grande parte da elite e classe média. Em quem quase não é atingida pela perversa prática, ao contrário das classes pobres, as principais vítimas.         Além das demonstrações da relação das políticas do Estado com a tortura, já que quem tortura quase sempre é um agente a seu serviço, o que ficou muito visível foi o grau de anomalia que carrega o torturador, que age irracionalmente sem qualquer signo-empático referente ao outro (o torturado), o que lhe coloca excluído das relações sociais de alteridade, que só é possível  quando o outro é tido como concreto diante de si, e também as seqüelas físicas e mentais que  as vítimas passam a ser dominadas no pós-tortura, como também os sofrimento de seus familiares e amigos.    Fundamental para a convivência social, os debates e estudos sobre a tortura.                Entretanto, é preciso também discutir-se sem hipocrisia sua principal causa: a moral perversa do sistema capitalista.                  Sabe-se que indivíduos torturam pelo simples prazer de causar dor ao outro, mas a tortura oficial está diretamente ligada a dois signos: um místico e outro econômico.        O um, o hebraico “Não roubarás”!              Roubar é passível de punição.                  Dois, “a propriedade privada”. Se apossar do que é alheio é passível de punição.            Junta-se a lei capitalista com a tara para tortura e o que se tem? A bestialidade.     Por que os órgãos policiais dos Estados Unidos torturam outros povos?  Por causa da ambição capitalista. Suas guerras são eminentemente econômicas.                        “Eu quero é botar, meu bloco na rua! Brigar, botar pra gemer” Cesar Sampaio          ________________A maior parte da população dos Estados Unidos é a favor da tortura contra terrorista.             Pergunta-se, sob os fluxos das equivalências:        Seria essa maioria a favor da tortura em Bush?  Se for, deve ser também a favor de ser torturada, já que é cúmplice de Bush, que segundo muitos homens e mulheres íntegras e solidárias, ele é um terrorista.                 “Só os homens livres são utilíssimos uns aos outros e se ligam uns aos outros pelo laço mais estreito de amizade e se esforçam, por um movimento de amor igual, por fazerem bem uns aos outros e, por conseguinte, só os homens livres são gratíssimos uns para com os outros” Spinoza

EVENTO DO HIP-HOP DE MANAUS

– MHM –

MOVIMENTO HIP-HOP MANAUS

apresenta

Torneio MHM Manaus

(clique na imagem para ampliar)

Quando? Dia 29/06 (domingo)

Que horas? A partir do meio-dia.

Onde? Escola Estadual Ernesto Pennafort, na rua Marginal, S/N, São José II

Entrada: 3,00 paus

Contatos televirtuais: 9973-8188 / 8134-9205 / 9152-2993

!!!!! VALEU, MANO !!!!!

ADVERTÊNCIAS ELEITORAIS DE ESOPO

As fábulas de Esopo servem para variados entendimentos: moral, psicológico, social, religioso, etc. Entretanto, nesse tempo de eleições com candidatos anunciando qualidades pessoais que fogem as suas práticas com o fito de ganhar o eleitor incauto, um entendimento torna-se precípuo: o político. Desta forma, tomamos umas fábulas do fabulista grego para aplicar algumas equações referenciais que possibilitem mais clareza às anunciações desses candidatos.

1- Fábula: A Serpente Pisoteada

Uma serpente que era freqüentemente pisoteada foi pedir a Zeus que a ajudasse. Zeus lhe respondeu:

Se tivesse mordido o primeiro que te pisou, um segundo não teria feito o mesmo.

Se enfrentares os primeiros que te atacam, os outros te temerão.”

Interrogativas referenciais:

  • Neste momento, quem lamenta ter escolhido auxiliares errados?

R:…………………………………………………………….

  • Quem agora está sendo renegado por ex-aliados?

R:…………………………………………………………….

2- Fábula: Os Filhos do Camponês

A discórdia reinava entre os filhos de um camponês. Em vão, ele os exortava a mudar de comportamento; suas palavras não produziam nenhum efeito. Foi por isso que decidiu dar-lhes um lição na hora:

Tragam-me ― disse ele ― um feixe de gravetos.

Os meninos foram buscar. O camponês pegou os gravetos e os uniu num feixe compacto e pediu que eles o partissem. Apesar de toda a força que botaram, não conseguiram. O pai então desfez o feixe e deu a cada um deles um graveto. As crianças os quebraram com facilidade.

Vejam, meus filhos, o mesmo acontece com vocês: se forem unidos, não temerão seus inimigos, mas, se continuarem na discórdia, cairão na mão deles.”

Interrogativas referenciais

  • Quem é o camponês?

R:…………………………………………………………….

  • Quem são os filhos?

R:…………………………………………………………….

  • Quem é a união dos gravetos?

R:…………………………………………………………….

  • Quem são os inimigos?

R:…………………………………………………………….

3- Fábula: O Leão e o Touro

Um leão, que estava pensando em como dar cabo de um enorme touro, preparou-lhe uma armadilha. Convidou-o para comer um carneiro que ele tinha sacrificado aos deuses. Ele pensava se lançar sobre o touro assim que estivessem à mesa. Quando chegou, o touro viu muitos caldeirões e enormes espetos, mas nada de carneiro. Sem uma palavra,retirou-se. O leão repreendeu-o:

Não te fiz nada, por que vais embora assim sem dizer nada?

O touro, respondeu:

Tenho minhas razões: vejo que fizeram os preparativos não para um carneiro, mas para um touro.

As astúcias dos maus não atingem o homem sensato.”

Interrogativas referencias

  • Quem é o leão?

R:…………………………………………………………….

  • Quem é o touro?

R:…………………………………………………………….

  • O leão usa o animal carneiro para atrair o touro. Em uma campanha qual o referencial que se pode dar ao carneiro?

R:…………………………………………………………….

  • O que representam os caldeirões e os espetos referentes a uma campanha política?

R:…………………………………………………………….

4- Fábula: Zeus e a Serpente

Como Zeus ia se casar, cada um dos animais deu-lhe um presente de acordo com suas posses. A serpente, arrastando-se, foi até ele levando uma rosa na boca. Ao vê-la, Zeus exclamou:

Aceito os presentes de todos, mas de tua boca não aceito nada.

Cuidado com a bondade dos maus.”

Interrogativas referenciais

  • Quem é Zeus?

R:…………………………………………………………….

  • O casamento é o quê?

R:…………………………………………………………….

  • Quem é a serpente?

R:…………………………………………………………….

  • O que é a rosa?

R:…………………………………………………………….

  • Qual a referência, levar a rosa na boca que Zeus renega?

R:…………………………………………………………….

Moral de Esopo: Foi um escravo libertado. Que tal nestas eleições suas fábulas nos auxiliarem em nossa libertação democrática? Já que a única moral que serve ao homem é a moral que liberta.

O CHAGÃO FILOSOFANTE DE LULA E OS CRAQUES DE 1958

Disse certa vez o arauto da inteligência e perspicácia futebolística, símbolo do vistoso futebol brasileiro da Era Dunguesca, o insuspeito Kaká: “Futebol e Política não se misturam”.

Lula, o Impertinente, não concorda. Logo ele, que costuma ser criticado pelos PFL/PSDB – de onde vem o rastro semiótico que contaminou o anêmico Kaká – por usar metáforas futebolísticas para explicar as realizações de seu governo. Para Lula, o esporte é via de construção de cidadania, faz parte portanto da discussão democrática de um país: “Eu sou apaixonado por futebol e pelo esporte. Um país que investe em Fabio Rodrigues Pozzebom/ABresportes tem chance de ser uma nação muito mais respeitada e produtiva. Se tivéssemos feito isso há 30 anos, estaríamos muito melhores. O futebol está impregnado na alma dos brasileiros quase na mesma proporção que o ar que a gente respira”.

Talvez por isso, em meio a tantos craques – e muitos dos oportunistas que se aproveitaram do talento destes pra se dar bem, como Havelange e Ricardo Teixeira – Lula tenha percebido a situação do jogador Moacir Claudino Pinto, meio-campo canarinho, que hoje reside no Equador e passa por uma situação financeira difícil, e tenha pensado em uma aposentadoria especial para os campeões do mundo. Num chute só, Lula marcou dois gols. Ele sabe que a privação não é uma condição da filosofia e do filosofar. Cria uma política esportiva de valorização dos atletas campeões, e de quebra, deixa à mostra, sem precisar apontar o dedo, a negligência da CBF, que gasta zilhões com os pernas-de-pau da seleção Dunguesca, enquanto os craques de verdade sofrem, eles que são ainda amantes de uma saudosa Leonor que hoje, diante de tanta violência estética-futebolística que sofre, é capaz de acionar os atuais jogadores na justiça, valendo-se da Lei Maria da Penha.

Pelé, que não apareceu no filme em que Lula tomou conhecimento da situação de Moacir, porque não quis fazer a entrevista sem pagamento de cachê, na hora de aparecer ao lado do presidente, não cobrou e nem pagou.

A relação de Lula, que costura o meio-de-campo do futebol com a política através da práxis filosofante, e que incomoda à imóvel apelidada oposição, é semelhante àquela que Gonzaguinha imortalizou nos versos de Geraldinos e Arquibaldos:

No campo do adversário

é bom jogar com muita calma

procurando pela brecha

pra poder ganhar”.


USAR O CONTROLE REMOTO É UM ATO DEMOCRÁTICO!

EXPERIMENTE CONTRA A TV GLOBO! Você sabe que um canal de televisão não é uma empresa privada. É uma concessão pública concedida pelo governo federal com tempo determinado de uso. Como meio de comunicação, em uma democracia, tem como compromisso estimular a educação, as artes e o entretenimento como seu conteúdo. O que o torna socialmente um serviço público e eticamente uma disciplina cívica. Sendo assim, é um forte instrumento de realização continua da democracia. Mas nem todo canal de televisão tem esse sentido democrático da comunicação. A TV Globo (TVG), por exemplo. Ela, além de manter um monopólio midiático no Brasil, e abocanhar a maior fatia da publicidade oficial, conspira perigosamente contra a democracia, principalmente, tentando atingir maleficamente os governos populares. Notadamente em seu JN. Isso tudo, amparada por uma grade de programação que é um verdadeiro atentado as faculdades sensorial e cognitiva dos telespectadores. Para quem duvida, basta apenas observar a sua maldição dos três Fs dominical: Futebol, Faustão e Fantástico. Um escravagismo-televisivo- depressivo que só é tratado com o controle remoto transfigurador. Se você conhece essa proposição-comunicacional desdobre-a com outros. Porque mudanças só ocorrem como potência coletiva, como disse o filósofo Spinoza.

Acesse esquizofia.wordpress.com

esquizofia.wordpress.com

CAMPANHA AFINADA CONTRA O

VIRTUALIZAÇÕES DESEJANTES DA AFIN

Este é um espaço virtual (virtus=potência) criado pela Associação Filosofia Itinerante, que atua desde 2001 na cidade de Manaus-Am, e, a partir da Inteligência Coletiva das pessoas e dos dizeres de filósofos como Epicuro, Lucrécio, Spinoza, Marx, Nietzsche, Bergson, Félix Guattari, Gilles Deleuze, Clément Rosset, Michael Hardt, Antônio Negri..., agencia trabalhos filosóficos-políticos- estéticos na tentativa de uma construção prática de cidadania e da realização da potência ativa dos corpos no mundo. Agora, com este blog, lança uma alternativa de encontro para discussões sociais, éticas, educacionais e outros temas que dizem respeito à comunidade de Manaus e outros espaços por onde passa em movimento intensivo o cometa errante da AFIN.

"Um filósofo: é um homem que experimenta, vê, ouve, suspeita, espera e sonha constantemente coisas extraordinárias; que é atingido pelos próprios pensamentos como se eles viessem de fora, de cima e de baixo, como por uma espécie de acontecimentos e de faíscas de que só ele pode ser alvo; que é talvez, ele próprio, uma trovoada prenhe de relâmpagos novos; um homem fatal, em torno do qual sempre ribomba e rola e rebenta e se passam coisas inquietantes” (Friedrich Nietzsche).

Daí que um filósofo não é necessariamente alguém que cursou uma faculdade de filosofia. Pode até ser. Mas um filósofo é alguém que em seus percursos carrega devires alegres que aumentam a potência democrática de agir.

_________________________________

BLOG PÚBLICO

Propaganda Gratuita

Você que quer comprar entre outros produtos terçado, prego, enxada, faca, sandália, correia, pé de cabra ou bola de caititu vá na CASA UYRAPURU, onde os preços são um chuchu. Rua Barão de São Domingos, nº30, Centro, Tel 3658-6169

Pão Quente e Outras Guloseimas no caminho do Tancredo.
PANIFICADORA SERPAN (Rua José Romão, 139 - Tancredo Neves - Fone: 92-8159-5830)

Fique Frio! Sabor e Refrescância!
DEGUST GULA (Avenida Bispo Pedro Massa, Cidade Nova, núcleo 5, na Rua ao lado do DB CIdade Nova.Todos os dias).

O Almoço em Família.
BAR DA NAZA OU CASA DA VAL (Comendador Clementino, próximo à Japurá, de Segunda a Sábado).

Num Passo de Mágica: transforme seu sapato velho em um lindo sapato novo!
SAPATEIRO CÂNDIDO (Calçada da Comendador Clementino, próximo ao Grupo Escolar Ribeiro da Cunha).

A Confluência das Torcidas!
CHURRASQUINHO DO LUÍS TUCUNARÉ (Japurá, entre a Silva Ramos e a Comendador Clementino).

Só o Peixe Sabe se é Novo e do Rio que Saiu. Confira esta voz na...
BARRACA DO LEGUELÉ (na Feira móvel da Prefeitura)

Preocupado com o desempenho, a memória e a inteligência? Tu és? Toma o guaraná que não é lenda. O natural de Maués!
LIGA PRA MADALENA!!! (0 XX 92 3542-1482)

Decepcionado com seus desenganos? Ponha fé nos seus planos! Fale com:
PAI GEOVANO DE OXAGUIÃ (Rua Belforroxo, S/N - Jorge Teixeira IV) (3682-5727 / 9154-5877).

Quem tem fé naõ é um qualquer! Consultas::
PAI JOEL DE OGUM (9155-3632 ou paijoeldeogum@yahoo.com.br).

Belém tá no teu plano? Então liga pro Germano!
GERMANO MAGHELA - TAXISTA - ÁGUIA RADIOTAXI - (91-8151-1464 ou 0800 280 1999).

E você que gostaria de divulgar aqui seu evento, comércio, terreiro, time de futebol, procurar namorado(a), receita de comida, telefone de contato, animal encontrado, convites diversos, marocagens, contacte: afinsophiaitin@yahoo.com.br

Outras Comunalidades

   

Categorias

Arquivos

Blog Stats

  • 4.244.772 hits

Páginas

Arquivos