Arquivo para 3 de julho de 2008

O QUE É LIBERDADE PARA INGRID BETANCOURT?

A esquerda sul-americana, que vinha tentando há muito através do diálogo a libertação da ex-senadora colombiana Ingrid Betancourt, que fora raptada pelas Farc em 2002, vê isso acontecer com alegria e lucidez. Mas quem está em polvorosa é a direitaça do continente e norte-americana, pretendendo levar para si todas as premiações show-midiáticas. A libertação da senadora, assim como o recente ataque aos guerrilheiros em território equatoriano, apresenta todas as cenas de um desses filmes hollywoodianos. Quando Hollywood filmar essa história — e é certo que irá — será apenas um remake. Uribe é o novo herói. Essa inversão de papéis foi o que levou Swarzeneger a não mais se contentar somente com as telas e se tornar prefeito da Califórnia. Quando a ficção e o real se confundem ou trocam de lugar é a prova de que não há mais aí nada que se possa denominar de realidade humana, diria Jean Baudrillard.

A seqüelada Folha de São Paulo estampa que o resgate dos reféns fortalece Uribe e enfraquece Chávez. Uma vez dissemos nesse bloguinho que, a despeito de Chávez, Rafael, Lula, Kirchner e outros envolvidos por um acordo humanitário, ele dificilmente seria executado, pois os maiores interessados em que um acordo de troca de reféns entre governo e as Farc e, posteriormente, um cessar fogo e acordo de paz na Colômbia não dessem certo eram Uribe e Bush, ou vice-versa. A eles Betancourt só interessava morta ou como peça de um espetáculo. Para sorte dela — não deles, pois estavam certíssimos do que urdiam — e de mais outros quatorze reféns (que não apareceram na televisão), todos saíram ilesos.

Nem tão ilesos assim, já que ela rendeu todas as loas esperadas pelo seu herói por resgatá-la, parabenizando servilmente a “inteligência” da operação. E a destituição do real já vai longe. Em todo o mundo se fala no assunto e com variações infinitas de detalhes e versões do ocorrido: um canal de televisão comenta que foi a partir de uma infiltração no interior das Farc que durou anos; outro afirma que foram os guerrilheiros que resolveram pelo processo de libertação dos reféns; há quem diga que houve traição no interior da guerrilha; uma rádio informa que apenas quatro militares estavam no helicóptero que participou do resgate; um blog diz que os militares se disfarçaram de guerrilheiros; outro, que o disfarce foi de membro da cruz vermelha; num jornalão on-line tenta-se passar que os soldados só enganaram os guerrilheiros devido à camisa branca com a imagem de Che Guevara que usavam; a própria Ingrid Betancourt diz que só notou que os que a estavam levando não eram da guerrilha quando já estava no helicóptero… Inúmeras versões. Tantos absurdos. E o que não o é? O absurdo de informações promove uma desinformação generalizada de suspeitas, hipóteses, invencionices de tal forma que não se pode mais desvencilhar o que é real e o que não o é. Talvez a própria Ingrid saiba menos do ocorrido do que um músico-blogueiro no Aracati cearense.

De todo modo, é bom que Ingrid Betancourt esteja livre, mas a quem e em que consiste realmente essa liberdade? Sabe-se que ela é originalmente uma “gamonale”, ou seja, filha de uma família tradicionalista e com influência politica na Colômbia. E apesar de conviver com várias pessoas de esquerda na França, onde viveu praticamente toda a juventude, no regresso à Colômbia, em 1989, após a morte de um amigo da família, cerrou fileiras junto a Álvaro Uribe, o Dr. Varito de Pablo Escobar, enquanto atacava ingenuamente os narcotraficantes. E só saiu daí somente ao fundar, em 1998, o Oxigênio Verde, partido de viés ambientalista.

Perguntada se vai ser candidata a presidente, ela responde que não sabe, que no momento é mais um soldado na luta pela libertação de todos os reféns. Liberdade é a capacidade de agir enquanto causa de si mesmo, ou seja, em sua singularidade, para aumentar a potência de agir da coletividade e assim criar uma potência maior, democrática. Se se tornar novamente um soldado à maneira de Uribe, apenas terá deixado de ser trunfo das Farc para ser trunfo para o aumento do populismo despótico do presidente que ela mesma acusou de ligação com os paramilitares, que (tal qual Fernando Henrique) comprou votos para aprovar a reeleição, que está preparando uma urdidura para forçar a aprovação de um terceiro mandato, o responsável direto (até seus cúmplices, a CIA, o acusam) pelo massacre de vilas inteiras de camponeses e mantenedor do atual estado de miséria que vige na Colômbia, enquanto sua popularidade vai aos píncaros do ibope.

A liberdade de um ser são suas escolhas, diria o filósofo da liberdade, Sartre. Bem-vinda, Ingrid!

A IMORALIDADE MORALISTA DA SOCIEDADE MIDIOTIZADA DE MANAUS

No Canal Livre, programa televisivo estilo policialesco, de exploração da miséria social e trampolim eleitoral sustentado no desespero de parte da população, de propriedade dos irmãos Souza (PP), foi exibido hoje, em horário de almoço, um vídeo onde duas adolescentes, alunas do CEFET/AM, aproveitam a sala de aula para se beijar e trocar carícias. Um detalhe: o vídeo é de abril, quase três meses atrás. O apresentador, subalterno dos locatários do horário televisivo, aproveitou para escarnecer da atitude das garotas, exibindo a sempre presente “boa moralidade”.

A MORAL E A “IMORALIDADE” DOS PROGRAMAS TELEVISIVOS

Reza a boa moral cristã-burguesa que o pecado, se cometido, deve ser seguido de sincero arrependimento e penitência, a fim de ser perdoado por Deus. Na lógica do se dar bem e do culto à dor e à imobilidade, característica da moral de classe, mais vale esconder do que não praticar. Assim, condena-se no outro aquilo que, em família, ou na intimidade, é permitido. Mas permitido não como prática libertadora, mas como modo de ser ligado ao ideal ascético, o ressentimento elevado ao mais alto grau.

Quando, impossibilitado de fazer fluir para o campo das relações os afetos produzidos pelos encontros, faz-se a inversão, e a agressividade faz-se para “dentro”, invertendo a ordem, infligindo a auto-violentação e auto-censura do corpo, do pensamento e dos fluxos-afetantes que aumentam a potência de agir.

No âmbito das relações de produção capitalistas, pautados na exploração da potência criadora do humano (força-de-trabalho) em prol da acumulação de capital, a moralidade cristã-burguesa encontrou terreno fértil para a disseminação epidêmica. Eleitoralmente, os programas que exploram a miséria social, produzida pelos mesmos “heróis” policialescos e seus aliados no executivo e legislativo, são o fruto midiático mais evidente dessa moral do ressentimento e da dor. Daí a exacerbação da censura moralista diante de um beijo.

QUADRILHA (QUE NÃO É A DE DRUMMOND)

Carlos, deputado federal, Wallace, deputado estadual e Fausto Souza (eterno candidato) tinham um programa televisivo, hoje na Tv Manaus, de exploração da miséria social na tevê de Francisco Garcia, ex-deputado, cuja filha, Rebeca, deputada federal, quer ser vice de Amazonino, que quer Carlos e o apoio de Sabino, deputado federal, que fez de conta que se afastou do amigo e ensaiou aproximação ao pupilo de Amazonino, Carlos Eduardo Braga, governador, que quer eleger seu vice, Omar Aziz, e controla a ALE/AM, do deputado Sinésio Campos, da qual até pouco tempo Maneca era parlamentar e amigo de Amazonino, mas agora é vice de Serafim, que finge que briga com a CMM, que está cheia de vereadores eleitos na exploração midiática da miséria social, que não permite amar a ninguém e carregam a mesma moral.

A moral que condenou o beijo das adolescentes é a mesma que produz e explora a miséria social, e que interdita qualquer possibilidade de afetos livres e autônomos da boca destes representantes do ideal ascético.

IMPLICAÇÕES LEGAIS E AS INSTITUIÇÕES DE PROTEÇÃO À CRIANÇA E AO ADOLESCENTE

Deste ponto de vista, a exibição do vídeo num programa televisivo, em horário de almoço, por parte do referido programa, provoca duas situações que implicam as instituições de proteção à criança e ao adolescente da cidade de Manaus.

Primeiro, se os produtores do programa (considerando-os hipoteticamente capazes de tal operação epistemológica) consideraram o vídeo como moralmente comprometedor, pelo beijo e pelos amassos das garotas, e mesmo assim decidiram exibi-lo, a fim de ganhar uns pontos na audiência, então cometeram um ato ilícito ao exibirem o mesmo em horário inapropriado. Feriu, portanto, o direito das crianças e adolescentes que, porventura, estivessem naquele momento na frente da tevê, embora se fosse o caso, ter-se-ia que comprometer juridicamente também o explorador da concessão do canal de tevê, o “surtudo” Francisco Garcia, que permite a exploração explícita da miséria social em horário de almoço.

Se, e ainda hipoteticamente considerando a produção e os proprietários do programa epistemologicamente capazes, exibiram a fim de explorar o suposto homoerotismo da cena, então cometeram o ilícito acima citado, acompanhado de homofobia, o que é caso para manifestação das entidades LGBT de Manaus e do Brasil todo.

Se, no entanto, não perceberam nada disso, e exibiram o vídeo apenas para mostrar as adolescentes numa prática considerada por eles como imoral, então atentaram contra o ECA (Estatuto da Criança e do Adolescente), ao explorar a imagem de adolescentes sem ao menos saber se são maiores de idade.

Em qualquer dos casos, implica a atuação do Ministério Público, Conselho Tutelar, Conselho Municipal da Infância e Adolescência, no sentido de impedir que o programa continue a usar crianças, não apenas as garotas do vídeo, mas qualquer criança e adolescente com objetivos de mercado.

Muito embora, a se tomar como referência a inação destas instituições nas cotidianas cenas de exploração de crianças e adolescentes cotidianamente, não apenas no Canal Livre, mas em todos os programas da quadrilha da moral burguesa manoniquim, não se deve esperar nenhum tipo de sanção, e não se pode surpreender se algum conselheiro, promotor ou agente da proteção das crianças e adolescentes serem portadores do mesmo enunciado moralizante de Carlos, Wallace, Fausto, Sabino, Conceição, Braz e iguais…

Com uma proteção institucional como essa, quem precisa de pedofilia?

*……….::::: CHAGÃO! :::::……….*

Chagão!

Quien quiera entender como funciona el mundo

deberá entender el fútbol”.
Roberto Perfumo (ex-jogador argentino).

!!!!!!!!!! LDU CAMPEÃ !!!!!!!!!!

LIBERTADORES DA AMÉRICA 2008

Θ E AGORA, RENATO, O FLUMINENSE VAI CONTINUAR BRINCANDO NO BRASILEIRÃO?.

FINALÍSSIMA (25/06 e 02/07)

LDU Quito 4 – 2 Fluminense

Fluminense 3 (1) – (3) 1 LDU Quito

Depois de muita palhaçada pré-jogo de volta, com o Fluzão segurando uma carne churrascal à Lá Renato Gaúcho, e a LDU chegando no aeroporto do Rio com jogador se achando rubro-negro, os times entraram em campo.

O árbitro resolveu encarar os fotógrafos que, no Maracaná, ficam onde querem, e só começou a partida quando resolveu a pendenga, colocando os mesmos na linha de fundo. Mas não se incomodou com a bandeira classe média-mídia da torcida tricolor, homenageando Pedro Bial, o empregado do século na rede Globo.

Iniciado o jogo, e ainda não era possível saber se La Liga estava numa tranquilidade oceânica ou se era amebíase emocional. Com o tricolor carioca muito nervoso, mas tomando a iniciativa do jogo, o time blanco mostrou que veio para tocar a bola e sair no contra-ataque. E num destes que Guerron caiu pela direita, ganhou do zagueiro e cruzou para Bolaños empurrar. Silêncio da torcida tricolor, mas o Flu continuou insistindo, sem muita precisão. A LDU ainda perdeu um gol feito, antes de Thiago Neves, num chute fraco da entrada da área, descobrir que a LDU deixou o goleiro em Quito, e teve que colocar o vocalista do Biquini Cavadão para agarrar.

Ele, gentilmente, aceitou, e o Flu empatou. A LDU então abdicou do ataque, se resumindo a jogar a bola para as pontas, dependendo inteiramente dos pontas. Foi quando, num lateral, a defesa equatoriana admirando o Cristo Redentor, deixou Thiago Neves sozinho entrar e só ter o trabalho de empurrar pro gol.

A amebíase atacava com intensidade, e o time que já não tinha goleiro e defesa, ficou sem ataque. O segundo tempo foi todo do Flu, que só não meteu 20 porque não acertava o retângulo da trave e porque mesmo para meter 20 num time péssimo, é preciso que o outro também não seja péssimo. Não é o caso do Flu.

Mesmo assim, numa falta, Thiago Neves novamente bateu meia-boca, e o vocalista aceitou. Pelos idos dos 15 minutos da etapa complementar, o time perdeu o que lhe restava: preparo físico. Daí, Fluminense e LDU protagonizaram, até o fim do tempo regulamentar, partida digna do Peladão manoniquim, com todo respeito aos atletas de final de semana do torneio eleitoral. Daí, mais sofrimento para o torcedor, os jogadores e o bom futebol. Prorrogação.

A esta altura do certame, o torcedor se questionava se o time da LDU é aquele do primeiro tempo do jogo de ida, ou os pernas-de-pau que vieram ao Rio. O primeiro tempo da prorrogação seguiu na mesma balada, com os times de gravata vermelha. O Fluminense com mais fôlego, mas sem talento, e a LDU perturbando de vez em quando, com o eterno Guerron. O único lance digno de nota na prorrogação foi o gol anulado da LDU, mal anulado pela arbitragem, e a corrida de Guerron no apagar das luzes, que terminou numa falta mal cobrada e a expulsão do capitão Luiz Alberto.

Penais:

Urrutia marcou;

Conca perdeu, para desespero da zona Sul carioca;

Campos perdeu, e a Globo mata a saudade de gritar o nome do ex-presidente do PSDB;

Thiago Neves bateu, o goleiro tremeu, e defendeu;

Salas conferiu pra LDU;

Cícero marcou o primeiro e único do Flu na disputa;

Guerron marcou e mandou Copacabana se calar;

Washington perdeu, e o enterro terminou.

O féretro sai à meia-noite, da barra da Tijuca, com direito a churrascada gaúcha. Enquanto isso, a reportagem especial de ‘Chagão!’ descobriu o que sussurrava o goleiro Ceballos, no fundo do gol, antes de cada cobrança:

E quem me ofende, humilhando, pisando, pensando que eu vou aturar / Tô me guardando pra quando o carnaval chegar

Por isso a tremidinha antes de cada cobrança: era o sambinha à Lá Chico Buarque! Agora, as passagens Quito-Yokohama vão ter o preço inflacionado, enquanto no Rio de Janeiro, vai ter gente fazendo plantão na porta das agências de viagem para revender os pacotes. Manchester United, tremei, os equatorianos vêm aí!!!

Θ CHAGÃO PERGUNTA: Na Eurocopa de 1964, a seleção de Luxemburgo surpreendeu a Europa, ao eliminar a Holanda nas oitavas-de-finais, e levando a disputa nas quartas com a Dinamarca para o jogo de desempate, onde foi eliminada. Agora, o ‘Chagão!’ quer saber: quem foi o artilheiro da Libertadores 2007? Facílimo!

Θ LIGUILLA URUGUAI 2007/2008. Na segunda rodada, Defensor Sporting e Nacional não tomaram conhecimento dos adversários, e lideram a pequena liga com 4 pontos cada. Danubio, River e Peñarol seguem logo abaixo, com 3 pontos, e o Rampla Jrs segue sem vencer. São mais 3 rodadas para definir os classificados para Libertadores e Sudamericana. Resultados:

1a Fecha (28 e 29/06)

Nacional 1 – 1 Defensor Sporting

Peñarol 2 – 0 Danubio

River Plate 2 – 1 Rampla Jrs

2a Fecha (02/07)

Defensor Sporting 3 – 0 Peñarol

Nacional 5 – 3 River Plate

Danubio 2 – 0 Rampla Jrs

3a Fecha (05 e 06/07)

Defensor Sporting – Danubio

Nacional – Rampla Jrs

River Plate – Peñarol

4a Fecha (12 e 13/07)

Rampla Jrs – Defensor Sporting

River Plate – Danubio

Peñarol – Nacional

5a Fecha (19 e 20/07)

Defensor Sporting – River Plate

Danubio – Nacional

Peñarol – Rampla Jrs


USAR O CONTROLE REMOTO É UM ATO DEMOCRÁTICO!

EXPERIMENTE CONTRA A TV GLOBO! Você sabe que um canal de televisão não é uma empresa privada. É uma concessão pública concedida pelo governo federal com tempo determinado de uso. Como meio de comunicação, em uma democracia, tem como compromisso estimular a educação, as artes e o entretenimento como seu conteúdo. O que o torna socialmente um serviço público e eticamente uma disciplina cívica. Sendo assim, é um forte instrumento de realização continua da democracia. Mas nem todo canal de televisão tem esse sentido democrático da comunicação. A TV Globo (TVG), por exemplo. Ela, além de manter um monopólio midiático no Brasil, e abocanhar a maior fatia da publicidade oficial, conspira perigosamente contra a democracia, principalmente, tentando atingir maleficamente os governos populares. Notadamente em seu JN. Isso tudo, amparada por uma grade de programação que é um verdadeiro atentado as faculdades sensorial e cognitiva dos telespectadores. Para quem duvida, basta apenas observar a sua maldição dos três Fs dominical: Futebol, Faustão e Fantástico. Um escravagismo-televisivo- depressivo que só é tratado com o controle remoto transfigurador. Se você conhece essa proposição-comunicacional desdobre-a com outros. Porque mudanças só ocorrem como potência coletiva, como disse o filósofo Spinoza.

Acesse esquizofia.wordpress.com

esquizofia.wordpress.com

CAMPANHA AFINADA CONTRA O

VIRTUALIZAÇÕES DESEJANTES DA AFIN

Este é um espaço virtual (virtus=potência) criado pela Associação Filosofia Itinerante, que atua desde 2001 na cidade de Manaus-Am, e, a partir da Inteligência Coletiva das pessoas e dos dizeres de filósofos como Epicuro, Lucrécio, Spinoza, Marx, Nietzsche, Bergson, Félix Guattari, Gilles Deleuze, Clément Rosset, Michael Hardt, Antônio Negri..., agencia trabalhos filosóficos-políticos- estéticos na tentativa de uma construção prática de cidadania e da realização da potência ativa dos corpos no mundo. Agora, com este blog, lança uma alternativa de encontro para discussões sociais, éticas, educacionais e outros temas que dizem respeito à comunidade de Manaus e outros espaços por onde passa em movimento intensivo o cometa errante da AFIN.

"Um filósofo: é um homem que experimenta, vê, ouve, suspeita, espera e sonha constantemente coisas extraordinárias; que é atingido pelos próprios pensamentos como se eles viessem de fora, de cima e de baixo, como por uma espécie de acontecimentos e de faíscas de que só ele pode ser alvo; que é talvez, ele próprio, uma trovoada prenhe de relâmpagos novos; um homem fatal, em torno do qual sempre ribomba e rola e rebenta e se passam coisas inquietantes” (Friedrich Nietzsche).

Daí que um filósofo não é necessariamente alguém que cursou uma faculdade de filosofia. Pode até ser. Mas um filósofo é alguém que em seus percursos carrega devires alegres que aumentam a potência democrática de agir.

_________________________________

BLOG PÚBLICO

Propaganda Gratuita

Você que quer comprar entre outros produtos terçado, prego, enxada, faca, sandália, correia, pé de cabra ou bola de caititu vá na CASA UYRAPURU, onde os preços são um chuchu. Rua Barão de São Domingos, nº30, Centro, Tel 3658-6169

Pão Quente e Outras Guloseimas no caminho do Tancredo.
PANIFICADORA SERPAN (Rua José Romão, 139 - Tancredo Neves - Fone: 92-8159-5830)

Fique Frio! Sabor e Refrescância!
DEGUST GULA (Avenida Bispo Pedro Massa, Cidade Nova, núcleo 5, na Rua ao lado do DB CIdade Nova.Todos os dias).

O Almoço em Família.
BAR DA NAZA OU CASA DA VAL (Comendador Clementino, próximo à Japurá, de Segunda a Sábado).

Num Passo de Mágica: transforme seu sapato velho em um lindo sapato novo!
SAPATEIRO CÂNDIDO (Calçada da Comendador Clementino, próximo ao Grupo Escolar Ribeiro da Cunha).

A Confluência das Torcidas!
CHURRASQUINHO DO LUÍS TUCUNARÉ (Japurá, entre a Silva Ramos e a Comendador Clementino).

Só o Peixe Sabe se é Novo e do Rio que Saiu. Confira esta voz na...
BARRACA DO LEGUELÉ (na Feira móvel da Prefeitura)

Preocupado com o desempenho, a memória e a inteligência? Tu és? Toma o guaraná que não é lenda. O natural de Maués!
LIGA PRA MADALENA!!! (0 XX 92 3542-1482)

Decepcionado com seus desenganos? Ponha fé nos seus planos! Fale com:
PAI GEOVANO DE OXAGUIÃ (Rua Belforroxo, S/N - Jorge Teixeira IV) (3682-5727 / 9154-5877).

Quem tem fé naõ é um qualquer! Consultas::
PAI JOEL DE OGUM (9155-3632 ou paijoeldeogum@yahoo.com.br).

Belém tá no teu plano? Então liga pro Germano!
GERMANO MAGHELA - TAXISTA - ÁGUIA RADIOTAXI - (91-8151-1464 ou 0800 280 1999).

E você que gostaria de divulgar aqui seu evento, comércio, terreiro, time de futebol, procurar namorado(a), receita de comida, telefone de contato, animal encontrado, convites diversos, marocagens, contacte: afinsophiaitin@yahoo.com.br

Outras Comunalidades

   

Categorias

Arquivos

Blog Stats

  • 4.241.958 hits

Páginas

Arquivos