Arquivo para 23 de agosto de 2008

PROTESTO NO HOSPITAL TROPICAL DE MANAUS REVELA PSICOLOGIA DA SUBALTERNIDADE

Certos gestores tem uma maneira de governar que pode revelar se são ou não democráticos. Pode-se observar isso através da relação que eles estabelecem com seus subordinados. Quando não são, privados – por si mesmos – da possibilidade de ações ativas que promovam modificações reais dentro de sua área profissional de atuação, é para eles essencial que também seus subordinados sigam a mesma linha de imobilidade. Todos trabalham num contrato tácito da imobilidade e improdutividade, e qualquer deslize, qualquer ação que promova uma melhoria ou que permita à população que é usuária daquele serviço provoca verdadeiras crises histéricas no gestor antidemocrático. Igualmente, se surge alguma manifestação de contrariedade aos atos de algum subordinado, este também entra num estado de desespero que beira a sociopatia.

Em ambos os casos, fica evidente para qualquer pessoa o aspecto burlesco e patético de cenas onde o subordinado é exposto na inapetência de sua gestão diante de seus chefe. O desespero é tamanho que ele acaba protagonizando cenas dignas de uma comédia de costumes. Garantia de risos para quem ainda não perdeu o senso de humor, mesmo diante dos afetos tristes que tais gestões tentam disseminar entre seus usuários e funcionários.

Na lógica Senhor-Escravo, a relação de submissão é evidente quando observada do ponto de vista do escravo. Este só é escravo quando existe um senhor. Se a sua condição no mundo só pode ser confirmada mediante este olhar que foi eleito – pelo próprio escravo – aquele que lhe traz a certeza (melhor, a ilusão da certeza) do existir concreto no mundo, então significa dizer que este olhar é condicionador da sua segurança existencial. Não há nada pior para um escravo do que conviver com a incerteza de não saber como o seu Senhor lhe vê.

Mas a recíproca também é verdadeira. Se só é possível existir um Escravo a partir do olhar dominador de seu Senhor, este também só existe a partir daquele. Jogada percebida pelo filósofo alemão Hegel, e que também é belissimamente descrita na peça “O Balcão”, do francês Jean Genet. Observando que tipo de pessoa é o Escravo, sabe-se quem é o seu Senhor.

O DAY AFTER DO PROTESTO

Na manhã da quinta-feira, o governador “Guerreiro de Sempre” Braga estava no Instituto de Medicina Tropical de Manaus, realizando inaugurações, acompanhado do médico Sinério Talhari, diretor do IMT, indicado por Braga ao cargo, quando se depararam com uma manifestação de ONG´s ligadas a pacientes soropositivos do próprio hospital, que reivindicavam melhoria nas condições de tratamento.

Surpreendido, e visivelmente alterado, o Dr. Sinésio tratou de desmentir os manifestantes, aproveitando para reiterar, diante do governador, a sua ilibada reputação. Tratou de, em seu discurso, numerar obra por obra todas as melhorias da gestão Talhari-Braga, salientando que não há nenhuma razão para descontentamentos dentro e fora do Hospital Tropical. Em sua vez, Braga devolveu a rasgação de seda, tecendo loas ao seu subordinado. As informações estão nas edições de ontem dos jornais impressos.

O que não saiu nos jornais, no entanto, foi o day after, quando o assunto entre os funcionários – segundo fonte intempestiva – era o destempero de Sinésio diante da manifestação contrária. Não seria a primeira vez que Sinésio reage desproporcionalmente quando questionado diante do governador.

O que também causou risos e comentário entre os funcionários foi a fotografia, publicada em um jornal da cidade, em que Sinésio aparece visivelmente enfurecido, dedo em riste diante de um manifestante. O discurso de Sinésio também teria chamado a atenção pela imprecisão e pelo hiperbolismo de detalhes que não chegam a ser novos no hospital, e que não representam melhoria nas condições de trabalho ou de atendimento ao usuário.

Resta saber como ficou o Senhor, mas dá para desconfiar.

i iNDA TEM FRANÇÊiS Qi DiZ Qi A GENTi NUM SEMO SERO

@ AS GRANDES TELEFÔNICAS RECEBERAM DUAS MENSAGENS e não gostaram de nenhuma. A primeira diz respeito a portabilidade numérica, que vai permitir que o usuário troque de operadora telefônica sem trocar o número. Apesar de todo o chororô das grandes operadoras de telefonia no país, que afirmam ainda não terme realizado todos os testes e adequações necessários para obedecer a medida a Agência Nacional de Telecomunicações – Anatel confirmou ontem que a medida entra em vigor no dia 1º de setembro. Para passar para outra operadora e garantir o mesmo número, o usuário pagará uma única parcela por volta de R$ 10. Quem agradece são ex-namoradas, ex-amantes, o amigo que retorna à cidade depois de décadas, etc, todos que podem retirar o prefixo “ex”, atualizando uma nova relação somente porque puderam usar o antigo número. I inda tem françêis…

@ A SEGUNDA MENSAGEM diz respeito a uma denúncia de formação de cartel em relação às tarifas cobradas de quatro operadoras: Oi, Tim, Vivo e Claro, que detêm mais de 95% da telefonia celular brasileira. Quem mais se debateu em resposta foi o presidente da Oi/Telemar, Luiz Eduardo Falco, que nega as acusações. Segundo ele, as tarifas de interconexão da rede móvel (VU-M) são homologadas pela Anatel. A denúncia partiu de outras quatro operadoras de telefonia fixa Global Village Telecom, Intelig Telecomunicações, Transit do Brasil e Easytone Telecomunicações —, que entraram com representação junto à Secretaria de Direito Econômico (SDE), do Ministério da Justiça. Não se deve esquecer que é nesse meio que transitam os Dantas e os Nahas. Mas agora, quando enviar uma mensagem ou telefonar para tentar negociar um serviço, as operadoras pensarão bem o preço que irão cobrar, pois sabem que poderão ser cobradas por um telefonema judicial. I inda tem françêis…

@MANIPULAÇÃO NO PARÁ” é o título de um texto escrito pelo articulador do Fórum Carajás e publicado também pelo Azenha no Vi o Mundo. O texto analisa lucidamente manipulações feitas pelas Organizações Rômulo Maiorana – ORM, que inventa a união entre a Igreja e o MST para invadir uma estrada de ferro. O jornal é daqueles que segue a linha editorial da grande mídia, sendo contrário de antemão a qualquer ação do MST, é a favor da privatização da Vale: “nada contra a Vale é divulgado”. Um outro caso de perseguição midiática que notamos no Pará ocorre em relação à governadora Ana Júlia Carepa (PT). De vez em quando sai uma notícia contra ela, com ênfase, geralmente sem ouvir a sua posição. A redução epistemológica nas redações dos grandes jornais não ocorre somente no eixo sul-sudeste; por todo o Brasil ocorre a repetição do mesmo embrutecido. I inda tem françêis…

Vamos que vamos

Porque se a gente não for

A gente não vai chegar

A lugar algum onde não fomos

E nunca chegamos….

FINALÍSSIMA DAS OLÍMPIADAS DE FUTEBOL

Num campo que mais parecia pra futebol americano, Nigéria e Argentina entraram para decidir a final das Olimpíadas. Mas não adianta começar com desculpa, no primeiro tempo qualquer tentativa de justificativa só pioraria a situação. Agüero, que desaguou o Brasil na semifinal, dessa vez só desabou na área. Riquelme achava que tinha olhos na nuca, mas só sentiu quando a bola bateu em suas costas. As imprevisíveis jogadas do craque Messi não se fizeram visíveis. Quem chegou mais perto foi a Nigéria, quando, depois de vários ataques sucessivos, dois zagueiros argentinos chutaram “el viento”, e a bola bateu no atacante nigeriano Issac, mas como ele não bateu nela, ficou fácil para o goleiro Romero. No finalzinho, Di Maria deu o único e belo chute de fora da área, mas o goleiro nigeriano Vanzekin mostrou que não usava somente o uniforme de rapper, mas deixava passar sua ativação, mandando ao cornner. E ainda bem que foi só.

FINALMENTE O JOGO

Enquanto, contentíssimo, o cronista falso-vidente ressentido previa prorrogação, o segundo tempo mostrava uma movimentação maior de ambos os lados, com várias tentativas que valeram suspiros. E eis que aos doze minutos, Messi roubou uma bola na meiúca e enfiou na medida para Di Maria, com um toque primoroso, encobrir o goleiro-rapper. E enquanto o agourento cronista previa que os argentinos iam partir para a provocação, para ganhar dos nigerianos no jogo do não-jogar, os dois times buscavam manter a bola no pé e o pé na bola, com a Nigéria tentando o empate e a Argentina, a ampliação do resultado. É bem verdade que já nos minutos finais ainda amarelou para dois argentinos por causa da catimba. Mas o jogo continuava, mas como nenhum dos dois chegou à finalidade, o gol, por aí ficou. Y los hermanos llevaron de nuevo

…ARGENTINA BI-CAMPEÃ…

…OLÍMPICA DE FUTEBOL!…


USAR O CONTROLE REMOTO É UM ATO DEMOCRÁTICO!

EXPERIMENTE CONTRA A TV GLOBO! Você sabe que um canal de televisão não é uma empresa privada. É uma concessão pública concedida pelo governo federal com tempo determinado de uso. Como meio de comunicação, em uma democracia, tem como compromisso estimular a educação, as artes e o entretenimento como seu conteúdo. O que o torna socialmente um serviço público e eticamente uma disciplina cívica. Sendo assim, é um forte instrumento de realização continua da democracia. Mas nem todo canal de televisão tem esse sentido democrático da comunicação. A TV Globo (TVG), por exemplo. Ela, além de manter um monopólio midiático no Brasil, e abocanhar a maior fatia da publicidade oficial, conspira perigosamente contra a democracia, principalmente, tentando atingir maleficamente os governos populares. Notadamente em seu JN. Isso tudo, amparada por uma grade de programação que é um verdadeiro atentado as faculdades sensorial e cognitiva dos telespectadores. Para quem duvida, basta apenas observar a sua maldição dos três Fs dominical: Futebol, Faustão e Fantástico. Um escravagismo-televisivo- depressivo que só é tratado com o controle remoto transfigurador. Se você conhece essa proposição-comunicacional desdobre-a com outros. Porque mudanças só ocorrem como potência coletiva, como disse o filósofo Spinoza.

Acesse esquizofia.wordpress.com

esquizofia.wordpress.com

CAMPANHA AFINADA CONTRA O

VIRTUALIZAÇÕES DESEJANTES DA AFIN

Este é um espaço virtual (virtus=potência) criado pela Associação Filosofia Itinerante, que atua desde 2001 na cidade de Manaus-Am, e, a partir da Inteligência Coletiva das pessoas e dos dizeres de filósofos como Epicuro, Lucrécio, Spinoza, Marx, Nietzsche, Bergson, Félix Guattari, Gilles Deleuze, Clément Rosset, Michael Hardt, Antônio Negri..., agencia trabalhos filosóficos-políticos- estéticos na tentativa de uma construção prática de cidadania e da realização da potência ativa dos corpos no mundo. Agora, com este blog, lança uma alternativa de encontro para discussões sociais, éticas, educacionais e outros temas que dizem respeito à comunidade de Manaus e outros espaços por onde passa em movimento intensivo o cometa errante da AFIN.

"Um filósofo: é um homem que experimenta, vê, ouve, suspeita, espera e sonha constantemente coisas extraordinárias; que é atingido pelos próprios pensamentos como se eles viessem de fora, de cima e de baixo, como por uma espécie de acontecimentos e de faíscas de que só ele pode ser alvo; que é talvez, ele próprio, uma trovoada prenhe de relâmpagos novos; um homem fatal, em torno do qual sempre ribomba e rola e rebenta e se passam coisas inquietantes” (Friedrich Nietzsche).

Daí que um filósofo não é necessariamente alguém que cursou uma faculdade de filosofia. Pode até ser. Mas um filósofo é alguém que em seus percursos carrega devires alegres que aumentam a potência democrática de agir.

_________________________________

BLOG PÚBLICO

Propaganda Gratuita

Você que quer comprar entre outros produtos terçado, prego, enxada, faca, sandália, correia, pé de cabra ou bola de caititu vá na CASA UYRAPURU, onde os preços são um chuchu. Rua Barão de São Domingos, nº30, Centro, Tel 3658-6169

Pão Quente e Outras Guloseimas no caminho do Tancredo.
PANIFICADORA SERPAN (Rua José Romão, 139 - Tancredo Neves - Fone: 92-8159-5830)

Fique Frio! Sabor e Refrescância!
DEGUST GULA (Avenida Bispo Pedro Massa, Cidade Nova, núcleo 5, na Rua ao lado do DB CIdade Nova.Todos os dias).

O Almoço em Família.
BAR DA NAZA OU CASA DA VAL (Comendador Clementino, próximo à Japurá, de Segunda a Sábado).

Num Passo de Mágica: transforme seu sapato velho em um lindo sapato novo!
SAPATEIRO CÂNDIDO (Calçada da Comendador Clementino, próximo ao Grupo Escolar Ribeiro da Cunha).

A Confluência das Torcidas!
CHURRASQUINHO DO LUÍS TUCUNARÉ (Japurá, entre a Silva Ramos e a Comendador Clementino).

Só o Peixe Sabe se é Novo e do Rio que Saiu. Confira esta voz na...
BARRACA DO LEGUELÉ (na Feira móvel da Prefeitura)

Preocupado com o desempenho, a memória e a inteligência? Tu és? Toma o guaraná que não é lenda. O natural de Maués!
LIGA PRA MADALENA!!! (0 XX 92 3542-1482)

Decepcionado com seus desenganos? Ponha fé nos seus planos! Fale com:
PAI GEOVANO DE OXAGUIÃ (Rua Belforroxo, S/N - Jorge Teixeira IV) (3682-5727 / 9154-5877).

Quem tem fé naõ é um qualquer! Consultas::
PAI JOEL DE OGUM (9155-3632 ou paijoeldeogum@yahoo.com.br).

Belém tá no teu plano? Então liga pro Germano!
GERMANO MAGHELA - TAXISTA - ÁGUIA RADIOTAXI - (91-8151-1464 ou 0800 280 1999).

E você que gostaria de divulgar aqui seu evento, comércio, terreiro, time de futebol, procurar namorado(a), receita de comida, telefone de contato, animal encontrado, convites diversos, marocagens, contacte: afinsophiaitin@yahoo.com.br

Outras Comunalidades

   

Categorias

Arquivos

Blog Stats

  • 4.244.871 hits

Páginas

Arquivos