JUÍZA MARIA EUNICE FAZ EMERGIR O LOGOS

Em filosofia, o logos tem dois sentidos: Razão e Língua. Tomados em práxis democrática tornam-se Retórica. O devir/linguístico criador da homologia, a identidade do discurso, e da homónoia, a identidade do pensamento, as potências da linguagem que criam a democracia e fazem a fundação das produções públicas dos homens.

Para os filósofos Foucault e Deleuze, em democracia, o pensar é ver e ler. Mas com a condição que a percepção eleve-se como visibilidade acima dos objetos percebidos, e a leitura eleve-se acima das palavras e das frases. Rachar as palavras para fazer brotar os conceitos. Falar distante da simplificação das palavras prisioneira dos conceitos. Produzir a alethéia lingüística, a revelação do logos, como diz, o filósofo Heidegger.

A juíza Maria Eunice fez brotar os conceitos que eram mantidos ocultos do publico sobre sua insigne e histórica atuação no pedido de cassação do candidato eleito à prefeitura de Manaus Amazonino (PTB) e seu vice Carlos Sousa (PP). Fez a voz ecoar como pássaro de fogo circunscrevendo o movimento dos consensos democráticos da política, lógica e ética. A juíza tocou a lira vibrátil da pluralidade social. Não fez um desabafo, como estampou em sua primeira página o jornal A Crítica. Ela não estava oprimida, nem sob o juízo angustiante da “força” dos que defendem Amazonino. Sempre se manteve suave envolvida em sua vocação de magistrada.

Essa facilidade da fala reveladora é encontrada nesses trechos de sua entrevista. Ou melhor, sua conversa pública. Um sopro de vento linguístico democrático que fez tremer os que imaginam a democracia contrária a sua vivência ontológica de juíza.

SOBRE AS PROVAS CONSISTENTES CONTRA AMAZONINO

Estou decidindo um processo em cima de provas consistentes. Sobre perícias feitas pela Polícia Federal, sobre os cupons apreendidos, sobre a nota fiscal inidônea, visivelmente rasurada, com uma fita de vídeo com toda a filmagem do movimento no posto de gasolina. Você calculando isso aí em carros, você vai imaginar quantos eleitores você poderia conduzir com aquela gasolina que você obteve naquele posto. Você pode fazer um cálculo de 600 requisições, com 20 litros de gasolina para cada um, quantos carros você vai abastecer? Quantas pessoas cada carro vai conduzir? Isso foi o que aconteceu naquele posto! Naquele que foi flagrado.”

SOBRE A DEFESA EM CASO DE AFASTAMENTO

Eu vou pedir que o Tribunal se manifeste no sentido de explicar por que eu vou ser afastada. O Tribunal tem de motivar o meu afastamento. E motivando o meu afastamento, eu vou me defender e vou sim, ao CNJ (Conselho Nacional de Justiça), porque eu não vou aceitar. Afastar por afastar, não. O Tribunal tem que motivar, porque até o momento eu não recebi qualquer comunicado, intimação para que eu apresente a minha defesa. Ninguém pode ser afastado de uma função simplesmente porque a presidência ou o pleno quer. Estou pedindo dois dias de licença, não estou pedindo afastamento. Eu me afastando ai eu vou me defender. Vou ver primeiro qual é o tipo de procedimento que se deve tomar, até chegar lá. E vou conversar ainda com o procurador da República para tomar as medidas necessárias. Não vou sair , ser afastada sob a alegação de que eu prevariquei, que eu escondi processo, que escondi petição, que eu não divulguei decisões. Por isso não, por esses motivos, não. Se entenderem que é porque não cumpri a decisão que entendem que deveria ser cumprida, ainda também vou me explicar, eu quero uma explicação.”

SOBRE A POLÍTICA E O FAMILIALISMO VICIOSO

Pode até votar, mas eu vou recorrer da decisão. Porque não pode me afastar de uma função que me foi atribuída, sem me consultar. Eu teria de ter cometido um crime bárbaro dentro do processo, roubado um processo, desviado um processo, ter paixões políticas, ter candidato político do meu lado, ou ter um parente político, ou que minha família estivesse envolvida em política, se meu filho fosse candidato, se meu irmão fosse candidato, ou se meu marido fosse diretor de um hospital, alguma coisa assim, que estivesse influenciando no desfecho do pleito, aí, sim, ele poderia me afastar. Aliás, ele nem precisava me afastar, porque eu nem iria entrar, por uma questão de ética, responsabilidade e compromisso. Mas afastar por afastar, por quê? Por que eu vou ficar dois dias de licença? Não justifica.”

DAS COLETIVIDADE ENVOLVIDA PELA JUSTIÇA ELEITORAL

É que nós não podemos permitir que um simples requerimento do advogado, pedindo o afastamento de um magistrado, que dirigiu o pleito, que eu considero e aí vai meu ponto também de orgulho —, que eu considero feito com lealdade, responsabilidade perante à sociedade, eu, o Ministério Público, a Polícia Federal e os funcionários que trabalharam conosco, nós somos uma equipe. Eu não fiz a eleição sozinha. Eu fiz a eleição acompanhada de 13 promotores de Justiça, um procurador federal, o delegado federal Wesley, o superintendente, toda a Polícia Federal e os funcionários que trabalharam conosco em todo o processo eleitoral., Então nós somos um grupo, uma equipe de pessoas envolvidas nesse trabalho da Justiça Eleitoral e que trabalhou com seriedade, com responsabilidade e com respeito. Então, eu não aceito é que o advogado, com o argumento de querer resolver o processo dele, possa o Tribunal me afastar. Só porque ele está alegando que a certidão que ele queria não foi entregue no momento em que ele pediu, e que ele foi cerceado no direito de defesa.”

SOBRE A NÃO APRECIAÇÃO DOS EMBARGOS DE GRAÇA FIGUEIREDO

Não. Há um equívoco aí. Não é que teria de ser obedecida. Eu explico para a desembargadora, eu explico para o segundo grau, que aquela decisão de determinar, de imediato, que eu aprecie os embargos, não é possível. O que era possível no meu ponto de vista, até que viesse o mandado de segurança, era um pedido de informação. Aí, depois de todas as informações do que tinha acontecido no processo, aí, sim, ela podia determinar que eu apreciasse. Mas não apreciaram lá. Houve um mandado de segurança e imediatamente concedida uma liminar, em cima do que o advogado disse. Para depois eu prestar informação. Ora, como eu concedo uma liminar de um mandado de segurança para refazer uma sentença para o juiz primeiro refazer e depois prestar informações? Eu, primeiro, teria de prestar informações do que aconteceu no processo. “Olha, aconteceu no processo isso, isso, isso e o prazos são esses, esses e esses”. E aí apreciava. ão vai apreciar o mandado de segurança, agora? A corte vai apreciar o mandado de segurança, com as informações. Agora, o que queria de imediato? Que eu apreciasse os embargos.”

SOBRE A SERENIDADE DA JUSTIÇA DEMOCRÁTICA

Eu estou tranqüila. Eu penso que a sociedade está em evolução. As pessoas que conseguiram entender, são pessoas que realmente têm lucidez e conseguem ter uma visão do Direito, como deve ser aplicado. E que conseguem entender; as que entendem pelo lado da arbitrariedade, é porque ainda estão naquela vida de retrocesso. Nós evoluímos, não podemos viver na província. Temos uma evolução. O Direito não parou, não estacionou. Então as pessoas que vêem a aplicabilidade do Direito dessa maneira evolutiva, de que as pessoas que praticam esses atos devem ser punidas, sejam quem for, essas pessoas já conseguem ter uma visão da lei, do que é uma democracia. Porque o voto, no momento em que é comprado, não há mais democracia, não há mais liberdade de votar. Não possibilidade de você pensar liberdade de voto, quando o voto foi vendido. A eleição passa a não ter legalidade, moralidade, quando o voto já foi comprado. Acabou. Quando ao eleitor é oferecido um cargo público, ele não está mais votando pelo bem da sociedade: está votando por interesse próprio. O que há aqui? Uma questão do capitalismo, que tornou o homem individualista, que cada um luta pelo que é seu. E nós precisamos viver o coletivismo e não o individualismo. Então eu penso que vou ficar bem, aí eu voto no candidato A. Nesse ponto eu começo a me vender. Eu me ofereço, estou de carro, vendo, carrego eleitor, compro voto dos eleitores, alicio os eleitores e aí a eleição não pode ser considerada como liberdade de voto, de escolha.”

0 Responses to “JUÍZA MARIA EUNICE FAZ EMERGIR O LOGOS”



  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s




USAR O CONTROLE REMOTO É UM ATO DEMOCRÁTICO!

EXPERIMENTE CONTRA A TV GLOBO! Você sabe que um canal de televisão não é uma empresa privada. É uma concessão pública concedida pelo governo federal com tempo determinado de uso. Como meio de comunicação, em uma democracia, tem como compromisso estimular a educação, as artes e o entretenimento como seu conteúdo. O que o torna socialmente um serviço público e eticamente uma disciplina cívica. Sendo assim, é um forte instrumento de realização continua da democracia. Mas nem todo canal de televisão tem esse sentido democrático da comunicação. A TV Globo (TVG), por exemplo. Ela, além de manter um monopólio midiático no Brasil, e abocanhar a maior fatia da publicidade oficial, conspira perigosamente contra a democracia, principalmente, tentando atingir maleficamente os governos populares. Notadamente em seu JN. Isso tudo, amparada por uma grade de programação que é um verdadeiro atentado as faculdades sensorial e cognitiva dos telespectadores. Para quem duvida, basta apenas observar a sua maldição dos três Fs dominical: Futebol, Faustão e Fantástico. Um escravagismo-televisivo- depressivo que só é tratado com o controle remoto transfigurador. Se você conhece essa proposição-comunicacional desdobre-a com outros. Porque mudanças só ocorrem como potência coletiva, como disse o filósofo Spinoza.

Acesse esquizofia.wordpress.com

esquizofia.wordpress.com

CAMPANHA AFINADA CONTRA O

VIRTUALIZAÇÕES DESEJANTES DA AFIN

Este é um espaço virtual (virtus=potência) criado pela Associação Filosofia Itinerante, que atua desde 2001 na cidade de Manaus-Am, e, a partir da Inteligência Coletiva das pessoas e dos dizeres de filósofos como Epicuro, Lucrécio, Spinoza, Marx, Nietzsche, Bergson, Félix Guattari, Gilles Deleuze, Clément Rosset, Michael Hardt, Antônio Negri..., agencia trabalhos filosóficos-políticos- estéticos na tentativa de uma construção prática de cidadania e da realização da potência ativa dos corpos no mundo. Agora, com este blog, lança uma alternativa de encontro para discussões sociais, éticas, educacionais e outros temas que dizem respeito à comunidade de Manaus e outros espaços por onde passa em movimento intensivo o cometa errante da AFIN.

"Um filósofo: é um homem que experimenta, vê, ouve, suspeita, espera e sonha constantemente coisas extraordinárias; que é atingido pelos próprios pensamentos como se eles viessem de fora, de cima e de baixo, como por uma espécie de acontecimentos e de faíscas de que só ele pode ser alvo; que é talvez, ele próprio, uma trovoada prenhe de relâmpagos novos; um homem fatal, em torno do qual sempre ribomba e rola e rebenta e se passam coisas inquietantes” (Friedrich Nietzsche).

Daí que um filósofo não é necessariamente alguém que cursou uma faculdade de filosofia. Pode até ser. Mas um filósofo é alguém que em seus percursos carrega devires alegres que aumentam a potência democrática de agir.

_________________________________

BLOG PÚBLICO

Propaganda Gratuita

Você que quer comprar entre outros produtos terçado, prego, enxada, faca, sandália, correia, pé de cabra ou bola de caititu vá na CASA UYRAPURU, onde os preços são um chuchu. Rua Barão de São Domingos, nº30, Centro, Tel 3658-6169

Pão Quente e Outras Guloseimas no caminho do Tancredo.
PANIFICADORA SERPAN (Rua José Romão, 139 - Tancredo Neves - Fone: 92-8159-5830)

Fique Frio! Sabor e Refrescância!
DEGUST GULA (Avenida Bispo Pedro Massa, Cidade Nova, núcleo 5, na Rua ao lado do DB CIdade Nova.Todos os dias).

O Almoço em Família.
BAR DA NAZA OU CASA DA VAL (Comendador Clementino, próximo à Japurá, de Segunda a Sábado).

Num Passo de Mágica: transforme seu sapato velho em um lindo sapato novo!
SAPATEIRO CÂNDIDO (Calçada da Comendador Clementino, próximo ao Grupo Escolar Ribeiro da Cunha).

A Confluência das Torcidas!
CHURRASQUINHO DO LUÍS TUCUNARÉ (Japurá, entre a Silva Ramos e a Comendador Clementino).

Só o Peixe Sabe se é Novo e do Rio que Saiu. Confira esta voz na...
BARRACA DO LEGUELÉ (na Feira móvel da Prefeitura)

Preocupado com o desempenho, a memória e a inteligência? Tu és? Toma o guaraná que não é lenda. O natural de Maués!
LIGA PRA MADALENA!!! (0 XX 92 3542-1482)

Decepcionado com seus desenganos? Ponha fé nos seus planos! Fale com:
PAI GEOVANO DE OXAGUIÃ (Rua Belforroxo, S/N - Jorge Teixeira IV) (3682-5727 / 9154-5877).

Quem tem fé naõ é um qualquer! Consultas::
PAI JOEL DE OGUM (9155-3632 ou paijoeldeogum@yahoo.com.br).

Belém tá no teu plano? Então liga pro Germano!
GERMANO MAGHELA - TAXISTA - ÁGUIA RADIOTAXI - (91-8151-1464 ou 0800 280 1999).

E você que gostaria de divulgar aqui seu evento, comércio, terreiro, time de futebol, procurar namorado(a), receita de comida, telefone de contato, animal encontrado, convites diversos, marocagens, contacte: afinsophiaitin@yahoo.com.br

Outras Comunalidades

   

Categorias

Arquivos

Blog Stats

  • 4.244.843 hits

Páginas

dezembro 2008
D S T Q Q S S
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  

Arquivos


%d blogueiros gostam disto: