Arquivo para 18 de março de 2009

ÍNDIOS DA RAPOSA SERRA DO SOL REALIZAM CULTOS

ENQUANTO ESPERAM DECISÃO DO TSF

Enquanto os ministros se reúnem no Tribunal Superior Federal, pela terceira vez, para julgar a constitucionalidade, ou não, da demarcação contínua das terras indígenas Raposa Serra do Sol, no estado de Roraima, os índios encontram-se, executando ritos singulares que expressam a originalidade de sua cultura, esperando o resultado do julgamento que já conta com o voto de alguns ministros a favor.

Segundo últimas informações, o ministro Marco Aurélio, em seu discurso, deixou evidência que votará contra.

De acordo com as palavras do cacique Martinho Macuxi, representante do Conselho Indígena de Roraima- CIR, espera-se um resultado favorável. Para confirmar seu otimismo, Martinho Macuxi, disse: “Temos 35 anos de luta. Conseguimos que limitassem, demarcassem e homologassem a terra. Acreditamos que tudo isso deva ser confirmado como está.” Neste otimismo, os índios acreditam que a cerimônia de comemoração pela decisão favorável será realizada ainda hoje, como uma grande festa.

Enquanto isso, por sua parte, os arrozeiros, e os que são contra a demarcação contínua, afirmam que vai haver muito conflito.

DELEGADO PROTÓGENES É INDICIADO PELA POLÍCIA FEDERAL

O delegado da Polícia Federal, Protógenes, responsável pela Operação Satiagraha, que investiga o banqueiro, Daniel Dantas, em suposto envolvimento em crime financeiro, entre outros, foi indiciado pelos crimes de violação de sigilo funcional e da Lei de Interceptação, pelo delegado da Polícia Federal Amaro Vieira, que investiga a atuação do delegado Protógenes na Operação Satiagraha.

Com inquérito aberto para investigar se o delegado Protógenes permitiu durante a Operação Satiagraha, o monitoramento clandestino de políticos e autoridades e uso irregular de servidores da Agência Brasileira de Informção- ABIN, a Corregedoria da Polícia Federal ouviu o depoimento do delegado Protógenes, ontem, dia 17.

O RASTRO PARLAMENTAR DE CLODOVIL

O Projeto de autoria do ex-deputado, falecido ontem (dia 17), Clodovil Hernandes, que autoriza o enteado e a enteada a adotar o nome do padrasto foi aprovado pela Comissão de Constituição e Justiça do Senado, e ainda hoje seguirá ao plenário para ser votado.

Segundo os parlamentares, é um homenagem ao deputado.

AUDIÊNCIA PÚBLICA NO TJ-AM SOBRE TENTATIVA DA CMM EMPRESARIAL EM REDUZIR MEIA-PASSAGEM

É hoje (18), às 11h da manhã, o debate que ocorrerá na sede do Tribunal de Justiça do Amazonas como “resposta ao mandado de segurança impetrado pelo vereador José Ricardo Wendling (PT) e por entidades estudantis, no dia 23 de dezembro de 2008”, quando o TJ-AM “concedeu liminar suspendendo os efeitos do Projeto de Emenda à Lei Orgânica do Município de Manaus (Lomam) nº 010/2008”.

É o desenrolar da rasteira que a gestão passada da Câmara Municipal de Manaus (CMM) tentou dar nos estudantes de Manaus, no episódio que ficou conhecido como Natal dos Pintados, quando, depois de a Emenda 10 ser votada e aprovada pelos vereadores, reduzindo de 120 para 50 o número de passes estudantis, numa violentação aos direitos dos estudantes, estes conseguiram penetrar na plenária e arremessaram contra os vereadores balões com tinta e outras substâncias.

RETROCESSO LEGISLATIVO-EXECUTIVO E RESISTÊNCIA ESTUDANTIL

Dizem boas línguas democráticas que a gestão presente da CMM é ainda mais reacionária do que a anterior, e também um pouco mais submissa à Prefeitura. Quanto à atual gestão à frente desta, não há dúvida nenhuma de que é ainda muito mais reaça. Não bastando a fatídica Emenda 10 tentar reduzir a cota para 50 meias-passagens estudantis, o prefeito cassado em exercício, Carlos Souza (enquanto Amazonino estava em Brasília, sua perdição), defendeu que “40 meias passagens mensais eram suficientes para os estudantes de Manaus”. Por isso os estudantes de toda Manaus estão alerta para os debates que recomeçam para eles nas decrépitas gestões atuais do Executivo e Legislativo municipais.

PAI JOEL DE OGUM CONVIDA

ze-malandro-convite

FESTA DE SEU ZÉ MALANDRO

No próximo sábado, Seu Zé Malandro completa 18 anos na cabeça de Pai Joel de Ogum, por isso ele convida babalorixás, filhos de santo, adeptos das religiões afro ou simpatizantes, enfim, a comunidade em geral para participar dessa maravilhosa festa.

Endereço: Rua São Marçal, nº 619 Cidade de Deus (Manaus-AM)

(Por trás da Pousada Laser)

Data: dia 21/03 (próximo sábado), às 20h

Telefones: (92)9155-3632 // 8146-8237

A EDUCAÇÃO DO GOVERNO DE SÃO PAULO E OS “DOIS PARAGUAIS”

Um saber é constitutivo de uma potência-ativa quando seus elementos semióticos transportam territorialidades que permitem um movimento intensivo que permita às pessoas alcançarem um grau mais alto de potência: somente um saber que liberta é saber.

A função educativa, quando se faz num plano democrático (de outra forma não é educação), estabelece nas territorialidades construídas a possibilidade de transbordar numa outra existência, ampliando a consciência e compreendendo melhor o mundo ao redor. Daí um saber desconectado da realidade coletiva não ser mais que um recurso patológico da sociedade de consumo.

Tal como a educação de governo amazonense (que só encontra elogios na pariceira Istoé, amiga do governo Braga), a educação paulista vive mais do vazio do marketing do que de produções intensivas materiais e imateriais. Rescaldo da política governamental de esvaziamento da escola pública – com uma pausa na gestão de Marta Suplicy – as escolas paulistas, de modo geral, não traduzem para seus alunos a sociedade onde eles vivem.

O grau de desterritorialização do real (quando um signo se desprende daquilo que o torna coletivamente inteligível, e só resta uma imagem sem referente) chega a tal ponto na produção do hiper-real na educação paulista, que alunos das escolas públicas receberam material de ensino de geografia onde a representação gráfica da América do Sul mostra Paraguai e Uruguai em posições invertidas, além de um “clone” do país de Fernando Lugo.

Fosse um requinte educacional, para falar de um Paraguai “pré-Lugo” arrasado pela economia de mercado do consenso de Washington, e um outro, que elegeu o presidente-bispo e pretende acabar com décadas de domínio monopartidário, até estaria valendo. No entanto, a questão é mesmo de ordem do erro factual.

Mais revelador da (des)educação paulista do governo Serra é o grau de alienação dos agentes envolvidos no imbróglio: enquanto a secretaria estadual de educação culpa a fundação que produziu o material, enquanto mantém no seu site uma nota de errata que só pode ser acessada pelos diretores de escola, a fundação responsável pela confecção do material rebate, afirmando que os professores que elaboraram o material foram indicados pela própria secretaria. No meio deste empurra-empurra, perdida mesmo, fica a educação.

A mesma educação que passou pelas mãos da iniciativa privada de forma predatória na gestão Paulo Renato de Souza, no octênio FHC, e que, não por acaso, numa gestão tucana no Rio Grande do Sul, pretende desmontar as escolas do MST, por disseminarem “perigoso conteúdo marxista”.

O que é assustador no caso do Paraguai invertido não é o fato do mapa estar de ponta-cabeça, mas da educação de governo paulista não conseguir perceber que ela própria está fora do mapa da existência de seus estudantes.


USAR O CONTROLE REMOTO É UM ATO DEMOCRÁTICO!

EXPERIMENTE CONTRA A TV GLOBO! Você sabe que um canal de televisão não é uma empresa privada. É uma concessão pública concedida pelo governo federal com tempo determinado de uso. Como meio de comunicação, em uma democracia, tem como compromisso estimular a educação, as artes e o entretenimento como seu conteúdo. O que o torna socialmente um serviço público e eticamente uma disciplina cívica. Sendo assim, é um forte instrumento de realização continua da democracia. Mas nem todo canal de televisão tem esse sentido democrático da comunicação. A TV Globo (TVG), por exemplo. Ela, além de manter um monopólio midiático no Brasil, e abocanhar a maior fatia da publicidade oficial, conspira perigosamente contra a democracia, principalmente, tentando atingir maleficamente os governos populares. Notadamente em seu JN. Isso tudo, amparada por uma grade de programação que é um verdadeiro atentado as faculdades sensorial e cognitiva dos telespectadores. Para quem duvida, basta apenas observar a sua maldição dos três Fs dominical: Futebol, Faustão e Fantástico. Um escravagismo-televisivo- depressivo que só é tratado com o controle remoto transfigurador. Se você conhece essa proposição-comunicacional desdobre-a com outros. Porque mudanças só ocorrem como potência coletiva, como disse o filósofo Spinoza.

Acesse esquizofia.wordpress.com

esquizofia.wordpress.com

CAMPANHA AFINADA CONTRA O

VIRTUALIZAÇÕES DESEJANTES DA AFIN

Este é um espaço virtual (virtus=potência) criado pela Associação Filosofia Itinerante, que atua desde 2001 na cidade de Manaus-Am, e, a partir da Inteligência Coletiva das pessoas e dos dizeres de filósofos como Epicuro, Lucrécio, Spinoza, Marx, Nietzsche, Bergson, Félix Guattari, Gilles Deleuze, Clément Rosset, Michael Hardt, Antônio Negri..., agencia trabalhos filosóficos-políticos- estéticos na tentativa de uma construção prática de cidadania e da realização da potência ativa dos corpos no mundo. Agora, com este blog, lança uma alternativa de encontro para discussões sociais, éticas, educacionais e outros temas que dizem respeito à comunidade de Manaus e outros espaços por onde passa em movimento intensivo o cometa errante da AFIN.

"Um filósofo: é um homem que experimenta, vê, ouve, suspeita, espera e sonha constantemente coisas extraordinárias; que é atingido pelos próprios pensamentos como se eles viessem de fora, de cima e de baixo, como por uma espécie de acontecimentos e de faíscas de que só ele pode ser alvo; que é talvez, ele próprio, uma trovoada prenhe de relâmpagos novos; um homem fatal, em torno do qual sempre ribomba e rola e rebenta e se passam coisas inquietantes” (Friedrich Nietzsche).

Daí que um filósofo não é necessariamente alguém que cursou uma faculdade de filosofia. Pode até ser. Mas um filósofo é alguém que em seus percursos carrega devires alegres que aumentam a potência democrática de agir.

_________________________________

BLOG PÚBLICO

Propaganda Gratuita

Você que quer comprar entre outros produtos terçado, prego, enxada, faca, sandália, correia, pé de cabra ou bola de caititu vá na CASA UYRAPURU, onde os preços são um chuchu. Rua Barão de São Domingos, nº30, Centro, Tel 3658-6169

Pão Quente e Outras Guloseimas no caminho do Tancredo.
PANIFICADORA SERPAN (Rua José Romão, 139 - Tancredo Neves - Fone: 92-8159-5830)

Fique Frio! Sabor e Refrescância!
DEGUST GULA (Avenida Bispo Pedro Massa, Cidade Nova, núcleo 5, na Rua ao lado do DB CIdade Nova.Todos os dias).

O Almoço em Família.
BAR DA NAZA OU CASA DA VAL (Comendador Clementino, próximo à Japurá, de Segunda a Sábado).

Num Passo de Mágica: transforme seu sapato velho em um lindo sapato novo!
SAPATEIRO CÂNDIDO (Calçada da Comendador Clementino, próximo ao Grupo Escolar Ribeiro da Cunha).

A Confluência das Torcidas!
CHURRASQUINHO DO LUÍS TUCUNARÉ (Japurá, entre a Silva Ramos e a Comendador Clementino).

Só o Peixe Sabe se é Novo e do Rio que Saiu. Confira esta voz na...
BARRACA DO LEGUELÉ (na Feira móvel da Prefeitura)

Preocupado com o desempenho, a memória e a inteligência? Tu és? Toma o guaraná que não é lenda. O natural de Maués!
LIGA PRA MADALENA!!! (0 XX 92 3542-1482)

Decepcionado com seus desenganos? Ponha fé nos seus planos! Fale com:
PAI GEOVANO DE OXAGUIÃ (Rua Belforroxo, S/N - Jorge Teixeira IV) (3682-5727 / 9154-5877).

Quem tem fé naõ é um qualquer! Consultas::
PAI JOEL DE OGUM (9155-3632 ou paijoeldeogum@yahoo.com.br).

Belém tá no teu plano? Então liga pro Germano!
GERMANO MAGHELA - TAXISTA - ÁGUIA RADIOTAXI - (91-8151-1464 ou 0800 280 1999).

E você que gostaria de divulgar aqui seu evento, comércio, terreiro, time de futebol, procurar namorado(a), receita de comida, telefone de contato, animal encontrado, convites diversos, marocagens, contacte: afinsophiaitin@yahoo.com.br

Outras Comunalidades

   

Categorias

Arquivos

Blog Stats

  • 4.243.005 hits

Páginas

Arquivos