Arquivo para 10 de maio de 2009

!!!!! O MUNDO É GAY !!!!!

* – Outdoor em homenagem às mães lésbicas e bissexuais, campanha promovida pelo Grupo Luas (Liberdade, União Afetivo-Sexual das Mulheres Lésbicas e Bissexuais) e Movimento Leões do Norte, do Recife (PE). Um Lushow!.

QUE SEXUALIDADE QUEREMOS? – Parte I

Há um discurso científico que perpassa praticamente todas as áreas do conhecimento humano, da psiquiatria às artes, e que está muito mais “encarnado” em nós do que imaginamos ou gostaríamos que estivesse: o da sexualidade.

Quer dizer que a sexualidade é muito mais do que uma disciplina de conhecimento sobre as práticas sexuais e de gênero? Sim, basta a gente considerar que definimos identidades humanas em sociedade em função do sexo e do uso do corpo, para perceber que a coisa é bem mais complexa e capilarizada do que a gente pode imaginar.

Sou homem, és mulher, aquele gay, uma travesti, um efeminado, uma machinha-machona”, são identidades. Elementos de ordem de um regime de signos que classifica, hierarquiza, atribui valores e distribui num plano de socialidade. E quem puder que aguente o rojão!

Não iremos aqui nos deter na pergunta fatídica: por que o homem procura saber sobre o seu próprio sexo? Um pouco desviante disso, tentaremos explicar de forma muito resumida – e certamente sem esgotar o assunto – porque a sexualidade, que é uma palavra recente, com uso popularizado há pouco mais de um século, perpassa toda a produção humana, sendo ela própria uma delas.

Que interesse temos em definir como fazemos sexo, com quem, e que tipo de práticas realizamos em busca da satisfação sexual?

É que a sexualidade define a existência das pessoas em pelo menos três campos distintos: o do enredamento dos saberes, o do estabelecimento das normas, o dos modos de subjetivação. Um homoerótico, uma prostituta, têm seus valores atribuídos socialmente em função do uso que fazem do seu sexo, e isso é uma identidade, uma casca ôca, um estereótipo. Ainda assim, pessoas morrem, pessoas matam por causa disso.

SEXUALIDADE E O ENREDAMENTO DOS SABERES

O passamento de um saber eminentemente teocrático para um paradigma cientificizante marcou a explosão da sexualidade como campo do saber, e foco de interesse das outras disciplinas do conhecimento humano.

Hoje, praticamente todas os saberes das chamadas ciências humanas e suas derivadas passam pela sexualidade. A medicina se define, de certa forma, a partir da sexualidade. Há uma medicina do corpo da mulher e do homem, com suas especialidades próprias, e se considerarmos o ramo da medicina de modificação do corpo, chamada plástica, que forma profissionais aptos a moldar um corpo feminino como masculino e vice-versa, já podemos até afirmar que exista uma medicina transsexual.

A mesma medicina que hoje opera um pênis onde havia uma vagina e uma vagina onde havia um pênis, há pouco mais de um século atrás, condenava o homoerotismo como doença (“a inversão sexual, os invertidos”), a masturbação como prática nociva ao corpo e à mente, ao mesmo tempo em que considerava o uso de certas substâncias como natural, por exemplo, o tabaco, através do cigarro, que era indicado inclusive a crianças.

É que a medicina, como de resto as outras ciências e ramos do saber – o Direito, a Psicologia, a Economia, a Sociologia, a Antropologia, e por aí vai – partiu de uma perspectiva negativista para um positivismo produtivo. Positivismo no sentido em que passou a produzir conhecimento sobre como esse corpo realmente é e funciona. A questão não é mais moral, mas de formação de campos do saber que determinam formas de subjetivação. Se antes o homoerotismo era condenado como prática moralmente condenável, com o conhecimento sobre o corpo, foi possível por exemplo que parte da medicina considerasse a prática do sexo anal como inadequada apenas porque o ânus “não é órgão sexual”. Se atualmente a medicina já não prioriza a dualidade homem/mulher, é porque as pressões sociais fizeram arrefecer este campo de influência moral na ciência, e também por conta da medicina de mercado, à qual não interessa de onde venha o dinheiro.

No direito, o homoerotismo passou de anomalia social a sujeito de direito – embora ainda não de fato – em relação às suas especificidades. As lutas pelo PLC 122/06 e pela união civil são o atual estágio de uma luta que se iniciou no próprio reconhecimento da normalidade social do homoerotismo. É quando o direito recorre à outros campos do saber para definir o estatuto de existência em sociedade dos homoeróticos. Mas serão só estes saberes a definir? A questão da expansão dos mercados e de nichos mercadológicos específicos certamente contribui para esses enfraquecimento gradual da estranheza ao homoerótico. Afinal, somos todos iguais perante deus (=dinheiro/consumo).

Mas até que ponto essas ‘conquistas’ levam a população LGBT para um estatuto de sujeitos de fato e de direito social? Será interesse dos LGBT serem considerados sujeitos apenas no aspecto do consumo? O quanto de ‘positivo’ existe na produção de conhecimento sobre a sexualidade e o homoerotismo, na medida em que devolve e continua a envolver as pessoas numa modelização subjetivadora? Quando abordarmos, na segunda parte, a questão da normatividade, continuamos o nosso papo-cabeça, menin@s.

Ui! E agora vamos ver outros sopros gays (ou não) que passaram no nosso Mundico! A Lôca!

Φ GRUPO SOMOS PARTICIPA DE PAPO SOBRE GÊNERO E SEXUALIDADE. Quem também está engajado em uma discussão sobre a sexualidade e o que/quem somos, é a SOMOS! A lôka! Mas é verdade, gente. O grupo está participando do seminário “Corpo, Gênero e Sexualidade”, promovido pela UFRGS, onde o objetivo é “discutir o corpo como construção cultural e como efeito de inscrições processadas nas práticas sociais e na fabricação de corpos contemporâneos enfatizando sua relação com a saúde, a beleza, a socialização e o trabalho”. Interessantíssimo, aí nóis lá nos pampas do Rio Grande uma hora dessas! Quem puder participar, é uma boa oportunidade para discutir mais a fundo estas questões. Para saber qual a programação, coloque o dedinho aí no link, e se joga no blogue da SOMOS! Ui! Sentiu a brisa, Neném?

Φ MAIS UM ESTADO AMERICANO LIBERA O CASÓRIO: MAINE. O governador John Baldacci, do Estado de Maine, sancionou nesta sexta-feira o decreto que permite a união civil homoerótica naquele lugar. É o quinto estado americano que libera a união civil entre pessoas do mesmo sexo. Em New Hampshire, a assembléia já aprovou a lei, mas falta a assinatura do governador. É mais um estado coberto pela onda colorida do engajamento gay, baby!! Sentiu a brisa, Neném?

Φ OI CONDENADA A INDENIZAR TRANSSEXUAL. A justiça do Rio de Janeiro condenou a operadora Oi a pagar uma indenização de seis mil reais referente a danos morais. O problema ocorreu quando um operador de telemarketing da empresa ligou para a transsexual para oferecer um plano, e diante de uma negativa, passou a ofender com palavras, acreditando que a pessoa não faria nada. A condenação se deu com base no Código de Defesa do Consumidor, e para a sorte do atendente ressentido, o PLC 122/06 ainda não foi aprovado. Caso contrário, da esfera cível, ele iria cair diretamente na esfera criminal. E ainda tem quem diga que o projeto não é importante… Sentiu a brisa, Neném?

Φ LANÇAMENTO DO PLANO NACIONAL SERÁ DIA 14. O Ministro Paulo Vanucchi, da Secretaria Especial de Direitos Humanos da Presidência da República e a ABGLT convidam a todos para participar, no próximo dia 14, no Palácio do Itamaraty, às 14h, do lançamento do PLANO NACIONAL DE PROMOÇÃO DA CIDADANIA E DIREITOS HUMANOS PARA LÉSBICAS, GAYS, BISSEXUAIS, TRAVESTIS E TRANSSEXUAIS – LGBT. Nõa percam, e depois corram para marocar conosco, pobres mortais que não poderão estar em Brasília nesta data festiva, baby. Em breve, você lê aqui mais detalhes sobre o plano, viu. T’hacalma. Sentiu a brisa, Neném?

Beijucas, até a próxima, e lembrem-se, menin@s:

FAÇA O MUNDO GAY!


USAR O CONTROLE REMOTO É UM ATO DEMOCRÁTICO!

EXPERIMENTE CONTRA A TV GLOBO! Você sabe que um canal de televisão não é uma empresa privada. É uma concessão pública concedida pelo governo federal com tempo determinado de uso. Como meio de comunicação, em uma democracia, tem como compromisso estimular a educação, as artes e o entretenimento como seu conteúdo. O que o torna socialmente um serviço público e eticamente uma disciplina cívica. Sendo assim, é um forte instrumento de realização continua da democracia. Mas nem todo canal de televisão tem esse sentido democrático da comunicação. A TV Globo (TVG), por exemplo. Ela, além de manter um monopólio midiático no Brasil, e abocanhar a maior fatia da publicidade oficial, conspira perigosamente contra a democracia, principalmente, tentando atingir maleficamente os governos populares. Notadamente em seu JN. Isso tudo, amparada por uma grade de programação que é um verdadeiro atentado as faculdades sensorial e cognitiva dos telespectadores. Para quem duvida, basta apenas observar a sua maldição dos três Fs dominical: Futebol, Faustão e Fantástico. Um escravagismo-televisivo- depressivo que só é tratado com o controle remoto transfigurador. Se você conhece essa proposição-comunicacional desdobre-a com outros. Porque mudanças só ocorrem como potência coletiva, como disse o filósofo Spinoza.

Acesse esquizofia.wordpress.com

esquizofia.wordpress.com

CAMPANHA AFINADA CONTRA O

VIRTUALIZAÇÕES DESEJANTES DA AFIN

Este é um espaço virtual (virtus=potência) criado pela Associação Filosofia Itinerante, que atua desde 2001 na cidade de Manaus-Am, e, a partir da Inteligência Coletiva das pessoas e dos dizeres de filósofos como Epicuro, Lucrécio, Spinoza, Marx, Nietzsche, Bergson, Félix Guattari, Gilles Deleuze, Clément Rosset, Michael Hardt, Antônio Negri..., agencia trabalhos filosóficos-políticos- estéticos na tentativa de uma construção prática de cidadania e da realização da potência ativa dos corpos no mundo. Agora, com este blog, lança uma alternativa de encontro para discussões sociais, éticas, educacionais e outros temas que dizem respeito à comunidade de Manaus e outros espaços por onde passa em movimento intensivo o cometa errante da AFIN.

"Um filósofo: é um homem que experimenta, vê, ouve, suspeita, espera e sonha constantemente coisas extraordinárias; que é atingido pelos próprios pensamentos como se eles viessem de fora, de cima e de baixo, como por uma espécie de acontecimentos e de faíscas de que só ele pode ser alvo; que é talvez, ele próprio, uma trovoada prenhe de relâmpagos novos; um homem fatal, em torno do qual sempre ribomba e rola e rebenta e se passam coisas inquietantes” (Friedrich Nietzsche).

Daí que um filósofo não é necessariamente alguém que cursou uma faculdade de filosofia. Pode até ser. Mas um filósofo é alguém que em seus percursos carrega devires alegres que aumentam a potência democrática de agir.

_________________________________

BLOG PÚBLICO

Propaganda Gratuita

Você que quer comprar entre outros produtos terçado, prego, enxada, faca, sandália, correia, pé de cabra ou bola de caititu vá na CASA UYRAPURU, onde os preços são um chuchu. Rua Barão de São Domingos, nº30, Centro, Tel 3658-6169

Pão Quente e Outras Guloseimas no caminho do Tancredo.
PANIFICADORA SERPAN (Rua José Romão, 139 - Tancredo Neves - Fone: 92-8159-5830)

Fique Frio! Sabor e Refrescância!
DEGUST GULA (Avenida Bispo Pedro Massa, Cidade Nova, núcleo 5, na Rua ao lado do DB CIdade Nova.Todos os dias).

O Almoço em Família.
BAR DA NAZA OU CASA DA VAL (Comendador Clementino, próximo à Japurá, de Segunda a Sábado).

Num Passo de Mágica: transforme seu sapato velho em um lindo sapato novo!
SAPATEIRO CÂNDIDO (Calçada da Comendador Clementino, próximo ao Grupo Escolar Ribeiro da Cunha).

A Confluência das Torcidas!
CHURRASQUINHO DO LUÍS TUCUNARÉ (Japurá, entre a Silva Ramos e a Comendador Clementino).

Só o Peixe Sabe se é Novo e do Rio que Saiu. Confira esta voz na...
BARRACA DO LEGUELÉ (na Feira móvel da Prefeitura)

Preocupado com o desempenho, a memória e a inteligência? Tu és? Toma o guaraná que não é lenda. O natural de Maués!
LIGA PRA MADALENA!!! (0 XX 92 3542-1482)

Decepcionado com seus desenganos? Ponha fé nos seus planos! Fale com:
PAI GEOVANO DE OXAGUIÃ (Rua Belforroxo, S/N - Jorge Teixeira IV) (3682-5727 / 9154-5877).

Quem tem fé naõ é um qualquer! Consultas::
PAI JOEL DE OGUM (9155-3632 ou paijoeldeogum@yahoo.com.br).

Belém tá no teu plano? Então liga pro Germano!
GERMANO MAGHELA - TAXISTA - ÁGUIA RADIOTAXI - (91-8151-1464 ou 0800 280 1999).

E você que gostaria de divulgar aqui seu evento, comércio, terreiro, time de futebol, procurar namorado(a), receita de comida, telefone de contato, animal encontrado, convites diversos, marocagens, contacte: afinsophiaitin@yahoo.com.br

Outras Comunalidades

   

Categorias

Arquivos

Blog Stats

  • 4.243.141 hits

Páginas

Arquivos