Arquivo para 7 de julho de 2009

BUARQUE QUER SARNEY NO DECORO

Movido pela observação e entendimento que teve do fato de Sarney ter se encontrado às portas fechadas com Lula, e daí ter extraído elementos capazes de levar o presidente do Senado ao corpus parlamentar do decoro, o senador Cristóvam Buarque (PDT-DF), vai colher assinaturas entre seus pares para consumar seu intento.

De acordo com o entendimento do senador, Sarney está submetendo o Senado à manipulação de Lula, que visa às eleições para Presidência em 2010. Ainda segundo seu entendimento, uma República é composta de três Poderes: Legislativo, Judiciário e Executivo. Entretanto, Lula acabou com o Legislativo, aproveitando a situação preocupante em que passa o Senado para fazer acordo com o PMDB com intuito de fortalecer alianças em seu benefício. E Sarney, fragilizado como está politicamente, aceita tudo para mudar sua situação. Para fortalecer sua observação e entendimento, Buarque afirmou que “o Senado se transformou em um ministério do governo Lula”.

MORAL PREOCUPANTE DE BUARQUE

Eu estou muito preocupado é com a desmoralização do Congresso, por causa do acordo em que o presidente da República passou a ser tutor do presidente Sarney.”

Moralizou-se Buarque. Embora alguns digam que esta posição ‘buarqueana’ é devido ao senador também ter usufruído dos atos administrativos expostos em público pelo senador Arthur 5% “Orgulho do Amazonas” como uma besteira.

FERNANDO HENRIQUE ESTÁ “UM TANTO PERPLEXO”

O vaidoso e invejoso detrator do governo Lula, ex- presidente da República, Fernando Henrique, o ‘príncipe’ da direita que levou o Brasil à falência em duas gestões por obra de violenta ação-demagógica anticonstitucional que estabeleceu o direito à reeleição, esteve hoje, dia 7, no Senado, sentado ao lado do senador José Sarney, presidente da Casa vivendo seu mais doloroso baixo-astral , para comentar sobre os 15 anos do Real, cuja realidade é outra. E que seria bem pior sem as políticas econômicas estabelecidas pelo ministro Mantega.

Como não poderia deixar de ocorrer, o ‘príncipe, sabendo-se sob holofotes da mídia, sua siamesa, aproveitou para tecer comentários contra as medidas econômicas que o Governo Federal premiado internacionalmente vem usando para debelar a chamada crise econômica internacional.

Fingindo não querer falar sobre o estágio de sucesso em que o Senado está exposto, saiu-se com um: “Eu prefiro, realmente, em homenagem ao Senado que vai falar sobre o Real, não falar sobre essas coisas porque é muito desagradável”. Mas foi escorregando naquela coceirinha invejosa, e disfarçou: “Em casa de enforcado não se fala em corda”. Depois, não aguentou a ladeira da inveja mesclada com a amnésia-governamental, e mandou ver: “Um tanto perplexo”.

O ‘príncipe’ está “um tanto perplexo” com o estágio mal-dito em que está fixado neste exato momento, o Senado. Eis o motivo porque não queria falar: ele esqueceu o Senado que ele manipulou em suas duas gestões que não existiram. Ele esqueceu como a reduzida oposição não conseguia aprovar nada contrário aos seus interesses e seus pares ambiciosos. Ele esqueceu da quantidade de CPI’s que foram abortadas contra suas gestões. Por isto está “perplexo’. Como se encontra em estado de amnésia-governamental, este Senado de agora, ele não reconhece, em seus corpus-corrompidos, elementos constitutivos de seus des-governos. Assim, ele aparece diante de sua amnésia como um Senado desconhecido para ele, que está vendo pela primeira vez.

Este Fernando é um ‘príncipe’ mesmo. Só que em sua ‘nobreza’ amnésica, ele também esqueceu o povo, mas só que o povo não tem amnésia social para não desejar a democracia.

PRACIANO ACUSA AMAZONINO DE CUMPLICIDADE COM O SINETRAM

O deputado federal Francisco Praciano (PT) disse hoje que o “atropelamento” do decreto municipal Nº 190 do prefeito Amazonino Mendes (PTB), por parte dos empresários do transporte coletivo de Manaus, revelou a cumplicidade existente entre Prefeitura e Sinetram. Os empresários do transporte coletivo adiantaram a proibição do pagamento em dinheiro da passagem de ônibus do dia 1º de agosto para ontem, descumprido decreto municipal.

Segundo o deputado, os empresários mandam e desmandam, porque sabem que não serão penalizados. “O empresário está bastante à vontade com o Amazonino, porque sabe que o prefeito está do lado deles. Manaus virou ´Casa da Mãe Joana`. A cumplicidade entre Prefeitura, Câmara e Sinetram é nítida”, acusou.

De acordo com Praciano, a prova disto está no fato de o prefeito não conferir a planilha das empresas antes de mexer nos direitos do estudante. “Os empresários disseram que a meia-passagem está impactando negativamente o sistema, mas o prefeito ao invés de conferir as contas das empresas para saber se é verdade, fez o contrário. Ele foi logo retirando o direito, comprando briga com os estudantes em defesa dos empresários”, criticou.

Praciano chamou Amazonino de “raposa velha e felpuda”, pelo fato de ter esperado o recesso parlamentar e estudantil, momento em que todos estão desmobilizados, para só então restringir o uso da meia-passagem.

Fonte: sítio do deputado Francisco Praciano

MINHA CASA, MINHA VIDA TERÁ INSCRIÇÃO PELA INTERNET

Procurando atender reclamações de pessoas que se habilitam para inscrição do Programa Minha Casa, Minha Vida, e encontram grandes filas para consumar as inscrições, por isso acreditam que o uso da Internet poderia melhor atendê-las. O presidente Lula, no Programa Presidente Responde, prometeu que “as áreas específicas do governo serão acionadas para o estudo e a possível adoção desta alternância”.

Os atendimentos de inscrições estão sendo feitos nas Agências e pelo telefone 0800-726-1010 da Caixa Econômica Federal.

PRÓ-MORADIA: NOVA REGULAMENTAÇÃO

A partir de hoje, dia 7, a Instrução Normativa nº 16, de 4 de maio de 2007, do Ministério das Cidades, será substituída pela Instrução Normativa nº 31, publicada hoje no Diário Oficial.

É a nova Regulamentação do Pró-Moradia, Programa de Atendimento Habitacional Através do Poder Público, que é oferecido a quem tem renda familiar de até R$ 1.395,00, programa que visa atender às populações em situações de vulnerabilidade social.

EMBARCAÇÕES SOB NOVO REGULAMENTO

Para evitar, ou diminuir, acidentes comuns que ocorrem em embarcações como queimaduras, escalpos proporcionados pelos eixos e hélices destas embarcações, e tornar a fiscalização mais precisa, o Governo Federal publicou hoje, dia 7, a norma que torna obrigatório o uso de protetores nos motores.

Sancionada pelo vice-presidente, José Alencar, a Lei 11.970, que passa a vigorar, com mais alguns artigos, em trinta dias, altera a antiga Lei 9.537, de 1997.

DAS PENAS DA LEI

Segundo a nova norma reguladora, os proprietários de embarcações que deixarem de cumpri-la à risca estão arriscados a receber as seguintes punições:

  • Multa

  • Reincidência: multa triplicada

  • Embarcação apreendida

  • Habilitação cancelada

Aí, passageiro, verifique se a embarcação que você está navegando está devidamente dentro das normas. Pele e cabelo são dois patrimônios corporais valiosíssimos. Muito cuidado. Se queimadura do sol, que é natureza, dói pacas, sem falar das sequelas, imagine queimadura de motor. É melhor não imaginar. E os cabelos escalpelados? Que dor e tristeza. Muito cuidado, mana. Aqui no Amazonas é comuníssimo este tipo de acidente, e como é doloroso seu tratamento. Muito cuidado, mano e mana. O poeta luso Fernando Pessoa, estava certíssimo, “Navegar é preciso”, mas com cabelo e pele é bem melhor.

Com informações da Agência Brasil

PT PUNE SEU “LADO DIREITO” MAS NÃO ESCAPA À SUJEIÇÃO REACIONÁRIA

A Executiva Estadual do Partido dos Trabalhadores realizou neste domingo último uma reunião, em que tratou de duas pautas, uma relativa à atual relação com a prefeitura sub judice da dupla Amazonino/Souza, e outra às eleições 2008.

1. A RELAÇÃO GENÉTICA DE ALGUNS PETISTAS COM A GESTÃO AMAZONINO/SOUZA

Na primeira pauta, a relação de alguns membros do partido com a gestão Amazonino. O atual Secretário Municipal de Desenvolvimento Econômico Local é o pedagogo Vital da Costa Melo (a última foto, aqui), que foi defendido à época pelo também petista e também dirigente sub judice (do sindicato dos metalúrgicos), Waldemir Santana, igualmente próximo à prefeitura atual.

Por 24 votos a 5, ficou decidido que os membros do partido que mantenham relações diretas com a prefeitura de Amazonino e Souza devem optar: ou abraçam a direita tradicional e se afastam do PT, ou se mantém no partido e abandonam o sonho dourado do cargo de confiança. Não há terceira opção, embora estes possam ainda recorrer à executiva nacional para se manter servindo a dois senhores.

Evidentemente, não se pode esperar da executiva estadual do partido um entendimento para além da imagem do pensamento hierarquizado. Daí não terem levado em consideração que num plano que ultrapassa o político e toca o existencial, estes membros já decidiram há muito tempo, e à revelia da executiva estadual, do estatuto do partido e das linhas intensivas ético-estéticas que permitiram o surgimento do Partido dos Trabalhadores, que pertencem ao lado direito da mesa, tanto no plano municipal quanto estadual. Fato é que o líder do governo Braga na ALE é o próprio presidente da executiva estadual, deputado Sinésio Campos.

Este bloguinho já havia falado sobre as relações direitistas de membros do partido que se aproximavam institucionalmente ou por afinidades existenciais à gestão Amazonino/Souza.

2. PUNIÇÃO AOS “INFIÉIS” NAS ELEIÇÕES 2008

A segunda pauta da reunião tratou da punição aos integrantes do partido que não apoiaram a candidatura do deputado federal Francisco Praciano à prefeitura de Manaus. São nove os “infiéis”, dentre eles o ex-braço direito de Serafim, Marcus Barros, e o ex-secretário municipal de direitos humanos, também na gestão Serafim, Jorge Guimarães. Marcus Barros, à certa altura das especulações pré-eleitorais, chegou a declarar que seria candidato a vice na chapa de Serafim à reeleição.

Ao final da votação, a executiva estadual decidiu afastar do partido os nove “infiéis” pelo período de um ano, quando não poderão falar em nome do partido nem exercer nenhum cargo interno. Eles devem ainda sofrer uma espécie de reprimenda pública por terem abertamente apoiado uma outra candidatura quando o partido, democraticamente, e através de prévias, decidiu pela candidatura própria.

Igualmente, trata-se de uma questão que já se havia decidido na prática no ano passado. O próprio presidente da executiva estadual, Sinésio Campos, tentou, em vão, abortar a candidatura própria do partido, se colocando como candidato nas prévias do partido, e sendo derrotado por Praciano, após rumores de que, caso vencesse a indicação, abdicaria em favor de um apoio à candidatura oficial do governo do estado (Omar Aziz). Sinésio ainda tentou, quando o segundo turno polarizou a disputa entre duas vertentes da direta tradicional no Amazonas, impedir que o partido se posicionasse contra as forças reacionárias que se aglutinaram à candidatura de Amazonino. Sinésio, através da executiva estadual, tentou inclusive impedir o uso da imagem de Lula pelo então candidato, Serafim Corrêa.

PTAM E O FANTASMA DO SUJEITO

Quanto uma instituição não carrega como potência ativa em suas linhas constitutivas uma afetividade libertadora, abre espaço para que os microfascismos se movimentem em cristalizações que, pouco a pouco, imobilizam. É o caso de praticamente todos os partidos políticos do Brasil. Embora a maioria, sabemos, não tenha sequer surgido de uma composição de afetos, saberes e dizeres autônomos e comunitários.

No caso do PTAM, fica claro que as punições têm um viés muito mais personalista que institucional, e evidenciam a predominância no partido de linhas duras de paralisia do movimento intensivo democrático. Embora, ainda se possa dizer que existam movimentos intensivos no partido, inclusive no Amazonas, tem predominado no partido essa subjetividade de subserviência aos interesses personificados. É essa parte do PT que se sujeitou, virou sujeito (Oh!, My Darling!), que tem necessidade de punição a membros considerados historicamente ligados ao partido, evidenciando a contaminação. Os dois estão “certos”.

QUANTO VALE A LÍNGUA DE ARTHUR?

Disse a Renan que se tiver que ser hoje será. Se alguém tiver autorização para fazer isso, que faça. É uma notícia grotesca me imaginar processado pelo PMDB. Se querem me calar terão que cortar minha língua ou decepar minhas mãos. Essa seria a única forma de me calar.”

Mais uma produção verborrágica modelo estereótipo do senador Arthur 5% “Orgulho do Amazonas” Neto, ao ser notificado, por fontes ocultas, que seria processado pelo PMDB, por decoro parlamentar. A acusação emerge da denúncia publicada pela imprensa, no caso particular, a revista semanal Isto é, em que Agaciel e seus amigos afirmam que o próprio Agaciel depositou R$ 10 mil na conta de Arthur quando o mesmo teve problemas com seu cartão quando se encontrava em viagem a Paris em 2003. Além das acusações de possuir funcionário fantasma, e os gasto com tratamento de sua mãe, que ultrapassaram o determinado pelo Senado.

Diante da ameaça, Arthur foi célere e presenteou o público brasileiro com sua verve rocambolesca. O público, como bom gozador, já imaginou o ator sem língua no Senado. Fato que não se deve, nem sob tortura, imaginar. O Senado precisa da língua de Arthur. Como o Brasil vai passar uma semana sem ouvir os modelos clichês de Arthur, acompanhado de seus maneirismos? Impossível. No espaço cênico do Senado, com marcação específica para dramalhões, não podem faltar nenhum dia personagens como Arthur, Heráclito Fortes, Mão-Santa, Agripino este nos tira o tino , entre outros.

Mas, em sua prosopopéia plautiana, Arthur nos oferece um consolo: sua língua pode não ser cortada, mas sim suas mãos. Um consolo para seu grande fã clube. Arthur, mudo, mas balançando os braços, como Chacrinha balançava a pança.

O PREÇO DAS LÍNGUAS

No folguedo político/econômico/social/étnico maranhense, o Bumba-Meu-Boi, em dois quadros da encenação popular, a língua do Boi surge como elemento relevante da festa. Quando Pai Francisco é acusado de ter roubado o Boi para dá para sua mulher, Catirina, a língua que está desejando, por se encontrar grávida, e quando, no final do maravilhoso espetáculo, o Amo do Boi vai vender a língua do Boi para a Dona da Casa.

Como se pode observar, e entender, nos dois quadros a língua surge, bilíngue, com um valor. No primeiro como o valor-maternal: Catirina precisa comer a língua do Boi para continuar a gravidez e conceber um belo Chiquinho. A exaltação do amor de mãe. E mãe é mãe, e em termos de valor, tem o mais superior. Ai daquele que negar a uma mãe a sua natureza de parturiente. No segundo, surge o valor propriamente capitalista: o preço da língua no mercado bovino. Neste, a língua se encontra embrulhada no fetichismo comercial como objeto reificado: não é mais propriamente a língua, órgão biológico urrante, é nada mais que um valor. E como no capitalismo o valor tem sempre um valor que não é o valor do objeto, a língua do boi exacerba o mercado.

Entretanto, no significante língua-valor, o objeto língua tem a mesma finalidade: satisfação orgânica. Tanto a Catirina como a Dona da Casa comem a língua. Agora, no caso do Arthur, saltam duas interrogativas: cortada sua língua, qual será seu preço no mercado, já que se trata de uma língua muito bem usada durante sete anos no Senado, como instrumento de repetição de clichês, e o clichê é muito importante para a política? E quem comerá sua língua? O PMDB sozinho? O PMDB junto com boa parte do PT, PC do B, PDT, PSB…? Ou o PMDB venderá a língua para o Serra comer junto com seus apaniguados, como churrasco, ou assada com molho-canela?

A bolsa de ofertas e apostas está aberta. Quem proporcionar o preço justo e acertar quem vai comê-la ganha como brinde uma lambida.

PROTESTO ESTUDANTIL NO SINETRAM

Sou estudante, não sou otário

Não vou pagar a vida mole de empresário

No Sinetram 01 por você.

Clique nas imagens para ampliá-las.

Conforme noticiamos aqui e aqui, a Câmara Municipal de Manaus (CMM Empresarial), como fez ao votar a Emenda dos Pintados na véspera de Natal, aproveitou o recesso escolar para aprovar a Lei 008/2009, que gerou o decreto 0190, o qual modifica com drásticas perdas no que concerne ao direito à meia-passagem para os estudantes de Manaus. Mas ontem houve o retorno às aulas regulares nas escolas estaduais. E logo no primeiro dia de aula, os estudantes se depararam com a impossibilidade de pagar a meia-passagem em dinheiro. Esse erro da dupla Sinetram/Prefeitura — encarnada por Acyr Gurgacz, o homem dos mais de 200 processos, e o prefeito sub judice Amazonino — só fez incentivar mais ainda os ânimos dos estudantes em protestar contra a ditadura legalizada que se instalou no poder público em Manaus.

No Sinetram 02 por você.

Hoje, nos mobilizamos aqui com estudantes para vir aqui na frente do Sinetram por conta dos direitos que não estão sendo respeitados, porque hoje pela manhã os alunos não estavam conseguindo pagar a meia-passagem em dinheiro. Hoje nós tivemos uma queda de 90% nas escolas de alunos que precisam pegar ônibus pra estudar, porque os pais só dão 2 reais para os filhos, que é 1 real da ida e 1 real da volta. E o Sinetram mandou distribuir panfleto nos ônibus e ordenou que a meia-passagem só podia valer se fosse com crédito na carteirinha. Quando foi à tarde o prefeito disse que foi uma pane, quando nós sabemos que isso não foi uma pane. Tudo isso aconteceu porque o Sinetram está com dívidas e fez essa pane para fazer com que os alunos venham nos postos comprar meia-passagem pra poder participar, pra poderem estar indo para as escolas. Aqueles que não tem dinheiro para botar a meia-passagem na carteirinha, estão em casa querendo saber o que podem fazer como atitude mais viável para garantir seu direito. Diz o prefeito Amazonino Mendes que amanhã vai ter catraca livre até meio dia; vamos ver amanhã se isso é verdade, porque até hoje o senhor Amazonino só tá querendo levar os estudantes com a barriga, sempre mentindo para os estudantes. Nós, do movimento estudantil organizado estamos cumprindo o nosso papel, que é o de ir nos postos e convocar os esudantes, porque nós estamos sendo enganados por ele. (Diego Lima, diretor de Escolas Técnicas da União Municipal dos Estudantes Secundaristas – UMES)

Gritando palavras de protesto e munidos de ovos, os estudantes reuniram-se na frente do Sinetram e manifestaram-se contra os ditames do órgão, lançando-os contra a fachada do prédio.

No Sinetram 03 por você.

Nós estamos aqui para defender a meia-passagem, porque é um absurdo a gente pagar 2 reais. A gente não tem somente atividades na faculdade, temos atividades extracurriculares, e por que apenas duas meias-passagens por dia se a gente não usa só duas. Isso é uma sacanagem, porque as propostas de campanha ele não está cumprindo. Ele está fazendo o contrário do que prometeu, e mesmo se ele tivesse prometido isso, nós estudantes não vamos aceitar pagar 2 reais, não vamos aceitar essas restrições de acesso à educação. A gente quer respeito. Vamos continuar as manifestações, porque direito conquistado não pode ser roubado. (Marcela, foto abaixo, acadêmica de Letras da Universidade Federal do Amazonas – UFAM)

No Sinetram 04 por você.

Os estudantes sabem que a “catraca livre” estabelecida por Amazonino é tão somente um ardil do prefeito em gestão cassada para tentar contornar a indignação diante da violência que os estudantes foram impingidos ontem. Mas em nada modifica a Lei aprovada e publicada, que restringe o direito dos estudantes. A população, de maneira geral, envolve-se com a questão e apoia, muitas pessoas que estavam dentro do terminal de integração da Av. Constantino Nery aproximaram-se e entraram na discussão, colocando seus pontos de vista e tentando auxiliar no protesto, que transcorreu de forma pacífica, baseado no diálogo, embora aos tiranos não sejam afeitos a tal, com os estudantes fazendo pequenas trovas e músicas em demonstração de humor e entendimentos.

No Sinetram 05 por você.

NOVA MANIFESTAÇÃO PREVISTA

Próxima quinta-feira (09/07), conglomeração na frente do Sinetram (Av. Constantino Nery, próximo ao Terminal 1)

Horário: 10h da manhã

Passeata até a Prefeitura de Manaus

O dinheiro do meu pai não é capim

Eu quero pagar meia sim!

Eu quero, eu quero

Eu quero pagar meia sim!


USAR O CONTROLE REMOTO É UM ATO DEMOCRÁTICO!

EXPERIMENTE CONTRA A TV GLOBO! Você sabe que um canal de televisão não é uma empresa privada. É uma concessão pública concedida pelo governo federal com tempo determinado de uso. Como meio de comunicação, em uma democracia, tem como compromisso estimular a educação, as artes e o entretenimento como seu conteúdo. O que o torna socialmente um serviço público e eticamente uma disciplina cívica. Sendo assim, é um forte instrumento de realização continua da democracia. Mas nem todo canal de televisão tem esse sentido democrático da comunicação. A TV Globo (TVG), por exemplo. Ela, além de manter um monopólio midiático no Brasil, e abocanhar a maior fatia da publicidade oficial, conspira perigosamente contra a democracia, principalmente, tentando atingir maleficamente os governos populares. Notadamente em seu JN. Isso tudo, amparada por uma grade de programação que é um verdadeiro atentado as faculdades sensorial e cognitiva dos telespectadores. Para quem duvida, basta apenas observar a sua maldição dos três Fs dominical: Futebol, Faustão e Fantástico. Um escravagismo-televisivo- depressivo que só é tratado com o controle remoto transfigurador. Se você conhece essa proposição-comunicacional desdobre-a com outros. Porque mudanças só ocorrem como potência coletiva, como disse o filósofo Spinoza.

Acesse esquizofia.wordpress.com

esquizofia.wordpress.com

CAMPANHA AFINADA CONTRA O

VIRTUALIZAÇÕES DESEJANTES DA AFIN

Este é um espaço virtual (virtus=potência) criado pela Associação Filosofia Itinerante, que atua desde 2001 na cidade de Manaus-Am, e, a partir da Inteligência Coletiva das pessoas e dos dizeres de filósofos como Epicuro, Lucrécio, Spinoza, Marx, Nietzsche, Bergson, Félix Guattari, Gilles Deleuze, Clément Rosset, Michael Hardt, Antônio Negri..., agencia trabalhos filosóficos-políticos- estéticos na tentativa de uma construção prática de cidadania e da realização da potência ativa dos corpos no mundo. Agora, com este blog, lança uma alternativa de encontro para discussões sociais, éticas, educacionais e outros temas que dizem respeito à comunidade de Manaus e outros espaços por onde passa em movimento intensivo o cometa errante da AFIN.

"Um filósofo: é um homem que experimenta, vê, ouve, suspeita, espera e sonha constantemente coisas extraordinárias; que é atingido pelos próprios pensamentos como se eles viessem de fora, de cima e de baixo, como por uma espécie de acontecimentos e de faíscas de que só ele pode ser alvo; que é talvez, ele próprio, uma trovoada prenhe de relâmpagos novos; um homem fatal, em torno do qual sempre ribomba e rola e rebenta e se passam coisas inquietantes” (Friedrich Nietzsche).

Daí que um filósofo não é necessariamente alguém que cursou uma faculdade de filosofia. Pode até ser. Mas um filósofo é alguém que em seus percursos carrega devires alegres que aumentam a potência democrática de agir.

_________________________________

BLOG PÚBLICO

Propaganda Gratuita

Você que quer comprar entre outros produtos terçado, prego, enxada, faca, sandália, correia, pé de cabra ou bola de caititu vá na CASA UYRAPURU, onde os preços são um chuchu. Rua Barão de São Domingos, nº30, Centro, Tel 3658-6169

Pão Quente e Outras Guloseimas no caminho do Tancredo.
PANIFICADORA SERPAN (Rua José Romão, 139 - Tancredo Neves - Fone: 92-8159-5830)

Fique Frio! Sabor e Refrescância!
DEGUST GULA (Avenida Bispo Pedro Massa, Cidade Nova, núcleo 5, na Rua ao lado do DB CIdade Nova.Todos os dias).

O Almoço em Família.
BAR DA NAZA OU CASA DA VAL (Comendador Clementino, próximo à Japurá, de Segunda a Sábado).

Num Passo de Mágica: transforme seu sapato velho em um lindo sapato novo!
SAPATEIRO CÂNDIDO (Calçada da Comendador Clementino, próximo ao Grupo Escolar Ribeiro da Cunha).

A Confluência das Torcidas!
CHURRASQUINHO DO LUÍS TUCUNARÉ (Japurá, entre a Silva Ramos e a Comendador Clementino).

Só o Peixe Sabe se é Novo e do Rio que Saiu. Confira esta voz na...
BARRACA DO LEGUELÉ (na Feira móvel da Prefeitura)

Preocupado com o desempenho, a memória e a inteligência? Tu és? Toma o guaraná que não é lenda. O natural de Maués!
LIGA PRA MADALENA!!! (0 XX 92 3542-1482)

Decepcionado com seus desenganos? Ponha fé nos seus planos! Fale com:
PAI GEOVANO DE OXAGUIÃ (Rua Belforroxo, S/N - Jorge Teixeira IV) (3682-5727 / 9154-5877).

Quem tem fé naõ é um qualquer! Consultas::
PAI JOEL DE OGUM (9155-3632 ou paijoeldeogum@yahoo.com.br).

Belém tá no teu plano? Então liga pro Germano!
GERMANO MAGHELA - TAXISTA - ÁGUIA RADIOTAXI - (91-8151-1464 ou 0800 280 1999).

E você que gostaria de divulgar aqui seu evento, comércio, terreiro, time de futebol, procurar namorado(a), receita de comida, telefone de contato, animal encontrado, convites diversos, marocagens, contacte: afinsophiaitin@yahoo.com.br

Outras Comunalidades

   

Categorias

Arquivos

Blog Stats

  • 4.243.261 hits

Páginas

Arquivos