Arquivo para 22 de julho de 2009

DOAÇÕES IRREGULARES DE EMPRESAS NAS ELEIÇÕES DE 2006

Mais de 100 pessoas jurídicas que fizeram doações irregulares nas eleições de 2006 estão na lista encaminhada pela Justiça Eleitoral ao Ministério Público Eleitora do Amazonas (MPE/AM), que, por sua vez, encaminhou as representações contra estas pessoas jurídicas ao Tribunal Regional Eleitora (TRE/AM).

A lista é resultado das informações fiscais operadas pela Receita Federal relativas a doadores que excederam os limites legais e que tiveram os dados de suas doações cruzados com o valor dos rendimentos apresentados na declaração do Imposto de Renda. Com estas informações, a Receita Federal encaminho-as ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

O QUE DIZ O ARTIGO 81 DA LEI Nº 9.504/74

  • A pessoa jurídica só pode doar 2% de seu faturamento bruto do ano anterior.

  • A pessoa física só pode doar 10% do rendimento bruto, de acordo com o artigo 23 da mesma Lei.

DAS MULTAS ELEITORAIS

  • O doadores irregulares, sejam pessoas jurídicas ou pessoas físicas, pagarão multas no valor cinco vezes superior à quantia doada em excesso.

  • Empresas com doações irregulares serão proibidas de durante cinco anos participarem de licitações públicas e celebrar contratos públicos.

Segundo o MPE, as determinações devem ser comunicadas ao Ministério do Planejamento, Ministério da Fazenda e Controladoria Geral da União.

Lei, que no entendimento do mais simples eleitor, impede que doadores calculistas tirem proveitos em seus benefícios do dinheiro público, com o conluio dos representantes legislativos eleitos fraudulentamente.

É mais um grande avanço para a democratização real do Brasil, não é mano?

AS 7 MARAVILHAS DA NATUREZA QUE ELA NÃO SABE

O homem é natureza. Naturado ele é racional. Racional ele cria um mundo artificioso. Cria valores ideais e materiais. Age e julga segundo estes valores. Assim, seleciona, classifica e hierarquiza seus objetos e idéias. É sua antropomorfização de seu mundo, e aí, também, da natureza. A natureza é significada por estes valores antropomorficantes.

Mas a natureza em si mesma não tem valores. Como Substância causa e efeito de si mesma, com seus atributos e modus de ser, ela se movimenta em devires múltiplos se engendrando como continuum infinito. Univocidade de sua própria manifestação. Intensidade que os signos mistificados e mitificados produzidos pelo homem não podem capturar. Por tal, na natureza nada é belo e nada feio, nada é bom e nada é mau, nada é perfeito e nada é imperfeito, nada expressa a máxima subjetiva humana. Antes do homem ser engendrado na terra, ela já insistia (movimentava-se) em sua Vontade de Potência inesgotável, sem precisar de nenhum predicado, ou pressuposto que a identificasse como sendo isto ou aquilo. Necessário ou supérfluo.

AS 7 MARAVILHAS PARA O HOMEM

Movido por sua própria produção moral, representada por uma estética judicativa, o homem, não satisfeito com seu narcisismo cultural, que atribui a si mesmo ser de ‘teológica’ genialidade capaz de criar obras arquitetônicas, e depois classificá-las como as “maiores maravilhas do mundo”, como se ele fosse um deus estranho a estas obras, resolveu classificar as composições naturais de maravilhas, segundo seus próprios reflexos narcísicos.

Desta forma, selecionou entre 77 modus de ser da Substância Natureza-Naturante, 28 considerados como maravilhas da natureza de onde escolherá 7 a serem anunciadas, em 2011, como representantes das maravilhas da natureza. Votação de escolha feita pela internet.

Embora a iniciativa seja do suíço Bernard Weber, entretanto tem a aprovação e o incentivo de vários seguimentos ligados à abstração classificadora do capital.

E para nossa preocupação, a natureza brasileira também se encontra arrolada nesta abstração classificatória. Entre o Grand Canyon (nos Estados Unidos), Grande Barreiras de Recifes (na Oceania); Mar Morto, Oriente Médio e Monte Kilimanjaro (na Tanzânia), encontram-se a Amazônia e as Cataratas do Iguaçu.

Um fato preocupante para a Amazônia, já que a maioria daqueles que falam de sua preservação, de sua biodiversidade, e de sua exploração sustentável são movidos por idéias místicas e míticas produzidas pelas ilusões e sonhos da razão. Abstrações que nada carregam de científico, filosófico, e muito menos ético. Para esta maioria, a natureza tem uma causa exterior a si, como afirma o filósofo, Clément Rosset. O que ofusca um entendimento racional da natureza. Pois quando não lhe atribuem uma causa teológica, atribuem-lhe causa naturalista, nunca uma concepção do acaso.

Classificada entre as 7 maravilhas, aí que vai exacerbar o entendimento abstrato da Amazônia que têm os ‘políticos’, principalmente do Amazonas, que vêem em qualquer enunciado favorável à Amazônia um julgamento de valor aos seus atos, sejam legislativos ou executivos. Dirão eles: “Agora, além da Copa, vamos atrair muitos turistas e investimentos com a Amazônia incluída nas 7 Maravilhas da Natureza”. Entendimento que coloca em maior perigo a própria Amazônia.

ESTUDO REVELA O ALTO ÍNDICE DE VIOLÊNCIA CONTRA OS JOVENS

O Índice de Homicídios na Adolescência (IHA) é um estudo desenvolvido pelo Observatório de Favelas, pela Secretaria Especial dos Direitos Humanos da Presidência da República (SEDH), pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) e pelo Laboratório de Análise da Violência da Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ) divulgado ontem, apresentando índices preocupantes. Entre eles, a estimativa de que cerca de 33 mil assassinatos entre jovens de 12 a 18 anos ocorrerão no período de 2006 a 2012.

A SEDH, através de sua subsecretária dos Direitos da Criança e do Adolescente, Carmen Oliveira, reconheceu a falta de políticas públicas para se evitar a violência contra os adolescentes, e comprometeu-se em buscar dialogar mais fortemente com os governos municipais e estaduais para diagnosticar focos e motivos dos altos índices de violência e estudar as possibilidades de intervenção para impedir que essas violências aconteçam:

Isso significa que teremos 13 mortes diárias por assassinatos de adolescentes. Considerando a preocupação brasileira com a gripe suína, em que cada morte é contabilizada dia a dia, é importante que a sociedade tenha a mesma indignação e preocupação com essas vidas perdidas na adolescência.” (Agência Brasil)

Seguindo essa análise, o professor Inácio Cano, do Laboratório de Análise da Violência da UERJ, observou que os poderes públicos acabam interessando-se mais em preservar o patrimônio público do que em priorizar a vida. “Está na hora de o Brasil mudar suas prioridades”, avaliou ele.

MENINOS NEGROS FAVELADOS”

O estudo também revela que o risco de ser assassinado na adolescência é 2,6 vezes maior para negros em relação a brancos e é 11,9 vezes maior para adolescentes do sexo masculino que do sexo feminino.

Quem fez essa observação foi Raquel Willadino, coordenadora do Programa de Redução da Violência Letal do Observatório de Favelas: “são meninos, negros e moradores de favelas ou de periferias dos centros urbanos. Segundo ela, há ainda forte relação com o tráfico de drogas”.

TOMADA DE POSIÇÃO

Pelas características dos adolescentes descritas acima, sabe-se que o problema da violência contra os jovens brasileiros é histórico, vindo no rastro da escravidão e secular favelização do Brasil, sendo antes de tudo de ordem institucional.

Mais do que os alarmes quanto à situação, revelada agora neste estudo fundamental, mas há muito conhecida de quase todas as comunidades das cidades brasileiras, o IHA serviu como o primeiro documento que coloca essa situação de forma real, numa perspectiva de ações para fragmentação dessa realidade objetiva massacrante e revelação de uma outra realidade.

Por isso, é fundamental a forma com que Lula observa a questão: “Acho que é verdade, que ainda faltam muitas políticas públicas para que a gente comece enfrentar o problema da violência.” Ele salientou a necessidade de criar trabalhos adequados para os jovens e, principalmente, para os pais desses jovens, estando a questão, nesse caso, muito ligada às questões de desestruturação familiar.

Ou seja, a partir desse estudo, é necessário e urgente a tomada de posição na criação de projetos distantes de simulações policialescas e paliativas (como o Galera Nota 10, em Manaus) e que, ao contrário disso, promova a possibilidade de oportunidades para que os jovens utilizem sua alegria e sua inteligência de forma atuante que não possa ser interrompida em seu movimento.

O pior crime dos homens maus é interromper

a infância das crianças.”

(Jean-Luc Godard)

POR FORA DE FUTEBOL

Por fora de futebol

“Eu entro em campo para ser feliz.”

Valdivia, craque chileno.

Trave ####\\\\\\\\\\\ LAÇOS DE AMIGOS

Contam que a partida corria solta. Os dois times empatando e a vontade dos dois conseguirem um gol. Lá se foi o primeiro tempo, e nada de gol. Veio o segundo, os times se esforçando e nada de gol. Última volta do ponteiro, o juiz marca um pênalti. Reação geral do time vitimado contra o juiz. Confusão infernal. Empurra dali, empurra de lá. Conversa daqui, conversa de lá. E nada. O time vitimado não queria deixar bater o penal. Era uma grande armação do juiz. O tempo rolando e a Dendeca não rolava.

Até que o centro-avante do time premiado com o penal, muito amigo do goleiro do time vitimado, resolveu levar um lero com o amigo. Chegou no amigo e disse que tinha um encontro logo depois do jogo, mas do jeito que a onda ia indo, ia perder a gata, e que ele bem poderia dar uma força falando com seus companheiros para deixarem bater o penal, e que se eles concordassem, ele bateria e chutaria pra fora.

Bom de argumento, o goleiro conseguiu que os companheiros de equipe deixassem bater o penal. Dendeca na marca da cal, juiz contente com a situação contornada, apitou, o centro-avante correu para Dendeca e… mandou ver um petardo. Dizem que até hoje o goleiro está correndo atrás de seu grande amigo centro-avante para lhe meter a porrada. Por isso, se você ver na rua um cara correndo e outro atrás, não se meta. Podes crer que são os dois amigos tentando unir os laços.

Trave OO|§§§§§§§§ BRASILEIRÃO B A B A B A BA A B A B A B

Convenhamos que tenha sido assim. Começa o jogo e o time da casa toma iniciativa de ir para cima do visitante. O visitante se defende. Lá para os seis minutos e alguma coisa, Marcos Denner, do de casa, entra, chuta a Dendeca, e ela vai se esparramar na rede. A peleja continua com o visitante querendo reagir, mas que nada. O de casa se mostra mais afoito. Termina o primeiro ‘time’.

Conversas com os professores, vem o segundo decisivo. O do Denner está melhorando na tabela e quer a vitória para melhorar mais. Vai para cima do visitante, que se defende e arrisca alguns contra-ataques. Numa das decidas do time do Denner, surge uma bobeira, o atacante perde a bola, é tramado um contra, jogador visitante cruza do meio do campo pela direita na carreira do companheiro pela esquerda, é Donizete, Donizete manda ver… Dendeca vai se beijar com o manto. Empate. A labuta continua, mas não é algo que se diga que é, pelos menos, uma partida razoável. Chega aos 43 minutos e alguma coisa. Falta pela direita do ataque do Denner. Cobrança cruzada na cabeça de Xavier. Ta lá. O time do Denner comemora. Gol no fim da partida é a glória. O time do Donizete, dá saída, bola no meio do campo pela direita do ataque do time Donizete, cruzamento para esquerda nas costas de Gatomortelli, Dendeca passa por sobre sua cabeça, pula em sua frente, e ele, quase como bate pronto, manda ver. Emergiu o futebol. Ação, companheiros, os dois times passam a jogar. Uma partida salva por 4 minutos de futebol. 4 minutos valeram os ingressos.

Convenhamos que foi assim, o empate de 2 para cada lado, entre Juventude e Ipatinga.

Era a 13ª Rodada. Enquanto a Dendeca corria nos pampas, a Dendeca corria nas terras do nosso Padim Ciço Romão. Contam que foi uma noite boa para a prática do esporte bretão. Só que não foi presenteada pelo time conterrâneo do Padim.

A força sertaneja compondo com o litoral forçava um bom moral. Veio. A Fortaleza mostrou sua fortaleza: levou a Dendeca até o seu alojamento, acompanhada por Marcelo Nicécio. Entretanto, foi desguarnecendo sua frente. Não deu outra. Lá voltou para Bragança o Bragantino com dois gols, Kadu e Pedro Henrique, e três pontos ganhos em terras cearenses, que filou com 1, e com os mesmos pontos.

Moral da partida: Nem sempre o tempo bom para prática do esporte bretão, é bom para os de casa, onde o tempo se faz.

PERNADAS DO FUTEBOL

,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,Em entrevistas, o presidente do Palmeiras, economista-professor Belluzo, andava deixando transparecer que o técnico interino, Nelsinho, iria ser contrato como titular. Não era para menos. Como na lógica do futebol de mercado o que importa são resultados, Nelsinho estava mais do que ‘lógico’: um empate e quatro vitórias (ou 5?). Nada que lembrasse o tempo do ‘Luxembuste’. Mas não é por acaso que o futebol profissional é semelhante à ‘política’. Em ‘política’, os caras dizem uma coisa e fazem outra. Não deu outra. Beluzzo contratou Muricy. Agora, Nelsinho e o elenco dos jogadores que estavam lutando por sua permanência encontram-se no cada um cuide de si.

,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,Eles sempre choram. Eles sempre voltam. Cristian e André Santos, ex-corintianos, choraram ao se despedir dos colegas. Choraram por que vão ganhar mais. Prometeram voltar ao Timão. Voltarão para o time que pagar mais. O Ronaldo, jaca que cai, voltou. Para o que melhor pagou. Sabedorias do futebol, fora do romantismo piegas.

,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,‘Luxembuste’ quer ajudar a melhorar o Brasil. Pode ser candidato ao Senado nas eleições de 2010. Diz que talvez seja o Santos a última equipe que dirija. Nas especulações por qual partido ele irá se candidatar, há quem afirme ser provavelmente o PT, já que levou o filho de Lula para o time peixeiro como preparador físico. Deve ser a ala do PT PSDB.

MAIS UM BARCO CAPITALIZANDO A MORTE NO RIO

Mais uma vez um naufrágio no Amazonas em situação de visível negligência quanto aos serviços oferecidos por embarcações no porto de Manaus, que acaba gerando acidentes e mortes de passageiros. Ano passado foram dois no primeiro semestre, um em Itacoatiara e outro em Manacapuru, ambos com dezenas de mortes.

Agora foi o barco Karolina do Norte, numa situação que demonstra, conforme noticiado na mídia local e nacional, mais estúpida ainda. O barco, que partia de Manaus em direção a Santarém, no Pará, por volta de 13h, assim que saíra do porto, retornou a um local denominado Estaleiro do Careca, sendo içada com os passageiros a bordo. O barco tombou, resultando na morte de duas pessoas, uma menina de 8 anos e uma mulher de 71, e deixando várias feridas.

O RIO E O CAPITAL

Além da total imprudência realizada na manobra, os passageiros comentam que o barco, com capacidade para 180 pessoas, estaria com mais de 300 a bordo.

No ano passado, quando do naufrágio do Comandante Sales, escrevemos sobre a falta de responsabilidade que ocorre com o transporte de passageiros nos rios do Amazonas e mesmo nas imediações do porto internacional de Manaus. É este texto que deixamos aqui novamente, no qual a única modificação está no nome da embarcação, porque o fato é o mesmo.

É a fúria do rio, diria um Ferreira de Castro ou um realista retrógrado da inexistente literatura amazonense, os antropomorfizadores da natureza. Mas a questão é mesmo da ordem do capital. O que interessa é o lucro proveniente do maior número de passageiros; corre-se o risco de se navegar em locais impróprios, em condições impróprias, em embarcações sem a mínima condição para a navegação. Portanto, os homens utilizam o rio para sua locomoção, mas não querem observar racionalmente as condições adequadas para isso, daí todos estes naufrágios que se sucedem, sempre com um grande número de vítimas fatais. Mas o rio não é furioso, não é revoltoso, nem calmo, não tem como carregar nenhuma culpa. A questão é para ser resolvida entre os homens, na modificação do olhar que um homem tem sobre outro não apenas como meio de atingir um fim. O lucro. Neste caso do barco Comandante Sales, uma das questões é como uma embarcação com tantos problemas estava ainda navegando. Enquanto isso, a vida humana vem sendo negligenciada no seu navegar.

ABGLT APÓIA CASSAÇÃO DE REGISTRO DE PSICÓLOGA HOMOFÓBICA

Como já foi colocado na coluna “O Mundo é Gay!”, deste bloguinho, a questão da homofobia é menos legal que “cultural”, no sentido de que se trata de modos de subjetivação que passam por interdições de ordem cognitivo-epistemológicas que impedem o livre fluxo dos afetos, permitindo o estabelecimento das relações malogradas do microfascismo, terreno fértil para os enunciados do capital.

É o caso do enunciado teológico que perpassa setores conservadores das igrejas, principalmente as chamadas evangélicas, mas não somente, e que submetem outras enunciações ao código castrador do Deus ciumento e vingativo dos hebreus.

No entanto, quando se trata de uma profissão, principalmente quando regulada pelo estado laico, a questão não pode, de maneira alguma, ficar a cargo da discussão moral. Trata-se de legalidade e cientificidade, num plano mais amplo que apenas o do método científico.

É o caso da Psicologia, que tem todo um estatuto legal para o exercício da profissão, regido pelo Conselho Federal. Há exatos dez anos, uma resolução, a 01/99, proíbe a patologização da homossexualidade, punindo aqueles profissionais que pretendem “curar”o “homossexualismo”. É o caso da psicóloga missionária (sic), Rozangela Justino, cujo caso vai a julgamento no próximo dia 31.

Como forma de manifestação, a ABGLT está organizando um abaixo-assinado, pedindo a suspensão dos direitos de atuação profissional da psicóloga, que já conta com 25 representantes de entidades nacionais ligadas à prevenção da AIDS, direitos humanos e movimento LGBT.

Quem quiser participar, assinando, deve enviar emeio para presidencia@abglt.org.br, com nome da organização, cidade, estado e nome do representante.

Abaixo, a íntegra do abaixo assinado:

ABAIXO ASSINADO

Nós, organizações abaixo relacionadas, vimos nos manifestar publicamente para pedir que seja cassado o registro profissional da psicóloga Rozângela Alves Justino, a qual será julgada no dia 31 de julho/2009 pelo Conselho Federal de Psicologia (CFP) por afirmar ser possível curar pessoas LGBT e ter confirmado que curou pacientes homossexuais em suas terapias. A Resolução n°01/99 do CFP proíbe há 10 (dez) anos os psicólogos de tratarem a homossexualidade como doença e, portanto, impede estes profissionais de realizar atendimentos que visem curar seus pacientes.

Nós, organizações abaixo-assinadas, somos a favor da cassação pelo Conselho Federal de Psicologia do registro profissional da Sra. Rozângela Alves Justino.

AGTLA Associação de Gays Transgêneros e Lésbicas de Anápolis      / Anápolis – GO /       Cícero Aparecido da Silva

APPAD- Associação Paranaense da Parada da Diversidade / Curitiba – PR / Márcio Marins

Artêmis – Associação Paranaense de Lésbicas / Curitiba –PR /Kelly Vasconcellos

Associação Brasileira Interdisciplinar de AIDS (ABIA) /Rio de Janeiro – RJ /Claudio Oliveira

Associação das Travestis da Paraíba – ASTRAPA / João Pessoa – PB /Felipe Santos

Centro de Educação Sexual – CEDUS / Rio de Janeiro –      RJ /Roberto Pereira

Centro de Referência em Direitos Humanos e Combate a Homofobia de João Pessoa/PB/ João Pessoa-PB/Felipe Santos

Centro Paranaense da Cidadania / Curitiba-PR/Igo Martini

Coletivo Setorial do Partido dos Trabalhadores da Paraíba / João Pessoa-PB/Felipe Santos

Dom da Terra / Curitiba-PR/Márcio Marins

E-Sampa /São Paulo-SP/Flávio Orsollan

Famílias Alternativas / Diversas (grupo virtual) / Maria Rita Lemos

Grupo CORSA / São Paulo-SP / Lula Ramires

Grupo de pais homossexuais (G-Pai-H) / São Paulo-SP / Vera Moris

Grupo Dignidade / Curitiba-PR / Rafaelly Wiest

IPEC/FIOCRUZ / Rio de Janeiro-RJ / Nilo Martinez Fernandes

LEPPA/HESFA/UFRJ / Rio de Janeiro-RJ / Elizabeth Cristina da Silva Fernandes

Libertos Comunicação / Belo Horizonte-MG / Osmar Rezende

MGS – MOVIMENTO GAY E SIMPATIZANTE DO VALE DO AÇO /    Ipatinga-MG /Antonio Carlos Lopes

Movimento D’ELLAS / Rio de Janeiro- RJ /  Yone Lindgren

Programa para America Latina y el Caribe de la Comision Internacional de los Derechos Humanos para Gays y Lesbianas – IGLHRC / Buenos Aires / Marcelo Ernesto Ferreyra

Rede de Negras e Negros LGBT – REDE AFRO LGBT / João Pessoa-PB / Felipe Santos

Transgrupo Marcela Prado / Curitiba-PR / Carla do Amaral

SAIBA MAIS:

No próximo dia 31 de julho, o Conselho Federal de Psicologia (CPF) vai decidir se cassa o registro profissional da psicóloga Rozângela Alves Justino.

Justino enfrenta julgamento pelo Conselho por desrespeitar a Resolução n°01/99 do CFP, que proíbe já há 10 anos os psicólogos de tratarem a homossexualidade como doença e, portanto, impede estes profissionais de realizar atendimentos que visem curar seus pacientes.

Justino tem afirmado repetida e publicamente ser possível curar pessoas LGBT e confirmado que curou “centenas” de pacientes homossexuais em suas terapias nos últimos 21 anos.

Reportagem da Folha de São Paulo publicada em 14/07 atribui a seguinte afirmação a Justino: a homossexualidade “é uma doença. E uma doença que estão querendo implantar em toda sociedade. Há um grupo com finalidades políticas e econômicas que quer estabelecer a liberação sexual, inclusive o abuso sexual contra criança.”

Vale relembrar que a Organização Mundial da Saúde retirou a homossexualidade da classificação internacional de doenças em 1990, e que essa decisão entrou em vigor em 1993. Ainda, o Conselho Federal de Medicina já havia tomado essa mesma decisão em 1985, em relação especificamente em relação ao Brasil.

A Associação Brasileira de Gays, Lésbicas, Bissexuais, Travestis e Transexuais (ABGLT), vem solicitar seu apoio para distribuir o abaixo-assinado anexo para ONG, Fóruns e outras entidades contrárias à atuação de Justino na sua conduta profissional em relação aos homossexuais, para que seja cassado seu registro profissional de psicóloga.


USAR O CONTROLE REMOTO É UM ATO DEMOCRÁTICO!

EXPERIMENTE CONTRA A TV GLOBO! Você sabe que um canal de televisão não é uma empresa privada. É uma concessão pública concedida pelo governo federal com tempo determinado de uso. Como meio de comunicação, em uma democracia, tem como compromisso estimular a educação, as artes e o entretenimento como seu conteúdo. O que o torna socialmente um serviço público e eticamente uma disciplina cívica. Sendo assim, é um forte instrumento de realização continua da democracia. Mas nem todo canal de televisão tem esse sentido democrático da comunicação. A TV Globo (TVG), por exemplo. Ela, além de manter um monopólio midiático no Brasil, e abocanhar a maior fatia da publicidade oficial, conspira perigosamente contra a democracia, principalmente, tentando atingir maleficamente os governos populares. Notadamente em seu JN. Isso tudo, amparada por uma grade de programação que é um verdadeiro atentado as faculdades sensorial e cognitiva dos telespectadores. Para quem duvida, basta apenas observar a sua maldição dos três Fs dominical: Futebol, Faustão e Fantástico. Um escravagismo-televisivo- depressivo que só é tratado com o controle remoto transfigurador. Se você conhece essa proposição-comunicacional desdobre-a com outros. Porque mudanças só ocorrem como potência coletiva, como disse o filósofo Spinoza.

Acesse esquizofia.wordpress.com

esquizofia.wordpress.com

CAMPANHA AFINADA CONTRA O

VIRTUALIZAÇÕES DESEJANTES DA AFIN

Este é um espaço virtual (virtus=potência) criado pela Associação Filosofia Itinerante, que atua desde 2001 na cidade de Manaus-Am, e, a partir da Inteligência Coletiva das pessoas e dos dizeres de filósofos como Epicuro, Lucrécio, Spinoza, Marx, Nietzsche, Bergson, Félix Guattari, Gilles Deleuze, Clément Rosset, Michael Hardt, Antônio Negri..., agencia trabalhos filosóficos-políticos- estéticos na tentativa de uma construção prática de cidadania e da realização da potência ativa dos corpos no mundo. Agora, com este blog, lança uma alternativa de encontro para discussões sociais, éticas, educacionais e outros temas que dizem respeito à comunidade de Manaus e outros espaços por onde passa em movimento intensivo o cometa errante da AFIN.

"Um filósofo: é um homem que experimenta, vê, ouve, suspeita, espera e sonha constantemente coisas extraordinárias; que é atingido pelos próprios pensamentos como se eles viessem de fora, de cima e de baixo, como por uma espécie de acontecimentos e de faíscas de que só ele pode ser alvo; que é talvez, ele próprio, uma trovoada prenhe de relâmpagos novos; um homem fatal, em torno do qual sempre ribomba e rola e rebenta e se passam coisas inquietantes” (Friedrich Nietzsche).

Daí que um filósofo não é necessariamente alguém que cursou uma faculdade de filosofia. Pode até ser. Mas um filósofo é alguém que em seus percursos carrega devires alegres que aumentam a potência democrática de agir.

_________________________________

BLOG PÚBLICO

Propaganda Gratuita

Você que quer comprar entre outros produtos terçado, prego, enxada, faca, sandália, correia, pé de cabra ou bola de caititu vá na CASA UYRAPURU, onde os preços são um chuchu. Rua Barão de São Domingos, nº30, Centro, Tel 3658-6169

Pão Quente e Outras Guloseimas no caminho do Tancredo.
PANIFICADORA SERPAN (Rua José Romão, 139 - Tancredo Neves - Fone: 92-8159-5830)

Fique Frio! Sabor e Refrescância!
DEGUST GULA (Avenida Bispo Pedro Massa, Cidade Nova, núcleo 5, na Rua ao lado do DB CIdade Nova.Todos os dias).

O Almoço em Família.
BAR DA NAZA OU CASA DA VAL (Comendador Clementino, próximo à Japurá, de Segunda a Sábado).

Num Passo de Mágica: transforme seu sapato velho em um lindo sapato novo!
SAPATEIRO CÂNDIDO (Calçada da Comendador Clementino, próximo ao Grupo Escolar Ribeiro da Cunha).

A Confluência das Torcidas!
CHURRASQUINHO DO LUÍS TUCUNARÉ (Japurá, entre a Silva Ramos e a Comendador Clementino).

Só o Peixe Sabe se é Novo e do Rio que Saiu. Confira esta voz na...
BARRACA DO LEGUELÉ (na Feira móvel da Prefeitura)

Preocupado com o desempenho, a memória e a inteligência? Tu és? Toma o guaraná que não é lenda. O natural de Maués!
LIGA PRA MADALENA!!! (0 XX 92 3542-1482)

Decepcionado com seus desenganos? Ponha fé nos seus planos! Fale com:
PAI GEOVANO DE OXAGUIÃ (Rua Belforroxo, S/N - Jorge Teixeira IV) (3682-5727 / 9154-5877).

Quem tem fé naõ é um qualquer! Consultas::
PAI JOEL DE OGUM (9155-3632 ou paijoeldeogum@yahoo.com.br).

Belém tá no teu plano? Então liga pro Germano!
GERMANO MAGHELA - TAXISTA - ÁGUIA RADIOTAXI - (91-8151-1464 ou 0800 280 1999).

E você que gostaria de divulgar aqui seu evento, comércio, terreiro, time de futebol, procurar namorado(a), receita de comida, telefone de contato, animal encontrado, convites diversos, marocagens, contacte: afinsophiaitin@yahoo.com.br

Outras Comunalidades

   

Categorias

Arquivos

Blog Stats

  • 4.243.164 hits

Páginas

Arquivos