Arquivo para outubro \22\-04:00 2009



POR FORA DE FUTEBOL

Por fora de futebol

“Eu entro em campo para ser feliz.” (Valdívia, craque chileno)

||||||||||||||||||||||||||||||Bola que não rola, cria limo! |||||||||||||||||||||||||||

Trave ######## BRASILEIRANÇA A B A B A A B B A B A

PALMEIRAS, O BAGAÇO!

Mesmo com Obina, Palmeiras segue a triste sina

Mesmo com Obina, Palmeiras segue a triste sina

Dizem que o bagaço da cana é tão importante quanto o suco. Pode ser verdade. O bagaço serve como matéria combustível. Mas para queimar precisa de energia. Fogo, por exemplo. Talvez aí esteja o dilema bagaceiro do Palmeiras: não tem fogo. Não tem energia para queimar. Bagaço por bagaço, não gera propulsão. O Palmeiras precisa de propulsão.

Como bagaço, chupado em três partidas, o Periquito entrou no estádio petista Bruno Daniel, para enfrentar o operário na zona fria do rebaixamento. O periquito queria voar. Se afastar da ameaça dos inimigos logo atrás de si. Mas esqueceu que o operário queria ir ao paraíso. Não deu outra. Em ritmo de bagaceira, sem concatenação de jogada, sem combinação coletiva e, acima de tudo, ousadia e criatividade, o Periquito sentiu a força de produção do operário em duas dendecadas amadas pelo mesmo Nunes. Duas dendecadas, coisa de Pet. Os outros já tocam em suas penas. Dependendo dos jogos de sábado e domingo, o Periquito pode ou não se ouriçar. Ou melhor, se depenar. Mas Muricy promete evolução no elenco. Para ele não há crise, como pretendem certos jornalistas. Muricy, não quer que o tempo se transforme em tempo de murici que cada um cuida de si. Muricy, quer confiança, desempenho de seus comandados. Que tenham mais atenção nas partidas para não permitir facilidade aos adversários. Tudo que Muricy quer. Mas não será que nas quatros partidas anteriores, em que o Periquito tomou três carraspanas e um sabacu, ele já não queria tudo isso de seu time? Periquitos esperam que não.

Coisa de vascaínos. Estes cruzmaltinos, convictos que já se encontram na primeirona, andam tirando sarro das Urubuzudas. Falam que depois da vitória do Santo André sobre o Periquito, ficou provado que o Mengão não está com a bola toda que acredita está. É o Palmeiras que é um bagaço, e ninguém respeita ele. Responde Pet.

Trave /////////////// SUDAMERICANA

Fogão foi ao Paraguai enfrentar o Cerro, muito confiante para fazer bonito se preparando para enfrentar o Mengão no começo da semana, ganhar e se afastar da zona friamente arrepiante do rebaixamento. Mas qual o quê. Em uma partida em que os braços e mãos deram a nota do placar, tomou duas dendecadas e fez só uma. Perdeu. E o pior. Enquanto perdia descia ao frio arrepiante da desclassificação. A vitória do Santo André sobre os bagaceiros elevou os operários para a confiança no paraíso, e empurrou o Fogão ao limbo do Brasileirança.

Mas há uma esperança para o Fogão. Como o Fogão é fogo, e a zona é fria, é possível que ele esquente a zona secando o frio e escape. Só que os outros três também saem do frio.

Na outra partida, jogando em casa, o River, do Uruguai, não fez vazar água para sua necessidade futebolística. Levou uma dendecada do São Lourenço, da Argentina, do técnico “tranqüilo”, Simeone.

Hoje é a vez do Flusão pegar a Universidade do Chile. Quem ver verá.

,,,,,,,,,,,,,,,Você é jogador e violeiro? Certo. Como você consegue conciliar as duas atividades? Eu jogo por música.

PARA LIBERTAR O VOTO

A democracia representativa, como regime político determinado pelo Estado Ocidental, carrega um discurso que, embora tenha como fundamentação o conceito de direito do povo, também se constitui como corpo social clivado por uma moralidade que se mostra como seu próprio elemento interno antagônico. O que impede que a democracia representativa seja a expressão do conteúdo dos desejos de todos, e sim a expressão dos conteúdos de alguns.

Essa moralidade que cliva o corpo social se manifesta através das reações mitificadas e mistificadas que grande parte da sociedade carrega. São as reações supersticiosas e imaginativas que impulsionam esta grande parte da sociedade à dependência a uma personagem tomada por ela como uma espécie de benfeitor. Aquele que conduz o consolo, a recompensa, o alívio, a dedicação e o reconhecimento. Uma conduta que faz a superstição negar a fórmula do filósofo Hegel de que o real é racional, e o racional é real.

Percorrendo todos os quadrantes históricos do território Ocidental, essa moralidade dogmatizada se instalou como forma de consciência real e passou a ser o modelo de relações sociais que permeiam o regime democrático representativo. Fundada, então, como real, o sujeito-eleitor passou a ter um entendimento de que seu voto é uma força para confirmar e assegurar este real. Assim sendo, como o real não é racional, todas a tentativas de soluções perseguidas nessa sociedade são falsas, já que não sendo essa sociedade racional, os problemas ditos democráticos são falsos problemas.

OS FALSOS PROBLEMAS E OS EXPLORADORES

São considerados como falsos problemas aqueles cujas soluções não foram produzidas pelo desejo racional da sociedade, mas por forças do inebriamento que os elementos místicos e míticos impuseram à percepção e ao entendimento como realidade. E é nessa ordem da percepção e do entendimento ofuscados que emergem os candidatos que usam estes elementos como objetos de sedução do voto. É nesse zona fronteiriça entre o real e o supersticioso que agem, principalmente, os candidatos tele-sacerdotes. A zona inebriada do sofrimento, onde o voto encontra-se preso vitimado pela ausência de racionalidade.

É nessa zona que se tem que produzir outras formas de percepções e cognições, afetos e saberes, para que as forças mistificadoras e mitificadoras enfraqueçam para o voto emergir livre como potência racional democrática. E o sujeito-eleitor possa examinar sua situação no mundo e agir como sujeito-eleitor criador histórico da democracia. Caso contrário, mesmo com políticas públicas realizadas, ele se manterá na zona inebriada, sempre vitimado, e em posição passiva à espera dos tele-sacerdotes Sabino, Tabosa, Socorro Sampaio, Conceição Sampaio, Marcos Rota, Dirce Sales, Nonato Oliveira, Henrique Oliveira, e – esperamos que não -, os irmãos Souza.

Desta forma, emergido livre como sujeito-eleitor real até as forças opressoras comandadas pelos responsáveis pelas administrações das concessões públicas dos meios de comunicação enfraquecerão, e assim estas concessões se constituirão em produtoras da comunicação-cidadania.

FALAS DE MENDES CONTRA LULA E DILMA É RECHAÇADA POR MARCO AURÉLIO GARCIA

Em entrevista no programa 3 a 1, da TV Brasil, o Assessor Especial para Assuntos Internacionais da Presidência da República, Marco Aurélio Garcia, respondeu às perguntas formuladas pelos jornalistas Roberto Maltchik, repórter da TV Brasil, Helena Chagas, diretora de jornalismo da EBC, e Eliane Cantanhêde, da Folha de São Paulo.

O tema principal da entrevista girou em torno das declarações proferidas pelo ministro Gilmar Mendes, presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), que opinando sobre as viagens de Lula para inspecionar as obras da transposição do Rio São Francisco, sentenciou: “É uma questão que terá de ser examinada. Muito do que está se fazendo sorteios, entrega de brindes tem características de campanha. Estão testando a Justiça Eleitoral e o Ministério Público Eleitoral. É uma situação que, se se tornar repetida e sistêmica, há de merecer reflexão. É uma viagem feita com recursos públicos. Nem o mais cândido dos ingênuos acredita que isso é uma fiscalização de obras”.

Respondendo às perguntas sobre o que sentenciara o ministro Gilmar Mendes, o Assessor Especial para Assuntos Internacionais, Marco Aurélio Garcia, respondeu: “O presidente do STF, em geral, deve falar nos autos, não deve falar em outras ocasiões, na minha modestíssima opinião”.

Segundo Marco Aurélio Garcia, está havendo “confusão” quanto a algumas ações de políticos que são eventuais candidatos, como ocorre na oposição com Serra e Aécio Neves, que, para ele, também devem ser objeto de investigação da Justiça Eleitoral. Sobre o assunto, ele se expressou: “De qualquer maneira, se a gente for examinar a conduta dos dois governadores em seus estados, Serra, em São Paulo, e Aécio, em Minas Gerais, essa conduta poderia ser perfeitamente qualificada como conduta que produz efeitos colaterais. É muito difícil para quem conhece o presidente Lula que ele passe discretamente fazendo uma inspeção pelo Rio São Francisco. Se isso tem efeito eleitoral? Tem efeito. Se o governo fizer uma bobagem qualquer, e às vezes faz, isso tem efeito eleitoral e negativo”.

Para quem deseja assistir a entrevista em sua íntegra, ela será apresentada hoje às 23 horas na TV Brasil.

ENEM: PROVA NÃO TERÁ DUAS VERSÕES, AFIRMA MEC

Em nota, o Ministério da Educação (MEC) afirma que o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) não terá duas versões de provas. Para o ministério, “não há qualquer conjectura para tal procedimento”.

Este, o enunciado da nota:

O Ministério da Educação esclarece que a informação veiculada no portal G1, às 15h58 de hoje, de que o MEC estuda aplicar duas versões de Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) nos dias 5 e 6 de dezembro próximo, é totalmente improcedente. Não houve a reunião anunciada. Nem há qualquer conjectura para tal procedimento. As provas já estão sendo impressas na gráfica, acompanhadas por funcionários do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep), desde domingo passado.”

PT E PMDB SÃO CHAPA PARA ELEIÇÕES DE 2010

Em jantar ocorrido no Palácio da Alvorada, e com a aquiescência de Lula, o PT e o PMDB compuseram a chapa para as eleições de 2010. Como já se sabia, a ministra da Casa Civil, Dilma Rousseff, sairá como candidata à Presidência da República. Quanto à vice Presidência, ficará com um membro do PMDB. Possivelmente, o presidente da Câmara dos Deputados, no momento em licença, Michel Temer, que se esquiva quando lhe perguntam sobre o tema.

Entretanto, como estratégia, os dois partidos não falam em composição de chapa, eufemisticamente chamam de pré-acordo que só será fechado definitivamente com as realizações das convenções que acontecerão nos períodos pré-eleitorais.

Por seu lado, tentando desconversar, Michel Temer disse: “O nome será fruto das circunstâncias políticas a serem definidas ano que vem”. Em sua opinião, o certo seria a formação de uma coalizão com todos os partidos da base de sustentação do governo Lula. “Seria útil que se tivesse um bloco com uma candidatura e mais um bloco com outra. Seria útil para os costumes políticos do país”.

Para o presidente do PT, Ricardo Berzoini, que de acordo com sua posição a ideia é ter o PT e o PMDB como cabeça de chapa, mas em união com todos os partidos que apoiam o governo do presidente Lula, a aliança mostra “o acúmulo político desses três anos do governo Lula com uma coalizão mais consistente e pragmática”.

AMAZÔNIA É PRIORIDADE PARA NOVO MINISTRO

Orientado pelo presidente da República, o novo ministro da Secretaria de Assuntos Estratégicos, embaixador Samuel Pinheiro Guimarães, ao tomar posse no cargo, afirmou que vai trabalhar com todos os órgãos federais e com o Ministérios do Meio Ambiente para concentrar esforços para segurança, preservação e desenvolvimento da Amazônia.

SAE vai trabalhar em conjunto e não de forma paralela com os demais órgãos do governo federal. Temos que definir um plano de preservação do bioma e também de garantias de qualidade de vida pra 25 milhões de pessoas que vivem naquela área”, considerou em seu discurso.

Com o objetivo de definir as estratégias e os planos de atividades para o ministério, Samuel Guimarães marcou para hoje, dia 21, reunião com toda equipe da SAE. Entretanto, o novo ministro ainda não anunciou sua equipe de trabalho, e nem quem será seu secretário executivo.

Em seu discurso dirigido à Samuel Guimarães, o presidente Lula disse que ele tem que elaborar uma plano completo de ações de governo até 2022. Por sua vez, o ministro afirmou que “terá muito trabalho pela frente”. E completou, contente, que “definitivamente o futuro não existe isoladamente”.

PÂNICO DA JOVEM PAN FAZ DUO DE SABERES COM MARA MARAVILHA

marampb3

A ex-cantora e apresentadora de televisão laica – ou profana? -, concorrente da Xuxa na cacocomunicação infantilizada – paralisia cognitiva da infância -, no momento cantora gospel, Mara Maravilha, em entrevista ao programa pânico de hoje, dia 20, fez duo de saberes com a equipe de Emílio, o apresentador-mor da edição.

Em clima de total descontração musical e intelectual, o duo foi contagiante em harmonia de saberes. Todavia, o programa não fez jus ao seu nome: Pânico. Não causou pânico, apenas se mostrou como realmente é: previsível. Mesmo com toda contribuição dada pela sagrada entrevistada.

Mara Maravilha, entre redenção e lucro, comentou que com tantos discos lançados jamais antes fora premiada. Pontuou sua transição da música laica para a gospel e sua descoberta de Deus. O quanto Ele lhe mostrou o caminho do amor, da paz e da solidariedade. Disse que continua amando as crianças, que fazem parte do objetivo de suas canções teológicas.

Com tanta harmonia pânica, chegou o momento da catarse do programa. Mara Maravilha, maravilhada com seus iguais, deu-se ao luxo de conjecturar origens, gêneses, como falou. Entre névoas diabólicas, afirmou que quem criara a música fora “Lúcifer, o grande regente”. O anjo mais belo na hierarquia de Deus, e que cobiçava seu lugar. Segundo Mara, Lúcifer regia para seduzir as almas e levá-las para o inferno, onde havia “caído”, de acordo com a vontade de Deus.

PARA MARA E PÂNICO, GUTENBERG INVENTOU A ESCRITA

Mas o melhor estava para acontecer. Mara se fez professora de História do Jornalismo. Afirmou que quem inventou a escrita fora Gutenberg. “Quem estudou jornalismo sabe disso”, afirmou convicta, acompanhada por seu backing-vocal. Disse que, a partir da invenção da escrita por Gutenberg, a palavra de Deus pode ser levada até o povo; antes só os governantes, sacerdotes e profetas conheciam. Também com a escrita foi possível a arte de Lúcifer, a música, ser divulgada com o objetivo de seduzir as almas. Assim, é possível divulgar músicas que fazem apologia às “lésbicas, homossexuais”. E o backing vocal sem pânico, só em harmonia, com seu “humor” tira broncas da limitação intelectual.

Ao contrário do que possa imaginar o purista, a questão não é ser sábio da cultura inútil. Saber que Johann Gutenberg inventou a prensa lá para as bandas dos 1450, aurora das novas subjetividades nos discursos renascentista, iluminista, reformista, capitalista, “morte de Deus”. E que, se a escrita tivesse sido inventada no século XV, não haveriam as filosofias antigas e muito menos a Bíblia, livro sagrado da Mara/Pânico. E, de quebra, tudo que os sumérios, mesopotâmicos, egípcios, gregos e romanos escreveram também não existiriam. A questão é que a Mara e o Pânico podem influir no resultado da avaliação de alguns estudantes que vão participar do Enem. Vai que eles faltaram a aula de História Geral sobre o conteúdo “Transformação do Mundo Ocidental a partir de Gutenberg”, e apareça na prova a pergunta: “Quem inventou a escrita?” E eles, como escutaram o Pânico/Maravilha, vão responder: “Gutenberg”. Resultado: Bomba, meu! Quantos a menos nas universidades públicas?

Ouvintes do Pânico não suspeitam que o humor apresentado na Jovem Pan é o mesmo do Caceta: sem vigor. Sustentado por discriminações, preconceitos, culpas, ressentimentos, rancores, a re-cognição da “besta loura”, como afirma Nietzsche. Como também não suspeitam que a tentativa de caricaturar Lula, com o personagem “Molusco”, é um recurso próprio de quem esconde sua limitação intelectiva. Pior ainda, não suspeitam que o Emílio, comandante do Pânico não é o Emílio, educando, do filósofo Rousseau. Também nada a ver com o cantor Emílio Santiago. Assim, de insuspeita em insuspeita, estes ouvintes, crentes do Pânico/Mara, estão pebados no Enem.

Nesta cacopedagogia do purista, a cultura inútil não serve para nada. Saber que Gutenberg inventou a prensa e não inventou a escrita, obra dos sumérios, não move o mundo. Só move a masturbação do professor que goza ao reprovar um aluno que não respondeu certo sua pergunta inútil. No mais, o Pânico foi previsível em duo com Mara. “Palmas para dar IBOPE” (Ednardo)!

CNJ REVELA 5 MILHÕES DE PROCESSOS GUARDADOS

O Conselho Nacional de Justiça (CNJ), em exame minucioso no Judiciário, descobriu 5 milhões de processos que já haviam sido julgados, mas permaneciam sem ter recebido baixa. Ainda encontrou 5,2 milhões de ações anteriores esperando há quatro anos julgamento.

Nestes casos, a preocupação maior do Conselho Nacional de Justiça é que um processo julgado, mas não dado baixa, aparece para justiça como se ainda estivesse pendente. Assim como continua com a ficha suja um réu que, embora tenha sido absolvido, não foi dado baixa em seu processo. Já o efeito da sentença não depende da baixa. Mesmo que um processo não conste nas estatísticas dos pendentes, uma condenação passa a vigorar no momento da publicação do acórdão.

Convicto da importância do trabalho que vem executando o CNJ com os planos das Metas, Gilson Dipp, corregedor nacional de Justiça, afirmou: “O CNJ não persegue ninguém, não é um órgão de repressão. Estamos trabalhando apenas no problema mais grave do Judiciário, que é a falta de planejamento e gestão.”

Com a implantação do regime da Meta 2, os magistrados já julgaram 1,4 milhão (27%) do total de 5,2 milhões de ações identificadas como pendentes. Para os próximos dois meses faltam 3,8 milhões: os tribunais regionais do trabalho das 11ª, 13ª, 14ª, 16ª e 22ª regiões, pelos Tribunais Regionais Eleitorais (TRE’s) do Amapá e do Acre e pelo Superior Tribunal Militar (STM), segundo o CNJ.

O ESTADO DEVE DESCULPAS AOS TORTURADOS

O ministro da Secretaria Especial dos Direitos Humanos da Presidência da República, Paulo Vanucchi, participando da Conferência Internacional Sobre Direito à Verdade promovida pelo Núcleo de Estudos da Violência da Universidade de São Paulo, afirmou que o Estado Brasileiro deve, para completar sua história, buscar dados que esclareçam os pontos obscuros sobre a prática de tortura no Brasil. Para ele é preciso localizar e identificar os restos mortais dos desaparecidos políticos e dar os nomes dos responsáveis pela violação dos direitos humanos.

Em seu pronunciamento, o ministro Paulo Vanucchi disse que “em nenhum desses casos, houve a recuperação histórica de reconstruir e reconhecer formalmente, enquanto Estado, que ocorreu isto, e, o Estado, de pedir desculpas e demonstrar estruturas que garantam a não repetição dessas violências nunca mais. Essas violações devem ser tratadas com maturidades, serenidade, sem espírito revanchista, sem querer reabrir as fissuras de um passado que todos hoje condenamos. A impunidade realimenta, porque as pessoas torturam e falam que nenhum torturador foi condenado no Brasil. E quando começa a ver a condenação por tortura, o torturador para de torturar por medo da punição”, sentenciou.

Como proposta do encontro, foi defendida a criação de uma comissão federal sobre as violações aos direitos humanos no período da ditadura militar.

ENADE: LOCAIS DAS PROVAS

O Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (Enade) de 2009, que contará com as participações de estudantes do final do primeiro ano de curso – ingressantes -, e do último ano de curso – concluintes –, acontecerá no dia 8 de novembro, às 13h, horário de Brasília.

Os cursos de graduação, que serão avaliados este ano, são: Administração, Arquivologia, Biblioteconomia, Ciências Contábeis, Ciências Econômicas, Comunicação Social, Design, Estatística, Música, Psicologia, Relações Internacionais, Secretariado Executivo, Teatro e Turismo.

Também serão avaliados pela primeira vez os cursos superiores de tecnologia em Design de Moda, Estatística, Relações Internacionais, Gastronomia, Gestão de Recursos Humanos, Gestão de Turismo, Gestão Financeira, Marketing e Processos Gerenciais.

Os alunos que colaram grau até o dia 31 de agosto e os que estiverem matriculados e cursando atividades fora do Brasil, na data da realização do exame, estão dispensados.

Os estudantes ingressantes e concluintes que se encontram em situação irregular com os exames anteriores devem procuram resolver suas situações para poderem participar do exame de 2009.

Os estudantes poderão checar os locais das provas pela internet.

MUNTAZER AL ZAIDI CRIA FUNDAÇÃO PARA VÍTIMAS DE GUERRA

Bush não foi de todo mal. Um micro pedacinho de sua política nazista serviu para alguma coisa. A demonstração internacional de eficiência em esquivar-se de sapatos, que rendeu ao sapatóbolo sua prisão e condenação, permitiu também ao lançador fama internacional. Desta forma, o jornalista sapatóbolo, Muntazer Al Zaidi, conclamado mundialmente com honras de herói por seu ato político-pisante, resolveu unir seu engajamento político contra o Estado imperial norte-americano, quando teve Bush, como seu presidente, à sua notoriedade e criou uma Fundação para Vítimas de Guerra.

O anúncio da criação da Zaidi Fundation foi feito em Genebra. Em entrevista, Al Zaidi afirmou criar a “fundação humanitária que tem como objetivo ajudar todas as vítimas da ocupação no Iraque. Pretendo ajudar em primeiro lugar os milhares de órfãos que o conflito deixou, ajudar as viúvas e oferecer um trabalho que possam sobreviver dignamente, além de ajudar a todos os mutilados e deficientes que a guerra gerou”.

Tomando o momento da entrevista como propício para fazer denúncia sobre a tortura sofrida na prisão, Al Zaidi disse: “Fui torturado por iraquianos que estavam sob o comando das forças de ocupação americana”. Segundo ele, até hoje sente as sequelas das torturas. Seu repúdio contra Bush, que representou a opinião de bilhões de pessoas no mundo, mesmo com todo sofrimento que passou, serviu para produção de uma política de solidariedade materializada em sua Zaidi Fundation. Mas ele sabe que a tirania não acabou com a saída de Bush do comando norte-americano. Ela tem várias faces, e cabe ao povo iraquiano agir de forma que no futuro não precise mais serem criadas outras Fundations.

JOEL SANTANA DEIXA O COMANDO DA ÁFRICA DO SUL

Em Johanesburgo, hoje, dia 10, o presidente da Confederação de Futebol Africano, Kirsten Nematandani, convocou os jornalistas esportivos, para em entrevista coletiva anunciar a demissão do técnico brasileiro Joel Santana, do comando da seleção da África do Sul que disputará a Copa de 2010, como anfitriã.

Em mais de um ano no comando da seleção da África do Sul, o técnico Joel Santana participou, com sua equipe, em 27 partidas, sendo que ganhou 10, empatou 3 e perdeu 14. Já há alguns meses os observadores do futebol sul-africano e dirigentes vinham mostrando descontentamento com o trabalho do técnico brasileiro. Materializado, principalmente, nos resultados. Na Copa das Confederações ocupou o magro quarto lugar. Em sua última participação como técnico, a seleção sob seu comando perdeu para a Islândia por 1×0.

Para Joel Santana, a experiência em comandar uma seleção de um país africano deve ter sido muito boa, mas para o povo sul-africano foi deveras frustrante.

Com a volta de Joel Santana para o Brasil já tem tricolor torcendo para que o Fluzão contrate-o.

PRAÇA NA PRAÇA COM ZÉ DO POVO

As disputas pelas presidências estadual e municipal do Partido dos Trabalhadores começaram. Sábado os candidatos lançaram seus nomes em convenções. Cada candidato, de acordo com seu entendimento e compromisso democrático, procurou fazer seu lançamento em territórios por eles considerados mais representativos da democracia.

Praciano, candidato da estadual, Zé Ricardo, candidato da municipal, lançaram suas candidaturas na praça da Matriz. Lá onde o povo se movimenta em sua presença real. Lá onde as confluências de interesses sociais e perspectivas de existências se cruzam como forma de testemunho do que é a cidade de Manaus e o Estado do Amazonas. Lá onde não há como falsificar a Democracia.

Na praça, onde ela “é do povo como o céu é do Condor”, como afirma o poeta Castro Alves, os dois petistas enunciaram suas propostas e conversaram com os transeuntes sobre os temas que mais afetam as populações de Manaus, do Amazonas e do Brasil. Poderia se dizer que as eleições são decididas pelos membros filiados do PT, que votam, e não pelos moradores da cidade de Manaus que passavam pelo local, ou não. Mas os dois candidatos acreditam que mesmo sendo eleições de filiados, quem reflete a democracia pura e as armadilhas perpetradas e executadas contra ela é o povo. Daí, suas políticas “de encontro ao povo”.

Já por parte dos outros candidatos, deputado estadual Sinésio Campos e o senador – suplente de Alfredo, ministro dos Transportes – João Pedro, as convenções foram realizadas em locais formalizados pela consciência oficial. O deputado Sinésio, líder do governo direitista Eduardo Braga, apoiado em sua candidatura à presidência do partido pelo próprio governador, orientado pelo seu entendimento de democracia, realizou sua convenção no auditório da Assembléia Legislativa, local de expressão histórica do conservadorismo reacionário.

No entendimento do incauto democrático, tanto do PT como do eleitor em geral, estas convenções são meras eleições de nomes de partidários para exercerem cargos em anos determinados. Mas não é. Estas convenções servem para expor aos entendimentos da sociedade como se encontra o PT, o que se pode esperar dele como um Partido democrático e quem verdadeiramente são petistas engajados com as transformações sociais que possam libertar os pobres do sofrimento.

Desta forma, tem-se de um lado Praciano e Zé Ricardo, autores de suas próprias candidaturas junto com o povo, e de outro o PT Oh! My Darling!, aliado da direita representado por Sinésio, candidato do conservador Eduardo Braga, e João Pedro, candidato do também reacionário, ministro dos Transportes, Alfredo Nascimento.

Entendido este mapa atual do PT, infere-se que, economicamente, os Oh! My Darling! têm mais possibilidades de ganhar, não só pelo amparo financeiro, mas porque grande parte dos partidários do partido estão aliados aos dois governos anti-populares de Eduardo Braga e Amazonino. O que se pode também confirmar é a certeza de que foi construído um bloco muito bem fundido pela esquerda Oh! My Darling!, junto com a direita que, hoje, coloca sob ameaça toda tentativa de democratizar o partido, como pretendem Praça e Zé. E nisso, agregado o PC do B, que também foi confiscado pela direita governamental, as convenções em locais muito bem pontuados afirmam que Praça e Zé estão certos democraticamente, mas errados aos My Darling, que só pretendem usufruir com a nulidade do Partido dos Trabalhadores. Tudo que Praça e Zé, juntos ao povo, lutam para não acontecer.

POR FORA DE FUTEBOL

Por fora de futebol“Eu entro em campo para ser feliz.”

Valdívia, craque chileno.

Trave ##########BRASILEIRANÇA A A B A B A B A B A BA B

Petkovic-edmilson-fla-pal-vipcomm-436

EDMILSON VENCIDO, O RESTO PET SABE

ANDRADE E POR FORA DE FUTEBOL PETKOVIC ENGAIOLAM PERIQUITO

Meu, tu és vascaíno, teu time já está na primeirona, pode até não ser o campeão, mas nada disso importa, agora vir dizer que o Mengão não jogou nada, para com isso, despeitado. Que o Mengão não teve um futebol vistoso, criativo, combativo, só jogou com um jogador, o Pet, tudo bem, mas o time ganhou. E sabe por que ganhou? Porque foi melhor que o Periquito. O Andrade sabia qual seria a partida. Montou a equipe de acordo como atua o Periquito, então, não deu outra.

Meu, teu argumento é pobre. O Periquito dominou a maior parte do tempo, e daí? Foi inoperante para operar a vitória. O primeiro gol do Pet foi uma obra de arte do futebol vistoso, solto, alegre, que não tem “medo de ser feliz”. Isto: “Sem medo de ser feliz”. O quê? Futebol não tem nada ver com política? Deixa de ser telespectador da Globo e Spor TV, meu. Se tu continuares assim, o Vascão não vai precisar de tua torcida. Pet quer sempre ser feliz. Por todos os times que passou foi íntegro e dedicado, nada desabona sua conduta de profissional. Ele está com a “certa idade” de jogar como craque.

E o segundo gol? Uma equação matemática. A distância de uma linha reta à um ponto, em velocidade tal, chega no momento calculado em c sobre dois = 1. Ou seja, a velocidade da bola em uma reta passa sobre dois jogadores, e menos um, Marcão, que quando a bola chegou nele já havia entrado no gol. Uma nova forma de construir um gol olímpico. Coisa de Pet. E as Urubuzudas só no gozo do Periquito. Já viu isso, Urubuzudas gozar dentro do Periquito?

Meu, atenta. O Andrade acabou com o Muricy. Ele não sabia o que fazer para chegar na cancha do Mengão. O time não tem pontas. O Andrade sabia disso. O Adriano estava morto, como Diego Sousa também. Só que o Adriano não jogou em função do esquema de Andrade e Pet. O Diego, porque foi ineficiente. E para acabar com a lorota, na partida só tiveram presente dois jogadores. O Wagner Love, pelo Periquito, e o Pet, disparado, pelo Mengão. Aliás, foi o melhor da tarde.

Parabéns, Pet! Você mostrou como serve o futebol da Sérvia.

PRIMEIRO LUGAR DO PERIQUITO É PARASITISMO

Em cinco rodadas, o Periquito é só tristeza, anemia, quando não empata perde. Empata em casa e na rua. Perde na rua e em casa. Alguém perguntaria: “E como um time desses consegue se manter em primeiro lugar no certame? Resposta: Parasitismo! Puro parasitismo! Ele não ganha, mas os mais próximos perdem ou empatam. Ele se mantém às custas dos outros times que perdem.

Quando o Galo vence o São Paulo, no sábado, ele se ajuda, mas ajuda o Periquito. Afasta o santo da segunda colocação ameaçadora ao Periquito. Quando o azulão, Avaí, vence o Goiás, ele ajuda também o Periquito. Até o Fluzão, ao empatar em 2×2 com o Vermelhaço ajuda os ex-verdes. Se o Vermelhão tivesse ganho, a diferença seria apenas de uma vitória. O Periquito é parasita até no uniforme. Jogou em equipamento azul para tentar a força do Avaí. Mas azulão só há um: o próprio Avaí.

Não adianta estrebuchar. O Periquito pode até ser campeão, mas não com galhardia e altivez de um campeão como o Palmeiras de Ademir da Guia, Dudu, Valdir, Tupãzinho, Djalma Santos, Waldemar Carabina, Rivaldo, Evair, etc.

CHEGANDO AO FINAL, TUDO CONTINUA COMO DANTES

O Fogão, que parecia que ia levantar a labareda, arrefeceu e perdeu para a Raposa por uma dendecada. Peixe, sem pitiú, empatou em zerô a zerô com o Baru. Como sempre, jogando em casa, o Grêmio venceu o Coritiba por duas dendecadas. Os operários largaram a força das fábricas e entraram na depressão. Tomaram três dendecadas do Atlético Paranaense, contra nenhuma do André. E o Vitória, para ajudar o Fluzão, que ajudou o Periquito, meteu três dendecadas contra uma dos aflitos que se encontram na zona fria da lembrança da desclassificação.

No mais, nesta rodada, tirando os dois paulistas que empataram em casa, Baru e Peixe, todos os outros paulistas e paulistanos entraram no couro. São Paulo, Palmeiras, Corinthians – levou couro do da zona fria, Sport, em duas dendecadas -, Santo André.

Foi a rodada de amostra da ineficiência do futebol de resultados.

MINISTÉRIO DA SAÚDE MUDA REGRAS PARA AMPLIAR E AGILIZAR TESTAGEM DO HIV

De agências de notícias:

Começam a valer a partir desta sexta-feira, dia 16 de outubro, novas normas para a realização dos testes anti-HIV. A Portaria 151 publicada no Diário Oficial possibilita a inclusão de metodologias mais modernas e muda o fluxograma para análise das amostras de sangue, aumentando as opções para realização dos testes por laboratórios. As novas normas valem para as redes pública e privada de todo o país. Com isso, o Ministério da Saúde vai possibilitar maior agilidade para o diagnóstico da infecção pelo HIV e também poderá permitir maior praticidade para os laboratórios.

Antes, uma amostra de sangue positivo para HIV passava por até três etapas antes da conclusão do resultado. Agora, passará por duas etapas, sem qualquer perda na confiabilidade do diagnóstico. Há também ganho econômico com a redução do número de testes.

O novo documento também abre, pela primeira vez, a possibilidade de se realizar testes com sangue seco, utilizando a coleta em papel-filtro. A principal vantagem do método é o armazenamento da amostra de sangue por até 12 semanas sem refrigeração. Essa metodologia, por sua praticidade, dispensa a necessidade de coleta e transporte especializados, baixando conseqüentemente o custo dos exames. Outra vantagem é que essa metodologia permite o envio de material pelo correio, levando os meios diagnósticos dos centros urbanos aos locais mais distantes onde não há capacidade laboratorial disponível. Tecnicamente as amostras de sangue seco não são consideradas biologicamente infecciosas, o que facilita o manuseio e o transporte até o laboratório.

Outra nova metodologia incluída no rol dos exames é a que utiliza a biologia molecular para detecção do HIV. Essa tecnologia é importante porque identifica o vírus e não os anticorpos produzidos pelo organismo e será utilizada para auxiliar o diagnóstico da infecção pelo HIV em casos de resultados indeterminados, principalmente em gestantes.

Teste Rápido

A forma como se realizam os exames que apresentam o resultado em meia hora também mudará. Na portaria anterior de 2005, o diagnóstico da infecção pelo HIV era realizado com dois diferentes testes rápidos previamente validados pelo Ministério da Saúde. O profissional coletava o sangue na ponta do dedo do paciente e colocava, de forma concomitante, nos dois dispositivos de testagem. Se os resultados fossem os mesmos, o diagnóstico era conclusivo. Se houvesse discordância, era feito um terceiro teste para conclusão. O estudo “Avaliação de testes rápidos para detecção de anticorpos anti-HIV no Brasil”, publicado em 2005, mostrou que praticamente não há discordância entre os resultados dos testes rápidos. A nova portaria preconiza que os testes sejam realizados de forma seqüencial e o segundo será realizado apenas em caso de resultado positivo”.

!!!!! O MUNDO É GAY !!!!!

Oscar Wilde, para quem acredita, está apenas um degrau abaixo de Shakespeare, na literatura inglesa. Lúcido em uma sociedade vitoriana, ele soube fazer visível “o amor que não se deixa dizer o nome”. E viveu tão intensamente quanto as personagens de sua obra. Wilde, nascido a 16 de outubro, 155 anos atrás, ainda corre por aí, com a sua brisa libertadora. Leia.

O HOMOERÓTICO É UMA MINORIA

Calma, menin@s! Não é o que alguns poderiam entender. Minoria não é uma quantificação cognitivamente comparável, tampouco trata-se de uma dissidência identificatória, derivada de um “padrão” social, como entendem alguns ramos da psicologia e da sociologia. Minoria não é “menos”.

É certo que alguns grupos se comportam exatamente como grupelhos. A psicanálise chama a isso identificação com o agressor. Paulo Freire chama hospedar o opressor. Em nosso entendimento, a questão é mais complexa. Trata-se de estar emaranhado a um modo de subjetivação, no qual todos os signos de expressão coletiva estão amarrados semioticamente ao modo de produção do capitalismo. Daí uma improdutividade, uma ressonância, um voz esvaziada. Mais ou menos o mesmo que acontece com os grupos humorísticos de humores biliares: apenas repetem automaticamente os mesmos resíduos da sociedade do consumo, segregando e demarcando os estereótipos e reforçando a relação de identidade/dependência destes grupos que redundam na órbita do Significante Despótico.

É nessa pendência semiótica, nessa armadilha do modo de existir é que se encontra, em nosso entendimento, a questão da dificuldade em combater a homofobia, em todas as suas manifestações.

Por isso, é revelador o texto do jornalista Leandro Fortes, da revista Carta Capital, em seu blog, “Brasília, Eu Vi”, quando ele mostra que a discriminação contra o homoerótico é socialmente mais aceita do que a discriminação contra os negros. Fortes, a partir do que testemunhou no Maracanã, na semana passada, no jogo entre Flamengo e São Paulo, desenhou um panorama das relações de segregação na sociedade brasileira. Vale a pena ler.

Mas vale a pena mais ainda ler o que o texto diz, sem o dizer. Quando Fortes afirma que os homoeróticos são os novos negros, não significa dizer que lhe tomaram o lugar, simplesmente. A história, ou melhor, o momento histórico, é outro. Há que se compreender, por exemplo, que a segregação, no capitalismo de mercado, não se dá por simples exclusão, mas por uma inclusão esterilizante: “nós o queremos, mas apenas como consumidor”. Daí, por exemplo, a propaganda de produtos cosméticos ser voltada para a afirmação da identidade-mulher. Mas qual identidade? A mesma pergunta pode ser feita ao mercado gay friendly: para quem ele é feito?

A miséria social, a pobreza, a exclusão às benesses da sociedade de consumo, no entanto, são universalizantes: não discrimina e abraça a todos. A segregação na sociedade de consumo é muito mais sutil, e por isso muito mais perigosa. Se contra os negros, àquela época, usava-se o chicote, a teologia romana-paulina, a ciência e o senso comum para justificar o uso da mão-de-obra na modalidade de escravidão, hoje a subjetivação se dá de outros modos, não menos eficientes. Crenças, idéias, “verdades”, modos de expressão, de visibilidade, de status social e de estar no mundo são grilhões tão eficientes quanto o ferro. O quão agrilhoado está um homoerótico que deseja ardorosamente casar sob as bênçãos de um padre ou pastor? Submeter-se a uma ordem disciplinar que o considera fora dos parâmetros da normalidade? A uma ordem social que não garante (ao contrário) uma convivência livre e produtiva com o parceiro?

Da mesma maneira, combater a homofobia é trabalho para todos os campos do saber e do fazer. Mas principalmente no campo da produção intensiva de novos códigos sociais. Mudar a cultura, e não (somente) a lei. E para isso, é preciso se compreender as próprias demandas. Entender que o que oprime o homoerótico não se reduz à um cerceamento das produções estéticas/sexuais do corpo, mas envolve toda uma subjetividade, e que toca também ao negro, à mulher, à criança

Tudo o que é minoria, mas como produção distoante. Aquilo que produz numa disformância com o gabarito social. Que soa estranho e diferente. Outros prazeres, outros saberes, outros dizeres. Tornar-se mais leve, mais livre, mais efetivo e eficiente. Não alimentar a dor social, nem em si e nem no outro.

Aí sim, estaremos fazendo com que a expressão homoerótica (bem como a de todas as minorias) possam compor no plano da coletividade, como condições de existência dentro de uma sociedade plural e comunitária. Vamos nessa!

Muáh!!! pra vocês! Se joguem nas news!

Φ SEGUEM OS PROTESTOS NA ITÁLIA. Nas últimas semanas, a Itália tem convulsionado socialmente, em manifestações pró-direitos civis LGBT. Depois de uma série de atentados a boites e locais de concentração LGBT, os movimentos sociais têm continuamente ido às ruas para exigir igualdade no tratamento e na efetivação dos direitos. Só no último dia 10, foram mais de 50 mil pessoas nas ruas de Roma. Lindo de se ver. Infelizmente, parece a nós que o movimento gay italiano não consegue enxergar que a homofobia, bem como as manifestações racistas e xenófobas na Itália (e não somente lá) têm uma relação visceral com as políticas dos governos de direita que assolam a Europa há anos. Na manifestação, por exemplo, foi lida uma carta de apoio da ministra da igualdade e oportunidade, Mara Carfagna, ex-apresentadora de tevê, e uma das belas ministras de Berlusconi. Ele que, aliás, já teria afirmado que para ganhar mais votos, colocaria como ministros apenas belas mulheres. Tudo o que alimenta a estupidez, a repressão, a violência. Daí o movimento LGBT italiano, quando não pressiona pela saída do premiere, não trabalha a favor do movimento LGBT. É preciso mais, bambinos… Sentiu a brisa, Neném?

Φ URUGUAI APROVA DIREITO À IDENTIDADE DE GÊNERO.Toda persona tiene derecho al libre desarollo de su personalidad conforme a la propia identidad de género, com independencia de cuál sea su sexo biológico, genético, anatómico, morfológico, hormonal, de asignación u otro”. Esse é o texto da nova lei de Identidade de Gênero, aprovada pelo legislativo uruguaio. A nova lei permite que, aos 18 anos, quem queira mudar de gênero, pode apresentar comprovações e requerê-lo, em processo simples. A pessoa não perderá nenhum direito adquirido, e o estado deverá reconhecer, em todas as suas instâncias, o novo gênero do cidadão. O Uruguai é um dos países do mundo onde os direitos LGBT são mais efetivamente reconhecidos, através de lei, pelo seu governo. Anos luz à frente, por exemplo, da própria Argentina, que se autointitula país gay friendly da América do Sul. A nova lei entra em vigor assim que for sancionada pelo poder executivo. Sentiu a brisa, Neném?

Φ NOVO PLC 122/06 AMPLIA PROTEÇÃO DE DIREITOS. Na última quarta-feira, a senadora Fátima Cleide (PT/RO), através do seu twitter, informou que o novo e esperado substitutivo à redação anterior do PLC 122/06 está pronto. A comissão de assuntos sociais aprovou o novo texto, que deve ir a plenário em breve. De acordo com a assessoria da senadora, as principais mudanças foram a ampliação do leque de categorias incluídas na proteção legal. Agora, o texto não se reduz mais à homofobia, mas fala também em discriminação ao idoso e ao portador de necessidades especiais. Outro aspecto mudado, e muito criticado anteriormente, foi o das penas. No projeto anterior, as punições para a homofobia eram maiores que as punições contidas na lei do racismo. O novo texto corrige e as nivela. O novo texto é comemorado porque retirou pontos que eram criticados pelas alas direitistas do congresso e do senado, sem no entanto retirar nenhuma vírgula daquilo que defendiam os movimenots LGBT. O projeto deve ser votado já no início da próxima legislatura (2011). para ler o parecer e como ficou o projeto, você pode clicar aqui. Sentiu a brisa, Neném?

Φ AOS OITO ANOS, MENINA ESCOLHE O SEU PRÓPRIO GÊNERO NOS EUA. Josie era Joey. Porque nasceu anatomicamente homem. Filha de um engenheiro das forças armadas estadunidenses, quando era Joey, já se sabia Josie. Preferia sempre os vestidos e os brinquedos ditos femininos. Sempre que perguntando, afirmava: “sou menina”. Depois de muito sofrimento, os pais entenderam, e resolveram ajudar. Há cerca de um ano, os documentos foram modificados, e Joey passou a se chamar Josie Romero. Recebe tratamento psicológico e médico. Os remédios impedem o desenvolvimento dos sinais masculinos da puberdade. Aos 12 anos, ela começará a tomar hormônios para desenvolver o corpo de fêmea. Aos 18, submeter-se-á à cirurgia de redesignação sexual. A história de Josie, uma exceção entre a luta que os transgêneros têm que empreender para serem reconhecidos, virou documentário. Sex, Lies and Gender, exibido na tevê, conta esta história. Imperdível para quem puder assistir, é claro. Sentiu a brisa, Neném?

Φ PREMIAÇÃO EM DIREITOS HUMANOS TEM CATEGORIA LGBT. A Secretaria Especial dos Direitos Humanos da Presidência da República lançou edital de inscrições para a 15a edição do Prêmio Direitos Humanos. A novidade é o item 10 da premiação: Garantia dos Direitos da População LGBT, compreendendo a atuação na promoção e na defesa da cidadania e dos Direitos Humanos de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais (LGBT). Instituições e pessoas físicas podem concorrer. A premiação já teve como contemplados o sociólogo Betinho, Dom Paulo Evaristo Arns, o padre Júlio Lancelotti, o geógrafo e filósofo Milton Santos, dentre outros. Este ano, ao invés de indicados, as pessoas poderão se inscrever, para que a comissão julgadora possa analisar o material apresentado. Quem estiver interessado, pode obter mais informações aqui. Sentiu a brisa, Neném?

E não se perca na balada, querida! Para entender o que as bees estão falando, confere aí embaixo as principais gírias do mundo LGBT! Aloka! Hihihi…

VOCABULÁRIO LGBT

– LETRAS “U, V, X E Z” –

Urso: Homem peludo, também associado a homem de aspecto másculo ou gordinho.

Uruca: mal-olhado ou fase ruim.

– (do bajubá) algo ou alguém ruim, feio, desagradável, desprezível, errado, equivocado.

Under: diminutivo de underground.

.

Venenosa: pessoa que faz veneno, que fala mal de alguém.

Vitaminada: robusta, bonita.

Versátil: Homossexual que gosta de ter tanto o papel de ativo como de passivo.

Virar: passar da condição de heterossexual para homossexual ou vice-versa.

Vuduzar: torcer para que algo dê errado.

.

Xana: sinônimo de vagina. Muitas lésbicas usam a forma carinhosa, Xaninha.

Xepa: resto da noite, pessoa feia. Fazer a xepa: aquele diz que você não ficou com ninguém na festa ou clube, mas o mesmo já evaziou e só sobrou o resto e você insiste.

.

Zalene: algo duro ou que esteja em processo de endurecimento… se é que me entende.

Zoraide: bicha metida a clarividente; esotérica.

Beijucas, até a próxima, e lembrem-se, menin@s:

FAÇA O MUNDO GAY!

i iNDA TEM FRANÇÊiS Qi DiZ Qi A JENTi NUM SEMO SERO

inda

@ SARAMAGO CHAMA IGREJA DE REACIONÁRIA e o papa Bento XVI de cínico. Em Roma para divulgar o livro O Caderno, o escritor português o disse num colóquio com o filósofo italiano Paolo Flores D’Arcais: “Que Ratzinger tenha a coragem de invocar Deus para reforçar seu neomedievalismo universal, um Deus que ele jamais viu, com o qual nunca se sentou para tomar um café, mostra apenas o absoluto cinismo intelectual desta pessoa”. Saramago acrescentou que a Igreja nunca se importou com o destino das almas e sempre buscou o controle dos corpos, por isso ele, que se disse um “ateu tranquilo” agora está mudando de idéia. “As insolências reacionárias da Igreja Católica precisam ser combatidas com a insolência da inteligência viva, do bom senso, da palavra responsável. Não podemos permitir que a verdade seja ofendida todos os dias por supostos representantes de Deus na Terra, os quais, na verdade, só tem interesse no poder”, lucidamente afirmou. I inda tem françêis qui diz…

@ VISITA DE LULA ÀS OBRAS DE TRANSPOSIÇÃO DO RIO SÃO FRANCISCO acabou ontem. Além das imagens que você pode ver do carinho do povo nordestino tem pelo presidente-operário no blog do Planalto, a visita serviu para se avaliar a importância da obra como irrigação para uma grande parcela da população do Nordeste que sofre com a falta de água. Também serviu para ver a amizade entre Dilma Rousseff e Ciro Gomes, tudo que a mídia e a direita não querem ver. Serviu ainda para demonstrar o desespero delas; na falta de possibilidades de crítica, a direita saiu a dizer que a visita era eleitoreira e a mídia, como a Folha de São Paulo, apelou censurando o fato de no alojamento ter cerveja, uísque, risoto e moda de viola. O que ninguém disse é onde foi parar um certo bispo que fez até gênero de greve de fome contra a transposição do Velho Chico. I inda tem françêis qui diz…

@ O ATAQUE DA ABRIL A LUIZ NASSIF é mais do que um mero caso de ordem judicial. É apenas mais um dos tantos ataques sórdidos da Abril. “Ao longo dessa longa noite dos celerados, a Abril lançou contra mim os ataques mais sórdidos que uma empresa de mídia organizada já endereçou contra qualquer pessoa. Escalou dois parajornalistas para ataques sistemáticos, que superaram qualquer nível de razoabilidade. Atacaram a mim, à minha família, ataques à minha vida profissional, à minha vida pessoal, em um nível só comparável ao das mais obscenas comunidades do Orkut”, afirma o jornalista-economista. Além de ser um dos difusores da blogosfera no Brasil, o jornalista-bandolinista há muito é uma das vozes contra a ditadura da informação falseada da grande mídia. Portanto, uma derrota de Nassif no caso compromete toda uma comunidade, por isso tanta solidariedade a ele na blogosfera e nenhuma linha na grande mídia. Mas ele ainda pode recorrer e, ademais, o desespero deles em tentar atrapalhar um blogueiro já é uma vitória de Nassif e de toda a blogosfera. I inda tem françêis qui diz…

@ AGÊNCIA BRASIL GANHA NOVAMENTE O PRÊMIO HERZOG. “A Agência Brasil foi a vencedora do 31° Prêmio Vladimir Herzog de Anistia e Direitos Humanos na categoria Analfabetismo Cultural, com a reportagem especial multimídia Analfabetismo: a exclusão pelas letras, veiculada em maio de 2009. A TV Brasil recebeu menção honrosa na mesma categoria com série de três reportagens sobre educação.” Em 2008, a Agência Brasil já havia sido vencedora do prêmio Vladimir Herzog, na categoria internet, pelo webdocumentário Nação Palmares. Essa premiação atual, que terá cerimônia de entrega no próximo 26 de outubro, é só mais um reconhecimento do trabalho jornalístico-político-educacional-social que a Agência Brasil realiza todos os dias. I inda tem françêis qui diz…

@ A SUNGA VERMELHA QUE SUPLICY VESTIU se tornou mais um imbróglio no Senado envolvendo o senador. O caso se deu deviso a uma entrevista do inútil programa Pânico na TV, da Rede TV!, no qual a apresentadora Sabrina Sato, sem qualquer inteligência e criatividade, comparou Suplicy (PT-SP) ao super-homem. Devido a isso, o corregedor-geral do Senado Federal, Romeu Tuma (PTB-SP), anunciou que entrará na terça-feira com um pedido de investigação por quebra de decoro parlamentar. Mas Tuma não acredita que Suplicy venha a ser cassado pelo ocorrido, no máximo “receberá uma advertência pelo mau comportamento”, disse, lembrando um caso de 1946, quando o senador Barreto Pinto (PTB-RJ) foi cassado por ser fotografado por uma revista de terno e cueca. “Até porque, no caso do Barreto Pinto, ele foi cassado mais por interesses políticos”, acrescentou Tuma. Até porque, diríamos sérios franceses, o caso envolve a conivência de Suplicy com a superfluidade da mídia e, principalmente, a superfluidade do Senado, que não tem questões para discutir para o bem da sociedade, como diz Cristovam Buarque. I inda tem françêis qui diz…

@ DIA MUNDIAL DA ALIMENTAÇÃO LEMBRA DA FALTA DE ALIMENTOS no mundo. Em meio ao relatório da Organização das Nações Unidas que afirma ser o Brasil o país emergente que mais realizou política de combate à fome, foi organizado em São Paulo pela Ação de Cidadania Contra Fome e Pela Vida uma feira informando a importância da segurança alimentar. Para o coordenador da campanha A Alimentação é um Direito Humano, André Luzzi, a alimentação não é apenas o alimento e sim a qualidade do alimento, e é direito social ter acesso aos alimentos com qualidade. Segundo André, as doenças como obesidade e desnutrição são resultantes da qualidade dos alimentos. “A população compra alimentos de alto valor calórico e baixo valor nutricional. Nós sugerimos recriar novas relações de consumo”, disse André. Plantar em pequenos espaços urbanos pode mudar os hábitos alimentares, acredita. E diz que é preciso criar novos restaurantes populares. “Mas, não apenas para criar mais restaurantes, como também para servir as três refeições diárias”. I inda tem françêis qui diz…

@ “HUMILHARAM MUITO ELE, FOI UM DESABAFO”, comentou o técnico do Palmeiras, Muricy Ramalho, sobre a posição de Diego Maradona depois da vitória da seleção Argentina na coletiva com jornalista, que disse: “Esta festa é para todos, menos para os jornalistas. Chupem! Chupem todos!” Depois de ser severamente vilipendiado pelos jornalistas durante a campanha das Eliminatórias. “Eu achei que em algumas coisas ele está certo. Os caras pisaram demais nele, chamaram ele de um monte de coisa. O cara tem orgulho e humilharam ele. Agora vocês têm que acatar e segurar a onda. Agora que chegou a vez dele, tem que ter educação? E a humilhação que fizeram com ele? Foi um desabafo de qualquer cidadão normal”, analisou Muricy. I inda tem françêis qui diz…

@ “SE OBAMA VENCEU O PRÊMIO POR SAIR VITORIOSO NAS ELEIÇÕES de um país racista, Evo merece por ganhar as eleições de seu país, apesar de ser indígena e cumprir mais que o prometido”, afirmou Fidel Castro em sua coluna de opiniões, Reflexões. Analisando a escolha de Obama para o prêmio Nobel da Paz, Fidel continuou sua análise. “Estou de acordo que Obama estará de acordo com a frase de Moore. Possui inteligência o suficiente para compreender as circunstâncias que rodeiam o caso. Sabe que na realidade não ganhou esse prêmio. Nem sempre o prêmio é entregue a pessoas merecedoras dessa distinção”. Recorrendo à frase de Moore, Fidel lembrou Obama: “Parabéns, presidente Obama, pelo prêmio Nobel da Paz. Agora, por favor, ganhe-o”. I inda tem françêis qui diz…

@ LUIZ MELODIA E NANÁ VASCONCELOS JUNTOS. Os dois talentosos músicos se apresentam no SESC Vila Mariana nos dias 23, 24 e 25, às 21h (sexta e sábado) e às 18h (no domingo). No Show em que cantarão e tocarão canções como Estácio Holly Estácio, Diz que Fui Por Aí e Codinome Beija-Flor, também participará, tocando violino, Renato Piau. Antes desse show, Luiz Melodia esteve em São Paulo para divulgar seu disco Especial MTV-Estação Melodia ao Vivo, assim como Naná Vasconcelos no Festival Afrofuturismo Brasil. I inda tem françêis qui diz…

@ ZELAYA REJEITA PROPOSTA DE QUE CORTE SUPREMA DECIDA sobre sua volta ao poder. Para ele quem deve decidir é o Parlamento. “A proposta que recebemos é absolutamente inaceitável”, afirmou o ministro de Interior de Governo de Zelaya, Victor Meza. Segundo Meza, a restituição do presidente deposto pelo golpe militar ao poder “deve ser discutida no âmbito político do Congresso”. I inda tem françêis qui diz…

@ “DAMOS AS BOAS-VINDAS AO RESULTADO DA VOTAÇÃO NO CONSELHO DE DIREITOS HUMANOS, que consideramos uma vitória para o povo palestino e para os mártires palestinos”, comemorou Meshaal, no exílio, em entrevista a rede de TV Al Jazira, a aprovação do Relatório Goldstone no Conselho de Direitos Humanos da ONU, que condena o partido Hamas e Israel de cometerem crimes de guerra na ofensiva à Faixa de Gaza em janeiro. O Relatório condena Israel por não colaborar com as investigações, e faz solicitações para que sejam aprovadas as recomendações recolhidas no Relatório, que incluem que o Conselho de Segurança da ONU transfira ao Tribunal Penal Internacional a ofensiva de Gaza, se Israel e Hamas não efetuarem investigações. Ainda, tomando como vitória palestina o Relatório, Meshaal conclamou: “Apelo aos estados do mundo para que os líderes políticos, militares e segurança de Israel sejam julgados pelos crimes que cometeram contra os palestinos”. I inda tem françêis qui diz…

@ 80 ANOS DE FERNANDA MONTENEGRO. A triz atual de maior expressão do teatro brasileiro aniversaria em festa de quem tem, como artista, uma vocação pública para o palco. Intérprete das mais variadas facetas, Fernanda Montenegro resplandece o cenário da história das intérpretes que souberam fazer de sua arte a vocação ontológica do ser do teatro. Batizada com o nome de Arlette Pinheiro Esteves da Silva, Fernanda Montenegro surgiu como o duplo artístico de Arlette na Rádio do Ministério da Educação e Cultura, onde começou sua carreira, para assinar os programas culturais que produzia. Desta forma, Fernanda Montenegro terá, no dia 28, o lançamento de sua biografia em um volume da Coleção Aplausos, escrito por Neusa Barbosa. I inda tem françêis qui diz…

Vamos que vamos!

Não vamos!

Fomos!

MESMO SEM GANA, GHANA GANHA O SUB-20!

Ghana campeão Do Mundo Sub-20
Ghana Campeã Do Mundo Sub-20

Especial Por Fora de Futebol

A Seleção de Ghana sagrou-se Campeã do Sub-20, edição 2009, disputado no Egito, contra a Seleção Brasileira.

Em uma partida que o filósofo Nietzsche, se tivesse assistido, diria que os jogadores de Ghana não são carregados pelo vigor que ele afirmou ser a potência produtiva dos negros, os africanos mostraram que já foram absorvidos pelo futebol burocrático dos ocidentais, mormente dos europeus e brasileiros. Sem vigor, alegria e criatividade, o que se viu em campo foram jogadores adaptados ao futebol pobre, que não encanta as torcidas. O mesmo pode se falar da Seleção Brasileira. Por tal, as duas iguais terminaram o tempo regular em 0x0, foram para a prorrogação, e continuaram no 0x0.

Na cobrança dos ‘penais’, ambas as equipes erraram como erram os pernas de pau. O goleiro brasileiro, em duas cobranças feitas pelos africanos, defendeu todas duas, com um porém: nas duas cobranças se adiantou, e o bandeirinha não estava nem aí. Quer dizer, nem lá. E o juiz, idem.

Nas cobranças dos brasileiros, tirando o chutão em direção do céu, dado por um jogador nosso, as defesas do goleiro africano ocorreram com ele na linha embaixo da trave horizontal. Ele se mexia horizontalmente para os lados, como dança Joelma, cantora-dançante do Calypso, e, por obra do acaso futebolístico, o lado que os brasileiros bateram.

No mais, em função da ruindade da partida, se não acontecessem os ‘penais’, as duas equipes se mereceram e mereceram o duplo 0x0. O resto é Ghana comemorar o título de Campeã. E para os brasileiros, por dentro de futebol, resta como consolo chorar. E chorar no travesseiro, que é um lugar quente, muito bom para esses momentos.

Parabéns, Ghana!

Mas na próxima

ver se tem gana,

porque à nós,

não mais engana.

“Boca” de Ghana

DEPUTADO SINÉSIO (PT-AM) COMPÕE COM A DIREITA CONTRA LULA E A DEMOCRACIA

Afetado pelo embalo da habitual promoção de honrarias que marca a mais intensa atividade da Câmara Municipal e a Assembléia do Estado do Amazonas, o deputado estadual Sinésio Campos, do Partido dos Trabalhadores do Amazonas, proferiu uma moção de parabéns aos 6 anos da Rádio CBN local.

Em meio ao seu efusivo discurso de homenagem, o parlamentar, entre outras qualidades de exaltação à Rádio CBN, sentenciou que a mesma é importante por seu “caráter democrático, jornalismo crítico, responsável e comprometido”. Se o deputado Sinésio não fosse uma representação da esquerda Oh, My Darling! no Amazonas, juntamente com o PC do B, aliados-sujeitados aos governos da direita – ele, desde a década de 90 -, esta honraria outorgada a essa emissora causaria contagiante surpresa. Mesmo assim, o deputado, como membro do PT, não deveria se pronunciar em sua moção, como petista, pelo fato de implicar, pela sigla partidária, o governo Lula e jogá-lo na vala comum do opróbrio político.

Todos que acompanham os meios de comunicação sabem que a Rádio CBN é uma emissora de difusão cuja administração de sua concessão pública encontra-se sob a responsabilidade da Rede Globo de Comunicação, a inimiga histórica no Brasil da democracia. Sua biografia é toda marcada pela conspiração contra os governos democráticos. Jornais, revistas, rádios e TV’s, todos seus veículos de comunicação estão ligados, de acordo com suas estruturas comunicacionais, à perpetuação de armadilhas políticas contra aqueles que pensam democraticamente. Foi este seu modus operandi que o fez braço de sustentação da ditadura militar. Antes da ditadura, JK foi um dos muitos que sofreram suas malignas trapaças. Depois Brizola, outro que quase perde uma eleição por obra de suas fraudes. As Diretas Já!, que foram por muito tempo sabotadas. Seu apoio a Collor, que depois sentiu a força de sua sordidez. E, por várias vezes, Lula.

Como membro deste organismo trapaceiro, a Rádio CBN não se preocupa em esconder sua cotidiana conspiração contra o governo Lula. O seu “caráter democrático, jornalismo crítico, responsável e comprometido”, que o deputado Sinésio exalta, segue meticulosamente a seleção de notícias visando atingir o governo Lula e colocá-lo sob suspeição diante da população, que não percebe sua compulsiva escamoteação jornalística, como o próprio ex-companheiro Sinésio. Seus comentaristas, muito deles ligados ao PSDB, têm a obrigação de ostensivamente julgar e condenar o governo federal, sem se preocupar com qualquer proposição ética do jornalismo democrático. Lúcia Hipólito, Miriam Leitão, entre outros, carregam esta única missão.

No caso particular da CBN local, o responsável por sua administração, Ronaldo Tiradentes, amigo do prefeito cassado, Amazonino, de Eduardo Braga, entre outros direitistas, é figura notória representativa da direita que durante anos vem impedindo o Amazonas de participar da ordem democrática popular. Essa emissora tem a função, como a co-irmã Difusora, de sempre apoiar os governos reacionários. De forma tal que sua tendenciosidade em aplaudi-los impede que se vislumbre qualquer grau de inteligência que se possa tomá-lo como manifestação cognitiva perplicada em democracia constitutiva. Seus 6 anos correspondem ao tempo de inocuidade jornalista da mesma forma da inocuidade política da direita.

Assim sendo, com sua moção de parabéns à Rádio CBN, o deputado Sinésio confirmou publicamente sua consciência reacionária de direita e, de quebra, além de se colocar contrário a Lula e à democracia, manifestou claramente seu apoio contra a candidatura de Alfredo Nascimento, candidato de Lula para o governo do Amazonas, apoiando o candidato de Ronaldo Tiradentes, inimigo – circunstancialmente, agora – de Alfredo Nascimento. Sintetiza-se, então, que o “caráter democrático” da CBN é o mesmo do deputado Sinésio.

MEC ABRE 80 MIL VAGAS PARA FORMAÇÃO DE PROFESSORES

Atenção professores que não tem graduação!

Atenção professores que não têm formação na área em que atuam!

Atenção professores que não tem especialização!

Foram abertas ontem pelo Ministério da Educação (MEC) mais 80 mil vagas em universidades públicas para professores das redes estadual e municipal que desejam aprimorar suas formações.

A formação é oferecida principalmente para os professores que não têm licenciatura ou que atuam em áreas diferentes de sua formação. Mas serão oferecidos também cursos de especialização para quem já tem formação superior.

Para fazer sua inscrição, que vai até dia 30 de novembro, clique no link abaixo:

Plataforma Freire – Plano Nacional de Formação de Professores

Na primeira fase de oferta de cursos, 50 mil professores preencheram as 58 mil vagas oferecidas pelo Plano Nacional de Formação de Professores. De acordo com o ministro da Educação, Fernando Haddad, alguns desses cursos já começaram e o restante terá início até dezembro. Vinte estados participam da segunda etapa, cujas aulas estão previstas para começar no primeiro semestre de 2010. Os cursos serão oferecidos por 90 instituições públicas de ensino superior.”

CONVITE PARA SERES UM PROFESSOR-EDUCADOR

Foi lançado também ontem pelo MEC uma página denominada Seja um Professor, que traz informações para os estudantes que tencionam ingressar na carreira do Magistério.

É uma ótima oportunidade para aqueles que têm esse impulso vocacional, principalmente não apenas pensando em um mercado de trabalho, mas também em compartilhar do processo existencial de crianças e adolescentes que, juntamente consigo, possam produzir, a partir de outras visões de mundo e novas formas de relações, uma cidade democrática. Um convite para quem deseja ser um professor-educador.

Vamos lá, moçada, o Brasil está necessitando de seus talentos pedagógicos!


USAR O CONTROLE REMOTO É UM ATO DEMOCRÁTICO!

EXPERIMENTE CONTRA A TV GLOBO! Você sabe que um canal de televisão não é uma empresa privada. É uma concessão pública concedida pelo governo federal com tempo determinado de uso. Como meio de comunicação, em uma democracia, tem como compromisso estimular a educação, as artes e o entretenimento como seu conteúdo. O que o torna socialmente um serviço público e eticamente uma disciplina cívica. Sendo assim, é um forte instrumento de realização continua da democracia. Mas nem todo canal de televisão tem esse sentido democrático da comunicação. A TV Globo (TVG), por exemplo. Ela, além de manter um monopólio midiático no Brasil, e abocanhar a maior fatia da publicidade oficial, conspira perigosamente contra a democracia, principalmente, tentando atingir maleficamente os governos populares. Notadamente em seu JN. Isso tudo, amparada por uma grade de programação que é um verdadeiro atentado as faculdades sensorial e cognitiva dos telespectadores. Para quem duvida, basta apenas observar a sua maldição dos três Fs dominical: Futebol, Faustão e Fantástico. Um escravagismo-televisivo- depressivo que só é tratado com o controle remoto transfigurador. Se você conhece essa proposição-comunicacional desdobre-a com outros. Porque mudanças só ocorrem como potência coletiva, como disse o filósofo Spinoza.

Acesse esquizofia.wordpress.com

esquizofia.wordpress.com

CAMPANHA AFINADA CONTRA O

VIRTUALIZAÇÕES DESEJANTES DA AFIN

Este é um espaço virtual (virtus=potência) criado pela Associação Filosofia Itinerante, que atua desde 2001 na cidade de Manaus-Am, e, a partir da Inteligência Coletiva das pessoas e dos dizeres de filósofos como Epicuro, Lucrécio, Spinoza, Marx, Nietzsche, Bergson, Félix Guattari, Gilles Deleuze, Clément Rosset, Michael Hardt, Antônio Negri..., agencia trabalhos filosóficos-políticos- estéticos na tentativa de uma construção prática de cidadania e da realização da potência ativa dos corpos no mundo. Agora, com este blog, lança uma alternativa de encontro para discussões sociais, éticas, educacionais e outros temas que dizem respeito à comunidade de Manaus e outros espaços por onde passa em movimento intensivo o cometa errante da AFIN.

"Um filósofo: é um homem que experimenta, vê, ouve, suspeita, espera e sonha constantemente coisas extraordinárias; que é atingido pelos próprios pensamentos como se eles viessem de fora, de cima e de baixo, como por uma espécie de acontecimentos e de faíscas de que só ele pode ser alvo; que é talvez, ele próprio, uma trovoada prenhe de relâmpagos novos; um homem fatal, em torno do qual sempre ribomba e rola e rebenta e se passam coisas inquietantes” (Friedrich Nietzsche).

Daí que um filósofo não é necessariamente alguém que cursou uma faculdade de filosofia. Pode até ser. Mas um filósofo é alguém que em seus percursos carrega devires alegres que aumentam a potência democrática de agir.

_________________________________

BLOG PÚBLICO

Propaganda Gratuita

Você que quer comprar entre outros produtos terçado, prego, enxada, faca, sandália, correia, pé de cabra ou bola de caititu vá na CASA UYRAPURU, onde os preços são um chuchu. Rua Barão de São Domingos, nº30, Centro, Tel 3658-6169

Pão Quente e Outras Guloseimas no caminho do Tancredo.
PANIFICADORA SERPAN (Rua José Romão, 139 - Tancredo Neves - Fone: 92-8159-5830)

Fique Frio! Sabor e Refrescância!
DEGUST GULA (Avenida Bispo Pedro Massa, Cidade Nova, núcleo 5, na Rua ao lado do DB CIdade Nova.Todos os dias).

O Almoço em Família.
BAR DA NAZA OU CASA DA VAL (Comendador Clementino, próximo à Japurá, de Segunda a Sábado).

Num Passo de Mágica: transforme seu sapato velho em um lindo sapato novo!
SAPATEIRO CÂNDIDO (Calçada da Comendador Clementino, próximo ao Grupo Escolar Ribeiro da Cunha).

A Confluência das Torcidas!
CHURRASQUINHO DO LUÍS TUCUNARÉ (Japurá, entre a Silva Ramos e a Comendador Clementino).

Só o Peixe Sabe se é Novo e do Rio que Saiu. Confira esta voz na...
BARRACA DO LEGUELÉ (na Feira móvel da Prefeitura)

Preocupado com o desempenho, a memória e a inteligência? Tu és? Toma o guaraná que não é lenda. O natural de Maués!
LIGA PRA MADALENA!!! (0 XX 92 3542-1482)

Decepcionado com seus desenganos? Ponha fé nos seus planos! Fale com:
PAI GEOVANO DE OXAGUIÃ (Rua Belforroxo, S/N - Jorge Teixeira IV) (3682-5727 / 9154-5877).

Quem tem fé naõ é um qualquer! Consultas::
PAI JOEL DE OGUM (9155-3632 ou paijoeldeogum@yahoo.com.br).

Belém tá no teu plano? Então liga pro Germano!
GERMANO MAGHELA - TAXISTA - ÁGUIA RADIOTAXI - (91-8151-1464 ou 0800 280 1999).

E você que gostaria de divulgar aqui seu evento, comércio, terreiro, time de futebol, procurar namorado(a), receita de comida, telefone de contato, animal encontrado, convites diversos, marocagens, contacte: afinsophiaitin@yahoo.com.br

Outras Comunalidades

   

Categorias

Arquivos

Blog Stats

  • 4.243.128 hits

Páginas

Arquivos