Arquivo para 10 de novembro de 2009

CAETANO CAIU!

caetano

No auge dos seus 67 anos, o cantor e compositor Caetano Veloso mais uma vez vacilou, empolgou-se, perdeu a noção do espaço e do sucesso, e caiu do palco. Se fosse um homem que não tivesse sabotado na adolescência e na mocidade sua velhice, essa queda seria só uma queda. Pois se consideraria, junto com a filósofa Simone de Beauvoir, e outros, na força da idade. Mas um homem que, ao chegar aos 60 anos, afirmou, com senso de desespero, não querer mais se olhar no espelho e ver sua fotografia, essa queda foi mais um doloroso episódio em sua existência cheia de rancor e alheamento, que nem a idade lhe permitiu produzir em si a suavidade e a serenidade de quem vê as pessoas, os objetos e as ideias como parceiros que se quer levar para casa, como diz, sobre a velhice, o filósofo Deleuze.

Caetano caiu do palco de shows Citibank Hall, em São Paulo, no momento em que fazia marketing de seu CD “Zii e Zie”. Os supersticiosos, ou os não, mas atingidos pelos impropérios que Caetano lançou a Lula, semana passada, podem muito bem estar afirmando ser a vingança do Sapo Barbudo. Mas sem o consentimento de Lula. Posto que Lula já demonstrou não ser vitimado por esse afeto mau.

Um artista quando cai de um palco, se ele é artista, ele “levanta, sacode a poeira e dá a volta por cima”, sobe no palco, volta a cantar e dançar. Ele é um artista alegre. Mas quando um artista triste cai do palco, ele levanta, mas não “dá volta por cima”. Fica se sentindo ridículo, auto-estima baixa, ofendido. Aí, o pior da queda não são as dores físicas que ficam pós-queda, mas a sequela da decepção de ter caído. Como diz a música, “logo alguém que nunca olhou para ninguém”. Mas como dizem os vitalistas, cair é postura dos vivos, principalmente quando não se morre.

APROVADO 14º SALÁRIO PARA OS PROFESSORES

Os profissionais da educação das escolas públicas dos estados municípios e Distrito Federal passarão a ter direito ao 14º salário, de acordo com o projeto do senador Cristovam Buarque (PDT-DF), aprovado hoje, dia 10, pela Comissão de Educação, Cultura e Esporte do Senado. Agora, em caráter terminativo, a matéria vai para exame e votação na Comissão de Assuntos Sociais.

O projeto do senador Buarque privilegia os professores e funcionários que, com suas atuações educacionais elevem o Ideb (Instituto de Desenvolvimento de Educação Básica) da escola que atuam em pelo menos 50% durante o ano letivo. Para o senador, o projeto representa um primeiro passo para melhorar a qualidade do trabalho dos educadores brasileiros.

Os profissionais da educação que forem atingidos pelo benefício do projeto, de acordo com a Lei 319/08, receberão seu salário no semestre depois de publicado o resultado da avaliação do Ideb.

Vamos lá, professores! Embora educação não seja só escola, uma boa escola é uma potência para produção de uma sociedade democrática.

AMAZONINO SE QUER DE ESQUERDA RECORRENDO A PRACIANO

Jornais de Manaus noticiam que o prefeito cassado, em primeira instância, pela proba juíza Maria Eunice Torres do Nascimento, Amazonino Mendes, esteve em Brasília, no mês de setembro com o presidente Lula e na ocasião comentara que o deputado federal do PT-AM, Praciano, seria seu candidato para disputa de uma vaga ao Senado Federal nas eleições de 2010. Verdade ou não verdade, em orientação saltam dois estados de coisas de tal afirmação-indicativa em forma de enunciação negativa.

Uma, Amazonino, indicar a Lula o nome de Praciano. Sabe-se muito bem que Amazonino não tem intimidade política, e nem orientação de práxis social que o faça um sujeito com qualquer possibilidade de ser escutado por Lula em negócios políticos. Além de que, não é dado a Lula qualquer sentido de interferência na escolha de candidatos de seu partido, PT, nos estados onde disputa eleições.

Sendo assim, no primeiro estado de coisas, Lula não levaria a indicação de Amazonino além do lugar onde o fato foi conversado – se foi. Posto que é notório que historicamente Amazonino, tanto como administrador-público quanto como defensor de ideias políticas, é totalmente diferente de Lula. Amazonino é um administrador-personalista e, politicamente, da direita tradicional. Desta maneira, se houve a tal conversa ela ficou onde ficou. Não se desdobrou para outros territórios como enunciação verdadeira e produtiva.

O NADA ENTRE AMAZONINO E PRACIANO

Hoje, dia 10, pela manhã, este Bloguinho Intempestivo entrou em contato com o gabinete do deputado federal Praciano, em Brasília, e conversou com seu assessor Lizardo Paixão, sobre o tema, e sobre a informação dada pelo jornal Diário do Amazonas, que publicou ter falado com Parciano e esse haver dito que fora informado da conversa de Amazonino com Lula, e que “ele só não dispensaria um empurrão do prefeito”.

Lizardo Paixão, sem paixão, mas com razão, afirmou-nos que se trata de especulações e intrigas de tempo de eleições. Disse, ainda, que o PT não se pronuncia sobre candidaturas antes das eleições internas do Partido. Só depois, quando o cenário político ficar decido é que o partido vai cogitar seus candidatos. E, se Praciano tivesse que se candidatar a uma vaga ao Senado, ele só aceitaria se houvesse uma posição homogênea de apoio do Partido no âmbito Nacional e Regional, analisou Lizardo.

Praciano é, no Amazonas, principalmente em Manaus, junto com o vereador Zé Ricardo, também do PT, o parlamentar que tem convicções política, econômica, social, artística de esquerda. Os outros parlamentares dos partidos da esquerda Oh, My Darling!, como Eron, Vanessa, Marcelo Ramos, todos pertencem ao esquadrão da direita reacionária que há quase trinta anos assombra a democracia no Amazonas. O que o faz um homem de postura existencial muito diferente de Amazonino, e afirma ser impossível de realidade a frase “não dispensaria um empurrão do prefeito”. A não ser em sentido irônico. Além de que, o eleitor de Praciano é anti-Amazonino, e Praciano, aceitando Amazonino, afastar-se-ia de mais de 12% votos certos que são seus companheiros legislativos/democratas: seus eleitores. Aceitar “empurrão” de Amazonino seria aceitar, também, “empurrão” de toda a direita reacionária, e, de quebra, o “empurrão” dos suspeitos de crimes, os irmãos Souza, responsáveis pela eleição (cassada) do prefeito Amazonino.

De certa forma, a enunciação de Amazonino, em que afirma ter indicado Praciano ao Lula como candidato ao Senado, surge na subjetividade política de Manaus como um canto crepuscular de uma aurora que se afasta do dia. Uma aurora, como diria, Nietzsche, saudosa da parte mais importante do dia: o meio-dia. Amazonino, mesmo que não tenha lido Marx, sabe que na subjetividade de hoje seus quereres não são quantas diferenciais. Não produzem realidades outras. Não provocam variações. Quando se dizia de esquerda não foi; agora, incrustado por corpos direitistas, se quer esquerdista, anunciando Praciano, mas não exala potências comunalidades. Sua última eleição, irmanada com o que há de mais atroz no palco da política amazonense, configurou de vez sua representação burguesa. Assim, o único conforto de Amazonino, para se sentir de esquerda, seria indicar o deputado estadual Sinésio (PT-AM) para o Senado. Esse, pelo menos lhe ajudaria a manter suas duas faces: realista de direita e ilusão de esquerda. Como dizem os fenomenólogos: efabulação de ideias. Tudo que Sinésio carrega.

3° ENCONTRO DE CINEMA NEGRO BRASIL, ÁFRICA E AMÉRICAS

zumbi

Zumbi

Com as presenças do ministro Edson Santos, da Igualdade Racial, e o presidente da Fundação Palmares, Zulu Araujo, foi aberto ontem, dia 9, no Centro Cultural da Justiça Federal, no Rio de Janeiro, o 3º Encontro de Cinema Negro Brasil, África e Américas, que apresentará 48 obras distribuídas em várias salas do Rio, até o dia 18, e terá também atividades no cine Odeon-Petrobras, Centro Afro-Carioca de Cinema, em uma tenda armada na Lapa e no Espaço Tom Jobim.

O nosso quilombo cinematográfico, o nosso ponto de resistência”, afirmou o curador do Encontro, ator, roteirista e cinegrafista Zózimo Bubol, sobre o evento que exibirá longas de ficção, médias e curtas metragens. Sendo 29 brasileiras, 14 africanas, 5 caribenhas, 5 norte-americanas, 1 canadense e 1 colombiana.

Falando sobre o objetivo do Encontro junto à África, Zízimo Bulbol disse: “Nossa meta é promover o diálogo entre Brasil e África e mostrar que há muitas semelhanças entre as duas culturas, mesmo depois de tanto tempo de ruptura”. Ainda comentando sobre a produção cinematográfica da África, Bubol, observou: “A produção de filmes na África é enorme, só a Nigéria faz 300 filmes por ano. Nós estamos na faixa dos trinta e quando temos mais produções, como agora, é uma festa. O governo fez a lei para mais cinemas nas cidades brasileiras, mas quero ver as obras”.

O documentário Barracão – Um Olhar Carnavalesco, que levou um ano para sua produção, do diretor Walter Xavier, 41 anos, com formação profissional em edição de som e imagem na França, é a prova da relação estreita entre as culturas brasileiras e africanas. O documentário apresenta como personagem principal o carnavalesco Wagner Gonçalves e mostra o processo de construção do desfile de uma escola de samba, começando no barracão, chegando à avenida.

A escola é Acadêmicos de Cubango, de Niterói, que desfilou homenageando Mercedes Batista, a primeira bailarina negra do corpo de baile do Municipal, nos anos 40. É um documentário sobre uma escola de samba que vai fazer 50 anos mês que vem e que tem origem em uma comunidade negra de Niterói”, comentou Walter Xavier.

“OUTRA GUANTÁNAMO”, AFIRMA EVO SOBRE A COLÔMBIA

Falando a jornalistas em Cochabamba sobre a implantação da base norte-americana na Colômbia, o presidente da Bolívia, indignado, afirmou que a Colômbia é “outra Guantánamo”.

Assim como se instalaram em Guantánamo para ameaçar o povo cubano, essas tropas o fazem agora na Colômbia, que é outra Guantánamo, mas no seio da América do Sul.

Quero expressar aqui meu repúdio, meu rechaço a esse tipo de ameaça militarista contra povos de nossa América. Esse tratado entre Colômbia e Estados Unidos é uma provocação, em especial aos países da Alba (Aliança Bolivariana para os Povos da América)”, afirmou Evo Morales. Uma posição clara contrária às setes bases instaladas no território da Colômbia pelos Estados Unidos, segundo eles, para combater o narcotráfico e o terrorismo.

Em sua posição contrária à política intervencionista dos Estado Unidos nas Américas e no mundo, Evo Morales já tomou várias medidas contra ações de norte-americanos no território boliviano.

Em setembro de 2008, expulsou o embaixador americano Philip Goldberg, acusado de influenciar líderes regionais a protestos subversivos contra o governo da Bolívia. O que levou o governo americano, como retaliação, expulsar o embaixador boliviano de seu território. Expulsou agentes da DEA (Agência Americana de Combate às Drogas), restringiu as operações da agência de cooperação dos Estados Unidos, como também a Usaid, que para o governo boliviano apoiavam a oposição reacionária.

Entretanto, em meio às discórdias, os governos Evo Morales e Obama tentam reatar as relações.


USAR O CONTROLE REMOTO É UM ATO DEMOCRÁTICO!

EXPERIMENTE CONTRA A TV GLOBO! Você sabe que um canal de televisão não é uma empresa privada. É uma concessão pública concedida pelo governo federal com tempo determinado de uso. Como meio de comunicação, em uma democracia, tem como compromisso estimular a educação, as artes e o entretenimento como seu conteúdo. O que o torna socialmente um serviço público e eticamente uma disciplina cívica. Sendo assim, é um forte instrumento de realização continua da democracia. Mas nem todo canal de televisão tem esse sentido democrático da comunicação. A TV Globo (TVG), por exemplo. Ela, além de manter um monopólio midiático no Brasil, e abocanhar a maior fatia da publicidade oficial, conspira perigosamente contra a democracia, principalmente, tentando atingir maleficamente os governos populares. Notadamente em seu JN. Isso tudo, amparada por uma grade de programação que é um verdadeiro atentado as faculdades sensorial e cognitiva dos telespectadores. Para quem duvida, basta apenas observar a sua maldição dos três Fs dominical: Futebol, Faustão e Fantástico. Um escravagismo-televisivo- depressivo que só é tratado com o controle remoto transfigurador. Se você conhece essa proposição-comunicacional desdobre-a com outros. Porque mudanças só ocorrem como potência coletiva, como disse o filósofo Spinoza.

Acesse esquizofia.wordpress.com

esquizofia.wordpress.com

CAMPANHA AFINADA CONTRA O

VIRTUALIZAÇÕES DESEJANTES DA AFIN

Este é um espaço virtual (virtus=potência) criado pela Associação Filosofia Itinerante, que atua desde 2001 na cidade de Manaus-Am, e, a partir da Inteligência Coletiva das pessoas e dos dizeres de filósofos como Epicuro, Lucrécio, Spinoza, Marx, Nietzsche, Bergson, Félix Guattari, Gilles Deleuze, Clément Rosset, Michael Hardt, Antônio Negri..., agencia trabalhos filosóficos-políticos- estéticos na tentativa de uma construção prática de cidadania e da realização da potência ativa dos corpos no mundo. Agora, com este blog, lança uma alternativa de encontro para discussões sociais, éticas, educacionais e outros temas que dizem respeito à comunidade de Manaus e outros espaços por onde passa em movimento intensivo o cometa errante da AFIN.

"Um filósofo: é um homem que experimenta, vê, ouve, suspeita, espera e sonha constantemente coisas extraordinárias; que é atingido pelos próprios pensamentos como se eles viessem de fora, de cima e de baixo, como por uma espécie de acontecimentos e de faíscas de que só ele pode ser alvo; que é talvez, ele próprio, uma trovoada prenhe de relâmpagos novos; um homem fatal, em torno do qual sempre ribomba e rola e rebenta e se passam coisas inquietantes” (Friedrich Nietzsche).

Daí que um filósofo não é necessariamente alguém que cursou uma faculdade de filosofia. Pode até ser. Mas um filósofo é alguém que em seus percursos carrega devires alegres que aumentam a potência democrática de agir.

_________________________________

BLOG PÚBLICO

Propaganda Gratuita

Você que quer comprar entre outros produtos terçado, prego, enxada, faca, sandália, correia, pé de cabra ou bola de caititu vá na CASA UYRAPURU, onde os preços são um chuchu. Rua Barão de São Domingos, nº30, Centro, Tel 3658-6169

Pão Quente e Outras Guloseimas no caminho do Tancredo.
PANIFICADORA SERPAN (Rua José Romão, 139 - Tancredo Neves - Fone: 92-8159-5830)

Fique Frio! Sabor e Refrescância!
DEGUST GULA (Avenida Bispo Pedro Massa, Cidade Nova, núcleo 5, na Rua ao lado do DB CIdade Nova.Todos os dias).

O Almoço em Família.
BAR DA NAZA OU CASA DA VAL (Comendador Clementino, próximo à Japurá, de Segunda a Sábado).

Num Passo de Mágica: transforme seu sapato velho em um lindo sapato novo!
SAPATEIRO CÂNDIDO (Calçada da Comendador Clementino, próximo ao Grupo Escolar Ribeiro da Cunha).

A Confluência das Torcidas!
CHURRASQUINHO DO LUÍS TUCUNARÉ (Japurá, entre a Silva Ramos e a Comendador Clementino).

Só o Peixe Sabe se é Novo e do Rio que Saiu. Confira esta voz na...
BARRACA DO LEGUELÉ (na Feira móvel da Prefeitura)

Preocupado com o desempenho, a memória e a inteligência? Tu és? Toma o guaraná que não é lenda. O natural de Maués!
LIGA PRA MADALENA!!! (0 XX 92 3542-1482)

Decepcionado com seus desenganos? Ponha fé nos seus planos! Fale com:
PAI GEOVANO DE OXAGUIÃ (Rua Belforroxo, S/N - Jorge Teixeira IV) (3682-5727 / 9154-5877).

Quem tem fé naõ é um qualquer! Consultas::
PAI JOEL DE OGUM (9155-3632 ou paijoeldeogum@yahoo.com.br).

Belém tá no teu plano? Então liga pro Germano!
GERMANO MAGHELA - TAXISTA - ÁGUIA RADIOTAXI - (91-8151-1464 ou 0800 280 1999).

E você que gostaria de divulgar aqui seu evento, comércio, terreiro, time de futebol, procurar namorado(a), receita de comida, telefone de contato, animal encontrado, convites diversos, marocagens, contacte: afinsophiaitin@yahoo.com.br

Outras Comunalidades

   

Categorias

Arquivos

Blog Stats

  • 4.244.871 hits

Páginas

novembro 2009
D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930  

Arquivos