A MORTE DA SABÁ

O escritor, poeta e dramaturgo alemão Bertolt Brecht escreveu um poema chamado “Perguntas de um trabalhador que lê”. Nesse poema, ele demonstrou que na História só aparece o nome de reis (Césares, Frederico II, Alexandre, Filipe da Espanha). O nome dos construtores de Tebas, Babilônia, das Muralhas da China, arcos do triunfo em Roma, Bizâncio, que foram os trabalhadores, não constam. Diz Brecht num dos versos: “E a Babilônia, tantas vezes destruída – quem a reconstruiu tantas vezes? Babilônia, atual Iraque. Os trabalhadores e os pobres na historiografia durante muito tempo ficaram esquecidos. Ainda bem que apareceram pessoas como Jesus Cristo, Frederico Engels, Karl Marx, Bertolt, Jean Paul Sartre, Simone de Beauvoir, Félix Guattari, Gilles Deleuze, Nieztche para dar um toque na causa dessas pessoas.

Dia 04 de março de 2010, por volta de três horas da madrugada, morreu na Unidade Mista de Saúde de Maués, uma trabalhadora, mulher do povo, que diariamente postada na escadaria do mercado vendia cheiro verde e condimentos para o preparo do peixe. Ultimamente, ela ganhou uma promoção. Ocupava uma das banquetas dentro do mercado. Simples, alegre, todo dia ganhava o seu dinheiro. Quando retornava para sua casa levava o almoço e às quatorze horas retornava para os canteiros, leiras e viveiros da vizinhança para negociar, comprar, para que na próxima manhã lá estivesse sortida sua bancada.

Maria Sebastiana Soares, a Sabá, era os pés, braços, cabeça daquela família. Era quem resolvia tudo. Seu esposo com dificuldade de visão, sua mãe com seus mais de cem anos e os filhos hão de sentir muito a perda dessa valorosa mulher.

Ela intercedia por pessoas com problemas de doença a se dirigirem à capital em busca de recuperação. Mas dessa vez não deu tempo dela interceder por si.

Com uma inflamação na garganta que a incomodava, resolveu procurar uma farmácia e ali lhe receitaram um antibiótico. Tomou a primeira drágea, depois a segunda e quando tomou a terceira (guardada as devidas horas, entendemos que assim foi) a pastilha a asfixiou. Todos que já se preparavam para dormir se viram sobressaltados e buscaram socorro. Um vizinho, alma boa, no afã de atendê-la o mais rápido possível, nem vestiu a camisa. Quando chegou no Hospital foi maltratado e pelo que nos relataram não acompanhou a paciente.

Quando sua filha chegou ao hospital, pois andou quase cinquenta minutos a pé, encontrou-a imobilizada na cama. Como ela estava asfixiada, ela pulava, e, provavelmente sem alguém para relatar o que ela tinha, a melhor forma encontrada foi aplicar-lhe uma daquelas injeções chamadas sossega Leão. Essa mesma injeção foi aplicada numa paciente idosa no ano de 2009 que a levou- ao reino de Eurídice. Em Maués, a população tem medo de ir àquela Unidade Mista de Saúde por esse motivo e porque o Hospital existe desde a década de 70 sem nunca ter tido uma reforma, estando cheio de baratas, ratos, tubulação de água e esgoto, escorrendo pelos quartos, carapanãs e morcegos. A casa que era para ser de recuperação de saúde é um verdadeiro centro produtor de mais doenças.

Pra complicar, existem médicos que permitem esse tipo de procedimento. Como é que um médico não diligencia, não aguarda uma pessoa da família para saber o que a paciente tinha? Por que não ouviu o vizinho que a socorreu? Por falar em médicos, os que estão em Maués, em outubro de 2009, não souberam diagnosticar uma meningite numa adolescente e quanto foi transferida para o Hospital Tropical de Manaus seu quadro era irreversível e faleceu no dia 31 de outubro de 2009. Esses erros no Hospital de Maués vêm se repetindo costumeiramente. Temos conhecimento de outro caso com um adolescente que se queixava de dores na barriga e vinha sendo medicado como virose. Depois de vários dias seus familiares resolveram seguir para Manaus e no Hospital Joãozinho a médica que o atendeu só no olhar diagnosticou a doença, pedindo que não tocassem na criança, cortassem a camisa e a calça e o levassem para a sala de cirurgia. Os médicos de Maués orientaram trazê-lo de barco. Se não fosse o avião, era outro no reino de Eurídice.

Em memória da Maria Sebastiana, a Sabá, que provavelmente não teve seu nome divulgado nos meios de comunicação de Maués por ser da classe pobre, neste dia 08 de março, seu nome estará correndo o planeta Terra, de Norte a Sul, de Leste a Oeste, através da rede mundial de internet através deste bloguinho da comunalidade intempestiva.

1 Response to “A MORTE DA SABÁ”


  1. 1 Anônimo quarta-feira, 10 março, 2010 às 8:23 pm

    O problema médico-hospitalar aqui em Maués é grave mesmo. Não dá pra confiar no prédio que está velho, sem reforma e é como está escrito ai. Estão construindo um Hospital aqui já vai um longo tempo. São essas coisas de tempo de eleição. Dizem que vão inaugurar. Como nunca mais eu andei praquelas bandas do maracapoeira não sei como é que está. Falam que é coisa de primeiro mundo. Se é, então não é pros pobres. Outra coisa, aqui em Maués tem algumas coisas estranhas. Temos um porto pra ser construido que já vai pra mais de 8 anos mais ou menos e o ancoradouro não apronta.O rio enche, o rio seca, enche, seca e nada. Construiram umas casas aqui, se não me engano com financiamento da Caixa e as casas estão se deteriorando, até pouco tempo, enquanto isso, uma senhora que liderou uma invasão na área do aeroporto ficou um tempo presa. A Procuradoria Geral da União já sorteou nossa cidade para ser fiscalizada, segundo falam apareceram várias irregularidades. Estamos aguardando que medidas sejam tomadas para que beneficie a comunidade. Sinto pelo passamento da companheira, conterrânea, mas que isso sirva para continuarmos a luta que é de todos os trabalhadores e que seu nome já está escrito no livro da História de Maués, do Brasil e do mundo.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s




USAR O CONTROLE REMOTO É UM ATO DEMOCRÁTICO!

EXPERIMENTE CONTRA A TV GLOBO! Você sabe que um canal de televisão não é uma empresa privada. É uma concessão pública concedida pelo governo federal com tempo determinado de uso. Como meio de comunicação, em uma democracia, tem como compromisso estimular a educação, as artes e o entretenimento como seu conteúdo. O que o torna socialmente um serviço público e eticamente uma disciplina cívica. Sendo assim, é um forte instrumento de realização continua da democracia. Mas nem todo canal de televisão tem esse sentido democrático da comunicação. A TV Globo (TVG), por exemplo. Ela, além de manter um monopólio midiático no Brasil, e abocanhar a maior fatia da publicidade oficial, conspira perigosamente contra a democracia, principalmente, tentando atingir maleficamente os governos populares. Notadamente em seu JN. Isso tudo, amparada por uma grade de programação que é um verdadeiro atentado as faculdades sensorial e cognitiva dos telespectadores. Para quem duvida, basta apenas observar a sua maldição dos três Fs dominical: Futebol, Faustão e Fantástico. Um escravagismo-televisivo- depressivo que só é tratado com o controle remoto transfigurador. Se você conhece essa proposição-comunicacional desdobre-a com outros. Porque mudanças só ocorrem como potência coletiva, como disse o filósofo Spinoza.

Acesse esquizofia.wordpress.com

esquizofia.wordpress.com

CAMPANHA AFINADA CONTRA O

VIRTUALIZAÇÕES DESEJANTES DA AFIN

Este é um espaço virtual (virtus=potência) criado pela Associação Filosofia Itinerante, que atua desde 2001 na cidade de Manaus-Am, e, a partir da Inteligência Coletiva das pessoas e dos dizeres de filósofos como Epicuro, Lucrécio, Spinoza, Marx, Nietzsche, Bergson, Félix Guattari, Gilles Deleuze, Clément Rosset, Michael Hardt, Antônio Negri..., agencia trabalhos filosóficos-políticos- estéticos na tentativa de uma construção prática de cidadania e da realização da potência ativa dos corpos no mundo. Agora, com este blog, lança uma alternativa de encontro para discussões sociais, éticas, educacionais e outros temas que dizem respeito à comunidade de Manaus e outros espaços por onde passa em movimento intensivo o cometa errante da AFIN.

"Um filósofo: é um homem que experimenta, vê, ouve, suspeita, espera e sonha constantemente coisas extraordinárias; que é atingido pelos próprios pensamentos como se eles viessem de fora, de cima e de baixo, como por uma espécie de acontecimentos e de faíscas de que só ele pode ser alvo; que é talvez, ele próprio, uma trovoada prenhe de relâmpagos novos; um homem fatal, em torno do qual sempre ribomba e rola e rebenta e se passam coisas inquietantes” (Friedrich Nietzsche).

Daí que um filósofo não é necessariamente alguém que cursou uma faculdade de filosofia. Pode até ser. Mas um filósofo é alguém que em seus percursos carrega devires alegres que aumentam a potência democrática de agir.

_________________________________

BLOG PÚBLICO

Propaganda Gratuita

Você que quer comprar entre outros produtos terçado, prego, enxada, faca, sandália, correia, pé de cabra ou bola de caititu vá na CASA UYRAPURU, onde os preços são um chuchu. Rua Barão de São Domingos, nº30, Centro, Tel 3658-6169

Pão Quente e Outras Guloseimas no caminho do Tancredo.
PANIFICADORA SERPAN (Rua José Romão, 139 - Tancredo Neves - Fone: 92-8159-5830)

Fique Frio! Sabor e Refrescância!
DEGUST GULA (Avenida Bispo Pedro Massa, Cidade Nova, núcleo 5, na Rua ao lado do DB CIdade Nova.Todos os dias).

O Almoço em Família.
BAR DA NAZA OU CASA DA VAL (Comendador Clementino, próximo à Japurá, de Segunda a Sábado).

Num Passo de Mágica: transforme seu sapato velho em um lindo sapato novo!
SAPATEIRO CÂNDIDO (Calçada da Comendador Clementino, próximo ao Grupo Escolar Ribeiro da Cunha).

A Confluência das Torcidas!
CHURRASQUINHO DO LUÍS TUCUNARÉ (Japurá, entre a Silva Ramos e a Comendador Clementino).

Só o Peixe Sabe se é Novo e do Rio que Saiu. Confira esta voz na...
BARRACA DO LEGUELÉ (na Feira móvel da Prefeitura)

Preocupado com o desempenho, a memória e a inteligência? Tu és? Toma o guaraná que não é lenda. O natural de Maués!
LIGA PRA MADALENA!!! (0 XX 92 3542-1482)

Decepcionado com seus desenganos? Ponha fé nos seus planos! Fale com:
PAI GEOVANO DE OXAGUIÃ (Rua Belforroxo, S/N - Jorge Teixeira IV) (3682-5727 / 9154-5877).

Quem tem fé naõ é um qualquer! Consultas::
PAI JOEL DE OGUM (9155-3632 ou paijoeldeogum@yahoo.com.br).

Belém tá no teu plano? Então liga pro Germano!
GERMANO MAGHELA - TAXISTA - ÁGUIA RADIOTAXI - (91-8151-1464 ou 0800 280 1999).

E você que gostaria de divulgar aqui seu evento, comércio, terreiro, time de futebol, procurar namorado(a), receita de comida, telefone de contato, animal encontrado, convites diversos, marocagens, contacte: afinsophiaitin@yahoo.com.br

Outras Comunalidades

   

Categorias

Arquivos

Blog Stats

  • 4.243.049 hits

Páginas

Arquivos


%d blogueiros gostam disto: