Arquivo para março \27\-04:00 2010



i iNDA TEM FRANÇÊiS Qi DiZ Qi A JENTi NUM SEMO SERO

@ OS PROFESSORES QUERIAM FAZER O PROTESTO EM FRENTE  DO PALÁCIO DOS BANDEIRANTES, mas a Polícia Militar cercou a sede do governo impedindo a aproximação. Os professores indignados com a posição da Polícia do governador Serra, tentou furar o bloqueio. Então a polícia fez usos de balas de borracha e gás de pimenta, alguns professores usaram pedras para atingir os policiais, um manifestante foi preso.  Alguns professores foram feridos.  Alguns professores conseguiram entrar no palácio e falar com o representante da Casa Civil, e segundo os professores, o governo quer negociar, mas com a condição de que a greve seja finalizada. Todavia, em reunião logo após o ato, o comitê de greve decidiu, junto com os docente que a greve continua.  A mobilização conseguiu levar em passeata mais de 20 mil professores, entretanto, segundo a polícia do governo, foram somente 5 mil participantes. Inda tem francês…

@ JOAQUIM RORIZ, EX-GOVERNADOR DO DISTRITO FEDERAL, e Durval Barbosa, ex-presidente da Companhia de Planejamento do Distrito Federal terão ação penal movida pelo Tribunal de Justiça do Distrito Federal (TJDF), pelo uso da máquina administrativa para reeleição de Roriz, em 2002, e desvio de verba pública para fins eleitoreiros.  “De 2003 a 2010, pouco se apurou das denúncias feitas pelo Ministério Público do Distrito Federal no bojo do inquérito devido aos vários recursos impetrados nos Tribunais Superiores e na Justiça Comum referentes unicamente à definição de onde os auto deveriam tramitar”, afirma a nota do TJDF. Inda tem francês…

@ “É PRA FAZER DINHEIRO MESMO”, afirmou João Gordo, ao assinar um contrato com TV Record, para ser integrante do programa “Legendários”, depois de 12 anos na MTV.  “É empresarial. É pra fazer dinheiro mesmo… e TV, que é o que eu gosto”. Para justificar sua saída da MTV, João Gordo, afirmou que já estava “de saco cheio. A química já não rolava, tava uma merda. Fiquei 12 anos trabalhando com coisa tosca, você se acostuma a tosqueira. Aqui você vai fazer matéria. E tem até helicóptero”. Inda tem francês…

@ PIEDAD CÓRDOBA, SENADORA COLOMBIANA, CHEGA A SÃO GABRIEL DA CACHOEIRA, no Amazonas para tratar das negociações para libertar dois militares em poder das Forças Revolucionárias da Colômbia (Farc), o sargento Pablo Emílio Moncayo, e o cabo Josué Daniel Calvo.  As negociações que foram orientadas pelo assessor especial para Assuntos Internacionais da Presidência da República, Marco Aurélio Garcia, contará com a participação de militares brasileiros, Roberta Falciola, delegada do Comitê Internacional da Cruz Vermelha (CICV), Hernando Gomes, do Movimento Colombian@as pela Paz, e o monsenhor Leonardo Gomes Serna, bispo de Mangangue. Inda tem francês…

@ FÓRUM SOCIAL URBANO APRESENTA CARTA COM 20 PROPOSTAS. A carta do Rio de Janeiro, como ficou chamada, marcou o fim do Fórum que foi organizado pelos movimentos sociais e pesquisadores, e que reuniu mais de 10 mil participantes. A Carta apresenta propostas para melhorar às cidades e ampliar o acesso à moradias em áreas com infraestrutura.  O documento defende a redução das desigualdades sociais nas cidades com construção de casas populares próximas aos mercados de trabalho, e fim das remoções e despejos para megaeventos, transporte coletivo de qualidade, reforma agrária e opções de trabalho no campo.  Foi aprovado, também, o dia 25 de março, como o Dia Internacional de Luta pelo Direito à Cidade. Para Guilherme Matos, um dos organizadores do evento, o grande destaque foi a participação de grupos que não têm “voz” em outros espaços. “Não estão na mídia, não chegam até os governos e não estão em grandes eventos”. Inda tem francês…

@ JORNAL DO VATICANO AFIRMA QUE JORNAL AMERICANO TENTOU ATINGIR O PAPA. O The New York Times publicou na quinta-feira que o Papa Bento XVI sabia que um padre, nos Estados Unidos, molestou durante 24 anos, 200 meninos de uma escola para surdos no Estado de Winsconsin, e acobertou o fato não agindo contra o padre pedófilo. Razão pelo qual o Jornal do Vaticano, publicou um protesto contra o jornal americano.  O Vaticano, informou que só teve notícia dos casos em 1996, entretanto, em virtude da saúde frágil do padre, e falta de novas denúncias não deram continuidade à investigação. Inda tem francês…

@ “EU TRABALHEI, NÓS CONSEGUIMOS. O SEGURO DESEMPREGO é hoje um benefício para você, e também parecia impossível que a gente fosse fazer a maior estação de metrô no Brasil, pois nós estamos fazendo e gerando emprego para trabalhadores. É isso, planejamento, experiência de vida, e o Brasil no coração”, afirmou o governador de São Paulo, José Será, em propagando partidária do PSDB, veiculada nas TVs. Diante do ocorrido o PT de São Paulo, entro com uma liminar na Justiça Eleitoral, pedindo a suspensão da propaganda. Ontem, o desembargador, Alceu Penteado, da corregedor regional eleitoral do Estado de São Paulo, suspendeu a propaganda. Inda tem francês…

@ ORSON WELLES, CINEASTA, ATOR, E DIRETOR DE “CIDADÃO KANE”, narrou um conto de Natal que vai ser transformado em filme longa 3D pela produtora Drac Studios que terá como título, “Christmas Tails”.  Segundo o diretor da Drac Studios, Harvey Lowry, “É um filme como o cachorro do Papai Noel, salva o Natal, mas também será a história de como as fitas com a gravação de Welles, foram encontradas. É uma descoberta importante. É o sonho de qualquer diretor de cinema”. Inda tem francês…

Vamos que vamos!

Que vamos que vamos!


Não fomos!

LULA VAI AO IRÃ PARA TENTAR EVITAR O ERRO CONTRA O IRAQUE

Vocês já sabem da quantidade de críticas que tenho recebido porque tomei a decisão de receber o presidente Amadinejad. E tomei a decisão de ir lá. Eu vou lá porque não quero que se repita no Irã o erro que se cometeu no Iraque”, afirmou o presidente Lula por ocasião de uma homenagem realizada pela comunidade árabe a sua pessoa.

A viagem que Lula fará no mês de maio para o Irã tem como objetivo principal estabelecer diálogo para que o desentendimento gerado pelo programa nuclear do Irã entre alguns países não sirva como pretexto para uma ação internacional contra o país árabe, da mesma forma como ocorreu no Iraque. Dessa maneira, tentará impedir que o pior ocorra contra esse país. Lula tentará mediar o diálogo entre as nações islâmicas e os países que discordam do programa nuclear do Irã.

Para Lula, a invasão do Iraque foi fruto de uma grande “mentira” contada pelas “grandes potências ocidentais”, ao inventar que o país árabe era uma ameaça internacional porque detinha armas químicas. O que depois de um cruel genocídio, as mesmas potências reconheceram que tais armas químicas não existiam.

Lula disse que vai juntar as preocupações atuais sobre o programa nuclear do Irã, e dizer: “Nós queremos a paz. Vou lá para dizer ao presidente Amadinejad, em Teerã: ‘sou contra você querer fazer armas nucleares, mas sou favorável você enriquecer urânio como o Brasil enriquece para o Brasil produzir energia elétrica. A paz no Oriente Médio não depende do estado de espírito do governo norte-americano ou dos governos europeus, é uma necessidade para humanidade viver em paz.”

PREFEITURA DE SP PROTESTA CONTRA DOCUMENTO DA ONU-HABITAT

O lançamento do relatório da ONU-Habitat que seria apresentado no 5º Fórum Mundial Urbano, que ocorre no Rio de Janeiro, foi adiado para junho, porque a prefeitura de São Paulo protestou em afirmando que o relatório faz elogios à gestão de Martha Suplicy e omite dados da gestão de Serra.

Diante da posição da prefeitura, que coloca sob suspeição a lisura do documento, o coordenador da pesquisa feita pelo Programa para Assentamentos Humanos das Nações Unidas (ONU-Habitat), o mexicano Eduardo Moreno negou que o documento tenha tendência ideológica, como insinuou a prefeitura de Gilberto Kassab.

O que eles estão a reclamar é que tem uma certa posição ideológica. Minha resposta é que vejo fatos. O que não vamos fazer de nenhuma maneira é entrar num debate ideológico ou político. Essa não é a posição da ONU.”

Segundo Eduardo, o documento foi elaborado depois da análise de um grupo de pesquisadores, e compilado pelo inglês Christopher Horwood, consultor independente. Moreno se opõe a posição de Albert Paranhos, representante do escritório regional do Habitat, que concordou com as reclamações da prefeitura. “O que Alberto diz é correto até certo ponto. A tônica dessa série de relatórios não é deixar ao final a municipalidade expressar o que ela quer. Se a prefeitura quer escrever um livro sobre São Paulo que o faça”, afirmou Moreno.

MESSI E MARADONA: A PULGA E A BOLA

LA PULGA: “Nem que passem milhões de anos eu vou estar no nível de Maradona. Eu quero fazer minha própria história e não me comparar. Ele é o maior de todos os tempos”, disse Lionel Messi, o craque argentino, atualmente no imbatível Barcelona.

LA BOLA: “Hoje é muito fácil dizer que Messi é o melhor do mundo. Na seleção não o tiramos nunca de campo e acreditamos que ele irá explodir em algum momento. Falei com alguém que neste momento está amadurecendo a passos gigantescos. Já não é mais um menino. Tem direitos conquistados dentro de campo e terá que fazer valer sua liderança dentro dele”, falou Maradona, escolhido essa semana o maior craque de todas as copas, atualmente técnico da Argentina, em entrevista à rádio “Cooperativa”, de Buenos Aires.

Quando Maradona marcou aquele gol na Inglaterra na copa 1986, todos o consideraram imediatamente o gol mais bonito de todos os tempos das histórias das copas. No ano passado Messi marcou um gol semelhante, e todos aproximaram com a lembrança os dois gols.

Um drible ali outro ali, um carinho na dendeca, e a imprensa internacional, nacional, estadual, municipal força a comparação entre Maradona e Messi. Tudo bem, Messi já respondeu e, não por modéstia, mas porque sabe que a comparação é falsa quando se fala de um craque. Serve apenas para humilhar os ressentidos, como Pelé.

O que se sabe, o que se vê é que Messi ainda caminha para os 23 anos e, existencialmente, tem todas as possibilidades de esgarçar as quatro linhas e levar nossa azul-celeste não só ao título da próxima copa, mas pode trazer para ela o real enlevo de ver o futebol-devir-criação enlevar corpos e espíritos de todo o mundo. Maradona, o técnico que abraça os jogadores, e que tem um carinho especial por Messi, sabe disso: “Seria terrivelmente estúpido pedir uma posição fixa a Messi. Menotti e Bilardo me diziam: ‘Vá e jogue’. Então digo a Messi que ele deve se preocupar somente em jogar. Ele tem um potencial muito grande para se movimentar e saber onde deve estar em campo”.

Assim, tomando as palavras de Messi, pode ser que daqui a milhões de anos ele não seja igualmente comparado a Maradona, mas que se faça lá a comparação ao menos como entre a pulga (chamam Messi de La Pulga) e a bola (Maradona se autodenominava La Bola): duas singularidades do futebol entre os quais a diferença poderá até ser de graus, mas não de essência.

especial para o Por Fora de Futebol

PGR PEDE QUE ARRUDA PERMANEÇA PRESO

Em parecer enviado ao Superior Tribunal de Justiça (STJ), a Procuradoria-Geral da República (PGR) pediu para que o ex-governador José Roberto Arruda, preso desde o dia 11 de fevereiro nas dependências da Polícia Federal, em Brasília, por corrupção de uma testemunha, permaneça preso.

O pedido de soltura de Arruda, por seus advogados, que afirmam que seu estado de saúde foi abalado pelas condições onde se encontra preso, e a falta de assistência médica, e conversa reservada com seus advogados, foi contestado pelo procurador-geral da República, Roberto Gurgel, e pela subprocuradora Raquel Dodge.

As fotos da sala especial que ele ocupa revelam que o ambiente é amplo, ventilado, iluminado, refrigerado, mobiliado e limpo. O requerente toma banho de sol duas vezes ao dia, faz caminhadas e recebe visitas. Os alimentos que ele ingere são trazidos de sua própria residência. A longa lista de consultas médicas e de enfermagem qualificadas que ele teve, em média duas vezes ao dia desde a data da prisão, e os exames laboratoriais e específicos realizados no mesmo período revelam que ele recebeu assistência médica intensa e adequada. Além disto, recebeu assistência diárias de seus advogados, em contatos pessoais e reservados”, diz o parecer da PGR.

Em planilha enviada ao ministro Fernando Gonçalves, os procuradores mostram que os advogados de Arruda conversaram com ele reservadamente. “Esses encontros foram pessoais e reservados no interior da sala especial onde ele está preso. Tiveram duração não controlada pela Polícia Federal, que variou de um minuto a quatro horas e cinco minutos, cada um a critério dos próprios advogados. O total geral de duração de tais encontros equivale a 37 horas e 22 minutos”.

AGU VAI EXAMINAR SE CABE RECURSO À MULTA EM LULA

Por quatro votos contra três, ministros do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), aplicaram uma multa de R$10 mil no presidente Lula por propaganda eleitoral antecipada a pedido dos partidos de oposição PSDB, DEM E PPS.

No entendimento dos quatro ministros, Lula fez campanha para Dilma, candidata do governo à Presidência da República, em janeiro, quando da inauguração do Sindicato dos Trabalhadores de Processamento de Dados de São Paulo. Em razão da multa, a Advocacia Geral da União (AGU) vai a examinar a decisão dos ministros e ver se cabe recurso. Cabendo, a AGU recorrerá.

Por sua vez, Lula, sabedor que a multa ocorreu por suas participações em eventos de suas políticas de desenvolvimento do Brasil, como o PAC, que estão estendidas por todo país, comentou: “Este ano nós vamos viajar o Brasil inteiro para a gente inaugurar todas as coisas que estamos aprontando pelo país”.

E como sempre acontece com a direita, que credita a sua “felicidade” à “tristeza” do governo, ela, oralmente, comemorou novamente como se tivesse ganho uma eleição. O que força uma pergunta, nesse ano eleitoral: “Lula, multado, faz o Serra ganhar as eleições? Claro que não. Resposta que leva a outra pergunta: “Então por que tanta comemoração da direita?”

34 ANOS DO GOLPE QUE DEU INÍCIO À DITADURA NA ARGENTINA

Não há nada que se compare a uma ditadura, tampouco há como comparar uma ditadura com outra, mas ao se observar historicamente a ditadura na Argentina (1976-1983) percebe-se que ela teve em toda a América Latina algumas características peculiarmente terríveis, a começar pela clara e difundida intenção dos militares em ficar indefinidamente no poder, sem mesmo apontar as “razões” para o estabelecimento do golpe, como fizeram os outros generais nos outros países. Talvez por isso, a luta para apurar os crimes praticados na ditadura seja tão potente nos hermanos.

Segundo cálculos de organizações dos direitos humanos, mais de 30 mil pessoas desapareceram, sendo sequestradas e mortas nesse período. Afora os que conseguiram sair, que foram cerca de 2,5 milhões. Estima-se que uns 200 mil argentinos se abrigaram no Brasil, embora estivéssemos também sob uma terrível ditadura.

Entre os desaparecidos estão 500 crianças, agora adultas e que ainda estão sendo procuradas pela organização Avós da Praça de Maio, presidida por Estela Carlotto. Entre elas, desconfia-se, inclusive, que os dois filhos adotivos de Ernestina Herrera de Noble, dona do grupo Clarin, sejam na realidade filhos de desaparecidos.

Por isso, a presidente Cristina Kirchner cobrou das autoridades ligadas aos direitos humanos todos os esforços em esclarecer casos ligados à ditadura militar e prometendo a Estela Carlotto: “Me comprometo com a senhora que se não encontrarmos justiça na Argentina, eu, como presidente, vou acompanhá-la aos tribunais internacionais,” disse.

A fala foi dita entre as inumeráveis manifestações que ocorrem todo ano, no dia 24 de março, levando inúmeras organizações de direitos humanos e o povo a lotar as ruas de Buenos Aires e outras cidades para gritar contra o terrível expedientes dos tiranos e assassinos sanguinários que outrora se apoderaram do Estado argentino, destituindo a democracia e estabelecendo a crueldade. Ontem fazia 34 anos do golpe militar na Argentina, e por isso essa imensa bandeira daqueles que foram covardemente torturados e mortos é carregada pela multidão para que nunca mais o expediente hediondo da ditadura ronde a Argentina, assim como toda a América Latina, assim como deve ser em todas as nações do mundo. É isso que dizem as Abuelas, é isso que pensa o maravilhoso povo hermano…

LULA CRIA SECRETARIA ESPECIAL DE TRATAMENTO DA SAÚDE INDÍGENA

O Diário Oficial da União (DOU) do dia de hoje, 25, publica a Medida Provisória assinada pelo presidente Lula, que cria a Secretaria Especial de Tratamento da Saúde Indígena, que irá compor a estrutura central do Ministério da Saúde, responsabilizando-se por elaborar, propor e implementar as políticas públicas de promoção e proteção da saúde indígena, que eram reservadas à Fundação Nacional de Saúde (FUNASA). O DOU traz também os detalhes do funcionamento da Secretaria e como os cargos a serem criados serão preenchidos.

Eu ia deixar para assinar a medida no próximo dia 19, Dia do Índio, mas aí eu percebi que aqui ia haver muito índio, e que algum deles podiam estar armados e então eu resolvi assinar logo”, disse Lula, em tom de brincadeira.

Falando para o ministro da Saúde, José Gomes Temporão, sobre a importância da Secretaria, o presidente Lula disse: “A Secretaria poderá começar a funcionar logo, e eu espero que a gente faça mais e melhor do que a gente vem fazendo. Agora a responsabilidade será maior porque antes você tinha alguém para culpar. Hoje, o responsável é você e vamos cobrar diretamente de você”.

GLOBO TERÁ QUE EXPLICAR NO BBB10 COMO SE CONTRAI AIDS

Após concluído um inquérito instaurado no início do mês, devido a uma declaração irracional de Marcelo Dourado, um participante do Big Brother Brasil 10, que disse que “hétero não pega Aids”, o Ministério Público Federal (MPF) ajuizou ontem (24) uma ação cautelar preparatória de ação civil pública, com pedido de liminar, a qual exige que a Rede Globo exiba todos os dias no decorrer da apresentação do BBB10, durante os dias que ainda estiver no ar, um esclarecimento à população com informações verdadeiras sobre as formas de contágio do vírus HIV, seguindo as definições do Ministério da Saúde.

“Um homem transmite (o vírus HIV) para outro homem, mas uma mulher não passa para o homem”, foi a declaração homofóbica e estúpida participante no dia 2 de fevereiro, a qual foi ao ar sete dias depois. Daí a responsabilidade da emissora, segundo o autor da ação, o procurador regional dos Direitos do Cidadão em São Paulo, Jefferson Aparecido Dias, que a exibiu, “prestando um desserviço para a prevenção da Aids no Brasil”.

O incauto Pedro Bial, apresentador do BBB10, imediatamente à fala de Dourado, que “as opiniões e batatadas emitidas pelos participantes deste programa são de responsabilidade exclusiva dos participantes deste programa. Para ter acesso a informações corretas sobre como é transmitido o vírus HIV, acesse o site do Ministério da Saúde”.

Questionada por Dias, a Globo disse que “o BBB não conta com um roteiro, sendo espontâneas as manifestações de seus participantes e que, qualquer manifestação preconceituosa ou equivocada, não reflete o posicionamento da TV Globo sobre o tema”, acrescentando ainda que “o esclarecimento feito pelo apresentador do programa foi a providência tomada pela TV Globo, por liberalidade”.

Pensando o contrário, o MPF pede urgência na decisão para a concessão da liminar e diz que a ação “preenche os requisitos, inclusive, para que seja concedida a medida judicial sem que a emissora seja ouvida, uma vez que o BBB 10 deve terminar no dia 30 de março e que, se não for concedida a liminar, o público alvo do programa continuará desinformado”.

Como já dissemos neste bloguinho, nos últimos meses, diversos sítios, blogs e jornais alternativos, principalmente os que defendem causas LGBT, inclusive no exterior, denunciaram falas e situações homofóbicas no BBB10. Para este bloguinho, a homofobia de todos os BBBs é apenas um crime entre todos os cometidos pela Globo e pelo BBB. Entre eles, a censura à inteligência, a aceitação do óbvio e do ululante, a hipocrisia da opinião irracional, a relação anulada/anulante, a violência gratuita, a sexualidade banalizada, a superexposição das superfluidades.

Assim, tal qual a declaração do truculento e preconceituoso participante, a Globotária não tem, por despotismo e ausência epistemológica, qualquer capacidade de entendimento do que venha a ser “concessão pública”. Por isso, nada a declarar, a não ser judicialmente.

IPEA DIZ QUE BRASIL TRABALHA PARA ATINGIR METAS DO MILÊNIO

O Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) divulgou que referente ao cumprimento dos Oito Objetivos do Milênio, o Brasil obteve avanço em vários aspectos propostos, embora ainda haja disparidade de gênero e raça, nesses aspectos.

O Brasil já atingiu as metas da erradicação da miséria e da fome, e algumas ações e programas federais, como o Bolsa Família, contribuíram para esse resultado ser alcançado, diz o 4º Relatório Nacional de Acompanhamento dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio.

Em 2005, o governo se propôs a reduzir um quarto do nível de 1990 os indicadores de extrema pobreza. O resultado foi alcançado em 2007, e superado em 2008. Em 1990, um em quatro brasileiros viviam com uma renda per capta de US$ 1,25 por dia. Valor referência para estabelecer internacionalmente a linha de pobreza. Com as ações do governo, a pobreza foi reduzida de tal maneira que, em 2008, apenas 4,8% da população eram pobres, menos de um quinto do nível do início da década de 1990, resultado que superou a meta estabelecida.

Segundo o relatório, o objetivo da universalização da educação primária foi alcançado. A ampliação da oferta de vagas garantiu o acesso de quase toda população de 7 a 14 anos nas escolas. O desafio agora é mantê-las, para que não haja evasão.

Mas o relatório aponta que, quanto à igualdade entre os sexos e a autonomia da mulher, não houve grande avanço. As desigualdades continuam em várias áreas. As meninas e as mulheres adultas das áreas rurais negras, assim como as brancas, encontram mais dificuldades que as brancas das áreas urbanas. O número de mulheres nas escolas ainda não se reflete no mercado de trabalho. E os espaços de maior prestígio e valor social ainda é predominantemente do homem.

O relatório também aponta avanço na diminuição da mortalidade infantil, saúde materna e no tratamento gratuito de HIV/AIDS, e redução na morte por malária.

O relatório mostra que o governo brasileiro tem contribuído para ajudar na diminuição das dívidas das nações pobres, e atuado para mudar as regras do comércio internacional e na área de direitos de propriedade em defesa do direito à saúde e a informação como forma de cumprir com o estabelecimento de uma parceria mundial para o desenvolvimento.

PAPA ENCOBRIU ABUSOS DE UM PADRE A 200 MENINOS NOS ESTADOS UNIDOS

O reverendo Lawrence C. Murphy, com as mãos juntas, em Wisconsin, em 1960.

Altos funcionários do Vaticano, incluindo o atual papa Bento XVI, há época temido cardeal Joseph Ratzinger, encobriram abuso sexual do reverendo Lawrence C. Murphy a mais de 200 meninos surdos, de uma renomada escola para crianças surdas que ele dirigiu de 1950 a 1974 em Wisconsin.

A denúncia foi feita no jornal norte-americano New York Times, que divulgou ontem uma gama de documentos que comprovam as acusações de que apesar de vários bispos americanos repetidamente terem denunciado internamente o caso.

A correspondência interna de bispos em Wisconsin diretamente ao autoritário cardeal Ratzinger mostra que, embora outros bispos da igreja tenham inclusive sugerido para que o sacerdote fosse excomungado, a sua maior prioridade era proteger a igreja de escândalo.

AUTORITARISMO DE RATZINGER ERA FALSO-MORALISMO

Os documentos demonstram como o atual papa Bento XVI enfrentava outras acusações de que ele e seus subordinados diretos, na maioria das vezes não alertavam às autoridades civis ou policiais sobre padres envolvidos em abusos sexuais quando ele servia como arcebispo na Alemanha e, como principal executor doutrinal do Vaticano.

O caso do padre Lawrence C. Murphy é apenas um dos milhares de casos transmitidos ao longo de décadas por bispos para o escritório do chamado Vaticano da Congregação para a Doutrina da Fé, liderada de 1981 a 2005 por Ratzinger, e que era, e ainda é, o escritório que decide se os padres acusados devem ser submetidos a julgamentos canônicos e afastados.

Segundo o jornal, em 1996, o cardeal Ratzinger não conseguiu responder a duas cartas sobre o caso enviadas por Rembert G. Weakland, arcebispo de Milwaukee. Depois de oito meses, o segundo em comando na sede doutrinária, o cardeal Tarcisio Bertone, que hoje é secretário de Estado do Vaticano, encarregou o bispos de Wisconsin de realizar um julgamento secreto canônico que podia levar ao impedimento daqueles que as crianças chamavam de Pai Murphy.

Mas o cardeal Bertone interrompeu o processo depois que Pai Murphy escreveu pessoalmente ao cardeal Ratzinger, na qual dizia que não deveria ser levado a julgamento, porque ele já havia se arrependido e que não tinha mais boa saúde e que o caso estava além do próprio estatuto da igreja em suas limitações. “Eu simplesmente quero viver o tempo que me resta na dignidade do meu sacerdócio. Eu peço a sua ajuda nesta matéria”, escreveu o padre Murphy antes de morrer em 1998. Os arquivos não contêm nenhuma resposta do cardeal Ratzinger.

O The New York Times obteve os documentos, que a Igreja lutou para manter em segredo, de Jeff Anderson e Mike Finnegan, advogados dos cinco homens que levaram a cabo quatro processos contra a Arquidiocese de Milwaukee. Os documentos incluem cartas entre bispos e o Vaticano, depoimentos das vítimas, as notas manuscritas de um especialista em distúrbios sexuais, que entrevistou Pai Murphy e ata de uma reunião final sobre o caso no Vaticano.

Pai Murphy não só nunca foi julgado ou disciplinado pelo sistema da igreja como pela própria justiça, pois também teve uma passagem pela polícia e promotores que ignoraram os relatórios de suas vítimas, de acordo com os documentos e entrevistas com vítimas. Três arcebispos sucessivos em Wisconsin foram informados de que o padre Murphy abusou sexualmente de crianças, como mostram os documentos, mas nunca relataram às autoridades criminais ou civis.

Em vez de ser disciplinado, padre Murphy foi discretamente movido pelo Arcebispo William E. Cousins de Milwaukee para a Diocese de Superior em Wisconsin, do norte, em 1974, onde passou seus últimos 24 anos a trabalhar livremente com as crianças em paróquias, escolas e, como uma ação acusa, um centro de detenção juvenil. Ele morreu em 1998, continuando a ser um padre.

Mesmo que o próprio papa, em uma recente carta aos católicos irlandeses, tenham enfatizado a necessidade de cooperar com a Justiça civil em casos de abuso, a correspondência parece indicar que a insistência do Vaticano em matéria de segredo tem impedido muitas vezes essa cooperação. Ao mesmo tempo que demonstra a relutância dos funcionários em desnudar um abusador sexual e que, em nível doutrinário, o Vaticano tem tendência para ver a questão em termos de pecado e arrependimento e não de crime e castigo.

O porta-voz do Vaticano, reverendo Federico Lombardi, mostrou os documentos e foi solicitado a responder a perguntas sobre o caso. Ele deu uma declaração dizendo que o padre Murphy tinha certamente violado as crianças e que era um “caso trágico”. Mas ele destacou que nem o Código de Direito Canônico, nem as normas que o Vaticano emitiu, em 1962, que instruem os bispos para conduzir investigações canônicas e ensaios em segredo, proibiu funcionários de igrejas de negar informação às autoridades civis. Ele não atendeu porque isso nunca tinha acontecido neste caso.

Quem entende?

JUSTIÇA DIZ QUE ESCOLA AMERICANA QUE CANCELOU BAILE VIOLOU DIREITOS

Conforme noticiamos aqui na coluna O Mundo Gay deste bloguinho, uma escola agrícola do condado de Itawamba, em Fulton, no estado americano do Mississippi, cancelou seu tradicional baile de formatura, marcado para dia 2 de abril, porque uma aluna de 18 anos, Constance McMillen, lésbica assumida, queria levar sua parceira para bailar.

Na terça-feira, o Tribunal de Justiça do Mississippi determinou que a escola violou os direitos da aluna, previstos pela Primeira Emenda da Constituição americana. Segundo o juiz que proferiu a sentença, a partir dela os advogados de Constance podem fazer adaptações e adentrar com processo judicial para conseguir uma indenização para ela. “A violação de seus direitos constitucionais levantou uma ameaça substancial de um dano irreparável”, alegou o juiz.

O caso ganhou repercussão em todo o mundo, que por sinal é gay. Uma comunidade no Facebook favorável a Constance já tinha mais de 384 mil membros antes do julgamento, e ela também participou de entrevista em um talk show da apresentadora lésbica Ellen DeGeneres, onde recebeu de uma empresa do ramo digital uma bolsa de estudos no valor de US$ 30 mil.

Além de um caso pessoal de defesa dos seus direitos, a posição de Constance deve servir para que outros bailes não sejam cancelados apenas porque uma garota que dançar com outra, seu amor, num baile de formatura.

ARRUDA SERÁ SOLTO EM ABRIL

O ex-governador José Roberto Arruda, preso nas dependências da Polícia Federal, em Brasília, desde o dia 11 de fevereiro, poderá ser solto já no mês de abril. Foi o que afirmou o Procurador-Geral da República, Roberto Gurgel.

O procurador-geral disse que pedirá a liberação de Arruda assim que a Polícia Federal terminar de ouvir todos os suspeitos e testemunhas do esquema de corrupção que ocorreu no governo do Distrito Federal na gestão de Arruda. Os interrogatórios transcorrerão durante os dez dias próximos.

Em petição encaminhada ao Superior Tribunal de Justiça (STJ), Roberto Gurgel, além de pedir pressa nas investigações, requereu o interrogatório de Arruda, Paulo Octávio, Durval Barbosa e dos outros suspeitos.

Assim que sejam concluídas as oitivas, o Ministério Público não se oporá que ele seja posto em liberdade. O Ministério Público não tem interesse nenhum em mantê-lo preso. Se ele não tivesse feito a imensa tolice de corromper uma testemunha, jamais teríamos pedido a prisão dele”, afirmou Roberto Gurgel.

NOVO PEDIDO DE UTILIDADE PÚBLICA DA ASSOCIAÇÃO DAS PROSTITUTAS DO AMAZONAS

https://i1.wp.com/farm4.static.flickr.com/3372/3442709190_897b7fec48_o.jpg

Sebastiana (ao centro), presidente d’As Amazonas, e duas das suas companheiras de luta pelos direitos e dignidade das prostitutas.

No início de 2009, uma das decisões mais polêmicas da Câmara Municipal de Manaus (CMM) foi a que girou em torno do pedido do Certificado de Utilidade Pública requerido pela Associação das Prostitutas do Amazonas – As Amazonas.

Na época, nós, da Associação Filosofia Itinerante – AFIN, percebendo o preconceito dos edis, enunciamos através deste bloguinho, um manifesto sobre a inexistência da política na cidade de Manaus em decorrência da negação da utilidade pública para As Amazonas.

Falsa polêmica, já que a bancada disangélica da CMM deturpou, em nome dos chamados bons costumes, a partir de uma irracionalidade falso-religiosa, os princípios do documento apresentado pelas Amazonas, dizendo que ele incitava à prostituição, quando o documento deixava bem claro que os objetivos de se adquirir uma utilidade pública para elas seria trabalhar melhor três temas básicos: História de Vida, Direitos Humanos e Prevenção.

Atualmente recebemos na semana passada da incansável presidente d’As Amazonas, companheira Sebastiana, a notícia de que novamente o pedido da Utilidade Pública para a associação está novamente tramitando na câmara, dessa vez sob a autoria do vereador Ademar Bandeira (PT).

Sebastiana informa ainda que o pedido está sob a avaliação da primeira comissão, e que estão sendo exigidos um número grande de documentos (alguns, inclusive, que não foram pedidos na vez anterior). Estão ocorrendo algumas dificuldades pela falta de recursos da associação, que não tem verbas para arcar, por exemplo, com serviços contábeis obrigatórios. Mas ela acrescenta que não vai se render a essa burocracia e vai correr atrás das documentações, de conseguir dinheiro para pagar técnicos, etc.

Perguntada por nós se houve alguma alteração no estatuto anterior, ela diz que a única mudança foi que agora a associação inclui também o nome das ex-prostitutas, ficando, portanto, Associação das Prostitutas e Ex-prostitutas do Amazonas.

Mais uma vez, a AFIN, como entidade sem fins lucrativos, que há nove anos realiza trabalhos artísticos, educacionais e políticos na cidade de Manaus, vem a público declarar seu apoio irrestrito à concessão da Utilidade Pública para As Amazonas. E este bloguinho, enquanto vetor virtualizantes da AFIN e enquanto serviço público, acompanhará todos os trâmites desse novo processo, estando à disposição d’As Amazonas na luta pela preservação dos direitos humanos das prostitutas e o estatuto de sua cidadania.

NO ESQUIZOFIA: “Andy Warhol pinta o Brasil de arte”

FERNANDO HENRIQUE E SEUS ALUCINADOS MOINHOS DE VENTO

Quem conhece a trajetória de Fernando Henrique, tanto em sua chamada vida acadêmica, como em sua chamada vida política, sabe que ela é toda pontuada por lances rocambolescos de oportunismos explícitos. Onde havia uma janela para ele mostrar o rosto, lá estava ele.

Mas nem sempre ele se deu bem em seus propósitos desnarcisados (aquele que carrega uma forte insegurança quanto a sua própria pessoa). Quando o filósofo Sartre e a filósofa Simone Du Beauvoir estiveram no Brasil, em 1963, e passaram alguns em São Paulo conhecendo o estado e proferindo conferências, Fernando Henrique se jactou de cicerone do casal. Foi preterido. Tentou de todas as forças se mostrar em fotos junto aos casal para ver se auferia algumas costuras em suas feridas narcísicas, e nada.

Quando um dia foi acometido da estranha ilusão que deveria entrar para a política, passou à procura da personagem poderia lhe emprestar os passos para tentar realizar sua fantasmagoria. E lá estava o operário nordestino fazendo de sua diatribes, como operário engajado, contra a opressão do capital sobre o homem, em plena ditadura militar. E lá estava o olhar ambicioso e vaidoso de Fernando Henrique. Em inúmeras fotos da época é possível sempre se ver um oportunista por trás de Lula.

Ora ele se aproximava de Lula, ora de Ulisses Guimarães, ora de Tancredo. As personagens mais marcantes do fim da ditadura. Quer dizer: Fernando Henrique nunca foi autor de um ato original.

Com a abertura política, foi fundado o PSDB, saído do PMDB, e ele foi se aninhar, mas carregando profunda inveja de Mário Covas, que era um homem de princípios ilibados. Grande opositor da ditadura. Hoje, o PSDB é esse partido que o povo brasileiro conhece: junto com o PFL, forma a frente reacionária da direita do Brasil. Forma um séquito de tristes e solitários retrógrados em aliança com a mídia venal, empresários gananciosos e jovens (?) alienados.

Agora, no ocaso de sua existência política, onde até seus parceiros de partidos evitam sua presença, como o próprio Serra, anda a flutuar em seus moinhos de vento e ter alucinações do que não fez como presidente, e se torturando de inveja pelas realizações de Lula, e a certeza da eleição de Dilma.

RASTROS ALUCINADOS DE FERNANDO HENRIQUE

Participando de um debate no Centro Cultural São Paulo, ele enunciou o que acredita que viu e ouviu, não sabendo que alucinação é um texto apresentado por um sujeito do enunciado que afirma ver e ouvir o que não é confirmado no exterior. Ou seja, não sai da experiência do real. Afirmar o inexistente para o mundo. Assim, ele disse:

Por que ele não fala que fez mais que os outros presidentes? Por que somos fortes. É por isso.”

O presidente gosta de falar contra meu governo, mas faz tudo que eu fazia.”

O reconhecimento depende da história. Não fico preocupado com essas coisas.”

Campanha mesmo vai ser quando a TV entrar no jogo. Até lá, é uma coisa entre jornalistas, políticos e pessoas que se interessam pela vida pública.”

Quem duvida que o Lula vai transferir votos? Vai transferir. A Dilma é zero, reflexo do Lula, não é líder. Vamos ver até quando o presidente vai transferir votos.”

Uma epígrafe para Fernando Henrique, extraída da obra Elogio da Loucura, de Erasmo de Roterdam: “Se ninguém te elogia, elogia a ti mesmo.” Amém!

JORNAL INGLÊS CONFIRMA O QUE O MUNDO JÁ SABIA: MARADONA FOI MELHOR QUE PELÉ

especial para o Por Fora de Futebol

É quase unanimidade entre os especialistas do futebol afirmar que Maradona foi melhor jogador do que Pelé. Só não é unanimidade porque de vez em quando após uma dessas eleições é logo convocada uma outra pelos amigos de Pelé na Fifa.

O jornal inglês The Times divulgou ontem uma lista onde enumera dez maiores craques da história das Copas do Mundo. Quais foram os dois primeiros? Advinha advinhão? Maradona em primeiro e Pelé em segundo.

Seguindo a lista aparecem Franz Beckenbauer, Giuseppe Meazza e Gerd Müller. O imprevisível Garrincha – que para nós, por fora de futebol, ficaria em segundo – foi posto na sexta colocação. Ronaldo, o “jaca que cai”, maior artilheiro da história das Copas, é o oitavo, logo atrás de Johan Cruyff. O inglês Bobby Moore e o húngaro Ferenc Puskas fecham a relação.

Tudo bem, Pelé era craque. Como também é verdade que não há jogador que se compare nem um tantinho assim ao que ele foi na atualidade no Brasil, embora muitos queiram operar essa falcatrua temporal. Mas daí comparar Pelé com Maradona é forçação de barra. Afora nossa simpatia pelo engajamento político-afetivo-existencial de Dieguito fora das quatro linhas, a sua singularidade em conduzir a dendeca onde tudo era possível, sempre traçando coordenadas coletivas, fazendo do futebol uma verdadeira festa onde as cores do baile eram azul-celeste, colocam-no fora de qualquer possibilidade de comparação. Ele é o incomparável.

No mais, que Pelé seja o rei. Como dizem los hermanos: “Todo bien, Maradona es D10S!”

CARTA ABERTA AO POVO DA CIDADE DE MANAUS

Os professores da Rede Municipal de Ensino vêm, por meio desta, manifestar seu sentimento de repúdio e indignação frente à decisão arbitrária da Secretária Municipal de Ensino (SEMED) de se retirar da grade curricular as disciplinas: Fundamentos de História do Amazonas-FHA; Fundamentos de Geografia do Amazonas-FGA; Arte e Ensino Religioso, bem como perseguir e extra-lotar professores da Escola Municipal Graziela Ribeiro. Ora, no momento em que tanto se fala em “gestão democrática e participativa” como a própria SEMED gosta de enfatizar, ela toma uma atitude antipedagógica e dá um golpe nos professores.

É preciso que se saiba que em momento algum a SEMED chamou os principais atores para a discussão; aprovou essas medidas quando os professores estavam de férias; diminui a carga-horária, deixando muitos professores extra-lotados.

O mais absurdo é que iniciamos o ano letivo sem nenhuma explicação que justificasse tais medidas, mas afinal de contas, o que esperar de uma decisão autoritária? O que se constata é que não houve nenhuma preocupação com a vida profissional dos educadores, tão pouco com a qualidade do ensino como quer, agora, justificar a Secretária. O que se vê são muitos transtornos, sem falar na pressão emocional e psicológica, se já não bastasse os enormes problemas, desrespeito e injustiças que sofremos.

Ora, a redução de uma aula dessas disciplinas automaticamente diminuiu o número de aulas de todos esses profissionais, não satisfeita com isso e, como se não bastasse o grande número de professores já extra-lotados, a SEMED vem nos punir, aumenta o número de hora-aula de 16 para 20h em sala de aula, deixando mais professores extra-lotados e, sobrecarregando a jornada de trabalho de tantos outros. Essa medida além de desnecessária e autoritária, não é garantia da melhoria da qualidade da educação como querem justificar os iluminados do poder. Os problemas de aprendizagem como os altos índices de reprovação não serão resolvidos com o acrescimento de aulas de língua portuguesa ou de matemática, ao contrário, criará insatisfação, desgaste físico e tantos outros problemas na vida dos professores e consequentemente na vida dos alunos. Para a SEMED, os professores não importam, como relataram os burocratas dos Distritos Educacionais das Zonas de Manaus, eles estão preocupados somente com “a qualidade da educação das crianças”, ora senhores, como pensar a melhoria da educação, como pensar a vida dos alunos sem pensar os profissionais da educação? Por acaso, a educação e a qualidade do ensino não perpassa pela valorização e respeito aos professores?

O que pensar? Tal medida demonstra a falta de respeito e desinteresse pelos problemas que de fato afetam a educação. O que se constata é que não houve nenhuma preocupação com a vida profissional dos educadores, tão pouco com a qualidade do ensino como quer justificar, agora, a SEMED. O que se vê são muitos transtornos, sem falar na pressão emocional e psicológica, como se não bastasse a falta de condições básicas de trabalho, de infra-estrutura, agora somos perseguidos, atacados e punidos. A SEMED despreza qualquer argumentação, qualquer negociação e insiste na velha prática do autoritarismo, do “faz de conta” que está preocupada com a educação, com os alunos. Os professores ainda contam com a insensibilidade dos iluminados da educação, el es continuam insistindo que professores não habilitados lecionem outras disciplinas, não se importando com a perda irreparável na qualidade de ensino nas escolas.

Enquanto perseguem professores, as escolas padecem de uma contínua redução de recursos. Faltam livros, material didático, merenda escolar quando tem é de péssima qualidade. E o que falar das escolas? Aparelhos de ar condicionado velhos e sujos, sem manutenção há mais de um ano, causando risco à saúde, principalmente das crianças. Triste é saber que muitos desses problemas ocorrem pela incapacidade administrativas da Secretária de Educação e dos gestores. Muitas escolas se mantêm, a duras penas, reduzindo inclusive, a merenda escolar dos alunos.

Por fim, queremos é que a justiça seja feita. Queremos a volta das disciplinas de FHA, FGA, Artes e Ensino Religioso. Queremos a volta imediata dos colegas extra-lotados pela competência profissional e pela qualidade da educação. Esperamos que os interesses dos alunos sejam mais valorizados que os interesses políticos. Não podemos, não aceitamos e nem queremos mais conviver com medidas tão retrógradas e tão nocivas à educação.

Por tudo isso, reiteramos nosso sentimento de indignação e repúdio.

ATO PÚBLICO – Dia 24 de Março (Quarta-Feira) as 9h00

Concentração em frente à SEMED

MEC FAZ SELEÇÃO UNIFICADA NAS FEDERAIS EM JUNHO

Os alunos interessados em disputar vagas que serão oferecidas por instituições públicas de ensino vão fazer uso das notas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2009, foi o que afirmou o Ministério da Educação (MEC), depois de uma reunião com universidades do país, ao divulgar que em junho, o Sistema de Seleção Unificada (SISU) fará nova rodada de inscrições.

Embora não se saiba quantas instituições de ensino vão participar da seleção em junho, entretanto, de acordo com a secretária de Ensino Superior do MEC, Maria Paula Dallari Bucci, as 51 instituições que participaram do SISU manifestaram interesse em permanecer no processo. Da parte do MEC, há uma expectativa de que instituições de ensino que não participaram da seleção anterior, que participem na seleção de junho. As inscrições para as instituições que pretendem se incorporar ao processo começa no final de abril, estendendo-se até o mês de maio.

Agora, na nova seleção, ao invés de três etapas para preencher as vagas, o SISU terá apenas uma etapa, seguido com uma lista de espera. Assim, as vagas não ocupadas no primeiro período de inscrição serão preenchidas através de uma lista classificatória que será organizada a partir das notas dos estudantes no Enem. Quanto às opções de cursos no sistema, ainda não foram definidas.

São ajustes operacionais que eram esperados, um processo dessa natureza passa por ajustes. Essa é a sexta reunião com reitores que a gente faz, o sistema foi desenhado com a participação das universidades e será assim em suas edições sucessivas”, afirmou Maria Paula Dallari Bucci.

ARRUDA DEVE PASSAR POR JUNTA MÉDICA DA CORTE

Os pedidos de liberdade ou de prisão domiciliar feitos pela defesa do ex-governador José Roberto Arruda, preso desde o dia 11 de fevereiro na dependência da Superintendência da Polícia Federal, acusado de tentativa de suborno de uma testemunha, só serão examinados depois que ele for submetido a exame de uma junta médica da Corte, afirmou o ministro Fernando Gonçalves, do Superior Tribunal de Justiça (STJ).

A junta médica foi determinada depois que dois laudos apresentados, um da Polícia Federal e outro do médico particular de Arruda, Brasil Caiado, mostraram diferenças. Já no parecer do procurador-geral da República, Roberto Gurgel, enviado ao STJ, traz afirmações de que as condições médicas de José Roberto Arruda garantem que ele não vai deixar a prisão.

A certeza do parecer do procurador-geral da República, Roberto Gurgel, se respaldam no fato de que desde que Arruda foi preso em 11 de fevereiro, até o dia 12 de março, ele realizou 24 consultas médicas, fez vários exames e teve assistência contínua da enfermagem.

Assistência médica diária e eficiente, com reiterados procedimentos de controle e exames específicos, permitiram a identificação recente de sintomas cardíacos que têm recebido a assistência médica adequada”, asseverou Roberto Gurgel.


USAR O CONTROLE REMOTO É UM ATO DEMOCRÁTICO!

EXPERIMENTE CONTRA A TV GLOBO! Você sabe que um canal de televisão não é uma empresa privada. É uma concessão pública concedida pelo governo federal com tempo determinado de uso. Como meio de comunicação, em uma democracia, tem como compromisso estimular a educação, as artes e o entretenimento como seu conteúdo. O que o torna socialmente um serviço público e eticamente uma disciplina cívica. Sendo assim, é um forte instrumento de realização continua da democracia. Mas nem todo canal de televisão tem esse sentido democrático da comunicação. A TV Globo (TVG), por exemplo. Ela, além de manter um monopólio midiático no Brasil, e abocanhar a maior fatia da publicidade oficial, conspira perigosamente contra a democracia, principalmente, tentando atingir maleficamente os governos populares. Notadamente em seu JN. Isso tudo, amparada por uma grade de programação que é um verdadeiro atentado as faculdades sensorial e cognitiva dos telespectadores. Para quem duvida, basta apenas observar a sua maldição dos três Fs dominical: Futebol, Faustão e Fantástico. Um escravagismo-televisivo- depressivo que só é tratado com o controle remoto transfigurador. Se você conhece essa proposição-comunicacional desdobre-a com outros. Porque mudanças só ocorrem como potência coletiva, como disse o filósofo Spinoza.

Acesse esquizofia.wordpress.com

esquizofia.wordpress.com

CAMPANHA AFINADA CONTRA O

VIRTUALIZAÇÕES DESEJANTES DA AFIN

Este é um espaço virtual (virtus=potência) criado pela Associação Filosofia Itinerante, que atua desde 2001 na cidade de Manaus-Am, e, a partir da Inteligência Coletiva das pessoas e dos dizeres de filósofos como Epicuro, Lucrécio, Spinoza, Marx, Nietzsche, Bergson, Félix Guattari, Gilles Deleuze, Clément Rosset, Michael Hardt, Antônio Negri..., agencia trabalhos filosóficos-políticos- estéticos na tentativa de uma construção prática de cidadania e da realização da potência ativa dos corpos no mundo. Agora, com este blog, lança uma alternativa de encontro para discussões sociais, éticas, educacionais e outros temas que dizem respeito à comunidade de Manaus e outros espaços por onde passa em movimento intensivo o cometa errante da AFIN.

"Um filósofo: é um homem que experimenta, vê, ouve, suspeita, espera e sonha constantemente coisas extraordinárias; que é atingido pelos próprios pensamentos como se eles viessem de fora, de cima e de baixo, como por uma espécie de acontecimentos e de faíscas de que só ele pode ser alvo; que é talvez, ele próprio, uma trovoada prenhe de relâmpagos novos; um homem fatal, em torno do qual sempre ribomba e rola e rebenta e se passam coisas inquietantes” (Friedrich Nietzsche).

Daí que um filósofo não é necessariamente alguém que cursou uma faculdade de filosofia. Pode até ser. Mas um filósofo é alguém que em seus percursos carrega devires alegres que aumentam a potência democrática de agir.

_________________________________

BLOG PÚBLICO

Propaganda Gratuita

Você que quer comprar entre outros produtos terçado, prego, enxada, faca, sandália, correia, pé de cabra ou bola de caititu vá na CASA UYRAPURU, onde os preços são um chuchu. Rua Barão de São Domingos, nº30, Centro, Tel 3658-6169

Pão Quente e Outras Guloseimas no caminho do Tancredo.
PANIFICADORA SERPAN (Rua José Romão, 139 - Tancredo Neves - Fone: 92-8159-5830)

Fique Frio! Sabor e Refrescância!
DEGUST GULA (Avenida Bispo Pedro Massa, Cidade Nova, núcleo 5, na Rua ao lado do DB CIdade Nova.Todos os dias).

O Almoço em Família.
BAR DA NAZA OU CASA DA VAL (Comendador Clementino, próximo à Japurá, de Segunda a Sábado).

Num Passo de Mágica: transforme seu sapato velho em um lindo sapato novo!
SAPATEIRO CÂNDIDO (Calçada da Comendador Clementino, próximo ao Grupo Escolar Ribeiro da Cunha).

A Confluência das Torcidas!
CHURRASQUINHO DO LUÍS TUCUNARÉ (Japurá, entre a Silva Ramos e a Comendador Clementino).

Só o Peixe Sabe se é Novo e do Rio que Saiu. Confira esta voz na...
BARRACA DO LEGUELÉ (na Feira móvel da Prefeitura)

Preocupado com o desempenho, a memória e a inteligência? Tu és? Toma o guaraná que não é lenda. O natural de Maués!
LIGA PRA MADALENA!!! (0 XX 92 3542-1482)

Decepcionado com seus desenganos? Ponha fé nos seus planos! Fale com:
PAI GEOVANO DE OXAGUIÃ (Rua Belforroxo, S/N - Jorge Teixeira IV) (3682-5727 / 9154-5877).

Quem tem fé naõ é um qualquer! Consultas::
PAI JOEL DE OGUM (9155-3632 ou paijoeldeogum@yahoo.com.br).

Belém tá no teu plano? Então liga pro Germano!
GERMANO MAGHELA - TAXISTA - ÁGUIA RADIOTAXI - (91-8151-1464 ou 0800 280 1999).

E você que gostaria de divulgar aqui seu evento, comércio, terreiro, time de futebol, procurar namorado(a), receita de comida, telefone de contato, animal encontrado, convites diversos, marocagens, contacte: afinsophiaitin@yahoo.com.br

Outras Comunalidades

   

Categorias

Arquivos

Blog Stats

  • 4.242.111 hits

Páginas

Arquivos