Arquivo para 28 de julho de 2010

PARA PAULO MALUF, SE ELE É FICHA SUJA, DEPENDE DE DEUS

Embora a aplicação da Lei da Ficha Limpa venha, por um lado impugnando parcialmente algumas candidaturas, por outro ela não tem conseguido fazer valer sua proposição judicial. Alguns exemplos são notados nesse momento em que as eleições se aproximam. Um deles é o caso do senador Mão Santa, do Piauí, que tenta reeleição. Apanhado pela Ficha Limpa, conseguiu, no dia de ontem, escapar.

Observando as aberturas e também os recursos jurídicos que podem servir como proteção, o bizarro deputado direitista – para Brizola, filhote da ditadura – Paulo Maluf, afirmou convictamente que “ninguém tem a ficha mais limpa que o Paulo Maluf”. Claro, ele julgando ele mesmo. E para se mostrar um exímio juiz de si mesmo, Paulo Maluf sentenciou-se, teologicamente, da seguinte forma: “Só Deus vai me tirar da vida pública quando Ele desejar.”

Nós ingressamos com um recurso e temos direito a outro recurso, que é o embargo infringente, portanto eu não tenho condenação, o caso não foi julgado.

Ninguém fez mais do que eu e não tem nenhuma condenação penal. Sou o único político deste País que entrou na vida pública a 43 anos e estou no mesmo partido. Sou o único político deste País que, com 43 anos de vida pública, mora na mesma casa em que entrou, e ainda estou casado com a mesma mulher há 55 anos. De maneira que ninguém tem ficha mais limpa que Paulo Maluf.

Se eu for eleito deputado federal, eu acho que eu devo exercer meu mandato. Eu tenho doze pontos”, afirmou Paulo Maluf, dizendo ainda que pode repassar 60% de seus votos para seu candidato ao governo de São Paulo, Russomanno, o mesmo Russomanno que disse que deveria ser aumentada a pena da Lei do Ficha Limpa. Ao que Paulo Maluf respondeu: “Pra mim podem aumentar para 200 anos, porque eu não tenho nenhuma condenação.”

Paulo Maluf, sempre que se candidata, é eleito. Sempre tem seus garantidos 12 pontos. Alguém pode perguntar: “Como pode um sujeito-sujeitado pela moral capitalista do “ganhar de qualquer jeito” ser eleito no mais próspero e intelectual estado do Brasil?” É fácil entender. São Paulo – comparado com outros estados -, ainda guarda em si velhas forças reacionárias, advindas dos tempos das ditaduras: Varguista e Militar. Vejamos o caso da apresentadora Hebe Camargo. Eterna e infalível eleitora de Paulo Maluf. Uma mulher de TV que fez sua carreia nos “bons ventos” da ditadura sempre acompanhando Paulo Maluf.

Entretanto, trocando em miúdos, todos os estados brasileiros têm seus malufs. No nosso caso particular, o Amazonas, o malufismo prosperou à solta. E nessas eleições ele corre solto. Tem malufismo em candidatura para Governo, Senado, Câmara Federal, Assembleia Estadual e o cacete. O malufismo é como o canalha: nunca morre. Sempre há um malufista por nascer.

PLÍNIO ARRUDA SAMPAIO É SABATINADO E DEITA E ROLA SOBRE OS ENTREVISTADORES

Até que a TV Record tem uma boa jornalista política, Christina Lemos, com grandes intuições e conhecimentos, principalmente quanto ao que corre em Brasília, mas só isso não bastou para sabatinar um dos candidatos da esquerda, o bom e velho Plínio de Arruda Sampaio, do P-SOL, à Presidência da República. Uma verdadeira enciclopédia da política brasileira, aguerrido socialista.

Plínio de Arruda Sampaio– que ao contrário do cassado José Arruda, oferece à arruda sua verdadeira essência -, no auge dos seus bem comprometidos 80 anos em prol da liberdade, brincou com os entrevistadores que, por falta de conhecimento da matéria, e uma arrazoada consciência direitista, serviram de humor para quem assistiu o show do ‘oitentão’.

Os incautos entrevistadores tiveram suas limitações políticas expostas em todos os momentos. Perguntaram, se eleito, Plínio teria uma relação estreita com Chávez. Plínio deitou e rolou. Disse que sim, elogiou Chávez, e ainda afirmou que tomaria uma posição drástica contra a ditadura colombiana comandada por Uribe e militares da extrema direita. Tentaram encurralar Plínio, falando que as Farc eram terroristas. Plínio, como um bom chá de arruda, baixou a febre deles. Disse que as Farc eram um movimento revolucionário.

Mas o pior para os entrevistadores estava por vir. Plínio deitou e rolou no próprio quesito dos jornalistas. Mídia e censura. Perguntaram se ele compactuava com a posição de Chávez quando ele fecha algumas emissoras da Venezuela. Plínio disse que era contra a censura e que era preciso examinar o que era censura, o que não acontecia na Venezuela. O que ocorre é que emissoras reacionárias tentam demonizar Chávez, e ele tem que usar a lei que tem em mão. A mídia faz na Venezuela com Chávez o que faz aqui a mídia brasileira com ele, demonizando-o. O mesmo que fazem com o Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), que são apresentados como um grupo de bandidos. Sofrimento total dos entrevistadores.

Sobre a estatização, perguntaram se Plínio – o velho entrelaçado com o moço – iria re-estatizar todas as empresas que foram privatizadas. Não deu outra: Plínio afirmou que sim. Sobre os planos de saúde. Plínio, afirmou que iria socializar a medicina para que as doenças não continuassem sendo mercadorias de lucros para empresas que exploram o campo da saúde, pois não é aceitável um empresário usar uma doença como o câncer para lucrar. Para ele, os planos de saúde aos pouco iriam perdendo suas razões de existir, visto que toda população teria atendimento público. De Ermírio de Morais a Eick, sem distinção de posição social ou econômica.

Por fim, perguntado se alguma vez votara em Serra, dada sua amizade com ele, Plínio respondeu que durante sua vida cometera muitas loucuras, mas essa jamais.

MARADONA NÃO FAZ CONCESSÕES E SAI DA SELEÇÃO ARGENTINA

Animado protesto a prato e zabumba e cantoria em frente à sede da AFA para que Maradona continuasse como técnico da seleção argentina. (foto: Leo la Valle/EFE)

Quando Diego Armando Maradona retornou à Argentina depois da eliminação da Copa do Mundo África Nós, uma multidão de torcedores foi, efusivamente, com faixas, recebê-lo a ele e sua comissão técnica no aeroporto e manifestar seu desejo para que El Díez continuasse à frente da seleção. Até a bela presidenta Cristina Kirchner manifestou-se a respeito e publicamente em uma reunião popular na periferia de Buenos Aires: “Avante Maradona, a seleção, avante Argentina também! Vamos!”, exclamou entusiasmada. Mas o que mais chamou atenção a este bloguinho foi a posição de Julio Grondona, presidente da AFA (Associação do Futebol Argentino), quando disse que Maradona só sairia se quisesse. A diferença entre essa associação e a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) seria tão grande quanto a diferença entre Maradona e Dunga, que foi enxovalhado e sumariamente demitido pelo tirano Ricardo Teixeira?

Quem acompanhou a chegada de Maradona como técnico da Argentina sabe que ele nunca teve uma relação amistosa com Grondona, principalmente que este é nada menos que vice-presidente Executivo e Presidente Financeiro da FIFA, entidade que Maradona tantas vezes criticou por suas falcatruas e mercadologização do futebol. Quanto mais que ano que vem haverá eleições e o engajamento esquerdista de Maradona colocaria o aliado da direitaça argentina, Grondona – assim como a Macri, presidente do Boca Junior e prefeito de Buenos Aires –, em iminente derrota.

Portanto, Maradona não é o tacanho e submisso Dunga e Grondona não é o truculento Teixeira. Grondona sabe da potência política, da inteligência de Maradona. Por isso, enquanto dizia que Maradona era o único argentino que podia “fazer o que quisesse”, que poderia ficar até a próxima copa, lhe preparava um pretexto para tirá-lo da seleção como se este que tivesse querido se retirar. Ou seja, diferente de Maradona, os outros da comissão técnica – Alejandro Mancuso, Héctor Enrique e o preparador físico Fernando Signorini não podiam “fazer o que quisessem”.

Grondona sabia o que fazia. Maradona, pela proximidade ética com seus companheiros, não faria concessões. Como poderia, tendo um companheiro como o preparador Signorini, que deu recentemente uma declaração tão maradoniana, ao lhe perguntarem a respeito da pressão da AFA sobre a equipe técnica: “Renunciaria, mas sem calar-me. Sabia que me expunha quando denunciei as barbaridades que faz a FIFA. Eu repito. Se tenho que ir, vou fazer ruído ao fechar a porta.”

Maradona não faz nem grandes nem pequenas concessões. Como dizíamos poucos dias, quando percebemos as artimanhas de Grondona, nada mais natural para quem conhece – para além dos preconceitos midiáticos dos ressentidos – a história desse “Deus Sujo”, como diz Eduardo Galeano, como quem sempre colocou sua arte futebolística como um tributo ao povo, que levou Che Guevara para os estádios, quem fez manifestações contra a dominação das Malvinas pelos ingleses, contra a visita do sanguinário Bush à Argentina. Dieguito sempre foi um companheraço para seus parceiros de clube e de seleção. Quem não lembra das rusgas que teve com Daniel Passarela para defender companheiros de humilhações e violências do técnico-ditador, arrancando a braçadeira de capitão na marra?

Mas, como diz o filósofo Sartre, “o homem só é livre quando joga”. Quem viu (e vê) Maradona jogar, sabe que o jogo nunca acabou. E, para este bloguinho, como dizem los hermanos, “Maradona es D10S”.

“OH, MINAS GERAIS! QUEM TE CONHECE” QUER DILMAIS 37%

Na terra do poeta/cantante Milton Nascimento, entre tantos poetas, tantos Joaquim José, Drumonnd, tantos Rinaldo, tantos sertões… Terra que historicamente renegou a Colônia e os colonizados como a direita que se queria sua tutora, veio na voz do povo, em forma de pesquisa do Vox Populi, instituto autóctone, ou nativo, trazendo a candidata da maioria desse povo, Dilma Roussef, com 37%, Serra com 33%, e Marina com 8%.

A voz do povo mineiro que se faz audível nas eleições canta o afastamento da predominância antiga do PSDB sobre o bravo torrão. Pela primeira vez Dilma aparece na frente de uma pesquisa nesta terra. E para se fazer mais audível em seu canto democrático, a terra das Minas aumentou sua rejeição com o candidato da direita parasitária, a lupem-burguesia, Serra. Agora o desesperado Serra encontra-se com 19% de rejeição, enquanto Dilma aparece com 13%.

“O QUE É QUE A BAIANA TEM?” TEM DILMA 50%

Em tempos em que a figura de Toninho Malvadeza não figura mais apavorando a população baiana, a Bahia, apesar de Caetano, está arretada de tinindo com Dilma para presidenta do Brasil.

Pesquisa do Vox Populi, a voz do povo baiano, se faz ouvir como os versos do “poeta colosso”, Castro Alves. Dilma desponta, arrasando com a direita dos antigos, retrógrados e malvados coroneis.

A candidata do presidente Lula, do Partido dos Trabalhadores, dos partidos aliados, e da maioria do povo brasileiro aparece com 50% das intenções de voto, Serra, o combatido candidato da direitaça, tem 25%, enquanto Marina tem 5%.

E nada de malvadeza. O governador Jacques Wagner, do PT, que tenta a reeleição, não olha para trás. Tem 43%, contra 21% de Paulo Souto, do DEM. Vitória no primeiro turno. Haja acarajé!


USAR O CONTROLE REMOTO É UM ATO DEMOCRÁTICO!

EXPERIMENTE CONTRA A TV GLOBO! Você sabe que um canal de televisão não é uma empresa privada. É uma concessão pública concedida pelo governo federal com tempo determinado de uso. Como meio de comunicação, em uma democracia, tem como compromisso estimular a educação, as artes e o entretenimento como seu conteúdo. O que o torna socialmente um serviço público e eticamente uma disciplina cívica. Sendo assim, é um forte instrumento de realização continua da democracia. Mas nem todo canal de televisão tem esse sentido democrático da comunicação. A TV Globo (TVG), por exemplo. Ela, além de manter um monopólio midiático no Brasil, e abocanhar a maior fatia da publicidade oficial, conspira perigosamente contra a democracia, principalmente, tentando atingir maleficamente os governos populares. Notadamente em seu JN. Isso tudo, amparada por uma grade de programação que é um verdadeiro atentado as faculdades sensorial e cognitiva dos telespectadores. Para quem duvida, basta apenas observar a sua maldição dos três Fs dominical: Futebol, Faustão e Fantástico. Um escravagismo-televisivo- depressivo que só é tratado com o controle remoto transfigurador. Se você conhece essa proposição-comunicacional desdobre-a com outros. Porque mudanças só ocorrem como potência coletiva, como disse o filósofo Spinoza.

Acesse esquizofia.wordpress.com

esquizofia.wordpress.com

CAMPANHA AFINADA CONTRA O

VIRTUALIZAÇÕES DESEJANTES DA AFIN

Este é um espaço virtual (virtus=potência) criado pela Associação Filosofia Itinerante, que atua desde 2001 na cidade de Manaus-Am, e, a partir da Inteligência Coletiva das pessoas e dos dizeres de filósofos como Epicuro, Lucrécio, Spinoza, Marx, Nietzsche, Bergson, Félix Guattari, Gilles Deleuze, Clément Rosset, Michael Hardt, Antônio Negri..., agencia trabalhos filosóficos-políticos- estéticos na tentativa de uma construção prática de cidadania e da realização da potência ativa dos corpos no mundo. Agora, com este blog, lança uma alternativa de encontro para discussões sociais, éticas, educacionais e outros temas que dizem respeito à comunidade de Manaus e outros espaços por onde passa em movimento intensivo o cometa errante da AFIN.

"Um filósofo: é um homem que experimenta, vê, ouve, suspeita, espera e sonha constantemente coisas extraordinárias; que é atingido pelos próprios pensamentos como se eles viessem de fora, de cima e de baixo, como por uma espécie de acontecimentos e de faíscas de que só ele pode ser alvo; que é talvez, ele próprio, uma trovoada prenhe de relâmpagos novos; um homem fatal, em torno do qual sempre ribomba e rola e rebenta e se passam coisas inquietantes” (Friedrich Nietzsche).

Daí que um filósofo não é necessariamente alguém que cursou uma faculdade de filosofia. Pode até ser. Mas um filósofo é alguém que em seus percursos carrega devires alegres que aumentam a potência democrática de agir.

_________________________________

BLOG PÚBLICO

Propaganda Gratuita

Você que quer comprar entre outros produtos terçado, prego, enxada, faca, sandália, correia, pé de cabra ou bola de caititu vá na CASA UYRAPURU, onde os preços são um chuchu. Rua Barão de São Domingos, nº30, Centro, Tel 3658-6169

Pão Quente e Outras Guloseimas no caminho do Tancredo.
PANIFICADORA SERPAN (Rua José Romão, 139 - Tancredo Neves - Fone: 92-8159-5830)

Fique Frio! Sabor e Refrescância!
DEGUST GULA (Avenida Bispo Pedro Massa, Cidade Nova, núcleo 5, na Rua ao lado do DB CIdade Nova.Todos os dias).

O Almoço em Família.
BAR DA NAZA OU CASA DA VAL (Comendador Clementino, próximo à Japurá, de Segunda a Sábado).

Num Passo de Mágica: transforme seu sapato velho em um lindo sapato novo!
SAPATEIRO CÂNDIDO (Calçada da Comendador Clementino, próximo ao Grupo Escolar Ribeiro da Cunha).

A Confluência das Torcidas!
CHURRASQUINHO DO LUÍS TUCUNARÉ (Japurá, entre a Silva Ramos e a Comendador Clementino).

Só o Peixe Sabe se é Novo e do Rio que Saiu. Confira esta voz na...
BARRACA DO LEGUELÉ (na Feira móvel da Prefeitura)

Preocupado com o desempenho, a memória e a inteligência? Tu és? Toma o guaraná que não é lenda. O natural de Maués!
LIGA PRA MADALENA!!! (0 XX 92 3542-1482)

Decepcionado com seus desenganos? Ponha fé nos seus planos! Fale com:
PAI GEOVANO DE OXAGUIÃ (Rua Belforroxo, S/N - Jorge Teixeira IV) (3682-5727 / 9154-5877).

Quem tem fé naõ é um qualquer! Consultas::
PAI JOEL DE OGUM (9155-3632 ou paijoeldeogum@yahoo.com.br).

Belém tá no teu plano? Então liga pro Germano!
GERMANO MAGHELA - TAXISTA - ÁGUIA RADIOTAXI - (91-8151-1464 ou 0800 280 1999).

E você que gostaria de divulgar aqui seu evento, comércio, terreiro, time de futebol, procurar namorado(a), receita de comida, telefone de contato, animal encontrado, convites diversos, marocagens, contacte: afinsophiaitin@yahoo.com.br

Outras Comunalidades

   

Categorias

Arquivos

Blog Stats

  • 4.244.871 hits

Páginas

Arquivos