Arquivo para 22 de agosto de 2010

ELEIÇÕES NO AMAZONAS E A MÍDIA

As eleições, antes de serem manifestações da democracia, são produtos da liberdade. Não uma liberdade individual, particular, como propugnam os burgueses capitalistas, que a querem como condição de suas existências privadas indiferentes, onde a potência comunalidade está excluída. Mas liberdade como condição ontológica de ser, como dizem os filósofos Spinoza, Marx, Sartre, Deleuze, Toni Negri, entre tantos. Liberdade como condição criadora das igualdades sociais construídas pelos fluxos das potências diferentes que carregam cada indivíduo (indivíduo como átomo social, como único e singular) responsável pelo processual constituinte da democracia ou socialismo.

Todavia, a liberdade que enunciam os filósofos como condição ontológica singular da existência do homem, decorrente de seus afetos e razão, atributos que lhes permite escolher e se responsabilizar pelo mundo, não é a mesma liberdade – se é que se pode chamar de liberdade – que leva muitos homens a enunciá-la. Essa é uma liberdade degenerada, que não comporta a Potência/Homem, como afirma o filósofo Nietzsche. Uma liberdade saída de um princípio de equilíbrio cujos valores que o sustentam estão representados nos lucros que cada um aufere. Uma liberdade discriminadora, que, na linguagem egoíca, é enunciada pelo dito: “Meu pirão primeiro!” Ou ainda: “O que não me satisfaz é contra minha liberdade.” Essa liberdade não é democrática, mas é ela que predomina em alguns estados nos períodos eleitorais que se encontram amparados pelo conceito de democracia representativa.

A MÍDIA ANTIDEMOCRÁTICA

Embora o conceito Geo/Jurídico/Político de democracia representativa seja adaptado por muitos sujeitos que se consideram livres para usá-lo da forma que lhe convém, da forma que lhe facilita lucrar, ele tem como suporte de seu corpo político a Constituição do Estado, que determina os direitos e os deveres dos cidadãos, o que é totalmente contrário ao conceito de liberdade forjado nas particularidades das classes dominantes, ou nas que pretendem um dia dominar.

É esse Direito Comum que nos permite entender o quanto a maior parte da mídia amazonense, em sua relação com os governantes, ou pretendentes, está conjugada com o conceito de liberdade privada. Ou: “Meu pirão primeiro!”

Daí que, casada com esse entendimento de liberdade, a mídia amazonense nega o conceito de liberdade de imprensa promulgado pelo Estado de Direito através do texto da Constituição, que afirma ser a imprensa democrática por ser exercida como serviço público auxiliador da produção da cidadania. O que requer que uma mídia democrática tenha uma linha editorial voltada para o Direito Comum, e não voltada exclusivamente para seus interesses financeiros particulares.

Já é uma prática comum ver e ouvir a mídia amazonense promovendo governos e parceiros desses governos. E, em tempo de eleições, torna-se mais evidente. Quase todos os jornais impressos, emissoras de rádios e TVs estão diretamente comprometidas com os candidatos do ex-governador Eduardo Braga, candidato a uma vaga no Senado. Essa relação é tão estreita que, por causa de matérias propagandísticas a favor do ex-governador, três jornais locais – A Crítica, Amazonas Em Tempo e Jornal do Comércio – foram multados pela Justiça Eleitoral. Uma relação tão deprimente que levou, em certa ocasião, um dos candidatos de agora, a telefonar para um diretor de um desses jornais em tom ameaçante porque receava que o jornal publicasse uma matéria referente a sua pessoa. Uma demonstração clara de ingerência no corpo editorial do jornal.

Entretanto, há que se ressaltar a linha editorial atual do jornal Diário do Amazonas. Depois de muitos anos ligado visceralmente com os ex-governadores Gilberto Mestrinho e Amazonino Mendes, chegando até a publicar em vésperas de eleições pesquisas escamoteadas em favor do candidato seu parceiro – que depois perdeu -, hoje vem tentando produzir um jornalismo mais próximo da democracia, se mostrando distante dos governos estadual e municipal. É um fato inédito em sua história midiática no Amazonas. Que esse ineditismo se mantenha em nome da liberdade de imprensa.

No caso das TVs, além das que são notórias parceiras de governantes, como a TV Amazonas, existem aquelas cujos responsáveis pelas concessões possuem parentes candidatos que são amigos dos governantes, como a TV Rio Negro, que a filha do responsável pelo canal, ex-deputado Francisco Garcia, Rebeca Garcia, candidata à reeleição, foi eleita deputada através do uso da TV e sua proximidade com o governo da época. Como a TV Rio Negro, há a TV Em Tempo, também com o responsável pela concessão um notório amigo do ex-governador, prefeito cassado, Amazonino Mendes, canal que promove programas de exploração da miséria com o fito de angariar votos.

Quanto às emissoras de rádio, quase todas as FMs são ligadas aos quereres desses governantes, principalmente as de amigos, como a Tiradentes. Já as duas Ams são totalmente opostas. Uma a Rádio Difusora, cuja concessão vem do tempo do patriarca Josué Cláudio de Souza, hoje nas mãos do filho e do neto, segue a mesma direção de mãos com os governantes. Uma voz que se diz popular, em verdade onde os governantes tem lugar. A outra, a Rádio Rio Mar, emissora Católica, que tem uma história de combate à ditadura através de sua linha cristã, principalmente nas pessoas do finado professor de filosofia e poeta, padre Ruas, que foi preso e torturado, e o jornalista Erasmo Linhares, também perseguido pelo regime de exceção.

Nessa linha de subserviência midiática também encontram-se as emissoras de rádio e televisão, chamadas de evangélicas, que em verdade uma de suas missões precípuas é eleger seus pastores usando os votos dos fiéis aprisionados no medo.

Dessa forma, com o entendimento de liberdade privada, a rede midiática amazonense vai esculpindo a imagem de seus interesses financeiros, ficando cada vez mais longe da liberdade como práxis ontológica constituinte da democracia que se encontra nos enunciados filosóficos e na Potência do Povo.


USAR O CONTROLE REMOTO É UM ATO DEMOCRÁTICO!

EXPERIMENTE CONTRA A TV GLOBO! Você sabe que um canal de televisão não é uma empresa privada. É uma concessão pública concedida pelo governo federal com tempo determinado de uso. Como meio de comunicação, em uma democracia, tem como compromisso estimular a educação, as artes e o entretenimento como seu conteúdo. O que o torna socialmente um serviço público e eticamente uma disciplina cívica. Sendo assim, é um forte instrumento de realização continua da democracia. Mas nem todo canal de televisão tem esse sentido democrático da comunicação. A TV Globo (TVG), por exemplo. Ela, além de manter um monopólio midiático no Brasil, e abocanhar a maior fatia da publicidade oficial, conspira perigosamente contra a democracia, principalmente, tentando atingir maleficamente os governos populares. Notadamente em seu JN. Isso tudo, amparada por uma grade de programação que é um verdadeiro atentado as faculdades sensorial e cognitiva dos telespectadores. Para quem duvida, basta apenas observar a sua maldição dos três Fs dominical: Futebol, Faustão e Fantástico. Um escravagismo-televisivo- depressivo que só é tratado com o controle remoto transfigurador. Se você conhece essa proposição-comunicacional desdobre-a com outros. Porque mudanças só ocorrem como potência coletiva, como disse o filósofo Spinoza.

Acesse esquizofia.wordpress.com

esquizofia.wordpress.com

CAMPANHA AFINADA CONTRA O

VIRTUALIZAÇÕES DESEJANTES DA AFIN

Este é um espaço virtual (virtus=potência) criado pela Associação Filosofia Itinerante, que atua desde 2001 na cidade de Manaus-Am, e, a partir da Inteligência Coletiva das pessoas e dos dizeres de filósofos como Epicuro, Lucrécio, Spinoza, Marx, Nietzsche, Bergson, Félix Guattari, Gilles Deleuze, Clément Rosset, Michael Hardt, Antônio Negri..., agencia trabalhos filosóficos-políticos- estéticos na tentativa de uma construção prática de cidadania e da realização da potência ativa dos corpos no mundo. Agora, com este blog, lança uma alternativa de encontro para discussões sociais, éticas, educacionais e outros temas que dizem respeito à comunidade de Manaus e outros espaços por onde passa em movimento intensivo o cometa errante da AFIN.

"Um filósofo: é um homem que experimenta, vê, ouve, suspeita, espera e sonha constantemente coisas extraordinárias; que é atingido pelos próprios pensamentos como se eles viessem de fora, de cima e de baixo, como por uma espécie de acontecimentos e de faíscas de que só ele pode ser alvo; que é talvez, ele próprio, uma trovoada prenhe de relâmpagos novos; um homem fatal, em torno do qual sempre ribomba e rola e rebenta e se passam coisas inquietantes” (Friedrich Nietzsche).

Daí que um filósofo não é necessariamente alguém que cursou uma faculdade de filosofia. Pode até ser. Mas um filósofo é alguém que em seus percursos carrega devires alegres que aumentam a potência democrática de agir.

_________________________________

BLOG PÚBLICO

Propaganda Gratuita

Você que quer comprar entre outros produtos terçado, prego, enxada, faca, sandália, correia, pé de cabra ou bola de caititu vá na CASA UYRAPURU, onde os preços são um chuchu. Rua Barão de São Domingos, nº30, Centro, Tel 3658-6169

Pão Quente e Outras Guloseimas no caminho do Tancredo.
PANIFICADORA SERPAN (Rua José Romão, 139 - Tancredo Neves - Fone: 92-8159-5830)

Fique Frio! Sabor e Refrescância!
DEGUST GULA (Avenida Bispo Pedro Massa, Cidade Nova, núcleo 5, na Rua ao lado do DB CIdade Nova.Todos os dias).

O Almoço em Família.
BAR DA NAZA OU CASA DA VAL (Comendador Clementino, próximo à Japurá, de Segunda a Sábado).

Num Passo de Mágica: transforme seu sapato velho em um lindo sapato novo!
SAPATEIRO CÂNDIDO (Calçada da Comendador Clementino, próximo ao Grupo Escolar Ribeiro da Cunha).

A Confluência das Torcidas!
CHURRASQUINHO DO LUÍS TUCUNARÉ (Japurá, entre a Silva Ramos e a Comendador Clementino).

Só o Peixe Sabe se é Novo e do Rio que Saiu. Confira esta voz na...
BARRACA DO LEGUELÉ (na Feira móvel da Prefeitura)

Preocupado com o desempenho, a memória e a inteligência? Tu és? Toma o guaraná que não é lenda. O natural de Maués!
LIGA PRA MADALENA!!! (0 XX 92 3542-1482)

Decepcionado com seus desenganos? Ponha fé nos seus planos! Fale com:
PAI GEOVANO DE OXAGUIÃ (Rua Belforroxo, S/N - Jorge Teixeira IV) (3682-5727 / 9154-5877).

Quem tem fé naõ é um qualquer! Consultas::
PAI JOEL DE OGUM (9155-3632 ou paijoeldeogum@yahoo.com.br).

Belém tá no teu plano? Então liga pro Germano!
GERMANO MAGHELA - TAXISTA - ÁGUIA RADIOTAXI - (91-8151-1464 ou 0800 280 1999).

E você que gostaria de divulgar aqui seu evento, comércio, terreiro, time de futebol, procurar namorado(a), receita de comida, telefone de contato, animal encontrado, convites diversos, marocagens, contacte: afinsophiaitin@yahoo.com.br

Outras Comunalidades

   

Categorias

Arquivos

Blog Stats

  • 4.244.789 hits

Páginas

Arquivos