Arquivo para 20 de setembro de 2010

A DOR DA IMPOTÊNCIA DA MÍDIA DEGENERADA

No homem, segundo o filósofo Nietzsche, a degeneração é a corrupção de seu instinto. Degenerado, o homem procura substituto para se acreditar atuando, visto que não pode mais atuar como vontade de potência, o devir criativo do eterno retorno.

Com o espírito degenerado, ele é só impotência. Como impotência, se torna um tirano (escravo de si mesmo) que se alimenta das ilusões de suas ordens sobre os escravos (tiranos de si mesmos). Seu falso contentamento é ver os escravos respondendo com um sim às suas ordens. Mas ele sofre desesperadamente porque sente que, embora os escravos lhe respondam como submissos, não possui força suficiente para se sentir seguro. Daí que sua existência é só dor. A dor causada por sua impotência.

Mas essa dor é nada comparada com a dor de perceber que outros que ele considerava também como escravos não respondem às suas ordens e seduções. Essa é a dor da impotência da mídia degenerada que tramou a todo momento, durante esses oito anos, contra o governo Lula, e agora contra a sua candidata à Presidência da República, Dilma Rousseff.

Ciente de que seu candidato Serra, o mais modelar personagem para esse serviço da dor, já se encontra derrotado, inclusive diante da opinião internacional, como vem notificando o jornalismo de todo o mundo, ela escancarou de vez seu túmulo impotente para forjar matérias que ela mesma chama de escândalos, contra Dilma, cujo objetivo é tentar, por meio dessas enunciações impotentes, seduzir os eleitores da candidata do povo brasileiro para que eles mudem suas opiniões democráticas para servir sua tirania midiática, e assim eleger o seu candidato modelar da impotência, Serra.

Dolorosa trama da impotência. Como o eleitor de Dilma não é escravo, não cede à sua sedução tirânica. O eleitor de Dilma definiu em si o que lhe é mais importante e, spinozamente, o que lhe aumenta a potência de agir como modus de ser em felicidade. O oposto do modus de ser tirânico dela. O modus de ser impotente, a mais baixa potência de agir.

Há também nessa impotente mídia outro signo que lhe intensifica mais ainda a dor. É seu forte componente masoquista. Dotada de uma tensa compulsão depressiva, ela não pode parar o impulso incontrolável de sua dolorosa trama. Assim, essa compulsão, que já sabe que seu candidato foi derrotado, une-se à necessidade de continuar tramando, e como a trama não conseguirá resultados eficientes para si, ela sofre masoquistamente como necessária ilusão. Ou seja, ela sofre por prazer, posto que nenhum bem logrará para si.

Não conseguir por força de sua vontade mágica mudar as opiniões dos eleitores causa nessa mídia não apenas a confirmação em si de sua impotência, mas também o ódio contra esses eleitores, para ela os responsáveis por sua dor. No fim, ela vive a experiência do quadro especular de ter que ler, ela mesma, o que escreveu. A negação do jornalismo, já que quando se escreve se escreve como ato de comunicação. Para outro. Como para ela não há o outro, os eleitores de Dilma não leem o que ela põe, ela tem que se satisfazer com ela mesma, já que nada que sai dela reverbera. Essa a dor de sua impotência.

SEGUNDA-FEIRA DOMINICAL

O dia das boas almas

# “Nós não vamos derrotar só nossos adversários tucanos, vamos derrotar alguns jornais e revistas que se comportam como partidos políticos e não têm coragem de dizer que têm partidos políticos, que têm candidatos.

A democracia que eles não suportam é dizer que a economia vais crescer mais 7% esse ano. Não sou eu que vou censurá-los, é o telespectador, é o ouvinte, o eleitor que medirá o que é mentira e o que é verdade. Determinados setores da imprensa chegam a ser uma vergonha”, analisou Lula a postura da imprensa execrável que historicamente sempre conspirou contra a democracia brasileira.

Mas o que há de mais sórdido nessa jornada de aleivosias da turma do Serra é que se eles conseguissem ganhar essa eleição – o impossível, visto que foram derrotados há exatamente oito anos passados – usando todos os recursos patológicos, eles considerariam como o fato mais normal, visto que para eles o que importa é tomar o Brasil sob suas taras. Não importa como. A moral que se ‘exploda’!

# “É preciso criar um volume de empregos compatível com as necessidades do tamanho de nossa população”, afirmou a candidata Dilma, já vitoriosa nas eleições de2010, na cidade satélite de Brasília, Ceilândia, quando da portentosa carreata.

Perguntada sobre o que dizer do convite do senador fuxiqueiro do PSDB, Álvaro Dias, de ela ter que ir à Comissão de Constituição e Justiça do Senado (CCJ) para dar explicação sobre a acusação da imprensa sobre tráfico de influência na Casa Civil, Dilma foi profundamente psicanalista. Respondeu: “Isso não é convite, é tentativa do senador Álvaro Dias de criar mais um factoide. Ele tem tentado sistematicamente nesta eleição. Convite do Senador Álvaro Dias, eu não aceito nem para um cafezinho.”

Quem conhece a existência malograda de Álvaro Dias sabe muito bem que ele um dos que não tem importância nenhuma para a democracia. Sua existência de congressista é a verdadeira confirmação de que o Senado tem que mudar urgentemente seu quadro de parasitas. Ou melhor, ser extinto.

# Um belo, desejoso e longo beijaço foi como ativistas da causa dos direitos do casamento igualitário, lésbicas, gays, bissexuais e transgêneros (LGBTs) protestaram contra a discriminação de sua causa por setores da sociedade. Principalmente a igreja.

A ocorrência se deu nas esquinas da avenida Paulista coma rua Augusta, em São Paulo. Na ocasião, o grupo ativistas exigiu que nessas eleições os candidatos se comprometam em lutar por essa causa tão importante para os direitos civis da sociedade. “Igualdade Civil Já!” dizia um dos cartazes do grupo ativista.

# Estudo feito pela Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), juntamente com a ONG Instituto Rukha, mostra que 27% das crianças que trabalham nos semáforos de São Paulo têm transtornos mentais e necessitam de tratamento clínico, e 40% têm problemas emocionais ou de aprendizado.

Entre as crianças entrevistadas, 72% afirmaram que sofreram punições severas de acordo com os critérios da Organização das Nações Unidas (ONU).

Trabalhar no farol faz parte de um universo de uma família muito desestruturada. Existe um alto índice de violência dentro de casa”, afirmou Andrea Feijó, coordenadora do estudo.

# Dando continuidade de desempenho sofrível no Campeonato Brasileiro, o Palmeiras mais uma vez voltou a perder. Dessa vez para o São Paulo, em escore de 2×0. O técnico Felipão novamente voltou a se desesperar capilarmente. Mais cabelos caíram de sua cabeça depois da decepcionante partida.

Entretanto, a partida entre o Flusão e o Mengão, que terminou empada em 3×3, conseguiu mexer com a calma dos torcedores que vibraram do começo ao fim, acreditando que estavam assistindo e ouvindo um velho e bom clássico do passado. Uma saudade de matar os que viram esse bom clássico e hoje sentem tédio com os pernas-de-pau que predominam no futebol brasileiro.

No mais, o Santos do mascarado Neymar, que não participou da partida, enfrentando o Guarani, não saiu do 0x0. Uma partida dos bons pernas-de-pau. Mas o Vascão não deixou por menos. Perdeu para o Inter por 1 a 0. Enquanto isso, no sábado, o Coringão garantiu o primeiro lugar da classificação.

# Em defesa da liberdade religiosa, mais de 70 mil pessoas participaram ao som do Grupo Olodum, na praia de Copacabana, de caminhada organizada pela Comissão de Combate à Intolerância Religiosa (Ccir).

Para o interlocutor da instituição, Ivanir dos Santos, o que se sobressaiu na caminha desse ano foi o aumento da participação de católicos e anglicanos.

A igreja anglicana acredita que cada um de nós tem uma subjetividade singular e como tal tem o direito de expressar sua fé como quiser. O importante é ser feliz”, afirmou Celso Franco de Oliveira, bispo da Igreja Anglicana.

# A candidata do Partido Verde à Presidência da República, Marina Silva, que é uma mulher de princípios éticos, e que detém uma superior inteligência, nessa campanha eleitoral não vem fazendo uso dessas faculdades tão necessárias para construção da democracia.

Marina vem tendo posicionamentos que claramente tendem a fortalecer a posição retrógrada da lupem-burguesia, a classe parasitária do Estado Brasileiro, que não se conforma em estar sem mandar. Marina, que ainda não sublimou sua saída do PT, sempre que pode ataca a candidatura de Dilma ou investe contra Lula.

Desta vez, foi contra as declarações de Lula, quando ele afirmou que parte da imprensa do país é uma vergonha. O que em verdade só não é real porque essa imprensa brasileira não tem princípios ontológicos para se envergonhar, posto que a vergonha, como afirma Marx, é um ato revolucionário, e essa classe ignara, por degeneração, não alcança o grau da vergonha.

Marina, para se por favorável à burguesia ignara, disse: “Cobro respeito pela liberdade de expressão e pela crítica”. Pergunta-se: O governo Lula alguma vez censurou a liberdade de expressão? Claro que não. Se o governo censurasse a execrável revista Veja já havia desaparecido. Assim como a Folha de São Paulo, Estadão, O Globo, Época, IstoÉ, a TV Globo, SBT, Rede TV, Bandeirantes, Estado de Minas e outras representantes da mídia acéfala.


USAR O CONTROLE REMOTO É UM ATO DEMOCRÁTICO!

EXPERIMENTE CONTRA A TV GLOBO! Você sabe que um canal de televisão não é uma empresa privada. É uma concessão pública concedida pelo governo federal com tempo determinado de uso. Como meio de comunicação, em uma democracia, tem como compromisso estimular a educação, as artes e o entretenimento como seu conteúdo. O que o torna socialmente um serviço público e eticamente uma disciplina cívica. Sendo assim, é um forte instrumento de realização continua da democracia. Mas nem todo canal de televisão tem esse sentido democrático da comunicação. A TV Globo (TVG), por exemplo. Ela, além de manter um monopólio midiático no Brasil, e abocanhar a maior fatia da publicidade oficial, conspira perigosamente contra a democracia, principalmente, tentando atingir maleficamente os governos populares. Notadamente em seu JN. Isso tudo, amparada por uma grade de programação que é um verdadeiro atentado as faculdades sensorial e cognitiva dos telespectadores. Para quem duvida, basta apenas observar a sua maldição dos três Fs dominical: Futebol, Faustão e Fantástico. Um escravagismo-televisivo- depressivo que só é tratado com o controle remoto transfigurador. Se você conhece essa proposição-comunicacional desdobre-a com outros. Porque mudanças só ocorrem como potência coletiva, como disse o filósofo Spinoza.

Acesse esquizofia.wordpress.com

esquizofia.wordpress.com

CAMPANHA AFINADA CONTRA O

VIRTUALIZAÇÕES DESEJANTES DA AFIN

Este é um espaço virtual (virtus=potência) criado pela Associação Filosofia Itinerante, que atua desde 2001 na cidade de Manaus-Am, e, a partir da Inteligência Coletiva das pessoas e dos dizeres de filósofos como Epicuro, Lucrécio, Spinoza, Marx, Nietzsche, Bergson, Félix Guattari, Gilles Deleuze, Clément Rosset, Michael Hardt, Antônio Negri..., agencia trabalhos filosóficos-políticos- estéticos na tentativa de uma construção prática de cidadania e da realização da potência ativa dos corpos no mundo. Agora, com este blog, lança uma alternativa de encontro para discussões sociais, éticas, educacionais e outros temas que dizem respeito à comunidade de Manaus e outros espaços por onde passa em movimento intensivo o cometa errante da AFIN.

"Um filósofo: é um homem que experimenta, vê, ouve, suspeita, espera e sonha constantemente coisas extraordinárias; que é atingido pelos próprios pensamentos como se eles viessem de fora, de cima e de baixo, como por uma espécie de acontecimentos e de faíscas de que só ele pode ser alvo; que é talvez, ele próprio, uma trovoada prenhe de relâmpagos novos; um homem fatal, em torno do qual sempre ribomba e rola e rebenta e se passam coisas inquietantes” (Friedrich Nietzsche).

Daí que um filósofo não é necessariamente alguém que cursou uma faculdade de filosofia. Pode até ser. Mas um filósofo é alguém que em seus percursos carrega devires alegres que aumentam a potência democrática de agir.

_________________________________

BLOG PÚBLICO

Propaganda Gratuita

Você que quer comprar entre outros produtos terçado, prego, enxada, faca, sandália, correia, pé de cabra ou bola de caititu vá na CASA UYRAPURU, onde os preços são um chuchu. Rua Barão de São Domingos, nº30, Centro, Tel 3658-6169

Pão Quente e Outras Guloseimas no caminho do Tancredo.
PANIFICADORA SERPAN (Rua José Romão, 139 - Tancredo Neves - Fone: 92-8159-5830)

Fique Frio! Sabor e Refrescância!
DEGUST GULA (Avenida Bispo Pedro Massa, Cidade Nova, núcleo 5, na Rua ao lado do DB CIdade Nova.Todos os dias).

O Almoço em Família.
BAR DA NAZA OU CASA DA VAL (Comendador Clementino, próximo à Japurá, de Segunda a Sábado).

Num Passo de Mágica: transforme seu sapato velho em um lindo sapato novo!
SAPATEIRO CÂNDIDO (Calçada da Comendador Clementino, próximo ao Grupo Escolar Ribeiro da Cunha).

A Confluência das Torcidas!
CHURRASQUINHO DO LUÍS TUCUNARÉ (Japurá, entre a Silva Ramos e a Comendador Clementino).

Só o Peixe Sabe se é Novo e do Rio que Saiu. Confira esta voz na...
BARRACA DO LEGUELÉ (na Feira móvel da Prefeitura)

Preocupado com o desempenho, a memória e a inteligência? Tu és? Toma o guaraná que não é lenda. O natural de Maués!
LIGA PRA MADALENA!!! (0 XX 92 3542-1482)

Decepcionado com seus desenganos? Ponha fé nos seus planos! Fale com:
PAI GEOVANO DE OXAGUIÃ (Rua Belforroxo, S/N - Jorge Teixeira IV) (3682-5727 / 9154-5877).

Quem tem fé naõ é um qualquer! Consultas::
PAI JOEL DE OGUM (9155-3632 ou paijoeldeogum@yahoo.com.br).

Belém tá no teu plano? Então liga pro Germano!
GERMANO MAGHELA - TAXISTA - ÁGUIA RADIOTAXI - (91-8151-1464 ou 0800 280 1999).

E você que gostaria de divulgar aqui seu evento, comércio, terreiro, time de futebol, procurar namorado(a), receita de comida, telefone de contato, animal encontrado, convites diversos, marocagens, contacte: afinsophiaitin@yahoo.com.br

Outras Comunalidades

   

Categorias

Arquivos

Blog Stats

  • 4.241.989 hits

Páginas

setembro 2010
D S T Q Q S S
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930  

Arquivos