Arquivo para 8 de fevereiro de 2012

SEDUC CONVOCA 152 PROFESSORES APROVADOS EM PROCESSO SELETIVO

A Secretaria de Educação do Amazonas- Seduc divulgou uma lista de convocação de 152 professores  aprovados no Processo Seletivo Simplificado de Professores (PSS).

Os professores cujo o nome estiver na lista deverão comparecer até amanhã (9 de fevereiro), de 8 as 12 horas, na sede da Instituição localizada na Avenida Waldomiro Lustosa, nº. 250, bairro Japiim 2 e se dirigir à Gerência de Promoção e Valorização do Servidor/Departamento de Gestão de Pessoas. Os professores devem estar portando  RG (Identidade), CPF, PIS/PASEP (comprovante/extrato), Título de Eleitor, Comprovante de Quitação Eleitoral, Certificado Militar (para homens), Comprovante de Residência (Água ou Telefone), Extrato de Conta Corrente (somente Bradesco) Comprovante de Habilitação (Certificado ou Diploma), e 2 (duas) Fotos 3×4.

BAIXE AQUI a lista divulgada pela Seduc com os aprovados.

CASO NÃO CONSIGA VISUALIZAR BAIXE A NOVA VERSÃO DO FLASH PLAYER

MINISTRA DOS DIREITOS HUMANOS CONDENA O USO DE CRIANÇAS COMO ESCUDO HUMANO PELOS POLICIAIS MILITARES

A ministra da Secretaria dos Direitos Humanos da Presidência da República, Maria do Rosário, em entrevista, após participar da cerimônia em comemoração à sanção da Lei do Sistema Nacional de Atendimento Socioeducativo (Sinase), falou de seu apoio ao governador da Bahia, Jacques Wagner, pela forma como vem conduzindo as discussões sobre a paralisação dos policiais militares. Ao mesmo tempo, a ministra condenou o uso de crianças pelos policiais como escudo humano. Para a ministra o uso de crianças como estratégia é “reprovável”.

“O ministro José Eduardo Cardozo está fazendo encaminhamentos pelo governo federal. Não consideramos que se trate de um movimento social. É uma atitude violenta contra a população, por parte de alguns que se apresentam grevistas.

Reprovamos o uso de crianças como escudo humano”, afirmou a ministra.

A ministra, Maria do Rosário, analisou com agudeza o que ocorre na Bahia ao afirmar que não se trata de um “movimento social” a manifestação proporcionada pelos policiais militares. Não é movimento social e muito menos greve em razão da despotencialização da dimensão política da manifestação. O contrário das notas necessárias para fundamentação de uma greve. E uma prova contundente é o uso de crianças como forma de chantagem para impedir qualquer reação mais forte por parte das forças do Estado.

O uso de crianças pelos militares demonstra o quanto os mesmo não têm o sentido da potência-trabalhador e da fundamentação social da profissão. O que tornam perigosas as manifestações.

NOVA MINISTRA DA SECRETARIA DE POLÍTICAS PARA AS MULHERES DIZ QUE A PRIORIDADE É O COMBATE À VIOLÊNCIA CONTRA A MULHER

A nova ministra da Secretaria de Políticas para as Mulheres, a professora e socióloga, Eleonora Menicucci, que tomará posse na próxima sexta-feira, dia 10, em coletiva para a imprensa, disse que a prioridade de sua gestão será o combate à violência doméstica e sexual contra a mulher. Ela defendeu ainda, entre outras medidas, a punição de estupradores, mesmo quando a vítima não fizer queixa em uma delegacia. Tema que está sendo apreciado pelo Supremo Tribunal Federal (STF), hoje, dia 8.

A ministra falou também que considera a discussão do aborto no Brasil uma questão de saúde pública. E que a matéria da legalização e descriminalização do aborto não diz respeito ao Executivo, mas ao Legislativo. E acrescentou que o aborto no Brasil é a quarta causa da mortalidade materna e a quinta entre as internações.

Eleonora se mostrou favorável a descriminalização do aborto, mas afirmou que da feita que assumir a Secretaria de Políticas para as Mulheres sua posição em relação ao assunto é a mesma que o governo.

“Não é uma questão ideológica, é uma questão de saúde pública, como o crack e outras drogas, a dengue, o HIV e todas as doenças infectocontagiosas.

Minha posição pessoal, a partir de hoje, não diz respeito, não interessa. A matéria da legalização do aborto ou descriminalização do aborto é uma matéria que não diz respeito ao Executivo, mas ao Legislativo”, disse a ministra Eleonora.  

JÓIAS DE FAMÍLIA UNEM AMAZONINO E EDUARDO BRAGA EM HILÁRIO LITÍGIO

O ex-governador do estado do Amazonas, senador Eduardo Braga (PMDB), vem em suas declarações cobrando do prefeito cassado de Manaus, Amazonino Mendes, a ausência da distribuição de água na não-cidade com a tarifa social. Suas cobranças, que envolvem a antiga privatização da COSAMA, a empresa de distribuição de água que foi privatizada pelo então governador da época Amazonino Mendes, tem deixado o prefeito tiririca da silva.

Na chamada abertura dos trabalhos da Câmara Municipal, o prefeito da não-cidade, em seu discurso lançou alguns adjetivos nada elogiosos que dizem ter sido em direção do governador. Adjetivos que seriam da verve da ralé se não se tratasse de apolíticos. Adjetivos como “picareta”, ‘caroneiro”, “enganador”. Mas que segundo o senador não foi com ele, por isso não iria tomar qualquer medida. A não ser contra os que fizeram dos adjetivos ilações contra sua pessoa.

No entendimento do prefeito da não-cidade, Amazonino Mendes, os ataques de Eduardo Braga estão sendo provocados por conta de sua candidatura à prefeitura de Manaus. Uma prefeitura que estar atraindo cobiçosamente a maioria dos candidatos em razão da Copa do Mundo de 2014. Todos se vêem como os imperadores do pebol capitalizado.

Entretanto, as performances apresentadas pelos dois manoniquins não passa de um hilário litígio, pois trata-se de cintilações de jóias de família. Os dois são parentes da mesma família que há quase trinta anos infelicita a existência dos amazonenses. São ilustradores das jóias retrógadas incrustadas na geo-política amazonense que impossibilita o estado do Amazonas processar sua própria história como um estado autônomo e produtivo. Uma família que nessas três décadas teve seu início com o finado patriarca Gilberto Mestrinho, três vezes governador do estado.

Gilberto Mestrinho inventou Amazonino Mendes que inventou “seu garoto”, Eduardo Braga. Era assim que Amazonino chamava Eduardo Braga. “Meu garoto”, tal a intimidade que as jóias da família promovem.

Amazonino criou Eduardo Braga para ser seu sucessor na prefeitura e no governo do Amazonas, como realmente sucedeu. Como se sabe que nenhum dos dois mudou sua concepção política, social e econômica – ambos são exuberantes capitalistas – só poderia dar em litígio hilário. Ambos continuam lustrando e preservando, com suas atitudes, as jóias da família.

O mais hilário desta cintilação familiar, é que os dois querem a prefeitura para construir uma cidade para Copa do Mundo de 2014. Logo eles, fiéis parentes, que durante quase três décadas vêem destruindo Manaus, daí porque não-cidade. Nem Hércules construiria uma cidade tão bem destruída em quase três décadas, em apenas um ano.

São as ilusões do brilho cintilante das jóias familiares.   

POLICIAIS MANIFESTANTES E O GOVERNO DA BAHIA NÃO FECHAM ACORDO SOBRE A PARALISAÇÃO

Depois de sete horas de reunião com a intermediação do arcebispo de Salvador e primaz do Brasil, dom Murilo Krieger, e que contou com as participações das entidades de classe da Polícia Militar e bombeiros, o presidente da seccional da Bahia da Ordem dos Advogados do Brasil, Saul Quadros; o secretário da Casa Civil, Rui Costa; secretário da Administração do Estado, Manuel Vitório; comandante da Polícia Militar da Bahia, coronel Alfredo Castro; e o secretário de Segurança Pública, Maurício Barbosa, o governo da Bahia e os policiais militares manifestantes não entraram em acordo. 

Embora o governo do estado tenha acreditado que a situação terminasse ontem, dia 7, depois da reunião as partes ficaram de estudar as propostas para fim da paralisação. Entretanto, os policiais ao tomarem conhecimento do logro da reunião permaneceram na sua manifestação em frente e no interior do prédio da Assembléia Legislativa do Estado, completando o oitavo dia de paralisação.

A Polícia Federal prendeu ontem, mais um líder da manifestação. Trata-se do sargento Elias Alves de Santana, o segundo a ser preso dos 12 que têm mandados de prisão. Assim, como os outros, Elias Santana, é acusado de formação de quadrilha e de roubo de patrimônio público.

Imprensa desqualifica o governador, o povo baiano e a democracia

 
A greve dos PMs na Bahia expõe uma velha chaga brasileira. Uma chaga que a imprensa parece não querer entender, muito menos ajudar a extirpar.

As PMs foram criadas durante a Ditadura para combater a guerrilha urbana. Foram concebidas sob a ideologia da “segurança nacional” como tropas militares auxiliares e subordinadas ao Exército para serem usadas no front interno e urbano.

O fim da Ditadura deveria acarretar a extinção das PMs, mas não foi isto o que ocorreu. A assembléia constituinte contemporizou onde não deveria e acabou se tornando refém de um Centrão, cujo compromisso político era preservar as coisas como estavam. A preservação das PMs são a prova da capenga reconstitucionalização do país.

As PMs foram os instrumentos da guerra interna contra os dissidentes políticos. E se tornaram os instrumentos de uma guerra interna contra os pobres e indesejados (como vimos nos casos da Cracolândia e do Pinheirinho em São Paulo). Vez por outra, neste ou naquele estado, a tropa da PM se rebela por questões salariais. Quando isto ocorre a imprensa parece não saber lidar com a questão.

Em primeiro lugar é preciso deixar bem claro que este nó só pode ser desfeito com um golpe de espada. Algumas instituições não podem ser reformadas, nem remendadas. Isto é um fato doloroso, mas nem por isto deixa de ser um imperativo histórico. Os vícios originais de sua concepção são tantos e tamanhos que as PMs devem ser extintas. Democracia e pluralismo são incompatíveis com a existência de polícias militarizadas, encarregadas de uma guerra interna urbana e submetidas a uma hierarquia que reforça o poder dos seus comandantes e, portanto, o potencial destrutivo destes quando eles se corrompem.

A guerra interna acabou quando da promulgação da constituição de 1988. A sobrevivência das PMs é uma anomalia que tem causado mais problemas do que resolvido os problemas de segurança pública.

Quando trata do problema, entretanto, a imprensa parece não ver isto. Alguns jornalistas atacam os grevistas, que realmente exageram e se comportam como marginais; outros lamentam a falta de iniciativa do governador Bahia, se esquecendo que é preciso defender a soberania popular que conferiu validade ao poder que ele exerce e representa.

No Twitter vi um cidadão comparar a atuação dos PMs grevistas com a dos mafiosos, pois segundo ele “só os mafiosos negociam com armas em punho”. É verdade, só os mafiosos negociam desta maneira, mas entre os mafiosos as greves nunca ocorrem. Afinal, o crime organizado não admite defecções e insubordinações. Entre bandidos estas coisas geralmente acabam no fundo de um rio ou numa sepultura cavada na calada da noite em terreno não consagrado. Os PMs em greve, entretanto, abusam de sua condição de tropa armada sabendo que a sociedade não pode e não vai liquidá-los como se fosse a máfia.

O governador está certo em não ceder às pressões dos grevistas. Ele foi eleito pelo povo da Bahia e o representa. Aqueles que querem acuá-lo cuidam de seus interesses mesquinhos ou desdenham a soberania popular (este parece ser o caso de ACM neto e do PSOL que surfam na crista da onda grevista com uma discreta ajuda da imprensa). O golpismo de esquerda e de direita instrumentalizado pela greve da PM baiana é evidente e Jacques Vagner deve resistir a isto. Se necessário ele deve resistir até mesmo a imprensa, pois aqueles que dão voz e visibilidade a ACM neto e ao PSOL não foram eleitos pelo povo. Aqueles que se insubordinaram, que amedrontaram a população baiana e que tentaram colocar armas na cabeça do governador não pretendem negociar, querem imperar. E nunca democracia o império é e sempre deve ser do povo, do povo que elegeu Jacques Vagner.

Infelizmente uma parte da imprensa se apressa em desqualificar o governador, desqualificando assim a democracia. O que os adversários da democracia na Bahia querem? Que o Estado seja governado por um Coronel da PM que mantenha os soldados quietos pagando-lhes os salários que eles desejam? A regressão em marcha é evidente. Na Bahia a democracia brasileira resistirá ou será arruinada.

Fábio de Oliveira Ribeiro é advogado.

*Jornal Correio do Brasil


USAR O CONTROLE REMOTO É UM ATO DEMOCRÁTICO!

EXPERIMENTE CONTRA A TV GLOBO! Você sabe que um canal de televisão não é uma empresa privada. É uma concessão pública concedida pelo governo federal com tempo determinado de uso. Como meio de comunicação, em uma democracia, tem como compromisso estimular a educação, as artes e o entretenimento como seu conteúdo. O que o torna socialmente um serviço público e eticamente uma disciplina cívica. Sendo assim, é um forte instrumento de realização continua da democracia. Mas nem todo canal de televisão tem esse sentido democrático da comunicação. A TV Globo (TVG), por exemplo. Ela, além de manter um monopólio midiático no Brasil, e abocanhar a maior fatia da publicidade oficial, conspira perigosamente contra a democracia, principalmente, tentando atingir maleficamente os governos populares. Notadamente em seu JN. Isso tudo, amparada por uma grade de programação que é um verdadeiro atentado as faculdades sensorial e cognitiva dos telespectadores. Para quem duvida, basta apenas observar a sua maldição dos três Fs dominical: Futebol, Faustão e Fantástico. Um escravagismo-televisivo- depressivo que só é tratado com o controle remoto transfigurador. Se você conhece essa proposição-comunicacional desdobre-a com outros. Porque mudanças só ocorrem como potência coletiva, como disse o filósofo Spinoza.

Acesse esquizofia.wordpress.com

esquizofia.wordpress.com

CAMPANHA AFINADA CONTRA O

VIRTUALIZAÇÕES DESEJANTES DA AFIN

Este é um espaço virtual (virtus=potência) criado pela Associação Filosofia Itinerante, que atua desde 2001 na cidade de Manaus-Am, e, a partir da Inteligência Coletiva das pessoas e dos dizeres de filósofos como Epicuro, Lucrécio, Spinoza, Marx, Nietzsche, Bergson, Félix Guattari, Gilles Deleuze, Clément Rosset, Michael Hardt, Antônio Negri..., agencia trabalhos filosóficos-políticos- estéticos na tentativa de uma construção prática de cidadania e da realização da potência ativa dos corpos no mundo. Agora, com este blog, lança uma alternativa de encontro para discussões sociais, éticas, educacionais e outros temas que dizem respeito à comunidade de Manaus e outros espaços por onde passa em movimento intensivo o cometa errante da AFIN.

"Um filósofo: é um homem que experimenta, vê, ouve, suspeita, espera e sonha constantemente coisas extraordinárias; que é atingido pelos próprios pensamentos como se eles viessem de fora, de cima e de baixo, como por uma espécie de acontecimentos e de faíscas de que só ele pode ser alvo; que é talvez, ele próprio, uma trovoada prenhe de relâmpagos novos; um homem fatal, em torno do qual sempre ribomba e rola e rebenta e se passam coisas inquietantes” (Friedrich Nietzsche).

Daí que um filósofo não é necessariamente alguém que cursou uma faculdade de filosofia. Pode até ser. Mas um filósofo é alguém que em seus percursos carrega devires alegres que aumentam a potência democrática de agir.

_________________________________

BLOG PÚBLICO

Propaganda Gratuita

Você que quer comprar entre outros produtos terçado, prego, enxada, faca, sandália, correia, pé de cabra ou bola de caititu vá na CASA UYRAPURU, onde os preços são um chuchu. Rua Barão de São Domingos, nº30, Centro, Tel 3658-6169

Pão Quente e Outras Guloseimas no caminho do Tancredo.
PANIFICADORA SERPAN (Rua José Romão, 139 - Tancredo Neves - Fone: 92-8159-5830)

Fique Frio! Sabor e Refrescância!
DEGUST GULA (Avenida Bispo Pedro Massa, Cidade Nova, núcleo 5, na Rua ao lado do DB CIdade Nova.Todos os dias).

O Almoço em Família.
BAR DA NAZA OU CASA DA VAL (Comendador Clementino, próximo à Japurá, de Segunda a Sábado).

Num Passo de Mágica: transforme seu sapato velho em um lindo sapato novo!
SAPATEIRO CÂNDIDO (Calçada da Comendador Clementino, próximo ao Grupo Escolar Ribeiro da Cunha).

A Confluência das Torcidas!
CHURRASQUINHO DO LUÍS TUCUNARÉ (Japurá, entre a Silva Ramos e a Comendador Clementino).

Só o Peixe Sabe se é Novo e do Rio que Saiu. Confira esta voz na...
BARRACA DO LEGUELÉ (na Feira móvel da Prefeitura)

Preocupado com o desempenho, a memória e a inteligência? Tu és? Toma o guaraná que não é lenda. O natural de Maués!
LIGA PRA MADALENA!!! (0 XX 92 3542-1482)

Decepcionado com seus desenganos? Ponha fé nos seus planos! Fale com:
PAI GEOVANO DE OXAGUIÃ (Rua Belforroxo, S/N - Jorge Teixeira IV) (3682-5727 / 9154-5877).

Quem tem fé naõ é um qualquer! Consultas::
PAI JOEL DE OGUM (9155-3632 ou paijoeldeogum@yahoo.com.br).

Belém tá no teu plano? Então liga pro Germano!
GERMANO MAGHELA - TAXISTA - ÁGUIA RADIOTAXI - (91-8151-1464 ou 0800 280 1999).

E você que gostaria de divulgar aqui seu evento, comércio, terreiro, time de futebol, procurar namorado(a), receita de comida, telefone de contato, animal encontrado, convites diversos, marocagens, contacte: afinsophiaitin@yahoo.com.br

Outras Comunalidades

   

Categorias

Arquivos

Blog Stats

  • 4.243.141 hits

Páginas

fevereiro 2012
D S T Q Q S S
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
26272829  

Arquivos