Arquivo para 10 de agosto de 2012

Afinado Nelson (Noel) inaugura Degust Gula, o novo espaço culinário de Manaus

O afinado Nelson e sua companheira Vitória , que promovem todos os anos o natal solidário do Nelson Noel, trazem uma grande novidade para todas as horas, ainda mais para quando rolar aquela broca que te impede de continuar seu fluxo como potência produtiva.

 

Trata-se da lanchonete e restaurante Degust Gula que esta trazendo uma variedade de opções para lanches e refeições conforme explicou Nelson em conversa com nosso bloguinho:

Na verdade podemos dizer que este mix de alimentação não é só uma sorveteria, uma pasteleria… Ela é tudo isto: sorveteria, pastelaria, comida oriental (no caso somente yakisoba), pizzas, tacacá, sanduiches comuns, sanduiches comuns, sanduiches especiais, empadas, tortas doces e mais. Aqui próximo tem tudo isto mas não centralizado em uma casa só. Todo alimento que vendemos é com ingredientes frescos da melhor qualidade e todos são manufaturado aqui. O sorvete e o yakisoba sou eu que faço. As tortas, tacacá e salgados é a Vitória que faz. Pizza e pastel são profissionais que fazem.

E como Nelson é conhecido em toda Manaus e mundialmente por seu sorvete, inclusive por ter feito o maior picole do mundo como registramos no último Nelson Noel, o bom e velho gelado não poderia faltar neste empreendimento. E Nelson contou um pouco desta história com sorvete

Eu montei uma sorveteria há mais de 15 anos atrás, a Beijo Frio, localizada na Avenida Getúlio Vargas quando iniciou e teve continuidade na Avenida Djalma Batista e que depois acabou. Este é o mesmo sorvete artesanal daquela época, acrescida algumas novidades que não tinha. Naquela época quem fazia o sorvete era eu, e sou eu quem continua fazendo.

E como não poderia faltar a equipe da Afin prestigiou a inauguração do novo negócio do afinado Nelson, e como trabalhar é algo cansativo, nossa equipe provou dos diversos pratos e constatou o bom gosto que faz da comida artesanal do Degust Gula um grande sucesso.

Ficou afin de conheccer a pastelaria, pizzaria, sorveteria, doceria, salgaderia, tacacaria, sanduicheria e restaurante oriental Degust gula? É um espaço bem localizado e fácil de achar. Localizado na rua ao lado do DB Cidade Nova (que fica na Av. Noel Nuteles), em frente a Peixaria Bom Gosto. Anota o endereço: Avenida Bispo Pedro Massa, Cidade Nova, núcleo 5.

A Afin e os companheiros Nelson e Vitória esperamos sua visita.

PROFESSORES DAS UNIVERSIDADES FEDERAIS AFIRMAM EM COMUNICADO QUE CONTINUAM EM GREVE

Depois de várias reuniões em assembleias estaduais os professores das universidades federais paralisados há quase três meses – entraram em greve no dia 17 de maio – afirmaram que comunicado que a categoria continua coesa na greve. De acordo com o Sindicato Nacional das Instituições do Ensino Superior (Andes) a maioria das universidades brasileiras continua aderindo à greve nacional.

Em nota, o Andes-SN comunicou que o reajuste de 25% e 40%, oferecido aos professores parcelado pelo Ministério do Planejamento foi rejeitado por unanimidade pela categoria. Para o Andes o reajuste que o governo federal ofereceu trata os professores de forma desigual, o que prejudica os docentes e aprofunda as distorções. E mais, não apresenta ganhos reais.

“A greve permanece firme e coesa. Os docentes têm clareza do significado da luta e cobram reabertura das negociações, visando o atendimento da pauta de reivindicações, a qual objetiva o avanço da educação pública”, diz trecho do comunicado.

Até o momento, somente o a Federação de Sindicatos de Professores de Instituições Federais de Ensino Superior (Proifes) – espécie de sindicato retrógado – que representa o número mínimo de universidades federais, aceitou entrar em acordo com o governo federal. Uma adesão oficial que não abala os objetivos da greve das outras instituições.

Enquanto isso, os professores esperam as respostas dos ministros Aluízio Mercadante, da Educação, e Miriam Belchior, do Planejamento, para reiniciarem as negociações. Para ajudar no movimento de greve, os professores pedem que a sociedade use o Twitter a hashtag #falaSérioMercadante.

CARTA DE RETRATAÇÃO

O grupo AFINSOPHIA e seu integrante Miguel de Oliveira Filho vêm, por meio deste, retratar-se com a Professora Ligia Regina Klein, pela publicação veiculada no Blog da Associação na data de 10 de agosto de 2012, sendo que a publicação foi desvinculada do site por ter causado uma situação negativa para imagem da professora, reconhecendo assim não serem verdadeiras as afirmações feitas através que o texto publicado na ocasião.

Assim, são solicitadas desculpas ao Sra. Ligia Regina Klien pelos transtornos causados, servindo a presente Nota de retratação Pública para restabelecer a idoneidade da mesma, consoante determinação emanada nos autos de 0007096-51.2015.8.16.0024, que tramitou perante a 13ª Secretaria do Juizado Especial Cível de Curitiba.

JOGADOR VALDÍVIA, DO PALMEIRAS, RESPONDE AO ATAQUE IRRACIONAL DO REACIONÁRIO NETO, COMENTARISTA DA BAND

Especial Por Fora De Futebol

O jogador chileno do Palmeiras, Valdivia, cansado de ser continuamente atacado de forma irracional e maldosa pelo reacionário e machista ex-jogador e dublê de comentarista futebolístico, da TV Bandeirantes, Neto, que o acusa de contaminar o ambiente do time e fazer corpo mole para não jogar, simulando contusões, ainda ser um contumaz baladeiro, resolveu responder às calúnias.

Valdivia, além de craque, é o autor, no território e na enunciação do futebol, da mais singela frase filosófica que carrega a alegre potência de agir de filósofos como Spinoza, Deleuze, Toni Negri, Clement Rosset, entre outros. Perguntado se não lhe incomodava sofrer tantas agressões em campo desferidas por seus rivais, sem nunca lhe deixar magoado, com impulso para revidar, respondeu filosoficamente:

“Eu entro em campo para jogar e ser feliz”.

Uma inferência filosófica que nenhum Neto jamais produziria. Além do mais, quando se sabe que Neto quando encontrava-se em campo parecia um possesso. Um sujeito profundamente sujeitado pela irritação. Tão irritado que certa vez chutou um torcedor. E se se defendeu afirmando que assim procedera para dá um corretivo no torcedor. “Corretivo”, que palavra judicativa carregada de sinais opressivos paternalistas, ou melhor, patriarcal. Próprio da moral burguesa captadora.

Valdivia, por sua altivez, não deveria ter perdido tempo e se entristecido com Neto. Não deveria ter respondido, mas já que respondeu, aqui vai seu texto que não é um “corretivo” em Neto, mas só uma névoa de dignidade.

Confira na íntegra o texto de Valdivia:

Cansei das injúrias de blogueiros, falando como se conhecessem cada uma das coisas que eu faço. Estou cansado de ser questionado das minhas contusões como se eu fosse o primeiro e último a se machucar. Cansei de não ser reconhecido mesmo quando eu não podia jogar e dei o sinal de positivo para o treinador.

Estou cansado que os blogueiros passem para o torcedor que eu não me importo com o clube. Já dei mostras de que sou muito grato ao clube. Mercenário eu não sou, porque já estou cansado de falar que deixei de ganhar dinheiro para vir e ficar aqui, mesmo com o problema sofrido e longe da minha família.

Tenho me dedicado em todos os jogos que fiz. Se joguei ou não o que o torcedor espera de mim é outra história, mas sempre me dedico, seja dentro ou fora de campo. Quando estou no departamento médico, cumpro minhas obrigações de funcionário de clube e ressalto que não faço mais nada do que o meu dever.

O apresentador e senhor Neto mente em cada uma das suas palavras. Ele coloca em dúvida o trabalho sério do nosso departamento médico ao se referir a minha lesão como se fosse estranha. Se ele quer falar da minha lesão, faça questão de entrar em contato com o nosso médico e perguntar da dimensão da minha lesão. Ele também coloca em dúvida o trabalho da pessoa que faz o ultrassom e vê por uma imagem que a lesão existe.

Senhor Neto, jogador não acorda pensando em se machucar e em fingir lesão.

Ele faz questão de falar que pela minha falta dentro de campo, o Palmeiras passa pelo momento que eu vivo.

Senhor Neto, você não pode esquecer que tanto eu como outros jogadores estamos no departamento médico. Aos poucos, esses jogadores estão voltando, porém tem desfalcado nosso time. Além disso, pela grandeza do Palmeiras, o time não pode depender de um só jogador. E isso ficou demonstrado no primeiro jogo da Copa Sul-Americana, quando conseguimos uma maravilhosa vitória.

Outra grande mentira é onde ele diz que o treinador Felipão perdeu a paciência comigo. O fato não bate com todas as conversas que eu tive tanto com o Felipão quanto com o Sampaio. Eles sempre manifestaram que eu sou um jogador fundamental dentro do elenco, que sou de total confiança do Felipão. O próprio fala publicamente das minhas qualidades. Em momento nenhum ele pediu a minha venda com urgência para a diretoria.

Outra mentira do senhor Neto: segundo ele, eu seria um jogador que contamina o clube. É brincadeira do Neto. Logo do Clube, senhor Neto, que eu me dou super bem com todos funcionários. Nunca tive um problema sequer.

Se eu sou tudo isso o que ele diz, o nosso capitão Marcos Assunção não teria feito a dedicatória da vitória em cima do Grêmio. Se eu fosse mau caráter, falso, eu não teria feito a dedicatória para o meu amigo Hernán Barcos, que sofria tanto com a gente por não jogar a primeira final.

Isso que você faz comigo, Neto, já fez com outros jogadores. Não vou deixar você e ninguém fazer isso de novo. Até porque temos diferentes tipos de caráter. Se você disse ter certeza daquilo que você escreve, seja homem e fala quem é que te disse.

Se você, quando era jogador, bebia cerveja com seus amigos ou família, deixe me dizer que não é o primeiro nem o último jogador a fazer isso. Deixe me dizer que, assim como você, eu nunca faltei a um treino. Chegar atrasado faz parte da história do futebol e tem muitos exemplos. Um deles, aliás, é um grande jogador que eu admiro muito e que eu até já joguei junto. Ah, ele defende o time do Corinthians. Esse grande jogador é o Sheik e se cito ele neste escrito é porque achei engraçado, tanto eu como você e a maioria dos torcedores, que ele chegasse de helicóptero.

Senhor Neto, eu também nunca perdi a vontade e o tesão de jogar futebol, mesmo sendo vítima de um sequestro-relâmpago, quando vi a vida ir embora por um fio.

Mesmo assim, segurei a onda e fiquei no Palmeiras. Deus me deu um grande prêmio que foi ter feito o gol na semifinal da Copa do Brasil contra o Grêmio, jogando em Barueri. Ainda continuo com o reconhecimento da maioria dos torcedores. O que eu quero da minha vida não é da sua conta, senhor Neto. Primeiro porque você não é meu amigo e nem quero ter sua amizade.

Eu fui criado por meu pai e mãe, com muito esforço, muito sacrifício. E uma das grandes lições que eu tive foi que não devo ser falso diante das pessoas. Fato que passa bem longe de você, falando mal demais dos jogadores, da vida privada, como se você fosse exemplo. Quando eles estão sentados na sua frente, no banco do seu programa, você prefere encher a bola deles.

Ah, tem uma coisa certa que você escreveu. Você não é ninguém para falar de mim.

Você tem o poder de destruir qualquer jogador pelo fato de ter espaço na TV, mas cansei de ser julgado por você, sendo que você nem me conhece. Você foi um grande jogador, mas, pode ter certeza de que grande pessoa você não é.

Com forte presença empresarial, Conselho de Comunicação toma posse

Desativado desde 2007, conselho que deve orientar o Congresso nos temas da comunicação é retomado com 7 conselheiros, de um total de 13, vinculados aos empresários. Reativação dá indícios de que o governo busca instância de “concertação” do marco regulatório da comunicação. Há “um certo exagero da presença empresarial mesmo na parte da sociedade civil”, diz Celso Schroder, representante dos jornalistas.

Vinicius Mansur

Brasília – Os presidentes do Senado, José Sarney (PMDB-AP), e da Câmara dos Deputados, Marco Maia (PT-RS), deram posse, nesta quarta-feira (8), a nova – e questionada – composição do Conselho de Comunicação Social (CCS), órgão consultivo do poder Legislativo previsto na Constituição, mas desativado em 2007 e aprovado de maneira surpreendente pelo Congresso Nacional às vésperas do recesso parlamentar.

Durante a cerimônia, os presidentes não explicaram porque o CCS ficou desativado por seis anos nem as razões que os levaram a escolha dos 26 nomes. Entretanto, ressaltaram a importância do órgão para democratizar a comunicação no país e elogiaram os novos conselheiros. “A composição desse conselho expressa em sua plenitude a representação da sociedade brasileira”, disse Marco Maia.
Os conselheiros recém-empossados ainda ratificaram o nome de Dom Orani João Tempesta, Arcebisto do Rio de Janeiro, para a presidência do CCS e de Fernando Mesquita, ex-porta-voz de Sarney na presidência da República, como vice.

A falta de diálogo na escolha dos conselheiros, entretanto, motivou a publicação de notas críticas da Frente Parlamentar pela Liberdade de Expressão e o Direito a Comunicação com Participação Popular (Frentecom)  e do Fórum Nacional pela Democratização da Comunicação (FNDC). Além da postura autoritária na nomeação, o FNDC também criticou os privilégios dados ao empresariado e a falta de mulheres na nova composição.

Nascimento da Silva, indicado para ocupar a representação dos trabalhadores radialistas, afirmou consultado sobre a nomeação, que também classificou de antidemocrática e desequilibrada. “Evidentemente nós vamos ser minoria, mas nós vamos fazer barulho”, disse.

Pela lei, os 13 conselheiros, com um suplente cada um, são divididos em três representantes das empresas do setor (rádio, televisão e imprensa escrita), cinco da sociedade civil, quatro dos trabalhadores (jornalistas, radialistas, artistas e profissionais do audiovisual) e um engenheiro de notório saber (veja a lista completa abaxio).

Porém, a balança pode pender para os interesses dos radiodifusores porque, além das três vagas já reservadas aos empresários, o engenheiro é vinculado ao SBT; o representante dos artistas é vinculado ao setor patronal – segundo o FNDC; uma vaga da sociedade civil é ocupada por um representante da Rede Vida de TV e outra por Fernando Mesquita, homem de confiança do senador e também radiodifusor Sarney.

O representante dos jornalistas, Celso Schroder, também afirmou haver “um certo exagero da presença empresarial mesmo na parte da sociedade civil” e reclamou da não indicação de entidades como o Conselho Federal de Psicologia. Mas minimizou o problema destacando que a razão de existência do CCS não é vencer debates, mas promover disputas que desembocarão em orientações aos parlamentares, podendo desinterditar o debate da comunicação no Brasil, sempre tratado, a priori, como censura: “Acho que é defensável a composição [do CSS], porque para nós, a Fenaj [Federação Nacional dos Jornalistas], o que nos interessava era defender a sua existência, consagrar a sua volta, esse é um espaço que a sociedade não pode perder, tem muita coisa em jogo”.

Entre os temas importantes a serem tratados pelo conselho, o representante dos jornalistas apontou a defesa da radiodifusão brasileira, ameaçada pela entrada das empresas estrangeiras de telefonia em seu mercado, e o marco regulatório das Comunicações.

Um projeto do marco regulatório foi deixado pelo ex-ministro da Secretaria de Comunicação Social do governo Lula, Franklin Martins, e modificado pelo atual ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, que já anunciou por diversas vezes que o desengavetará por meio de consulta pública. Após seis anos de suspensão, a reativação repentina do CCS dá indícios de que o governo busca uma instância de “concertação” do marco regulatório.

O CCS está previsto no artigo 224 da Constituição de 1988, mas só foi regulamentado pela Lei 8.389 em 1991, tendo sua primeira indicação somente em 2002. Desativado em 2007, teve sua nova composição aprovada pelo Congresso Nacional no último dia 17 de julho. Entre as funções previstas pela Constituição para o Conselho está emitir pareceres e recomendações ligadas à produção e programação de emissoras de rádio e TV, avaliar as finalidades educativas, artísticas, culturais e informativas da programação das emissoras de rádio e televisão; analisar questões ligadas à liberdade de manifestação do pensamento, da criação, da expressão e da informação, bem como analisar questões relativas à propriedade, monopólio ou oligopólio dos meios de comunicação social e outorga e renovação de concessão, permissão e autorização de serviços de radiodifusão sonora e de sons e imagens.

Representante das empresas de rádio
Titular: WALTER VIEIRA CENEVIVA (Grupo Bandeirantes)
Suplente: DANIEL PIMENTEL SLAVIERO (Ex-presidente da ABERT)

Representante das empresas de televisão
Titular: GILBERTO CARLOS LEIFERT (Rede Globo)
Suplente: MÁRCIO NOVAES (Rede Record)

Representante das empresas de imprensa escrita
Titular: ALEXANDRE KRUEL JOBIM (Grupo RBS)
Suplente: LOURIVAL SANTOS (Representante da ANER)

Engenheiro com notório conhecimento na área de comunicação socialTitular: ROBERTO FRANCO (SBT)
Suplente: LILIANA NAKONECHNYJ (Rede Globo)

Representante da sociedade civil
Titular: JOÃO MONTEIRO FILHO (Radiodifusor – Rede Vida de TV)
Suplente: JOSÉ VITOR CASTIEL (Ator – Rede Globo)

Representante da sociedade civil
Titular: FERNANDO CESAR MESQUITA (Ex-diretor de Comunicação do Senado)
Suplente: LEONARDO PETRELLI Radiodifusor – Rede Independente de Comunicação (Paraná)

Representante da sociedade civil
Titular: RONALDO LEMOS (Professor da FGV-RJ)
Suplente: JUCA FERREIRA (Ex-ministro da Cultura)

Representante da sociedade civil
Titular: MIGUEL ANGELO CANÇADO (Conselho Federal OAB)
Suplente: WRANA PANIZZI (Ex-reitora UFRGS)

Representante da sociedade civil
Titular: DOM ORANI JOÃO TEMPESTA (Arcebisto do Rio de Janeiro)
Suplente: PEDRO ROGÉRIO COUTO MOREIRA (Jornalista e membro da Academia Mineira de Letras)

Representante da categoria profissional dos jornalistas
Titular: CELSO AUGUSTO SCHRÖDER (Fenaj)
Suplente: MARIA JOSÉ BRAGA (Fenaj)

Representante da categoria profissional dos radialistas
Titular: JOSÉ CATARINO NASCIMENTO (Sindicato dos Radialistas de MG)
Suplente: EURÍPEDES CORRÊA CONCEIÇÃO (Federação dos Radialistas – Fitert)

Representante da categoria profissional dos artistas
Titular: JORGE COUTINHO (Sindicato dos Artistas do Rio de Janeiro)
Suplente: MÁRIO MARCELO (Sindicato dos Artistas do Rio de Janeiro)

Representante das categorias profissionais de cinema e vídeo
Titular: LUIZ ANTONIO GERACE DA ROCHA E SILVA (Sindicato Interestadual dos Trabalhodores na Indústria Cinematográfica e do Audivisual)
Suplente: PEDRO PABLO LAZZARINI (Sindicato Interestadual dos na Indústria Cinematográfica e do Audivisual de São Paulo)


USAR O CONTROLE REMOTO É UM ATO DEMOCRÁTICO!

EXPERIMENTE CONTRA A TV GLOBO! Você sabe que um canal de televisão não é uma empresa privada. É uma concessão pública concedida pelo governo federal com tempo determinado de uso. Como meio de comunicação, em uma democracia, tem como compromisso estimular a educação, as artes e o entretenimento como seu conteúdo. O que o torna socialmente um serviço público e eticamente uma disciplina cívica. Sendo assim, é um forte instrumento de realização continua da democracia. Mas nem todo canal de televisão tem esse sentido democrático da comunicação. A TV Globo (TVG), por exemplo. Ela, além de manter um monopólio midiático no Brasil, e abocanhar a maior fatia da publicidade oficial, conspira perigosamente contra a democracia, principalmente, tentando atingir maleficamente os governos populares. Notadamente em seu JN. Isso tudo, amparada por uma grade de programação que é um verdadeiro atentado as faculdades sensorial e cognitiva dos telespectadores. Para quem duvida, basta apenas observar a sua maldição dos três Fs dominical: Futebol, Faustão e Fantástico. Um escravagismo-televisivo- depressivo que só é tratado com o controle remoto transfigurador. Se você conhece essa proposição-comunicacional desdobre-a com outros. Porque mudanças só ocorrem como potência coletiva, como disse o filósofo Spinoza.

Acesse esquizofia.wordpress.com

esquizofia.wordpress.com

CAMPANHA AFINADA CONTRA O

VIRTUALIZAÇÕES DESEJANTES DA AFIN

Este é um espaço virtual (virtus=potência) criado pela Associação Filosofia Itinerante, que atua desde 2001 na cidade de Manaus-Am, e, a partir da Inteligência Coletiva das pessoas e dos dizeres de filósofos como Epicuro, Lucrécio, Spinoza, Marx, Nietzsche, Bergson, Félix Guattari, Gilles Deleuze, Clément Rosset, Michael Hardt, Antônio Negri..., agencia trabalhos filosóficos-políticos- estéticos na tentativa de uma construção prática de cidadania e da realização da potência ativa dos corpos no mundo. Agora, com este blog, lança uma alternativa de encontro para discussões sociais, éticas, educacionais e outros temas que dizem respeito à comunidade de Manaus e outros espaços por onde passa em movimento intensivo o cometa errante da AFIN.

"Um filósofo: é um homem que experimenta, vê, ouve, suspeita, espera e sonha constantemente coisas extraordinárias; que é atingido pelos próprios pensamentos como se eles viessem de fora, de cima e de baixo, como por uma espécie de acontecimentos e de faíscas de que só ele pode ser alvo; que é talvez, ele próprio, uma trovoada prenhe de relâmpagos novos; um homem fatal, em torno do qual sempre ribomba e rola e rebenta e se passam coisas inquietantes” (Friedrich Nietzsche).

Daí que um filósofo não é necessariamente alguém que cursou uma faculdade de filosofia. Pode até ser. Mas um filósofo é alguém que em seus percursos carrega devires alegres que aumentam a potência democrática de agir.

_________________________________

BLOG PÚBLICO

Propaganda Gratuita

Você que quer comprar entre outros produtos terçado, prego, enxada, faca, sandália, correia, pé de cabra ou bola de caititu vá na CASA UYRAPURU, onde os preços são um chuchu. Rua Barão de São Domingos, nº30, Centro, Tel 3658-6169

Pão Quente e Outras Guloseimas no caminho do Tancredo.
PANIFICADORA SERPAN (Rua José Romão, 139 - Tancredo Neves - Fone: 92-8159-5830)

Fique Frio! Sabor e Refrescância!
DEGUST GULA (Avenida Bispo Pedro Massa, Cidade Nova, núcleo 5, na Rua ao lado do DB CIdade Nova.Todos os dias).

O Almoço em Família.
BAR DA NAZA OU CASA DA VAL (Comendador Clementino, próximo à Japurá, de Segunda a Sábado).

Num Passo de Mágica: transforme seu sapato velho em um lindo sapato novo!
SAPATEIRO CÂNDIDO (Calçada da Comendador Clementino, próximo ao Grupo Escolar Ribeiro da Cunha).

A Confluência das Torcidas!
CHURRASQUINHO DO LUÍS TUCUNARÉ (Japurá, entre a Silva Ramos e a Comendador Clementino).

Só o Peixe Sabe se é Novo e do Rio que Saiu. Confira esta voz na...
BARRACA DO LEGUELÉ (na Feira móvel da Prefeitura)

Preocupado com o desempenho, a memória e a inteligência? Tu és? Toma o guaraná que não é lenda. O natural de Maués!
LIGA PRA MADALENA!!! (0 XX 92 3542-1482)

Decepcionado com seus desenganos? Ponha fé nos seus planos! Fale com:
PAI GEOVANO DE OXAGUIÃ (Rua Belforroxo, S/N - Jorge Teixeira IV) (3682-5727 / 9154-5877).

Quem tem fé naõ é um qualquer! Consultas::
PAI JOEL DE OGUM (9155-3632 ou paijoeldeogum@yahoo.com.br).

Belém tá no teu plano? Então liga pro Germano!
GERMANO MAGHELA - TAXISTA - ÁGUIA RADIOTAXI - (91-8151-1464 ou 0800 280 1999).

E você que gostaria de divulgar aqui seu evento, comércio, terreiro, time de futebol, procurar namorado(a), receita de comida, telefone de contato, animal encontrado, convites diversos, marocagens, contacte: afinsophiaitin@yahoo.com.br

Outras Comunalidades

   

Categorias

Arquivos

Blog Stats

  • 4.245.412 hits

Páginas

Arquivos