Arquivo para 24 de outubro de 2013

UMA BALADA PARA MANAUS, O PARAÍSO TERRESTRE.

Enchente-de-53_alfandega

Hoje, dia 24 de outubro, a não-cidade de Manaus comemora aniversário. Como resultado de tudo que lhe fizeram historicamente, que lhe deixou sem história-singular, o que a faz não ser considerada cidade, o dia de hoje, é como o mesmo dia que séculos passados lhe oficializaram como Manaus e lhe marcaram com um futuro que chegou há este presente cheio de afetos tristes.

Como somos amazonenses, nascidos em Manaus, não podíamos nos furtar de considerar essa data. E nada melhor do que uma balada narrando o que os que lhe fizeram e lhe fazem infeliz, acreditam como real.

Eu vivo na melhor cidade

Onde há prosperidade e encantos mil

Eu vivo no primeiro mundo

Manaus, majestosa, rainha do Brasil.

Nasci e me criei na terra

Até em sonho penso ficar por aqui.

Às aves das outras cidades

Não gorjeiam como às aves daqui.

Nosso povo ordeiro,

Trabalhador, companheiro

É a alavanca social.

E os nossos governantes fazendo a história,

São exemplos da vitória

Do socialismo equatorial.

Seguro, andando na rua,

O turista diz que vencemos Paris.

Não há menor abandonado, louco, desempregado,

Fedendo em seu nariz.

Lazer é direito de todos,

Teatro, cinema, diversão geral.

Às classes todas irmanadas,

Depois do trabalho, fazem o carnaval.

Foi tão fácil chegar ao paraíso

E nem foi preciso, a gente morrer.

Seguimos as palavras dos mestres,

Entre crenças e preces,

Rumo ao Supremo Ser.

Agora, somos invejados,

E de todos os lados surgem acusações.

Produto dos incompetentes, das mentes doentes,

Lacaios dos patrões.

Enquanto os cães ficam ladrando,

Nós vamos passando, somos campeões.

Vencemos o capitalismo,

O terror da história,

O deus de todos os ladrões.

 

CCJ DO SENADO APROVA VOTO ABERTO EM TODAS AS INSTÂNCIAS, MAS SENADOR EDUARDO BRAGA (PMDB/AM) FOI CONTRA

O senador Eduardo Braga, ex-governador do Amazonas e ex-prefeito de Manaus, que faz parte do grupo mais reacionário que se apropriou do estado há quase trinta anos composto pelos ex-governadores Gilberto Mestrinho e Amazonino Mendes, esse o chamou de “meu menino”, não concordou com a íntegra da votação da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) realizada ontem, dia 23, sobre a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 43 de 2010, que prega voto aberto no Legislativo em todas as instâncias. Foram quatro horas de debate para aprovar o relatório do senador Sérgio Souza (PMDB/PR) com direito a rejeição de dois destaques. Agora, a PEC vai para o plenário do Senado para ser submetida à votação em dois turnos.

Para o possível (?) candidato ao cargo de governador do Amazonas, em 2014, e líder do governo Dilma – é nisso que resultam as alianças -, o “afã” da votação da Câmara dos Deputados não levou em consideração as prerrogativas do Senado. Ele também se colocou a favor do voto secreto em itens como análise de veto presidencial e de escolha de autoridade.

“No afã de dar uma resposta à opinião pública sobre a trágica votação do episódio do deputado Donadon, a Câmara dos Deputados aprovou o voto aberto, sem levar em consideração o que o Senado tem como prerrogativa, como votação de autoridades.

Nos casos do voto em méritos de projetos de lei, em todas as matérias de conteúdo e mérito em relação à atividade parlamentar, defendo o voto aberto. Mas no caso (de análise ) de veto (presidencial ) e de ( escolha ) autoridade, o voto secreto”, defendeu o líder do governo federal e um dos líderes dos ideais reacionários do estado do Amazonas.

Mas o certo é que a posição do senador paraense pelo Amazonas não triscou nem de longe a posição de outros senadores que participaram da votação. Todos acreditam que o momento é de seguir a posição da opinião pública e apresentar transparência nas decisões do Congresso Nacional.

“Temos que aproveitar a oportunidade, a sociedade está vigilante”, observou o relator Sérgio Souza.

“O Brasil amadureceu o suficiente para que a gente pudesse hoje dar esse passo a mais que é a votação aberta para todos os casos”, afirmou Wellington Dias (PT/PI).

Um dos mais entusiastas do voto aberto, o senador pelo PMDB do Paraná, Roberto Requião, foi frontalmente defensor das exigências populares em relação ao voto aberto, diferente de seu par-partidário, Eduardo Braga. Aliás, embora os dois sejam par-partidários, há uma diferença abismal de formação política e atuação de Roberto Requião para Braga. Requião tem história de luta democrática, o que falta em Eduardo que sempre foi protegido.

“As ruas estão a exigir transparência do Congresso Nacional. Voto aberto em tudo. Mandatário não pode esconder o seu voto do mandante. Neste momento, há sim um clima para estabelecermos a transparência”, analisou Roberto Requião.   

STF COMEÇA JULGAMENTO DOS EMBARGOS DE DECLARAÇÕES SOBRE A TERRA INDÍGENA RAPOSA SERRA DO SOL

raposa1_nelsonjr_stf.jpg

Depois de muita luta judicial em que foram envolvidos fazendeiros e as comunidades indígenas em busca dos direitos sobre a terra indígena Raposa Serra do Sol, no estado de Roraima, em 2009, o Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu que as terras pertenciam aos índios. Para o STF a demarcação foi válida. Os fazendeiros protestaram, fizeram ameaças, mas a decisão da Justiça prevaleceu.

Entretanto, com a demarcação ficaram 19 condicionantes que hoje são discutidas tanto pelas comunidades indígenas como também pelo governo de Roraima. Sendo assim, o STF se reuniu para julgar os sete embargos de declaração que pretendem esclarecimentos sobre omissões ou contradições no acordo do texto final validado. Também será examinado se os limites das terras indígenas já demarcadas não podem ser ampliados, como também o ingresso, o trânsito e permanência de não índios nas terras indígenas.

Mas o STF não se resumiu ao julgamento desses embargos de declaração. Ele também procurou saber se as condicionantes também podem ser aplicadas em outras demarcações, visto que a Advocacia-Geral da União (AGU) decidiu na portaria 303 que os advogados e promotores públicos devem aplicar a qualquer processo demarcatório as mesmas condições determinadas à Raposa Serra do Sol. A decisão da AGU não agradou aos índios e organizações indígenas e em 2012, foi suspensa. Todavia, a portaria poderá voltar a vigorar se os ministros aceitarem que ela vale para os outros processos de demarcação.

Porém, a decisão do STF determinou que as outras demarcações contínuas não deverão ter o mesmo modelo da Raposa Serra do Sol

Para o governo de Roraima, um dos autores dos sete embargos de declaração, o acórdão apresenta omissão em relação à saúde, educação e fornecimento de energia elétrica apresentados pelo estado às comunidades indígenas. Já os índios das comunidades Socó, Barro, Maturuca, Jawari, Tamaduá, Jacarezinho e Manalai pretendem explicações para conseguirem autorização para garimpar, além de exigirem consulta prévia às comunidades sempre que qualquer iniciativa ameaçem atingir seus interesses.


USAR O CONTROLE REMOTO É UM ATO DEMOCRÁTICO!

EXPERIMENTE CONTRA A TV GLOBO! Você sabe que um canal de televisão não é uma empresa privada. É uma concessão pública concedida pelo governo federal com tempo determinado de uso. Como meio de comunicação, em uma democracia, tem como compromisso estimular a educação, as artes e o entretenimento como seu conteúdo. O que o torna socialmente um serviço público e eticamente uma disciplina cívica. Sendo assim, é um forte instrumento de realização continua da democracia. Mas nem todo canal de televisão tem esse sentido democrático da comunicação. A TV Globo (TVG), por exemplo. Ela, além de manter um monopólio midiático no Brasil, e abocanhar a maior fatia da publicidade oficial, conspira perigosamente contra a democracia, principalmente, tentando atingir maleficamente os governos populares. Notadamente em seu JN. Isso tudo, amparada por uma grade de programação que é um verdadeiro atentado as faculdades sensorial e cognitiva dos telespectadores. Para quem duvida, basta apenas observar a sua maldição dos três Fs dominical: Futebol, Faustão e Fantástico. Um escravagismo-televisivo- depressivo que só é tratado com o controle remoto transfigurador. Se você conhece essa proposição-comunicacional desdobre-a com outros. Porque mudanças só ocorrem como potência coletiva, como disse o filósofo Spinoza.

Acesse esquizofia.wordpress.com

esquizofia.wordpress.com

CAMPANHA AFINADA CONTRA O

VIRTUALIZAÇÕES DESEJANTES DA AFIN

Este é um espaço virtual (virtus=potência) criado pela Associação Filosofia Itinerante, que atua desde 2001 na cidade de Manaus-Am, e, a partir da Inteligência Coletiva das pessoas e dos dizeres de filósofos como Epicuro, Lucrécio, Spinoza, Marx, Nietzsche, Bergson, Félix Guattari, Gilles Deleuze, Clément Rosset, Michael Hardt, Antônio Negri..., agencia trabalhos filosóficos-políticos- estéticos na tentativa de uma construção prática de cidadania e da realização da potência ativa dos corpos no mundo. Agora, com este blog, lança uma alternativa de encontro para discussões sociais, éticas, educacionais e outros temas que dizem respeito à comunidade de Manaus e outros espaços por onde passa em movimento intensivo o cometa errante da AFIN.

"Um filósofo: é um homem que experimenta, vê, ouve, suspeita, espera e sonha constantemente coisas extraordinárias; que é atingido pelos próprios pensamentos como se eles viessem de fora, de cima e de baixo, como por uma espécie de acontecimentos e de faíscas de que só ele pode ser alvo; que é talvez, ele próprio, uma trovoada prenhe de relâmpagos novos; um homem fatal, em torno do qual sempre ribomba e rola e rebenta e se passam coisas inquietantes” (Friedrich Nietzsche).

Daí que um filósofo não é necessariamente alguém que cursou uma faculdade de filosofia. Pode até ser. Mas um filósofo é alguém que em seus percursos carrega devires alegres que aumentam a potência democrática de agir.

_________________________________

BLOG PÚBLICO

Propaganda Gratuita

Você que quer comprar entre outros produtos terçado, prego, enxada, faca, sandália, correia, pé de cabra ou bola de caititu vá na CASA UYRAPURU, onde os preços são um chuchu. Rua Barão de São Domingos, nº30, Centro, Tel 3658-6169

Pão Quente e Outras Guloseimas no caminho do Tancredo.
PANIFICADORA SERPAN (Rua José Romão, 139 - Tancredo Neves - Fone: 92-8159-5830)

Fique Frio! Sabor e Refrescância!
DEGUST GULA (Avenida Bispo Pedro Massa, Cidade Nova, núcleo 5, na Rua ao lado do DB CIdade Nova.Todos os dias).

O Almoço em Família.
BAR DA NAZA OU CASA DA VAL (Comendador Clementino, próximo à Japurá, de Segunda a Sábado).

Num Passo de Mágica: transforme seu sapato velho em um lindo sapato novo!
SAPATEIRO CÂNDIDO (Calçada da Comendador Clementino, próximo ao Grupo Escolar Ribeiro da Cunha).

A Confluência das Torcidas!
CHURRASQUINHO DO LUÍS TUCUNARÉ (Japurá, entre a Silva Ramos e a Comendador Clementino).

Só o Peixe Sabe se é Novo e do Rio que Saiu. Confira esta voz na...
BARRACA DO LEGUELÉ (na Feira móvel da Prefeitura)

Preocupado com o desempenho, a memória e a inteligência? Tu és? Toma o guaraná que não é lenda. O natural de Maués!
LIGA PRA MADALENA!!! (0 XX 92 3542-1482)

Decepcionado com seus desenganos? Ponha fé nos seus planos! Fale com:
PAI GEOVANO DE OXAGUIÃ (Rua Belforroxo, S/N - Jorge Teixeira IV) (3682-5727 / 9154-5877).

Quem tem fé naõ é um qualquer! Consultas::
PAI JOEL DE OGUM (9155-3632 ou paijoeldeogum@yahoo.com.br).

Belém tá no teu plano? Então liga pro Germano!
GERMANO MAGHELA - TAXISTA - ÁGUIA RADIOTAXI - (91-8151-1464 ou 0800 280 1999).

E você que gostaria de divulgar aqui seu evento, comércio, terreiro, time de futebol, procurar namorado(a), receita de comida, telefone de contato, animal encontrado, convites diversos, marocagens, contacte: afinsophiaitin@yahoo.com.br

Outras Comunalidades

   

Categorias

Arquivos

Blog Stats

  • 4.243.143 hits

Páginas

Arquivos