Arquivo para 19 de março de 2014

EM ATO DE PARALISAÇÃO NACIONAL PROFISSIONAIS DA EDUCAÇÃO DE MANAUS PROTESTAM CONTRA A CONDIÇÃO MISERÁVEL DO ENSINO PÚBLICO NA NÃO-CIDADE

afinsophoa 019

Há anos as pesquisas sobre as condições em que se encontra o ensino público no estado do Amazonas e, mormente, na capital, Manaus, não mudam seus resultados mostrando sempre o estado miserável em que estagnou. O estado e a capital permanecem entre os priores índices de fracassos quanto sua política pública. Não adiantaram os incentivos que o Ministério da Educação promoveu a partir dos governos Lula, e, agora, Dilma, porque o exercício local é lamentável. Os governantes, tanto do estado como do município, nunca foram capazes de estabelecer uma política de ensino que motivasse e transformasse esse quadro desabonador.

afinsophoa 003 afinsophoa 004 afinsophoa 006 afinsophoa 009

Não é para menos. Além dos governantes não terem qualquer sentido de elevação do homem através da educação, que sempre fica na enunciação condicionante de suas perspectivas pessoais, os cargos de secretários de educação são sempre barganhados. Os secretários são escolhidos de acordo com suas posições de aderência aos interesses dos governos. É por isso que tanto no estado como no município secretários permaneceram anos após anos na função e o ensino público em disfunção. Os governantes acreditam e defendem que o secretário de educação é só para cumprir uma tarefa administrativo-financeira. Usar, às vezes, uma verba irrisória para manter algumas escolas parcamente em suas funções materiais. Uma triste qualidade onde o educando é afastado de sua condição de saber humanizado.

afinsophoa 011 afinsophoa 014 afinsophoa 016 afinsophoa 018 afinsophoa 010

No caso específico da Secretaria de Educação do Município, o primeiro secretário de educação do governo Arthur Neto, do partido da burguesia-ignara, PSDB, foi o deputado federal do DEM, Pauderney Avelino, que afirmou que professor gosta mesmo é música brega, cantada pelo finado Regilnaldo Rossi. Contratado para ‘animar’ a festa dos professores, em 15 de outubro do ano de 2012. Pauderney não é transpassado por qualquer signo ontológico da educação-pública. Mas mesmo assim foi indicado pelo prefeito de Manaus que prometeu surrar Lula.

Agora, o ‘novo’ secretário de educação é Humberto Michilles, que já foi deputado. Em reunião na segunda-feira, dia 17, com diretores de escola disse que agora a coisa vai mudar. Todos terão que trabalhar. Diretores e professores têm que trabalhar, quem faltar será punido. A vigilância vai ser rigorosa. E para completar a carraspana, nos diretores que ouviam tudo calados e temerosos, disse que eles estavam no sonho, mas que a partir daquele momento eles passariam a ter pesadelos. Um quadro edipiano/freudiano. Michilles, o pai-castrador e os diretores, os filhos-culpados temerosos.

afinsophoa 021 afinsophoa 022 afinsophoa 024 afinsophoa 027 afinsophoa 029 afinsophoa 031

Para validar e fortalecer sua posição-opiniática, ele reconheceu que o ensino fundamental das escolas de Manaus encontra-se nos últimos lugares no Brasil, mas que ele ia mudar o quadro nos próximos anos. Tudo dito com arrogância. Uma demonstração ‘sensível’ de seu engajamento educacional. E uma antecipação de que tudo vai ficar como se encontra ou piorar, visto que Michilles, como Pauderney, não têm qualquer corpo constitutivo necessário às ultrapassem do saber. Não é carregado por saberes e dizeres que criam variáveis em corpos imobilizados, como dizem os filósofos Deleuze e Guattari.

Uma realidade-miserável que impulsionou os profissionais da educação a irem à rua, no Dia Nacional de Paralisação promovida pela Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação. Foram mais de dois mil trabalhadores na educação como professores, merendeiras, pedagogos, administradores e outros profissionais da educação. Um número pequeno, mas mostrou que as chamadas autoridades não estão livres para fazerem o que bem querem com o ensino público e a categoria. Categoria que tem muitos trânsfugas que só defendem suas existências privadas e assim se cumpliciam com os inimigos da educação. São professores cujas sensibilidades e inteligências só compõem com a ‘elevação espiritual’ proferida pelo prefeito, o secretário e Reginaldo Rossi.

afinsophoa 034 afinsophoa 035 afinsophoa 036 afinsophoa 039 afinsophoa 040 afinsophoa 043 afinsophoa 046

Os profissionais da educação exigiram que fosse repassado 10% ao ensino nacionalmente, mais reajuste para categoria estadual de 20%, e auxílio alimentação e auxílio transporte. Sustentado por essas pautas, o professor-filósofo, Edmilson Lima, um militante que conhece os direitos democráticos da categoria, subiu ao carro-tribuna e proferiu um discurso mostrando a condição de desrespeito que hoje a categoria passa. O mesmo fez o professor, Vitor Cunha, que lembrou que até o dia de ontem, 18, a secretaria de educação não havia pago os 60% do Índice de Desenvolvimento da Educação Brasileira (IDEB), que os professores têm direito. E completou afirmando que a categoria iria recorrer ao Ministério Público para que o prefeito Arthur Neto, cumpra uma norma do ensino cuja verba é oriunda do governo federal. Já o professor-filósofo-ator, Marcos Ney, explanou com detalhes o que viu e ouviu na reunião-carraspana do secretário Michilles, com os calados diretores de escolas do município. A categoria não gostou nada.

afinsophoa 049 afinsophoa 050 afinsophoa 052 afinsophoa 054 afinsophoa 056

ADENDO SINTÉTICO DO ATO

Em Manaus mais de dois mil professores participaram do dia nacional de paralisação pela educação há muito tempo paralisada pela SEDUC e SEMED.

A concentração foi na Praça da Polícia às sete horas da manhã com presença da multidão de trabalhadores em educação.  O que mais impressionou tanto os profissionais como os transeuntes.

O itinerário da passeata foi pela Avenida Sete de Setembro e Avenida Eduardo Ribeiro, até chegar à Praça do Congresso.  Mobilização histórica que não ocorria faz muito tempo desde os tristes tempos dos desgovernos de Fernando Henrique, amigo do prefeito Arthur Neto.

O estímulo que levou os profissionais da educação para o ato foi a luta pela valorização dos profissionais da educação e reajuste salarial já; 10% do PIB para a educação; combate ao Assédio Moral feito pelos diretores das escolas e outros .

Outro assunto importante que foi abordado no ato foi a questão do dinheiro do IDEB que a prefeitura de Manaus não repassou aos professores. E o engraçado é que quem levou a culpa foi o gato da música que os professores cantaram: “onde está o dinheiro? O gato comeu e ninguém viu”.

Outra questão chamativa foi a ausência total do SINTEAM, Sindicato dos Professores no Amazonas, dirigido pelo PC do B/AM . Partido do secretário de estado, Eron Bezerra, e da senadora, Vanessa. Sendo que este evento tratou-se de um ato nacional promovido pelo CNTE (Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação) entidade liderada pelo PC do B nacional. O SINTEAM já está fora da luta dos trabalhadores há mais de dez anos. E o pior, sempre ao lado dos governantes (Amazonino, Braga, Omar).

Na verdade a paralisação contou com a organização da luta dos professores: unificação dos pequenos grupos como: ASPROM (Associação dos professores do Amazonas); Associação dos Professores de Luta do Amazonas; Movimento de Oposição; Unificar para Lutar. Mais que já seguem rachados, pois que uns são a favor da retomada do sindicato pelego e outros são a favor da criação de um novo sindicato.

Por outro lado, a SEMED e SEDUC reuniram todos os diretores das escolas para impedir que este movimento cresça utilizando como arma contra os professores o velho assédio moral e perseguição das lideranças do movimento.

Outro fato que ocorreu foi que apesar do ato ter tido a presença de mais de 2000 mil professores sofreu a sabotagem do coronelismo regional da imprensa local que impediu a divulgação do evento para a população.

A paralisação foi programada para três dias com a realização de pequenos atos  na frente das escolas.

COM PMDB OU SEM PMDB O GOVERNO FEDERAL QUER VOTAR HOJE O MARCO CIVIL DA INTERNET

http://www.redebrasilatual.com.br/politica/2014/03/votacao-do-marco-civil-da-internet-fica-para-a-proxima-semana-6323.html/camara1_jbatista_camara.jpg/image_preview

O governo federal encontra-se resoluto: não negocia a neutralidade da rede. Pode negociar ajustes, e só. Foi o que afirmou a ministra das Relações Institucionais, Ideli Salvatti. O que também foi endossada pelo ministro da Justiça, José Cardozo. A declaração foi dada após uma reunião que não contou com a participação daquele que tenta fazer chantagem contra o governo Dilma por interesse de grupo, deputado Eduardo Cunha, líder do PMDB na Câmara Federal. Para a ministra a votação do projeto do Marco Civil da Internet deve ocorrer hoje, dia 19.

Embora alguns acreditem, por ignorância, como é o caso de alguns membros do PMDB, inclusive seu líder Eduardo Cunha, o projeto do Marco Civil da Internet não é de criação do governo federal, mas sim da sociedade civil. É um projeto que passou por uma grande discussão com movimentos sociais, ONGs, entidades, e a sociedade civil organizada. Por tal, a posição contrária dos ignorantes coloca os mesmo em oposição aos interesses da sociedade. Sociedade composta por parte dos eleitores que os elegem. Uma leitura simples, mas fora do alcance da limitada inteligência democrática deles.

“Temos vários partidos que defendem não ter a obrigatoriedade dos datas centers no Brasil, mas temos uma questão que não abrimos mão que é a legislação brasileira sobre os dados produzidos no Brasil, que circulem pelo Brasil, ser garantida. Que quem atuar no Brasil tem que estar absolutamente submetido à legislação brasileira. Esta é uma questão inegociável”, disse Ideli Salvatti.

Por sua vez, o ministro Cardozo, afirmou também que o governo defende “com veemência a neutralidade”.

“A neutralidade é uma questão intocável, é um princípio que o governo defende com veemência e nenhum entendimento contrário pode haver em relação a essa questão. Acho possível que caminhemos para uma postura unitária da base, mas não posso afirmar isso”, disse Cardozo.

DILMA SE PRONUNCIA SOBRE A TRABALHADORA CLÁUDIA BALEADA POR POLICIAIS MILITARES (RJ) E ARRASTADA POR VIATURA PELAS RUAS DO RIO

A cena não tem como ser aceita por quem se toma civilizado. Policiais militares do Rio de Janeiro, no Morro da Congonhas, balearam a trabalhadora, Cláudia da Silva Ferreira, mãe de quatro filhos e responsável por sobrinhos e depois a arrastaram com a viatura por ruas do Rio de Janeiro. Os policias já têm processos por homicídios, mas nenhum foi condenado. Explicando porque atiraram em Cláudia, eles afirmaram que tomaram um susto ao esbarrarem nela que carregava um copo com leito. E a comunidade pergunta: Que policiais são esses que se assustam com um copo com leite e baleiam seu condutor?  

 Ao saber do ocorrido a presidenta Dilma Vana Rousseff, divulgou nota se posicionando solidariamente a família de Cláudia. Família agora reduzida assassinada que fora pelos policiais que atuam contra a liberdade dos cidadãos principalmente dos pobres e negros. Cláudia era negra.

“Cláudia da Silva Ferreira tinha quatro filhos, era casada havia 20 anos e acordava de madrugada para trabalhar em um hospital no Rio. A morte de Cláudia chocou o país. Nessa hora de tristeza e dor, presto a minha solidariedade à família e amigos de Cláudia”, solidarizou-se Dilma.

 


USAR O CONTROLE REMOTO É UM ATO DEMOCRÁTICO!

EXPERIMENTE CONTRA A TV GLOBO! Você sabe que um canal de televisão não é uma empresa privada. É uma concessão pública concedida pelo governo federal com tempo determinado de uso. Como meio de comunicação, em uma democracia, tem como compromisso estimular a educação, as artes e o entretenimento como seu conteúdo. O que o torna socialmente um serviço público e eticamente uma disciplina cívica. Sendo assim, é um forte instrumento de realização continua da democracia. Mas nem todo canal de televisão tem esse sentido democrático da comunicação. A TV Globo (TVG), por exemplo. Ela, além de manter um monopólio midiático no Brasil, e abocanhar a maior fatia da publicidade oficial, conspira perigosamente contra a democracia, principalmente, tentando atingir maleficamente os governos populares. Notadamente em seu JN. Isso tudo, amparada por uma grade de programação que é um verdadeiro atentado as faculdades sensorial e cognitiva dos telespectadores. Para quem duvida, basta apenas observar a sua maldição dos três Fs dominical: Futebol, Faustão e Fantástico. Um escravagismo-televisivo- depressivo que só é tratado com o controle remoto transfigurador. Se você conhece essa proposição-comunicacional desdobre-a com outros. Porque mudanças só ocorrem como potência coletiva, como disse o filósofo Spinoza.

Acesse esquizofia.wordpress.com

esquizofia.wordpress.com

CAMPANHA AFINADA CONTRA O

VIRTUALIZAÇÕES DESEJANTES DA AFIN

Este é um espaço virtual (virtus=potência) criado pela Associação Filosofia Itinerante, que atua desde 2001 na cidade de Manaus-Am, e, a partir da Inteligência Coletiva das pessoas e dos dizeres de filósofos como Epicuro, Lucrécio, Spinoza, Marx, Nietzsche, Bergson, Félix Guattari, Gilles Deleuze, Clément Rosset, Michael Hardt, Antônio Negri..., agencia trabalhos filosóficos-políticos- estéticos na tentativa de uma construção prática de cidadania e da realização da potência ativa dos corpos no mundo. Agora, com este blog, lança uma alternativa de encontro para discussões sociais, éticas, educacionais e outros temas que dizem respeito à comunidade de Manaus e outros espaços por onde passa em movimento intensivo o cometa errante da AFIN.

"Um filósofo: é um homem que experimenta, vê, ouve, suspeita, espera e sonha constantemente coisas extraordinárias; que é atingido pelos próprios pensamentos como se eles viessem de fora, de cima e de baixo, como por uma espécie de acontecimentos e de faíscas de que só ele pode ser alvo; que é talvez, ele próprio, uma trovoada prenhe de relâmpagos novos; um homem fatal, em torno do qual sempre ribomba e rola e rebenta e se passam coisas inquietantes” (Friedrich Nietzsche).

Daí que um filósofo não é necessariamente alguém que cursou uma faculdade de filosofia. Pode até ser. Mas um filósofo é alguém que em seus percursos carrega devires alegres que aumentam a potência democrática de agir.

_________________________________

BLOG PÚBLICO

Propaganda Gratuita

Você que quer comprar entre outros produtos terçado, prego, enxada, faca, sandália, correia, pé de cabra ou bola de caititu vá na CASA UYRAPURU, onde os preços são um chuchu. Rua Barão de São Domingos, nº30, Centro, Tel 3658-6169

Pão Quente e Outras Guloseimas no caminho do Tancredo.
PANIFICADORA SERPAN (Rua José Romão, 139 - Tancredo Neves - Fone: 92-8159-5830)

Fique Frio! Sabor e Refrescância!
DEGUST GULA (Avenida Bispo Pedro Massa, Cidade Nova, núcleo 5, na Rua ao lado do DB CIdade Nova.Todos os dias).

O Almoço em Família.
BAR DA NAZA OU CASA DA VAL (Comendador Clementino, próximo à Japurá, de Segunda a Sábado).

Num Passo de Mágica: transforme seu sapato velho em um lindo sapato novo!
SAPATEIRO CÂNDIDO (Calçada da Comendador Clementino, próximo ao Grupo Escolar Ribeiro da Cunha).

A Confluência das Torcidas!
CHURRASQUINHO DO LUÍS TUCUNARÉ (Japurá, entre a Silva Ramos e a Comendador Clementino).

Só o Peixe Sabe se é Novo e do Rio que Saiu. Confira esta voz na...
BARRACA DO LEGUELÉ (na Feira móvel da Prefeitura)

Preocupado com o desempenho, a memória e a inteligência? Tu és? Toma o guaraná que não é lenda. O natural de Maués!
LIGA PRA MADALENA!!! (0 XX 92 3542-1482)

Decepcionado com seus desenganos? Ponha fé nos seus planos! Fale com:
PAI GEOVANO DE OXAGUIÃ (Rua Belforroxo, S/N - Jorge Teixeira IV) (3682-5727 / 9154-5877).

Quem tem fé naõ é um qualquer! Consultas::
PAI JOEL DE OGUM (9155-3632 ou paijoeldeogum@yahoo.com.br).

Belém tá no teu plano? Então liga pro Germano!
GERMANO MAGHELA - TAXISTA - ÁGUIA RADIOTAXI - (91-8151-1464 ou 0800 280 1999).

E você que gostaria de divulgar aqui seu evento, comércio, terreiro, time de futebol, procurar namorado(a), receita de comida, telefone de contato, animal encontrado, convites diversos, marocagens, contacte: afinsophiaitin@yahoo.com.br

Outras Comunalidades

   

Categorias

Arquivos

Blog Stats

  • 4.241.960 hits

Páginas

Arquivos