Arquivo para 23 de março de 2014

MARCHA DA FAMÍLIA DEU CHABU GERAL AFIRMANDO QUE A DEMOCRACIA É A ESSÊNCIA POLÍTICA

https://i0.wp.com/www.redebrasilatual.com.br/politica/2014/03/repudio-ao-fascismo-e-apelos-golpistas-se-contrapoem-em-dia-de-marchas-9900.html/marcha-1.jpg-6337.html/@@images/ff4d90c3-1897-41ae-80d7-d2b59cff62e4.jpeg

As direitas programaram durante meses uma gigantesca Marcha da Família com Deus pela liberdade do Brasil. Se ligaram pelo Facebook – nicho onde a comunicação chega ao grau zero – prometendo uma grande revolução que iria reeditar a Marcha Com Deus e a Família ocorrida no dia 19 de março, em São Paulo, dias antes do golpe militar que esse ano completa 50 anos. Um golpe financiado pelos Estados Unidos, militares, latifundiários e empresários, principalmente da Federação das Indústrias de São Paulo (Fiesp).O objetivo era depor o presidente João Goulart, como realmente ocorreu. O dia da grande marcha revolucionária seria o 22 de março.https://i1.wp.com/www.redebrasilatual.com.br/politica/2014/03/repudio-ao-fascismo-e-apelos-golpistas-se-contrapoem-em-dia-de-marchas-9900.html/marcha-5.jpg-7493.html/@@images/0dc143cd-e39f-46fd-9961-22d8389891ee.jpeg

Chegou o tal esperado dia. O dia em que o Brasil ia proporcionar uma guinada de 360 graus retroativa.  Volta para o ano de 1964. Munidos de suas bandeiras de luta lá foram os familiares-revolucionários.

Pautas dos revolucionários.

  • Intervenção Já!
  • Volta dos militares ao poder.
  • Novo presidente, general Heleno Pereira.
  • Contra o Marco Civil da Internet.
  • Contra a corrupção.
  • Contra todos esquerdistas comunistas.
  • Contra a ditadura gay.
  • Contra a infiltração dos black blocks.

A Marcha da Família em Belo Horizonte – A marcha partiria da frente da 4ª Companhia de Polícia do Exército, na Rua Juiz de Fora, no Santo Agostinho, região centro-sul de belo Horizonte. Um dos responsáveis pela transformação histórica, Túlio Naves Batista, pediu até autorização do Comando da Polícia Militar para a marcha usar algumas vias públicas. O tempo começou a rolar e um cheiro de chabu no ar. Resultado: compareceram somente 50 revolucionários.https://i1.wp.com/www.redebrasilatual.com.br/politica/2014/03/repudio-ao-fascismo-e-apelos-golpistas-se-contrapoem-em-dia-de-marchas-9900.html/marcha-6.jpg-7315.html/@@images/3ec99c69-7d61-4647-afd8-7de5cb9af591.jpeg

A Marcha da Família no Rio de Janeiro – No Rio o número de revolucionários-familiares foi maior: 150. Marcharam na Candelária à Cinelândia, depois foram contar o rescaldo da revolução. Revolução dia de sábado depois de uma sexta-feira festiva.

A Marcha da Família em São Paulo – Em São Paulo a reunião dos familiares-revolucionários foi na Praça da República. A adesão foi mínima. Um pouco maior que em Belo Horizonte. 500 revolucionários-familiares.https://i0.wp.com/www.redebrasilatual.com.br/politica/2014/03/repudio-ao-fascismo-e-apelos-golpistas-se-contrapoem-em-dia-de-marchas-9900.html/contraponto.jpg-759.html/@@images/ff3148ff-e925-4f28-a559-ab288c49c8d3.jpeg

Frustração geral dos organizadores. Dois motivos para a frustração geral. Não perguntaram se outras famílias brasileiras cultuam o passado, e não sabem que o pensamento de Deus também evolui. Mas a tentativa não foi de toda fracassada. Ficou a aprendizagem de que não se faz revolução através de Facebook. Esse tipo de ilusão-comunicacional é pura abstração. Escapa da experiência imediata da realidade dialeticamente entre o sujeito-cognoscente e o objeto-cognoscível. O que faz o mudo ser mutante.

Da lógica da aderência familiar-revolucionáriaA aderência nas marchas deu menos participantes do que o número de brincantes da “Bandinha do Outro Lado”, bloco infantil da Associação Filosofia Itinerante (Afin).

Dilma enfrenta o “blocão” e os boatos

A presidenta encarou a mais forte crise provocada por um partido da própria base política, o PMDB. Não foi um confronto qualquer

por Mauricio Dias

http://www.cartacapital.com.br/revista/792/dilma-enfrenta-o-201cblocao201d-e-os-boatos-4676.html/dilma/image_previewDilma enfrentou e superou a mais forte crise provocada por um partido da própria base política. Não foi um confronto qualquer. Ela bateu-se com o PMDB, o maior e mais influente aliado da base de apoio governista no Congresso. Falou-se até mesmo, para susto nos mais ingênuos, em rompimento da aliança.

A presidenta pagou um preço pela pacificação. Principalmente aos deputados. Relutante, como de outras vezes, entregou um naco da administração, liberou verbas parlamentares e recuou em alguns pontos para resgatar a votação do Marco Civil da Internet. Tudo isso e algo mais, dentro das distorcidas regras das alianças políticas e do inchaço de uma administração com 39 ministérios. Assim diluiu gradualmente o chamado “blocão” de governistas e oposicionistas. Por onde passou um boi passou, em seguida, toda a boiada.

Alguns fanáticos da base governista chegaram a acreditar que muito mais gente, além deles próprios, romperia com a presidenta. Blefe. Quem desafiaria até o fim uma candidata que tem enorme chance de se reeleger?

Tentaram alguns golpes baixos. Não terá sido por coincidência a simultaneidade do grande debate no Congresso na quarta-feira 19, sobre a compra, pela Petrobras, da refinaria de Pasadena (EUA) com o boato de que a pesquisa Ibope, a ser divulgada no dia seguinte, apontava uma queda de 8 pontos nas intenções de voto para ela. Houve quem ganhou dinheiro com isso. Era especulação do mercado.

O Ibope trouxe o resultado: Dilma 43%, Aécio 15%, Eduardo Campos 7%.

Nada diferente das sondagens anteriores de quatro institutos (tabela). Todas indicam que, se Dilma ainda não pode se dizer reeleita, os adversários estão em maior dificuldade. Aécio e Eduardo tentam criar condições para um deles travar a batalha de segundo turno. As pesquisas são de datas diferentes, mas não distantes.

Os porcentuais mostrados, quando traduzidos em votos válidos, assustam mais os opositores. O número de votos brancos e nulos varia em torno de 24%. Um porcentual bem próximo dos resultados do primeiro e do segundo turno nas eleições de 2002 (Lula e Serra), 2006 (Lula e Alckmin) e 2010 (Dilma e Serra).

Dilma Rousseff chega, seis meses antes da eleição, com uma supremacia de votos arrasadora sobre Aécio Neves e Eduardo Campos. Se a eleição fosse hoje, ela se reelegeria no primeiro turno, com mais de 60% dos votos válidos. Aécio Neves e Eduardo Campos teriam, no melhor cenário, 25% e 12%, respectivamente. Juntos, alcançariam 37% dos votos.

Imbatível a presidenta não é. Na perspectiva de hoje, ela tem, entretanto, mais possibilidade de se reeleger do que de perder a eleição.

Além das virtudes pessoais, carrega com o cargo os vícios de regras eleitorais que favorecem a quem está no poder. Exemplo: a presidenta, pela atração dos partidos pelo poder, terá um tempo de 13 minutos no rádio e na tevê. Aécio Neves terá pouco mais de 3 minutos e Eduardo Campos, em torno de 2 minutos.

É bom lembrar que a reeleição no Brasil foi inventada no governo FHC, para evitar a chegada de Lula ao poder. Retardou, mas não evitou.


USAR O CONTROLE REMOTO É UM ATO DEMOCRÁTICO!

EXPERIMENTE CONTRA A TV GLOBO! Você sabe que um canal de televisão não é uma empresa privada. É uma concessão pública concedida pelo governo federal com tempo determinado de uso. Como meio de comunicação, em uma democracia, tem como compromisso estimular a educação, as artes e o entretenimento como seu conteúdo. O que o torna socialmente um serviço público e eticamente uma disciplina cívica. Sendo assim, é um forte instrumento de realização continua da democracia. Mas nem todo canal de televisão tem esse sentido democrático da comunicação. A TV Globo (TVG), por exemplo. Ela, além de manter um monopólio midiático no Brasil, e abocanhar a maior fatia da publicidade oficial, conspira perigosamente contra a democracia, principalmente, tentando atingir maleficamente os governos populares. Notadamente em seu JN. Isso tudo, amparada por uma grade de programação que é um verdadeiro atentado as faculdades sensorial e cognitiva dos telespectadores. Para quem duvida, basta apenas observar a sua maldição dos três Fs dominical: Futebol, Faustão e Fantástico. Um escravagismo-televisivo- depressivo que só é tratado com o controle remoto transfigurador. Se você conhece essa proposição-comunicacional desdobre-a com outros. Porque mudanças só ocorrem como potência coletiva, como disse o filósofo Spinoza.

Acesse esquizofia.wordpress.com

esquizofia.wordpress.com

CAMPANHA AFINADA CONTRA O

VIRTUALIZAÇÕES DESEJANTES DA AFIN

Este é um espaço virtual (virtus=potência) criado pela Associação Filosofia Itinerante, que atua desde 2001 na cidade de Manaus-Am, e, a partir da Inteligência Coletiva das pessoas e dos dizeres de filósofos como Epicuro, Lucrécio, Spinoza, Marx, Nietzsche, Bergson, Félix Guattari, Gilles Deleuze, Clément Rosset, Michael Hardt, Antônio Negri..., agencia trabalhos filosóficos-políticos- estéticos na tentativa de uma construção prática de cidadania e da realização da potência ativa dos corpos no mundo. Agora, com este blog, lança uma alternativa de encontro para discussões sociais, éticas, educacionais e outros temas que dizem respeito à comunidade de Manaus e outros espaços por onde passa em movimento intensivo o cometa errante da AFIN.

"Um filósofo: é um homem que experimenta, vê, ouve, suspeita, espera e sonha constantemente coisas extraordinárias; que é atingido pelos próprios pensamentos como se eles viessem de fora, de cima e de baixo, como por uma espécie de acontecimentos e de faíscas de que só ele pode ser alvo; que é talvez, ele próprio, uma trovoada prenhe de relâmpagos novos; um homem fatal, em torno do qual sempre ribomba e rola e rebenta e se passam coisas inquietantes” (Friedrich Nietzsche).

Daí que um filósofo não é necessariamente alguém que cursou uma faculdade de filosofia. Pode até ser. Mas um filósofo é alguém que em seus percursos carrega devires alegres que aumentam a potência democrática de agir.

_________________________________

BLOG PÚBLICO

Propaganda Gratuita

Você que quer comprar entre outros produtos terçado, prego, enxada, faca, sandália, correia, pé de cabra ou bola de caititu vá na CASA UYRAPURU, onde os preços são um chuchu. Rua Barão de São Domingos, nº30, Centro, Tel 3658-6169

Pão Quente e Outras Guloseimas no caminho do Tancredo.
PANIFICADORA SERPAN (Rua José Romão, 139 - Tancredo Neves - Fone: 92-8159-5830)

Fique Frio! Sabor e Refrescância!
DEGUST GULA (Avenida Bispo Pedro Massa, Cidade Nova, núcleo 5, na Rua ao lado do DB CIdade Nova.Todos os dias).

O Almoço em Família.
BAR DA NAZA OU CASA DA VAL (Comendador Clementino, próximo à Japurá, de Segunda a Sábado).

Num Passo de Mágica: transforme seu sapato velho em um lindo sapato novo!
SAPATEIRO CÂNDIDO (Calçada da Comendador Clementino, próximo ao Grupo Escolar Ribeiro da Cunha).

A Confluência das Torcidas!
CHURRASQUINHO DO LUÍS TUCUNARÉ (Japurá, entre a Silva Ramos e a Comendador Clementino).

Só o Peixe Sabe se é Novo e do Rio que Saiu. Confira esta voz na...
BARRACA DO LEGUELÉ (na Feira móvel da Prefeitura)

Preocupado com o desempenho, a memória e a inteligência? Tu és? Toma o guaraná que não é lenda. O natural de Maués!
LIGA PRA MADALENA!!! (0 XX 92 3542-1482)

Decepcionado com seus desenganos? Ponha fé nos seus planos! Fale com:
PAI GEOVANO DE OXAGUIÃ (Rua Belforroxo, S/N - Jorge Teixeira IV) (3682-5727 / 9154-5877).

Quem tem fé naõ é um qualquer! Consultas::
PAI JOEL DE OGUM (9155-3632 ou paijoeldeogum@yahoo.com.br).

Belém tá no teu plano? Então liga pro Germano!
GERMANO MAGHELA - TAXISTA - ÁGUIA RADIOTAXI - (91-8151-1464 ou 0800 280 1999).

E você que gostaria de divulgar aqui seu evento, comércio, terreiro, time de futebol, procurar namorado(a), receita de comida, telefone de contato, animal encontrado, convites diversos, marocagens, contacte: afinsophiaitin@yahoo.com.br

Outras Comunalidades

   

Categorias

Arquivos

Blog Stats

  • 4.242.024 hits

Páginas

Arquivos