Arquivo para 15 de setembro de 2014

OBSERVANDO O PERSONAGEM-VÍTIMA QUE MARINA SIMULA, DILMA, DISSE: “NÃO ATACO, DIVIRJO. É DA DEMOCRACIA”

A simulação apresentada pela candidata Marina, nos últimos dias, como vítima de ataques da candidata Dilma, e propagada pela mídia antinacionalista, como a asquerosa revista Veja e similares, e que levou a candidata à um fingido chorou, chegou ao ponto do grotesco. Agora, o choro de Marina já é debochado até por personagens que lhes são próximos.

Como a presidenta Dilma Vana Rousseff, candidata a reeleição, é uma pessoa que usa a razão para proferir suas ideias, e não se deixa impulsionar pela compulsão histérica, o choro e simulação de Marina não lhe tocaram, visto que a democracia é um regime racional saído da composição das potências dos homens e mulheres.

Por encontra-se nesse grau de conhecimento Dilma, afirmou que não ataca seus adversários, só diverge de suas posições. Uma analise clara do que é participar da disputa de uma eleição. Ela, como milhões de brasileiros, toma o que Marina defende e, muitas vezes, contradiz, analisa e passa para os eleitores. O que é óbvio para uma campanha. Como Marina é uma candidata impulsionada por seus interesses pessoas, por isso se alia com que há de mais reacionário na sociedade brasileira, ela usa todos os recursos que sua inteligência calculista lhe oferece. Agora, como a moda de chorar. O que até levou Lula a dizer: “Não chore por mim, Marina”.

“Acho que a campanha tem que ser de alto nível. Considero alto nível discutir proposta. Ninguém pode se dá por satisfeito por não discutir proposta. Não tenho atacado, eu divirjo. Isso é democracia. Uma eleição é onde se debate.

Tive um momento de indignação quando a candidata  se referiu ao que foi feito pelo PT na Petrobrás em 12 anos. Primeiro que ela foi do PT por 27 anos. Dos 12, ela esteve no ministério ou na bancada do partido em 8 anos. Houve um ataque que não foi um ataque político. Não tenho nenhum problema em discutir o que está no programa da candidata. Não cabe à gente se vitimizar. Enquanto o debate for político e não disser respeito à honra e as características pessoais de ninguém, que se dê o debate e falem de projeto, que é da democracia.

O candidato deve saber suportar as críticas e segurar a barra. Se você não tiver coluna vertebral, não aguenta. Não tem coitadinho na presidência. Se for coitadinho, não aguenta. A vida é dura”, analisou Dilma.

LEONARDO BOFF E AS MINISTRAS DO MEIO AMBIENTE E COMBATE À FOME SE REUNIRAM COM SOCIOAMBIENTALISTAS

O respeitado e conhecido teólogo e filósofo Leonardo Boff e as ministras do Meio Ambiente, Izabella Teixeira e Tereza Campelo, do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, se reuniram com os socioambientalistas no Eixão de Brasília, para tratar do tema referente à política ambiental.

Leonardo Boff, que tem obras escritas sobre ética e natureza, disse que o meio ambiente necessita ser preservado para que a sociedade tenha uma vida com qualidade. E par isso, é preciso mudar a visão e o entendimento antropocentrista que afirma que a natureza é para satisfazer estritamente o homem. Em sua crítica a sociedade predadora, Leonardo Boff chamou a atenção para o uso exacerbado do termo “recurso” em relação ao meio ambiente. Para ele, esse termo é exclusivamente capitalista.

Observando a candidata Marina, que representa claramente o capital financeiro, Leonardo Boff disse que ela adotou como base de seu programa o modelo neoliberal que dificulta a criação e desenvolvimento de políticas públicas. E novamente afirmou que vota em Dilma pela causa que abraçou em relação aos pobres. E a prova exemplar foi retirada de milhões de pessoas da faixa de miséria. Ele também comentou sobre o os adversários dos governos populares afirma sobre o Bolsa Família.

“É mentira dizer que o Bolsa Família é esmola. O Bolsa Família é humanitarismo em grau zero. ´E compaixão”, afirmou Leonardo Boff.

Para a ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, o governo federal realizou uma política ambiental racional que sempre fora preterida pelos governos passados, mas que agora querem se apropriar das soluções encontradas.

“O governo Dilma olha para o sócioambiental procurando soluções que sejam inclusivas, como por exemplo, o Código Florestal. Durante anos as pessoas adiara a solução. Quem tinha condições de decidir não decidiu deixando 90% dos agricultores familiares na ilegalidade. Na hora em que nós construímos as soluções todos agora querem se apropriar.

Então, o diferencial do governo da presidenta Dilma é o fato de ser um governo em busca de soluções. A área ambiental tem uma envergadura que não tinha no passado”, analisou a ministra Izabella Teixeira.

Já para a ministra do Desenvolvimento e Combate à Fome, Tereza Campello, um dos grandes méritos do governo Dilma foi associar o social com o ambiental.

“As pessoas mais pobres sofrem mais com o processo de devastação do planeta e a presidenta Dilma enfrentou essa questão ao criar o Bolsa Verde e tirar as pessoas da pobreza.

O novo na política é o que nós construímos: é ter o pobre no orçamento. Por isso, vamos eleger Dilma em outubro”, afirmou a ministra Tereza Campello.

Festa do Preto (Nêgo) Velho (Véio) Pai Joaquim no Terreiro de Pai Tota

No Terreiro de Pai Tota, festeja-se para saudar Pai Joaquim, afim de agradecer suas mirongas, suas mandingas ,e seus feitiços tanto de Umbanda como de Quimbanda.

umbanda

Os Pretos Velhos, tão sofredores no passado, tanto iluminados no presente, e mais ainda no futuro. Têm grande sabedoria, grandes curas, de poderosos feitiços, para fazerem o bem. Eles vieram escravos da África, e foram nominados de acordo com sua região de onde vieram: de Angola, do Congo, da Costa, etc.Eles têm a bênção de Santo Antônio, por causa da grande humildade que possuem.

umbanda1

A linha de Pretos Velhos na Umbanda é regida pelo mistério do ancião ,na força do Orixá Obaluayê,que é o Orixá sustentador da evolução,transmutação e transformação dos seres.Mas também podem se apresentar dentro de outras linhas de Orixás.

umbanda2

 

E as orações foram feitas… “O querido e amado mestre Oxalá senhor do princípio e do fim, senhor de tudo e de todos peço a vossa licença para invocar as vossas falanges”.

umbanda4

E os pontos de proteção espiritual, de chamada de saudação e afirmação foram tomando conta do terreiro.

umbanda5

Jesus e Maria, São João e São José

São Pedro abriu o Ceú                      

Para aqueles que têm fé

umbanda6

umbanda7

Ó, São Miguel Arcanjo

Por Deus se sois quem é

Rogai ao nosso Pai

Para aumentar a nossa fé.

umbanda8

Como é lindo o canto

Dos Pretos Velhos.

Ai meus Pretos Velhos

Ai meus Pretos Velhos

umbanda9

O canto é lindo

E de Humildade,

Arrastando os pés no chão

Eles vão prestando a caridade

umbanda10Lá na Costa da África

Lá no Reino de Angola

Lá no Congo,

Eu estou chamando!

Este povo descer.

Estou chamando

O povo D’Angola, d’Costa do Congo

Estou chamado

Neste Gongá

Todo Preto Velho!

umbanda11Estou chamando

O povo D’Angola, D’costa do Congo

Estou chamado

Neste Gongá

Todo Preto Velho!

umbanda12 

Está iluminado o meu Terreiro

Está cheio de flores o meu Gongá

Meu Pai Joaquim!

E tudo que eu faço

Meu Pai Joaquim

Alumeia os caminhos

Por onde eu passo

umbanda13 umbanda14

Salve Pretos Velhos!Alabé!

Salve Pretos Velhos!Alabé!

Saravá Pretos Velhos!

Saravá Pretos Velhos!

umbanda15 umbanda16

Pomba Gira Maria Padilha foi chegando ao Gongá,

umbanda17 umbanda18Com sua alegria, festejar a humildade, sabedoria, paciência e perseverança dos Pretos Velhos.

umbanda19 umbanda20 umbanda21 umbanda22

Pai Tota a recebeu, pois ela também tem o poder de abrir e fechar caminhos…

umbanda23 umbanda24 umbanda25Quando baixa no Terreiro é muito dançante…

umbanda26e alegre…

umbanda27Deixando o caminho aberto para as benção, levar os males e trazer de Aruanda, o festejado Pai Joaquim.

umbanda28Vai os males pela porta deixar!

Vai os males pela porta deixar!

umbanda29 umbanda30E pedimos as bênçãos das falanges de Aruanda!

Para nos abençoar!

Para nos abençoar!

umbanda31Preto Velho…

Quando chega ao Terreiro!

Preto Velho…

Quando chega ao Terreiro!

umbanda32 umbanda33Preto Velho…

Se esquece do Cativeiro

Preto Velho…

Se esquece do Cativeiro

umbanda34 umbanda35Pai Joaquim á,á,á!

Pai Joaquim á,á,á!

umbanda36 umbanda37Tem preto velho na Calunga

Filhos das Santas Almas

Vamos todos Saravá!

umbanda38Pai Tota chamou Pai Joaquim

umbanda39Com seus Filhos e Filhas para Saudar a sua chegada

umbanda40 umbanda41Oi, Salve Deus,

Salve Pai Joaquim!

Salve Pai Joaquim!

Que ele chegou!

Que ele chegou!

umbanda42 umbanda43Pai Joaquim é espírito,

Não tem sexo nem tem cor,

Pai Joaquim é preto velho

Com a fé de Nosso Senhor.

umbanda44E na esteira de palha ,os convidados foram chamados a se deliciarem com a s comidas de Preto Velho…

umbanda45 umbanda46Êêêê Êêê

Eu venho Saravá

umbanda47 umbanda48

Êêêê Êêê

Eu venho Saravá

umbanda49Êêêê Êêê

Os seus filhos abençoar

Êêêê Êêê

Os seus filhos abençoar

umbanda50Louvado seja o Terreiro de Pai Tota!

Louvado seja Pai Joaquim!

Louvado seja todos os Pretos Velhos!

Saravá!Saravá!

Uma oração contra Dilma Rousseff

A oposição a Dilma Rousseff costuma erguer as mãos para o céu e implorar com furiosa ansiedade: O escândalo nosso de cada semana, dái-nos hoje.

Eric Nepomuceno

A oposição a Dilma Rousseff – e à sua possível reeleição – costuma erguer as mãos para o céu e implorar com furiosa ansiedade: ‘O escândalo nosso de cada semana/ dái-nos hoje’. O neoliberal travestido de social-democrata Aécio Neves e seus aliados fazem isso, da mesma forma que a dublê de evangélica radical e ambientalista fundamentalista travestida de novidade, Marina Silva, e seus aliados de ocasião. E, acima de tudo, fazem isso os que integram o principal núcleo de oposição, os grandes conglomerados de comunicação e seus infindáveis colunistas, sempre aptos a prever catástrofes e ignorar os fatos.

Pois nesses dias a resposta a essa oração permanente veio com força descomunal: Paulo Roberto Costa, que durante oito anos foi um dos diretores da Petrobras – um posto ambicionado, com mais força que a maioria dos ministérios –, resolveu falar. Com a celeridade que jamais tiveram para denunciar escândalos que envolvem tucanos e outras aves de mau agouro, jornais e revistas trataram e tratam de vincular Dilma a esse novo e suculento escândalo. Pois bem: se houve, e tudo indica que sim, roubalheira desembestada, que se denuncie, se apure e se julgue. Mas todos. Todos. E se ninguém, em sã consciência, pode – por dever moral básico – tentar vincular Fernando Henrique Cardoso, cuja honestidade pessoal jamais foi posta em dúvida, aos escândalos da mesma Petrobras em seus tempos de presidente, que deixem Dilma Rousseff de lado.

Há aspectos criticáveis, em sua gestão, em quantidade suficiente. Não é preciso inventar outros.

A questão, na verdade, é outra: é como derrotá-la. Até o acidente que ceifou a vida de Eduardo Campos, o quadro parecia bastante claro. O próprio Campos não tinha viabilidade alguma, e só fazia preparar caminho para uma nova candidatura em 2018. Quanto a Aécio Neves, seu único destino concreto era o de aglutinar, ao redor de sua figura plastificada, o voto conservador por tradição. E então aconteceu a fatalidade, e surgiu, impoluta, a figura messiânica de Marina Silva, pronta a pronunciar a palavra redentora, que nos redimirá de todos os males para sempre, amém.

Triste falácia. O tal elemento novo tem a consistência de uma gema de ovo frito. É um caso evidente e palpável de onda com muita espuma e pouquíssima água. Esse amontoado industrial de incoerências e contradições extremas cai, como luva em mão de donzela, na gaveta das conveniências ansiadamente cultuadas pela oposição a tudo que foi feito no Brasil ao longo dos últimos doze anos. Ela irá nos redimir. De quê? Não importa. O importante é tirar Dilma do poder. O resto será o resto.

Claro que todos os nomes denunciados por Paulo Roberto Costa são ou foram aliados do governo de Lula e de Dilma. Todos são conhecidos por sua má ou péssima reputação. Mas convém recordar, de maneira clara, que no atual sistema político brasileiro, nem Dilma nem nenhum outro presidente conseguiria governar sem chegar a acordos com o setor mais putrefato do Congresso. Essa é a realidade que precisa ser mudada, e ninguém parece recordar.

Marina Silva, que jamais consegui entender se é candidata a presidente ou a santa, promete manter os programas sociais instaurados por Lula e reforçados por Dilma. E, ao mesmo tempo, anuncia que aplicará uma política econômica essencialmente neoliberal. Nem na mais alucinada viagem lisérgica, e nem que a economia brasileira crescesse em velocidades chinesas, isso seria possível. Mas alguém se importa com, por exemplo, esses detalhes aparecidos na alucinada cachoeira de contradições ambulantes que perambula por aí distribuindo platitudes?

Com muita razão, Lula da Silva, com sua intocada intuição, comentou com interlocutores próximos, há alguns dias, que o segundo turno já começou, e será longuíssimo.

O playboy mineiro, com roupas da zona sul do Rio de Janeiro e sotaque caprichado, que começa a ser oportunista a partir do próprio sobrenome verdadeiro – que é Cunha, e não Neves –, está relegado ao escanteio do desconforto, de onde não sairá tão cedo.

Restam, então, dois nomes, na que já se consolida como a mais disputada eleição presidencial desde a redemocratização. E tanto a direita deslavada quanto a direita envergonhada têm, finalmente, uma candidatura forte: Marina Silva, com seus ares messiânicos, seus discursos incompreensíveis e suas exigências esdrúxulas, que vão do sal vermelho da Malásia à água mineral importada (sim, sim, debaixo daquela simplicidade toda existe um autoritarismo radical, e existem exigências que seriam perfeitamente aceitáveis em qualquer cidadão, desde que, claro, possam pagar por elas, menos naqueles que se querem santos espartanos e intocáveis).

A questão, na verdade, é bem mais simples: consiste em decidir a favor dos que se satisfazem com qualquer sal, desde que tenham emprego, casa e comida, ou dos que exigem, devidamente abrigados pelos trapos da pobreza espartana, o tal sal vermelho da Malásia.

Falta muito a ser feito neste país. Basta recordar o que era reclamado no início das multitudinárias manifestações populares de pouco mais de um ano atrás. Falta saúde, falta educação, falta transporte. Falta que o Estado deixe de ser tão paquidérmico e caminhe. Da porta da casa para dentro, a vida de dezenas de milhões de brasileiros melhorou, e muito. Da porta da casa para fora, não melhorou nada. O que foi feito até agora tornou-se pouco. E é isso que precisa ser conquistado. Com coerência e rigor, não propriamente com orações falazes.


USAR O CONTROLE REMOTO É UM ATO DEMOCRÁTICO!

EXPERIMENTE CONTRA A TV GLOBO! Você sabe que um canal de televisão não é uma empresa privada. É uma concessão pública concedida pelo governo federal com tempo determinado de uso. Como meio de comunicação, em uma democracia, tem como compromisso estimular a educação, as artes e o entretenimento como seu conteúdo. O que o torna socialmente um serviço público e eticamente uma disciplina cívica. Sendo assim, é um forte instrumento de realização continua da democracia. Mas nem todo canal de televisão tem esse sentido democrático da comunicação. A TV Globo (TVG), por exemplo. Ela, além de manter um monopólio midiático no Brasil, e abocanhar a maior fatia da publicidade oficial, conspira perigosamente contra a democracia, principalmente, tentando atingir maleficamente os governos populares. Notadamente em seu JN. Isso tudo, amparada por uma grade de programação que é um verdadeiro atentado as faculdades sensorial e cognitiva dos telespectadores. Para quem duvida, basta apenas observar a sua maldição dos três Fs dominical: Futebol, Faustão e Fantástico. Um escravagismo-televisivo- depressivo que só é tratado com o controle remoto transfigurador. Se você conhece essa proposição-comunicacional desdobre-a com outros. Porque mudanças só ocorrem como potência coletiva, como disse o filósofo Spinoza.

Acesse esquizofia.wordpress.com

esquizofia.wordpress.com

CAMPANHA AFINADA CONTRA O

VIRTUALIZAÇÕES DESEJANTES DA AFIN

Este é um espaço virtual (virtus=potência) criado pela Associação Filosofia Itinerante, que atua desde 2001 na cidade de Manaus-Am, e, a partir da Inteligência Coletiva das pessoas e dos dizeres de filósofos como Epicuro, Lucrécio, Spinoza, Marx, Nietzsche, Bergson, Félix Guattari, Gilles Deleuze, Clément Rosset, Michael Hardt, Antônio Negri..., agencia trabalhos filosóficos-políticos- estéticos na tentativa de uma construção prática de cidadania e da realização da potência ativa dos corpos no mundo. Agora, com este blog, lança uma alternativa de encontro para discussões sociais, éticas, educacionais e outros temas que dizem respeito à comunidade de Manaus e outros espaços por onde passa em movimento intensivo o cometa errante da AFIN.

"Um filósofo: é um homem que experimenta, vê, ouve, suspeita, espera e sonha constantemente coisas extraordinárias; que é atingido pelos próprios pensamentos como se eles viessem de fora, de cima e de baixo, como por uma espécie de acontecimentos e de faíscas de que só ele pode ser alvo; que é talvez, ele próprio, uma trovoada prenhe de relâmpagos novos; um homem fatal, em torno do qual sempre ribomba e rola e rebenta e se passam coisas inquietantes” (Friedrich Nietzsche).

Daí que um filósofo não é necessariamente alguém que cursou uma faculdade de filosofia. Pode até ser. Mas um filósofo é alguém que em seus percursos carrega devires alegres que aumentam a potência democrática de agir.

_________________________________

BLOG PÚBLICO

Propaganda Gratuita

Você que quer comprar entre outros produtos terçado, prego, enxada, faca, sandália, correia, pé de cabra ou bola de caititu vá na CASA UYRAPURU, onde os preços são um chuchu. Rua Barão de São Domingos, nº30, Centro, Tel 3658-6169

Pão Quente e Outras Guloseimas no caminho do Tancredo.
PANIFICADORA SERPAN (Rua José Romão, 139 - Tancredo Neves - Fone: 92-8159-5830)

Fique Frio! Sabor e Refrescância!
DEGUST GULA (Avenida Bispo Pedro Massa, Cidade Nova, núcleo 5, na Rua ao lado do DB CIdade Nova.Todos os dias).

O Almoço em Família.
BAR DA NAZA OU CASA DA VAL (Comendador Clementino, próximo à Japurá, de Segunda a Sábado).

Num Passo de Mágica: transforme seu sapato velho em um lindo sapato novo!
SAPATEIRO CÂNDIDO (Calçada da Comendador Clementino, próximo ao Grupo Escolar Ribeiro da Cunha).

A Confluência das Torcidas!
CHURRASQUINHO DO LUÍS TUCUNARÉ (Japurá, entre a Silva Ramos e a Comendador Clementino).

Só o Peixe Sabe se é Novo e do Rio que Saiu. Confira esta voz na...
BARRACA DO LEGUELÉ (na Feira móvel da Prefeitura)

Preocupado com o desempenho, a memória e a inteligência? Tu és? Toma o guaraná que não é lenda. O natural de Maués!
LIGA PRA MADALENA!!! (0 XX 92 3542-1482)

Decepcionado com seus desenganos? Ponha fé nos seus planos! Fale com:
PAI GEOVANO DE OXAGUIÃ (Rua Belforroxo, S/N - Jorge Teixeira IV) (3682-5727 / 9154-5877).

Quem tem fé naõ é um qualquer! Consultas::
PAI JOEL DE OGUM (9155-3632 ou paijoeldeogum@yahoo.com.br).

Belém tá no teu plano? Então liga pro Germano!
GERMANO MAGHELA - TAXISTA - ÁGUIA RADIOTAXI - (91-8151-1464 ou 0800 280 1999).

E você que gostaria de divulgar aqui seu evento, comércio, terreiro, time de futebol, procurar namorado(a), receita de comida, telefone de contato, animal encontrado, convites diversos, marocagens, contacte: afinsophiaitin@yahoo.com.br

Outras Comunalidades

   

Categorias

Arquivos

Blog Stats

  • 4.243.141 hits

Páginas

setembro 2014
D S T Q Q S S
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930  

Arquivos