Arquivo para 12 de agosto de 2015

A POTÊNCIA POLÍTICA DA MARCHA DA MARCHA DAS MARGARIDAS. LULA COMPÔS COM OS PERFUMES DAS FLORES

image_largeAs margaridas são flores! Belas por si mesmas! É o que diz o filósofo Kant sobre a beleza estética da Natureza. O Belo desinteressado. O que é Belo por sua existência. O Belo que transcende ao juízo estético saído da obra de arte. As fores são belas sem precisar de um juízo analítico.

Margarida era uma mulher! Uma mulher potência minoria. Não minoria por classificação do modelo macho ou modelo econômico. Uma potência minoria por não ter sido capturada pelos códigos agenciadores da subjetividade dominantes. Margarida era um devir em contínunn movimento produtor, livre dos agenciamentos coletivos de enunciação opressores. Margarida se movimentava nos campos de sua terra Paraíba. Um dia, um latifundiário muito bem capturado pelos códigos predadores do capital, o significado de sua impotência, a tomou como inimiga, por seu movimento no campo, e assassinou-a.

Mas como uma flor não morre, pois ninguém pode matar o Belo, nem mesmo o mais forte assassino, o capital, Margarida Maria Alves, desabrochou em Brasília, em forma e conteúdo como Marcha das Margaridas produzida por outras Margaridas do campo em luta por seus direitos de trabalhadoras que a Natureza e Constituição dos homens lhes outorgam. As Margaridas do Campo querem inclusão, reforma agrária distribuição de renda. Algumas formas e conteúdos já foram conquistados através dos governos populares, mas é preciso que eles se solidifiquem e não feneçam.

Mas como a beleza das flores é a potência-essência, diria o filósofo Spinoza, da vida, ela não se mostra em particular, mas em dom universal. Há homens-margarida. Assim, a Marcha das Margaridas exalou seus fluídos-perfumados em Lula. Lula, homem-margarida, tem genética do campo. Tem genética de trabalhador que produz a afirmação da vida.

Com o tema Desenvolvimento Sustentável com Democracia, Justiça, Autonomia, Igualdade e Liberdade a 5ª Marcha das Margaridas, no Estádio Mané Garrincha, em Brasília, exalou seu perfume. Polivocidade como univocidade-potência-democrática. A voz é única: Margaridas.

“Foi a dignidade de vocês que construiu esse país. A presidenta Dilma deve estar agora orgulhosa de presidir um país que tem um povo da realidade das Margaridas que estão aqui hoje. Hoje é um dia para celebrar a força das mulheres e do povo brasileiro

Quem chegou a onde a gente chegou, não pode retroceder. Quero dizer que estou preparando meu caminho para voltar a viajar pelo meu país. Eu quero ver se nossos adversários estão dispostos a andar por esse país e discutir este país como ele precisa ser discutido.

A crise não começou no Brasil. Ela começou nos Estados Unidos e na Europa. Algumas pessoas não perceberam que a eleição acabou no dia 26 de outubro e que Dilma é a presidenta deste país. Eles não perceberam que a eleição acabou. Eles não saem do palanque.

Os mesmos setores que querem jogar a responsabilidade das dificuldades atuais a presidenta Dilma e agora se apresentam como solução, entregaram o país quebrado e devendo dinheiro para o FMI.

Os que pedem o impeachment da presidenta Dilma são os mesmos que em 2005 queriam me tirar do poder. Mas tinham a consciência que se fizessem teriam que enfrentar o povo. Com Dilma não será diferente. Tenho certeza que cada mulher que está aqui, que cada brasileiro, com sua coragem, vai defender esse governo. Ninguém vai barrar o processo democrático. Se tem uma coisa que o povo prendeu nos últimos anos, foi fazer sua própria história

Ousamos eleger uma mulher que aos 20 anos foi presa e torturada. Com a coragem das mulheres ninguém ameaçará a democracia”, discursou Lula junto com as Margaridas.

imageA ministra Eleonora Menicucci, da Secretaria de Mulheres afirmou que a mulher não aceita ódio de gênero.

“Mulher nenhuma pode aceitar ódio de gênero, o ódio de quem não suporta uma mulher governando este país”, disse a ministra.

Patrus Ananis, ministro do Desenvolvimento Agrário reafirmou que o governo vai a continuar a luta pela reforma agrária e levar políticas públicas para os agricultores de todo o Brasil.

“Estaremos juntos sempre para fazer do Brasil uma pátria justa e solidária”, disse o ministro.

Por sua vez, Alessandra Lunas, coordenadora da Marcha das Margaridas da Secretaria de Mulheres da Confederação Nacional dos Trabalhadores na Agricultura (Contag), reafirmou que a Marcha das Margaridas vai às ruas defender a democracia.

“A Marcha das Margaridas vai às ruas em defesa da democracia neste momento crucial”, se posicionou Alessandra Lunas.

Hoje, dia 12, é a vez da presidenta Dilma, compor com as Margaridas.

DILMA LANÇA PLANO DE ENERGIA COM INVESTIMENTO DE R$ 186 BILHÕES

c92fe1b8-af3f-4a1c-ac02-cdda092cf104Para continuar com a política deenergia de seu governo buscando atender a população de acordo com seus direitos, a presidenta Dilma Vana Rousseff anunciou a quantia de R$ 186 bilhões a ser investida em energia entre agosto de 2015 e dezembro de 2018. O plano “faz parte de um caminho de retomada de crescimento”, segundo a presidenta.

Durante seu discurso Dilma disse que a rede de transmissão de energia saltou de 70 mil Km de linhas em 2001, para, em 2014, 120 Km. Ela também falou da importância do etanol, a energia eólica, solar e biomassa para o desenvolvimento do país como diferencial energético.

“Os investimentos que estamos anunciando vão ampliar a solidez do sistema de  produção e distribuição de energia em nosso país. O Brasil tem um diferencial imenso na área de energia, tanto por conta do etanol, como da energia eólica, solar e biomassa.

Temos que criar novos caminhos para o crescimento nesse mundo que está muito diferente do mundo de dois anos atrás. Um dos sinais é este plano energético, porque ele garante visibilidade numa área estratégica para todo o mundo e para a economia.

Faremos todas as nossas ações e esforços no sentido de assegurar o abastecimento, essa é a sinalização que estamos dando hoje.

Temos que superar os gargalos e obstáculos. Sabemos que os marcos regulatórios precisam ser melhorados para que tenhamos maior rapidez. Esse plano de energia elétrica, hoje aqui lançado pelo ministro Eduardo Braga, faz parte de um caminho de retomada do crescimento”, discursou a presidenta Dilma.

DILMA DISSE QUE A MELHORA HIDROLÓGICA DOS RESERVATÓRIOS TRARÁ REDUÇÃO DE 15% a 20 % NO VALOR DO PREÇO DA ENERGIA E ANUNCIOU R$ 186 BILHÕES DE INVESTIMENTO EM ENERGIA

8d296e25-26bf-440a-aeb8-0db1db1d1449O valor da energia atual, que se encontra na bandeira vermelha, consumida domesticamente é um dos pontos de reclamação da população, principalmente a de baixa renda. Mas, segundo a presidenta Dilma Vana Rousseff, esse quadro vai mudar com a melhora da situação hidrológica dos reservatórios brasileiros.

De acordo com a presidenta, os valores serão reduzidos com o desligamento de 21 termoelétricas que produziam, a um custo alto, cerca de 2 mil megawatts. Já no dia 9 algumas dessas termoelétricas foram desligadas.

Dilma afirmou que mesmo na bandeira vermelha o custo do valor do consumo de energia vai ser reduzido em 16% a 20%.

“Tenho certeza que agora estamos numa situação bem melhor, e esse encarecimento do fornecimento de luz, começará a ser progressivamente revertido”, disse Dilma.

ANA LUIZA LIMA É ESTUDANTE DE MEDICINA E DISCURSOU NAS COMEMORAÇÕES DOS DOIS ANOS DO MAIS MÉDICO. RESULTADO: OS NAZIFASCISTAS MOSTRARAM SEUS ÓDIOS

discurso-estudante-medicina-ufrn-e1439329316322Nas comemorações da passagem dos dois nos do Programa Mais Médicos a estudante de medicina Ana Luiza Lima, da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), discursou, como convidada, no evento com a presença da presidenta Dilma Vana Rousseff. Professores, médicos e estudantes de medicina se sentiram ofendidos diante do ato de liberdade patriótica de Ana Luiza Lima e, como são nazifascistas, expeliram seus ódios.

Como mulher inteligente e livre, Ana Luiza Lima não se intimidou. Ela sabe os motivos dos ódios.

Clica e veja o vídeo com seu discurso, analise e forme sua consciência de sujeito-histórico. Em seguida, leia a nota de Desagravo da Rede de Médicas e Médicos Populares à Ana Luiza Lima.

A onda de ódio não passará!

A Rede Nacional de Médicas e Médicos Populares vem, através desta nota, prestar solidariedade à estudante de Medicina da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), Ana Luiza Lima, que recentemente comoveu todo o país com seu discurso na comemoração dos dois anos do Programa Mais Médicos. Seu discurso emocionado, por meio do qual agradece as recentes políticas educacionais que permitiram “a neta de um agricultor sonhar em ser doutora” (nas próprias palavras dela) inspirou milhões, mas provocou a ira de um setor reacionário e conservador, que encontra em parte da nossa categoria uma das suas mais perversas formas de expressão.

A onda conservadora dentro da categoria mostrou sua face logo após o anúncio da vinda de médicas e médicos cubanos para atender áreas de difícil provimento destes profissionais por parte do governo federal. Erigiu funerais da Presidenta Dilma e do Ministro Alexandre Padilha e perpassou por cenas nefastas como o “corredor polonês” contra os médicos cubanos no Ceará, com direito a ovos arremessados e xingamentos que não merecem mais ser repetidos. Vários colegas foram perseguidos pelos conselhos regionais de Medicina (CRMs) Brasil afora por se posicionarem favoráveis ao Programa Mais Médicos e não se alinharem com o discurso corporativista, permanecendo as ameaças dos CRMs sobre os médicos que contribuem com o programa (supervisores e tutores) até hoje.

Agora a vítima é uma estudante de Medicina que cometeu o pecado de falar a verdade. Uma estudante oriunda de família humilde que ousou entender que seu sucesso hoje foi fruto de uma política pública e ousou agradecer à Presidenta Dilma pelo esforço de manter políticas voltadas aos mais pobres deste país. O ódio contra Ana Luiza manifestou-se não apenas sob a forma de machismo – numa das regiões do país onde as mulheres mais sofrem com violência e onde o patriarcado se mantém firme e forte – mas, fundamentalmente, como ódio de classe, ódio ao que representou o seu discurso, ódio ao agradecimento à Presidenta, ódio de quem não suporta ver seus privilégios ameaçados.

VEJA TAMBÉM: Médica negra é alvo de racismo: “estamos acostumados com outro padrão”

Por tudo isto e muito mais, a Rede Nacional de Médicas e Médicos Populares denuncia a ofensiva conservadora que se materializa no ódio à Ana Luiza e presta irrestrita solidariedade à nossa futura colega. Saiba, Ana Luiza, que assim como você, existem médicas e médicos que se preocupam com o povo brasileiro, que respeitam sua diversidade étnica, sexual, religiosa e ideológica, que se preocupam com a conformação do SUS como sistema de direitos sociais, público, gratuito, integral e de qualidade. Assim como você, existem médicas e médicos que sonham e que fundamentalmente lutam por um futuro onde este tipo de agressão à você fique num passado distante.

Todo apoio à Ana Luiza Lima

Rede Nacional de Médicas e Médicos Populares

https://fbcdn-video-c-a.akamaihd.net/hvideo-ak-xtf1/v/t43.1792-2/11842785_966417546745170_1390700947_n.mp4?efg=eyJybHIiOjE1MDAsInJsYSI6MTE1MH0%3D&rl=1500&vabr=657&oh=aae289de6de8dea52a5e887882cfd460&oe=55CAF73C&__gda__=1439364982_c305c791414a69697b5ee46b27351b23


USAR O CONTROLE REMOTO É UM ATO DEMOCRÁTICO!

EXPERIMENTE CONTRA A TV GLOBO! Você sabe que um canal de televisão não é uma empresa privada. É uma concessão pública concedida pelo governo federal com tempo determinado de uso. Como meio de comunicação, em uma democracia, tem como compromisso estimular a educação, as artes e o entretenimento como seu conteúdo. O que o torna socialmente um serviço público e eticamente uma disciplina cívica. Sendo assim, é um forte instrumento de realização continua da democracia. Mas nem todo canal de televisão tem esse sentido democrático da comunicação. A TV Globo (TVG), por exemplo. Ela, além de manter um monopólio midiático no Brasil, e abocanhar a maior fatia da publicidade oficial, conspira perigosamente contra a democracia, principalmente, tentando atingir maleficamente os governos populares. Notadamente em seu JN. Isso tudo, amparada por uma grade de programação que é um verdadeiro atentado as faculdades sensorial e cognitiva dos telespectadores. Para quem duvida, basta apenas observar a sua maldição dos três Fs dominical: Futebol, Faustão e Fantástico. Um escravagismo-televisivo- depressivo que só é tratado com o controle remoto transfigurador. Se você conhece essa proposição-comunicacional desdobre-a com outros. Porque mudanças só ocorrem como potência coletiva, como disse o filósofo Spinoza.

Acesse esquizofia.wordpress.com

esquizofia.wordpress.com

CAMPANHA AFINADA CONTRA O

VIRTUALIZAÇÕES DESEJANTES DA AFIN

Este é um espaço virtual (virtus=potência) criado pela Associação Filosofia Itinerante, que atua desde 2001 na cidade de Manaus-Am, e, a partir da Inteligência Coletiva das pessoas e dos dizeres de filósofos como Epicuro, Lucrécio, Spinoza, Marx, Nietzsche, Bergson, Félix Guattari, Gilles Deleuze, Clément Rosset, Michael Hardt, Antônio Negri..., agencia trabalhos filosóficos-políticos- estéticos na tentativa de uma construção prática de cidadania e da realização da potência ativa dos corpos no mundo. Agora, com este blog, lança uma alternativa de encontro para discussões sociais, éticas, educacionais e outros temas que dizem respeito à comunidade de Manaus e outros espaços por onde passa em movimento intensivo o cometa errante da AFIN.

"Um filósofo: é um homem que experimenta, vê, ouve, suspeita, espera e sonha constantemente coisas extraordinárias; que é atingido pelos próprios pensamentos como se eles viessem de fora, de cima e de baixo, como por uma espécie de acontecimentos e de faíscas de que só ele pode ser alvo; que é talvez, ele próprio, uma trovoada prenhe de relâmpagos novos; um homem fatal, em torno do qual sempre ribomba e rola e rebenta e se passam coisas inquietantes” (Friedrich Nietzsche).

Daí que um filósofo não é necessariamente alguém que cursou uma faculdade de filosofia. Pode até ser. Mas um filósofo é alguém que em seus percursos carrega devires alegres que aumentam a potência democrática de agir.

_________________________________

BLOG PÚBLICO

Propaganda Gratuita

Você que quer comprar entre outros produtos terçado, prego, enxada, faca, sandália, correia, pé de cabra ou bola de caititu vá na CASA UYRAPURU, onde os preços são um chuchu. Rua Barão de São Domingos, nº30, Centro, Tel 3658-6169

Pão Quente e Outras Guloseimas no caminho do Tancredo.
PANIFICADORA SERPAN (Rua José Romão, 139 - Tancredo Neves - Fone: 92-8159-5830)

Fique Frio! Sabor e Refrescância!
DEGUST GULA (Avenida Bispo Pedro Massa, Cidade Nova, núcleo 5, na Rua ao lado do DB CIdade Nova.Todos os dias).

O Almoço em Família.
BAR DA NAZA OU CASA DA VAL (Comendador Clementino, próximo à Japurá, de Segunda a Sábado).

Num Passo de Mágica: transforme seu sapato velho em um lindo sapato novo!
SAPATEIRO CÂNDIDO (Calçada da Comendador Clementino, próximo ao Grupo Escolar Ribeiro da Cunha).

A Confluência das Torcidas!
CHURRASQUINHO DO LUÍS TUCUNARÉ (Japurá, entre a Silva Ramos e a Comendador Clementino).

Só o Peixe Sabe se é Novo e do Rio que Saiu. Confira esta voz na...
BARRACA DO LEGUELÉ (na Feira móvel da Prefeitura)

Preocupado com o desempenho, a memória e a inteligência? Tu és? Toma o guaraná que não é lenda. O natural de Maués!
LIGA PRA MADALENA!!! (0 XX 92 3542-1482)

Decepcionado com seus desenganos? Ponha fé nos seus planos! Fale com:
PAI GEOVANO DE OXAGUIÃ (Rua Belforroxo, S/N - Jorge Teixeira IV) (3682-5727 / 9154-5877).

Quem tem fé naõ é um qualquer! Consultas::
PAI JOEL DE OGUM (9155-3632 ou paijoeldeogum@yahoo.com.br).

Belém tá no teu plano? Então liga pro Germano!
GERMANO MAGHELA - TAXISTA - ÁGUIA RADIOTAXI - (91-8151-1464 ou 0800 280 1999).

E você que gostaria de divulgar aqui seu evento, comércio, terreiro, time de futebol, procurar namorado(a), receita de comida, telefone de contato, animal encontrado, convites diversos, marocagens, contacte: afinsophiaitin@yahoo.com.br

Outras Comunalidades

   

Categorias

Arquivos

Blog Stats

  • 4.244.795 hits

Páginas

Arquivos