Arquivo para 3 de julho de 2016

TORCIDA DO TIMÃO QUER FORA TEMER E A GENTE SÓ VÊ AQUI: GLOBO GOLPISTA

:

As imagens acima vem do Estádio do Corinthians, o Itaquerão, na Zona Leste da capital paulista. Foi hoje, dia 03 de julho no clássico entre Corinthians e Flamengo pelo campeonato Brasileiro.

O Corinthians venceu a partida por 4 a zero com dois gols de Romero, um de Rido e outro de Guilherme Henrique e a torcida aproveitou para expressar nos altos  das arquibancadas um FORA TEMER e GLOBO GOLPISTA. 

A iniciativa  foi articulada pelo Levante Popular da Juventude  e pelo Coletivo Democracia Corinthiana.

Os torcedores dos dois times tem tido um histórico de reações contrária ao governo golpista de Michel Temer com suas faixas, banners expressando seu descontentamento e sua repulsa aos golpistas que estão vendo só um ensaio daquilo que vai acontecer quando as olimpíadas chegarem a partir do dia 4 de agosto no Rio de Janeiro.  

GOLPISTA AÉCIO FALA EM ÉTICA E FHC EMUDECE EM ENTREVISTA À REDE DE TELEVISÃO AL JAZEERA

 

Resultado de imagem para imagens da derrota de aécio e fhc para dilma

 

Resultado de imagem para imagens da derrota de aécio e fhc para dilma

O super citado nas delações premiadas da Lava Jato, Furnas, Mensalão mineiro, Aécio Cunha deu as caras ontem, falando em ética. A falácia aconteceu no Encontro Nacional com a juventude do PSDB. A pérola do ético senador foi essa: “Nessa hora de tanta desmoralização que estamos assistindo no Brasil, só tem uma razão que justifica a gente fazer política: é acreditar. Não dá para você ficar na política ou para querer um cargo, querer uma posição, querer um benefício,  qualquer que seja.”

Nessa hora de tanta desmoralização que estamos assistindo no Brasil ele se refere ao golpe, ao desgoverno Michel Temer. Um desgoverno desmoralizado. Com três ministros exonerados por corrupção. 

Fazer política para o golpista é acreditar. Acreditar, por exemplo que ele é ético. É o primeiro candidato derrotado numa eleição presidencial que não admitiu a derrota. É o apolítico mais citado, denunciado e protegido que não se consegue prender. Há uma mantra protegendo esse acidadão. A injustiça brasileira só prende quem pertence ao Partido dos Trabalhadores. Só estão presos pessoas ligadas ao PT e alguns empresários. Outros estão em prisões domiciliares, em mansões com tornozeleiras, mas Aécio Cunha prega ética. Mas nós sabemos quem  faz isso é porque seus malfazeres os condena. A última delação diz que ele abocanhou 3% na construção da cidade administrativa do governo mineiro.

Outro golpista que silenciou  para a rede de Televisão Internacional Al Jazeera foi Fernando Henrique Cardoso em uma entrevista de dez minutos com o jornalista Mehdi Hasan e que ficou sem dar respostas algumas vezes. Da Agência PT captamos a redação abaixo:

“O programa tinha o intuito debater sobre a situação política no Brasil e Hasan começou questionando se a presidenta eleita Dilma Rousseff  teria sofrido um golpe.

Logo em uma das primeiras perguntas, Hasan começou questionando porque para o governo Rousseff o atraso em pagamentos seria um crime (as chamadas pedaladas fiscais – que uma perícia já provou não terem sido responsabilidade de Dilma) se ele próprio havia cometido o mesmo ato em 2001, quando era presidente.

“Ela manipulou o orçamento fiscal”, argumentou Fernando Henrique, ao que retrucou Hasan: “Mas você também”, criando um certo constrangimento.

O constrangimento aumentou quando o jornalista da rede de televisão internacional questionou se não existiria uma hipocrisia no fato do presidente interino Michel Temer(PMDB) também ser alvo de um pedido de impeachment, e de tanto ele quanto o ex-presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB), e o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB), que lideraram o processo, terem sido citados em delações como beneficiários de propinas.

Ao que FHC considera que houve oportunismo por parte do PMDB e que eles se utilizaram dos protestos populares para derrubar uma presidente com base em outros interesses: “Eles têm outra razão, diferente da minha, para apoiar o impeachment”, alegou. “Mas você não vê ironia no fato de eles lideraram o impeachment?”, insistiu o jornalista, claramente indignado.

Hasan também notou que se o critério fosse a opinião popular, como defendeu FHC em uma das respostas, Temer também não teria legitimidade, já que uma pesquisa Datafolha de abril mostrava que 58% dos brasileiros queriam o impeachment do presidente golpista. Hasan então questionou se FHC seria a favor do impeachment também do interino: “Você apoia o impeachment de Temer pelas mesmas razões? 68% querem Temer impedido, segundo uma pesquisa. Se você ouve o povo, tem de apoiar.” Fernando Henrique alegou não ter conhecimento daquela pesquisa que o jornalista britânico citava. “Sim, é do Datafolha”, responde Hasan. “Você apoia o impeachment de Temer?”, insistiu, sem obter uma resposta clara.

Caso Petrobrás
O jornalista também lembrou que o próprio governo do FHC aparece em delações comobeneficiário de propinas de desvios da Petrobrás em 2002. Ao que FHC, irritado, respondeu apenas que “é mentira”.

Logo depois, Hasan questionou se o áudio vazado em que Romero Jucá (PMDB) afirma que é necessário tirar Dilma para parar com as investigações da Operação Lava-Jato não seria uma prova de que todo o processo é um golpe. Ao que FHC apenas foge da pergunta e responde vagamente que “as investigações continuaram”.

Como se lê, duas personagens dissimuladas. Um ex-presidente que promoveu um dos maiores desmontes de empresas públicas brasileiras com a privataria tucana e um outro que viria se não fosse 54 milhões de votos em Dilma Vanna Rousseff para promover o desmonte da riqueza do nosso país.

O golpe que essa gangue promoveu está surtindo efeito. Raimundo Parente na presidência da Petrobras tem a responsabilidade de entregar o pré-sal para as grandes empresas monopolistas internacionais.

São essas as personagens que na carta da presidenta Dilma à nação que vai falar das mudanças políticas e na economia tem que aparecer com o destino Papuda. Só isso. Golpista é traidor da Pátria e para traidor só penitenciária. 

 

 

Jovem ativista do DF é espancada por simpatizante do deputado Bolsonaro

Estudante e ativista lésbica feminista Mayra de Souza foi agredida com dois socos no rosto; o agressor, Diego Oliveira da Rocha, usa as rede sociais para destilar ódio ao feminismo.

por Redação RBA

São Paulo – Uma jovem do Levante Popular da Juventude, do Distrito Federal, foi agredida a socos por um “admirador do Bolsonaro” em Samambaia. O crime aconteceu na quarta-feira (29). A garota está bastante machucada. Movimentos sociais, como o Movimento de Mulheres Camponesas (MMC), o Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) e o Movimento dos Atingidos por Barragens (MAB) divulgaram nota de repúdio à agressão.

Confira abaixo a íntegra da nota:

Precisamos contar essa história por acreditarmos e querermos outra sociedade.  Um ataque fascista, carregado de lesbofobia e misoginia, aconteceu na madrugada desta quarta-feira (29/06), em um bar na Samambaia/DF. Diego Oliveira da Rocha agrediu, com xingamentos lesbofóbicos e dois socos no rosto, a estudante e ativista lésbica feminista Mayra de Souza, militante do movimento social Levante Popular da Juventude, enquanto gritava “Bolsonaro 2018”.

Diego usa as redes sociais para destilar ódio às feministas, fazer piadas em relação a estupros, depreciar mulheres e criminalizar os movimentos sociais de esquerda. Já havia se referido à jovem como “sapatão do caralho”, quando no dia 29/06 partiu da violência pela internet para a violência física. A estudante estava com quatro amigas em uma mesa, quando foi abordada por Diego Oliveira da Rocha, que começou a xingá-las, chamando de “vadias” e ameaçando com frases como “pau no cu” e “você vai ver, vem aqui que te mostro”.

Todas as mulheres da mesa são lésbicas e bissexuais e não receberam proteção do estabelecimento onde estavam. Nesse sentido, as entidades que assinam esta nota afirmam que o enfrentamento à violência contra as mulheres e em defesa da livre sexualidade e da liberdade política é uma responsabilidade de toda a sociedade, que deve estar alerta ao avanço do conservadorismo – uma ameaça ao direito à vida a partir da intolerância extrema que desemboca nas múltiplas expressões da violência.

Após vários pedidos das jovens para que Diego Oliveira da Rocha se afastasse da mesa, ele foi ficando mais exaltado, gritando cada vez mais alto e repetindo: “Bolsonaro 2018”, um dos deputados que votaram “sim” ao golpe político em curso no Brasil e cujo voto foi precedido de uma homenagem ao Coronel Brilhante Ustra, torturador da ditadura militar, escrachado pelo Levante Popular da Juventude em 2014. Denunciamos que contra o avanço do fascismo, que impossibilita uma democracia real em nosso país, é imprescindível a unidade popular contra o machismo, a lesbofobia, a bifobia, a homofobia, a transfobia, o racismo e a exploração de classe: o retrocesso de direitos que presenciamos na atual conjuntura política implica e naturaliza o aumento da violência em todas as esferas da vida.

Quando Mayra foi fumar um cigarro, Diego deu o primeiro soco, no olho esquerdo dela. A ativista caiu no chão e, ao se levantar, ele deferiu um segundo golpe no queixo. Durante toda a agressão continuava gritando: “Bolsonaro 2018″. Após as agressões, Diego Oliveira da Rocha covardemente fugiu, apoiado por pessoas do bar para que “se livrasse” do flagrante.

Após fazer um Boletim de Ocorrência e o exame de corpo delito, resta a insegurança: “Estou me sentindo vulnerável, ele não agrediu só a mim, agrediu a uma mesa de mulheres lésbicas e bis, pode agredir outras a qualquer momento, em grupo ou sozinhas”, relatou a estudante. Os índices de violência contra a mulher no Distrito Federal são altíssimos e toda a militância feminista está alerta para denunciar este caso e a impunidade frequente que dá brechas para casos de feminicídio como o da estudante da UnB, Louise Ribeiro, morta no laboratório de anatomia da Universidade de Brasília em março deste ano.

Estamos assistindo ao avanço e ao descaramento de ideologias perigosamente conservadoras, machistas, lesbofóbicas (e todas as outras LGBTfobias), racistas e fascistas em um  contexto local, nacional e mundial de ascensão da extrema-direita, de modo que somente pela organização, formação e luta unitária de todas as forças progressistas poderemos barrar o retrocesso de direitos e de liberdade que está em andamento.

A violência cometida por Diego Oliveira e o deputado por ele exaltado Jair Bolsonaro (réu por incitação ao estupro) são símbolos desse avanço conservador, acompanhado da: sub-representação de mulheres, negros, jovens, LGBTs, trabalhadores e camponeses no Congresso Nacional; da invisibilização, ridicularização e criminalização crescente dos movimentos sociais e da luta política; do aumento da violência, das ameaças e da cultura do medo. Não calarão nossas denúncias acerca das desigualdades estruturais que vivenciamos todos os dias.

Em defesa aos direitos das mulheres, afirmamos que Mayra não está sozinha, exigimos apuração e reparação da violência. Exigimos a punição do agressor, mas não só:  precisamos de uma política de mudança cultural e redistribuição de poderes político e econômico, voltada para a transformação social, para vivermos em uma sociedade em que não haja espaço para opressões, explorações e violência. Precisamos falar sobre sexualidades e gênero nas escolas, para desconstruir essa sociedade em que o paradigma de superioridade é o masculino, sempre associado à violência.

Os golpes que atingiram Mayra naquela madrugada de quarta-feira atingiram a todas nós. Diego Oliveira da Rocha não agrediu apenas aquela jovem, mas a todas e todos que lutam por uma nova sociedade em que a emancipação humana seja possível e vamos cobrar justiça!

“Em los jardines humanos

Que adornan toda latierra

Pretendo de hacerun ramo

De amor y condescendencia

Es una barca de amores

Que va remolcando mi alma

Y va anidando em los puertos

Como una Paloma blanca” (Violeta Parra)

Mexeu com uma: mexeu com todas!

#Lesbofóbicos, machistas, golpistas, fascistas: não passarão!

#Visibilidade Lésbica #Resistência Sapatão

Na sociedade que a gente quer: basta de violência contra a mulher!

Assinam:

Levante Popularda Juventude (LPJ)

Coturno de Vênus – Brasília/DF

Consulta Popular

Movimento de Mulheres Camponesas (MMC)

Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST)

Movimento dos Atingidos por Barragens (MAB)

Movimento dos Pequenos Agricultores (MPA)

Movimento dos Trabalhadores por Direitos (MTD)

Centro de Estudos e Pesquisas Ruy Mauro Marini

Movimento Nacional pela Soberania Frente à Mineração (MAM)

Sindicato dos Urbanitários do DF (STIU-DF)

Comitê de Trabalhadoras e Trabalhadores das Secretarias de Políticas para as Mulheres, Igualdade Racial, Juventude e Direitos Humanos pela Democracia

PartidA DF

Marcha Mundial das Mulheres (MMM)

Articulação Brasileira de Lésbicas (ABL)

Associação de Defesa à Liberdade de Gênero do Vale do São Francisco (ADELG)

Grupo Flor de Bacaba – Bacabal/MA

Rede Nacional de Advogadas e Advogados Populares (RENAP –  DF)

Coletivo Maria Baderna –  Advogadas Feministas

Rede Nacional de Negras e Negros LGBT

Fórum de Mulheres do DF e Entorno

Rede de Mulheres Lésbicas e Bissexuais de Minas Gerais

Coletivo Democracia Corinthiana

Homofobia Não


USAR O CONTROLE REMOTO É UM ATO DEMOCRÁTICO!

EXPERIMENTE CONTRA A TV GLOBO! Você sabe que um canal de televisão não é uma empresa privada. É uma concessão pública concedida pelo governo federal com tempo determinado de uso. Como meio de comunicação, em uma democracia, tem como compromisso estimular a educação, as artes e o entretenimento como seu conteúdo. O que o torna socialmente um serviço público e eticamente uma disciplina cívica. Sendo assim, é um forte instrumento de realização continua da democracia. Mas nem todo canal de televisão tem esse sentido democrático da comunicação. A TV Globo (TVG), por exemplo. Ela, além de manter um monopólio midiático no Brasil, e abocanhar a maior fatia da publicidade oficial, conspira perigosamente contra a democracia, principalmente, tentando atingir maleficamente os governos populares. Notadamente em seu JN. Isso tudo, amparada por uma grade de programação que é um verdadeiro atentado as faculdades sensorial e cognitiva dos telespectadores. Para quem duvida, basta apenas observar a sua maldição dos três Fs dominical: Futebol, Faustão e Fantástico. Um escravagismo-televisivo- depressivo que só é tratado com o controle remoto transfigurador. Se você conhece essa proposição-comunicacional desdobre-a com outros. Porque mudanças só ocorrem como potência coletiva, como disse o filósofo Spinoza.

Acesse esquizofia.wordpress.com

esquizofia.wordpress.com

CAMPANHA AFINADA CONTRA O

VIRTUALIZAÇÕES DESEJANTES DA AFIN

Este é um espaço virtual (virtus=potência) criado pela Associação Filosofia Itinerante, que atua desde 2001 na cidade de Manaus-Am, e, a partir da Inteligência Coletiva das pessoas e dos dizeres de filósofos como Epicuro, Lucrécio, Spinoza, Marx, Nietzsche, Bergson, Félix Guattari, Gilles Deleuze, Clément Rosset, Michael Hardt, Antônio Negri..., agencia trabalhos filosóficos-políticos- estéticos na tentativa de uma construção prática de cidadania e da realização da potência ativa dos corpos no mundo. Agora, com este blog, lança uma alternativa de encontro para discussões sociais, éticas, educacionais e outros temas que dizem respeito à comunidade de Manaus e outros espaços por onde passa em movimento intensivo o cometa errante da AFIN.

"Um filósofo: é um homem que experimenta, vê, ouve, suspeita, espera e sonha constantemente coisas extraordinárias; que é atingido pelos próprios pensamentos como se eles viessem de fora, de cima e de baixo, como por uma espécie de acontecimentos e de faíscas de que só ele pode ser alvo; que é talvez, ele próprio, uma trovoada prenhe de relâmpagos novos; um homem fatal, em torno do qual sempre ribomba e rola e rebenta e se passam coisas inquietantes” (Friedrich Nietzsche).

Daí que um filósofo não é necessariamente alguém que cursou uma faculdade de filosofia. Pode até ser. Mas um filósofo é alguém que em seus percursos carrega devires alegres que aumentam a potência democrática de agir.

_________________________________

BLOG PÚBLICO

Propaganda Gratuita

Você que quer comprar entre outros produtos terçado, prego, enxada, faca, sandália, correia, pé de cabra ou bola de caititu vá na CASA UYRAPURU, onde os preços são um chuchu. Rua Barão de São Domingos, nº30, Centro, Tel 3658-6169

Pão Quente e Outras Guloseimas no caminho do Tancredo.
PANIFICADORA SERPAN (Rua José Romão, 139 - Tancredo Neves - Fone: 92-8159-5830)

Fique Frio! Sabor e Refrescância!
DEGUST GULA (Avenida Bispo Pedro Massa, Cidade Nova, núcleo 5, na Rua ao lado do DB CIdade Nova.Todos os dias).

O Almoço em Família.
BAR DA NAZA OU CASA DA VAL (Comendador Clementino, próximo à Japurá, de Segunda a Sábado).

Num Passo de Mágica: transforme seu sapato velho em um lindo sapato novo!
SAPATEIRO CÂNDIDO (Calçada da Comendador Clementino, próximo ao Grupo Escolar Ribeiro da Cunha).

A Confluência das Torcidas!
CHURRASQUINHO DO LUÍS TUCUNARÉ (Japurá, entre a Silva Ramos e a Comendador Clementino).

Só o Peixe Sabe se é Novo e do Rio que Saiu. Confira esta voz na...
BARRACA DO LEGUELÉ (na Feira móvel da Prefeitura)

Preocupado com o desempenho, a memória e a inteligência? Tu és? Toma o guaraná que não é lenda. O natural de Maués!
LIGA PRA MADALENA!!! (0 XX 92 3542-1482)

Decepcionado com seus desenganos? Ponha fé nos seus planos! Fale com:
PAI GEOVANO DE OXAGUIÃ (Rua Belforroxo, S/N - Jorge Teixeira IV) (3682-5727 / 9154-5877).

Quem tem fé naõ é um qualquer! Consultas::
PAI JOEL DE OGUM (9155-3632 ou paijoeldeogum@yahoo.com.br).

Belém tá no teu plano? Então liga pro Germano!
GERMANO MAGHELA - TAXISTA - ÁGUIA RADIOTAXI - (91-8151-1464 ou 0800 280 1999).

E você que gostaria de divulgar aqui seu evento, comércio, terreiro, time de futebol, procurar namorado(a), receita de comida, telefone de contato, animal encontrado, convites diversos, marocagens, contacte: afinsophiaitin@yahoo.com.br

Outras Comunalidades

   

Categorias

Arquivos

Blog Stats

  • 4.243.074 hits

Páginas

Arquivos