Arquivo para 10 de dezembro de 2016

PERGUNTADO, NA ALEMANHA, SOBRE A FOTO COM AÉCIO, MORO, PARA SE DESCULPAR DISSE QUE “FOI UMA FOTO INFELIZ”, MAS TODO HOMEM É RESPONSÁVEL POR SUAS ESCOLHAS, DIZ SARTRE. NÃO DESCULPAS, AINDA MAIS PORQUE A DESCULPA NÃO PASSA PELO SISTEMA NERVOSO.

8e01b5df-4cd9-4f65-b76a-5528ea2d9a5a

 Quem acompanha os desdobramentos da Lava Jato e as atuações de Moro, sabe muito bem quantas vezes ele errou e depois tentou se desculpar. O caso da gravação de Lula e Dilma entregue por ele para a Rede Globo e que depois o relator da Lava Jato, ministro, Teori, pediu que ele se explicasse, mostra como ele trata seus erros cobrados pelas pessoas coerentes com a democracia e que sabem que o papel de um juiz tem que observar as normais legais do Poder Judiciário.

  Moro apareceu muito satisfeito e seguro em regabofe promovido pela suspeitíssima revista reacionária IstoÉ, conhecida como “QuantoÉ”, para receber mais um prêmio por seus desempenhos que agradam as forças mais retrógadas do país como a Rede Globo. Apesar da maioria da população querer o contínuo combate à corrupção no país, que é direito de todo cidadão. E um dever da justiça democrática. Porém, a sociedade quer um combate imparcial, com honestidade e com lisura.

    No rega-bofe, Moro, muito contente, leve e solto, aparece em buchicho com Aécio, várias vezes denunciado em vazamento da Lava Jato. Moro foi fazer uma apresentação na Alemanha, onde foi profundamente repudiado. Entre os que protestavam, alguém perguntou sobre a foto dele com Aécio. E, ele, para se desvencilhar da pergunta, disse que foi “uma foto infeliz”. Claro que infeliz para a democracia, já que Aécio é do PSDB e tem denúncias fortíssimas como o esquema de Furnas.

   Moro foi para o regabofe porque quis. Foi sua escolha, ninguém o carregou através de medidas coercitivos, como os policiais da Lava Jato fizeram com Lula. Não há desculpas, como diz o filósofo Sartre. Moro é responsável por sua escolha de ir ir ao regabofe. Só ele é o responsável. Nem a “QuantoÉ” é responsável por sua ida. Ela o premiou, e ele poderia ter escolhido não ir. O que para um juiz imparcial seria mais justo não ter tirado foto em harmonia com Aécio em um ambiente dominado por figuras suspeitas de corrupção. Porém, Moro escolheu se situar no mesmo ambiente. Agora, é assumir sua escolha. 

    Agora, não adiante ele afirmar “que foi infeliz”. O que se tornou infeliz, como fato, foi muito antes elaborado por ele. E mais, a afirmação do “infeliz” surge como uma desculpa, todavia, como afirma o filósofo Nietzsche, a desculpa, como o perdão, não passa pelo sistema nervoso. Desculpa é da ordem da imaginação supersticiosa. O ato, não. Ele é produto da vivência ou experiência onde implica o sistema nervoso central. Deixa rastros como consciência indelével que a imaginação não apaga.

    Para a maioria dos brasileiros a foto não “foi infeliz”. A Alegria de Moro com Aécio prova. Ninguém se encontra infeliz na maior alegria. Nem sádico.   

EMAIL DE CLÁUDIO MELO, DA ODEBRECHT, PULVERIZA O GOLPISTA TEMER

Resultado de imagem para imagens de temer

  O golpista Temer, como todo golpista, em função de sua consciência paranoica, nunca se sentiu seguro no posto de usurpador. Embora delirasse em seu querer. Ele sabia que não tinha qualquer segurança no posto assaltado da presidenta Dilma Vana Rousseff e dos brasileiros democratas, já que seus percursos juntos com os da sua laia, o inquietavam. Agora, que Inês apareceu, é morta ele tenta se defender em uma meta indefensável.

    Com as delações de membros da empresa Odebrecht, conhecida como delação do fim do mundo, Temer percebeu a cruel realidade. Quer dizer, cruel para ele, mas auspiciosa para os brasileiros democratas. O e-mail do executivo da Odebrecht, Cláudio Melo Filho enviado para ele mostra o quanto ele encontra-se como filiado à Lava Jato.

    No email, a sigla MT se refere ao golpista-mor. Foram R$ 10 milhões tramados no Palácio do Jaburu. Lá onde o poder “faz a curva e chuva encosta o lixo”, como diria o satírico teatrólogo da peça Navalha na Carne, Plínio Marcos.

             247 2 

“ASSIM A ODEBRECHT DESTITUIU O GOVERNO GOLPISTA”, DO SITE CONVERSA AFIADA

Resultado de imagem para imagens de temer com amigos
Delação de Claudio Leite Filho nem o Moro conseguirá ignorar. Nem o Moro!
publicado 10/12/2016
nova capa.jpg

O Conversa Afiada cumpre o doloroso dever de divulgar o trecho da delação do Vice-Presidente de Suborno da Odebrecht, que encerra a breve carreira de um Presidente Traíra, e Breve.

Com ele, dirigem-se à cadeia o Eliseu, que o ACM chamava de “Quadrilha”, o gatinho angorá, o essa porra Jucá e aquela turma que invadiu o Palácio de Governo.

O Conversa Afiada teve acesso a esse documento histórico graças a desinteressado vazamento do destemido Rogério Correia, do PT, líder do anti-aecismo na Assembléia Legislativa de Minas:


EX-PRESIDENTE REPELE MAIS UMA INVESTIDA IRRESPONSÁVEL E LEVIANA CONTRA SUA HONRA E DE SUA FAMÍLIA

A ação proposta hoje (9/12) por membros do Ministério Público é mentirosa e ofensiva não só ao ex-presidente e sua família mas também às Forças Armadas, que conduziram o processo de seleção e definição da compra de novos caças para a Aeronáutica, à presidenta Dilma Rousseff, que governou o Brasil entre 2011 e 2016, ao primeiro-ministro da Suécia, Stefan Lofven, e às empresas também citadas de forma irresponsável pelos promotores.

A delirante denúncia não aponta nenhuma conduta criminosa do ex-presidente ou de qualquer das autoridades citadas, nem diz quem teria, como e quando, supostamente, corrompido membros do Congresso Nacional na tramitação de medidas provisórias. Traz apenas ilações irresponsáveis, pelas quais seus autores ainda serão responsabilizados.

Para sustentar mentiras e denúncias midiáticas com o objetivo político de tirar Lula da disputa eleitoral de 2018, alguns procuradores abdicam do exercício correto de um cargo de alta responsabilidade pela vontade de aparecer e fazer parcerias com grupos de comunicação.

A imprensa brasileira tem feito muito barulho com a versão dos acusadores, mas silencia quando mais de 20 testemunhas de acusação ouvidas na Lava Jato e em audiências em Brasília não confirmam as teses delirantes  e narrativas ficcionais dos promotores. 

Clique aqui para ler também a nota completa dos advogados.

ADVOGADOS DE LULA DIVULGAM NOTA DESMENTINDO DENÚNCIA DA OPERAÇÃO ZELOTES

Nota dos advogados:

 A denúncia ofertada hoje (09/12/2016) pelo Ministério Público Federal contra o ex-Presidente Luiz Inácio Lula da Silva e seu filho Luis Claudio Lula da Silva, dentre outras pessoas, baseia-se em procedimentos que tramitavam de forma oculta e sem acesso à Defesa. 
 
Nem mesmo após a divulgação da denúncia, por meio de nota, foi permitido que a Defesa tivesse acesso ao teor da acusação. Essa recorrente forma de atuação do Ministério Público Federal, de transformar a denúncia em um espetáculo midiático em detrimento da defesa, abala a cada dia o já sucumbindo Estado Democrático de Direito no País, além de impedir, neste momento, o enfrentamento dos fundamentos utilizados pelos Procuradores da República que subscrevem o documento.
 
Nem o ex-Presidente Lula nem seu filho participaram ou tiveram conhecimento de qualquer ato relacionado à compra dos aviões caças da empresa sueca SAAB, tampouco para a prorrogação de benefício fiscais relativos à Medida Provisória nº 627/2013, convertida na Lei nº 12.973/2014. Luis Claudio recebeu da Marcondes & Mautoni remuneração por trabalhos efetivamente realizados e que viabilizaram a realização de campeonatos de futebol americano no Brasil.
 
Afirmar que Lula interferiu no processo de compra dos caças em 2014 significa atacar e colocar em xeque as Forças Armadas Brasileiras e  todas as autoridades que acolheram o parecer emitido por seus membros.
 
Ao afirmar que Lula interferiu na aprovação de medidas provisórias e de leis, o Ministério Público Federal ataca todo o Parlamento brasileiro e demais autoridades que participaram desses atos.
 
A denúncia ofertada é fruto de novo devaneio de alguns membros do Ministério Público que usam das leis e dos procedimentos jurídicos como forma de perseguir Lula e prejudicar sua atuação política, fenômeno que é tratado internacionalmente como “lawfare”. 
 
Uma das táticas de “lawfare” consiste na propositura de sucessivas ações judiciais sem materialidade contra o inimigo político, para que todo o seu tempo fique voltado à realização de depoimentos e à sua defesa judicial e, ainda, para gerar na opinião pública a ideia de uma suspeita difusa.
 
Até o momento, já foram ouvidas mais de 20 testemunhas arroladas pelo próprio Ministério Público Federal em relação a outras duas ações propostas contra Lula e todas elas negaram a acusação. É o exemplo de como Lula tem sido acusado de forma irresponsável e gratuita por alguns membros do Ministério Público Federal que claramente usam do cargo para promover ações políticas. Um dos Procuradores da República que subscrevem a denúncia mantinha em conta nas redes sociais diversas publicações ofensivas a Lula e a membros do seu partido. Embora o fato tenha sido levado ao conhecimento do Conselho Nacional do Ministério Público nenhuma providência foi tomada, permitindo ao agente público usar de suas atribuições para promover uma vingança contra Lula.
 
Cristiano Zanin Martins e Roberto Teixeira

EM ENCONTRO COM CRISTINA KIRCHNER, LULA LAMENTA SUBORDINAÇÃO DOS DOIS PAÍSES AOS EUA

A ex-presidenta da Argentina Cristina Kirchner visitou o Instituto Lula nesta sexta-feira (9), em São Paulo, onde se reuniu com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Os dois falaram sobre a atual situação da América Latina e dos países que já presidiram.

Lula disse que se reunir com Cristina é “reviver um bom momento da história política da América do Sul e das relações entre Brasil e Argentina” e lamentou que agora as duas nações tenham governantes que não entendem a importância da integração latino-americana: “são pessoas que tem uma visão muito subordinada à política americana”. 

Cristina concordou e disse que estar com Lula é “estar com os melhores anos da nossa região” e que eles seguirão conversando pelo bem da América do Sul e da América Latina. 

Lula entregou a Cristina o livro recém-lançado “O caso Lula – a luta pela afirmação dos direitos fundamentais no Brasil”, organizado pelo advogado Cristiano Zanin Martins, a advogada Valeska Teixeira Zanin Martins e por Rafael Valim, professor da PUC-SP. 

Cristina está no Brasil para participar de um ato com a ex-presidenta Dilma Rousseff na noite desta sexta-feira em São Paulo. 
Delegação argentina

Além de Cristina, Lula recebeu também uma delegação de três prefeitos, quatro deputadas nacionais e secretários argentinos. O ex-presidente questionou as deputadas sobre a composição no parlamento e se entusiasmou ao saber que 35% de mulheres o compõe. “Ainda somos poucas, queremos mais”, disse a deputada nacional, Juliana Di Tullio. 

Lula falou um pouco sobre a situação política no Brasil e comparou com a Argentina. “Estamos vivendo um processo político e não jurídico. E o que está acontecendo aqui, é o mesmo que está acontecendo na Argentina, querem destruir tudo que conquistamos nos nossos governos”.
#LibertenAMilagro

Milagro Sala, líder Tupac Amaru, deputada do Parlamento do Mercosul e ex-deputada regional na Argentina foi presa no dia 16 de janeiro deste ano por participar de um acampamento em protesto contra o governador da província de Jujuy. Desde então, ela está presa.

O juiz do primeiro caso determinou sua soltura em 29 de janeiro, mas no mesmo dia ela recebeu nova acusação e seguiu na prisão. Em 28 de outubro, o Grupo de Trabalho sobre Detenção Arbitrária do Conselho de Direitos Humanos da ONU considerou que a prisão de Milagro Sala foi arbitrária e solicitou sua libertação. Em 2 de dezembro foi a vez da Comissão Interamericana de Direitos Humanos pedir que o governo argentino ratificasse a decisão anterior da ONU.

Clique aqui para ver as fotos do encontro dos dois ex-presidentes.

FINANCIAL TIMES SOBRE DILMA: ‘FAZIA INVEJA A QUALQUER LÍDER MUNDIAL’

Resultado de imagem para imagens de dilma

  Rede Brasil Atual publica a análise feita pelo magnânimo jornalista Flávio Aguiar sobre a indicação de Dilma Vana Rousseff pelo Financial Times como uma das mulheres do ano. A análise foi feita na Rádio Brasil Atual onde o insigne jornalista tem uma coluna.

   São Paulo – O professor e jornalista Flávio Aguiar, em sua coluna para a Rádio Brasil Atual, comentou hoje (9) a eleição da ex-presidenta Dilma Rousseff como uma das mulheres do ano pelo Financial Times. “Não podem acusar o Financial Times de ser um ‘antro de petralhas”. A razão de escolherem Dilma como uma das mulheres do ano é por sua defesa da democracia. O jornal é conservador, mas é sério. Não é uma Veja, ou uma IstoÉ. Essa posição mostra o isolamento do governo Temer no plano internacional”, avaliou.

“Dilma Rousseff foi a mulher que finalmente quebrou o teto de vidro na política brasileira, que se fez campeã das minorias e dos pobres através de programas sociais”, afirma o texto do jornal conservador britânico Financial Times (FT). O periódico elegeu Dilma ao lado de nomes como a primeira ministra da Inglaterra, Theresa May, a parlamentar trabalhista britânica Jo Cox e a democrata norte-americana Hillary Clinton.

Em entrevista ao FT, a petista criticou o governo que a sucedeu após processo de impeachment, colocando à frente do Planalto o peemedebista Michel Temer. “Governo de velhos e ricos”, disse. “Quando você é uma mulher no poder, eles dizem que você é dura, fria e insensível, enquanto um homem na mesma posição é forte, firme e encantador”, continuou a presidenta eleita em 2014, em disputa acirrada contra o tucano Aécio Neves, que impulsionou uma polarização política no país.

Em entrevista concedida em Porto Alegre, Dilma foi apontada como mulher sem ligações com corrupção e problemas com a Justiça. “Para uma mulher que acabou de suportar um duro período de seis meses de julgamento político, que resultou em seu impeachment, a ex-presidenta brasileira parece incrivelmente relaxada”, afirma o texto do FT sobre o processo que retirou Dilma do Planalto sob acusação de exercer manobras contábeis durante sua gestão.

Ao destacar o caráter popular de seu governo, o jornal ressalta que o governo Temer possui sua base política contaminada por réus em processos na Justiça, o que descaracteriza o argumento central das camadas sociais que a retiraram do poder, a luta contra a corrupção.

“Fazia inveja a qualquer líder mundial”, a “primeira mulher a comandar o maior país da América Latina”, afirma o FT. A entrevista ainda explora a nova rotina de Dilma: “a melhor coisa que um ser humano pode fazer é pedalar”, disse em referência a seu hábito de andar de bicicleta. A entrevista ainda é completa por críticas à Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 55, que limita os investimentos públicos em áreas como Saúde e Educação por 20 anos à inflação do ano anterior, e ao sexismo na política brasileira.

  

USAR O CONTROLE REMOTO É UM ATO DEMOCRÁTICO!

EXPERIMENTE CONTRA A TV GLOBO! Você sabe que um canal de televisão não é uma empresa privada. É uma concessão pública concedida pelo governo federal com tempo determinado de uso. Como meio de comunicação, em uma democracia, tem como compromisso estimular a educação, as artes e o entretenimento como seu conteúdo. O que o torna socialmente um serviço público e eticamente uma disciplina cívica. Sendo assim, é um forte instrumento de realização continua da democracia. Mas nem todo canal de televisão tem esse sentido democrático da comunicação. A TV Globo (TVG), por exemplo. Ela, além de manter um monopólio midiático no Brasil, e abocanhar a maior fatia da publicidade oficial, conspira perigosamente contra a democracia, principalmente, tentando atingir maleficamente os governos populares. Notadamente em seu JN. Isso tudo, amparada por uma grade de programação que é um verdadeiro atentado as faculdades sensorial e cognitiva dos telespectadores. Para quem duvida, basta apenas observar a sua maldição dos três Fs dominical: Futebol, Faustão e Fantástico. Um escravagismo-televisivo- depressivo que só é tratado com o controle remoto transfigurador. Se você conhece essa proposição-comunicacional desdobre-a com outros. Porque mudanças só ocorrem como potência coletiva, como disse o filósofo Spinoza.

Acesse esquizofia.wordpress.com

esquizofia.wordpress.com

CAMPANHA AFINADA CONTRA O

VIRTUALIZAÇÕES DESEJANTES DA AFIN

Este é um espaço virtual (virtus=potência) criado pela Associação Filosofia Itinerante, que atua desde 2001 na cidade de Manaus-Am, e, a partir da Inteligência Coletiva das pessoas e dos dizeres de filósofos como Epicuro, Lucrécio, Spinoza, Marx, Nietzsche, Bergson, Félix Guattari, Gilles Deleuze, Clément Rosset, Michael Hardt, Antônio Negri..., agencia trabalhos filosóficos-políticos- estéticos na tentativa de uma construção prática de cidadania e da realização da potência ativa dos corpos no mundo. Agora, com este blog, lança uma alternativa de encontro para discussões sociais, éticas, educacionais e outros temas que dizem respeito à comunidade de Manaus e outros espaços por onde passa em movimento intensivo o cometa errante da AFIN.

"Um filósofo: é um homem que experimenta, vê, ouve, suspeita, espera e sonha constantemente coisas extraordinárias; que é atingido pelos próprios pensamentos como se eles viessem de fora, de cima e de baixo, como por uma espécie de acontecimentos e de faíscas de que só ele pode ser alvo; que é talvez, ele próprio, uma trovoada prenhe de relâmpagos novos; um homem fatal, em torno do qual sempre ribomba e rola e rebenta e se passam coisas inquietantes” (Friedrich Nietzsche).

Daí que um filósofo não é necessariamente alguém que cursou uma faculdade de filosofia. Pode até ser. Mas um filósofo é alguém que em seus percursos carrega devires alegres que aumentam a potência democrática de agir.

_________________________________

BLOG PÚBLICO

Propaganda Gratuita

Você que quer comprar entre outros produtos terçado, prego, enxada, faca, sandália, correia, pé de cabra ou bola de caititu vá na CASA UYRAPURU, onde os preços são um chuchu. Rua Barão de São Domingos, nº30, Centro, Tel 3658-6169

Pão Quente e Outras Guloseimas no caminho do Tancredo.
PANIFICADORA SERPAN (Rua José Romão, 139 - Tancredo Neves - Fone: 92-8159-5830)

Fique Frio! Sabor e Refrescância!
DEGUST GULA (Avenida Bispo Pedro Massa, Cidade Nova, núcleo 5, na Rua ao lado do DB CIdade Nova.Todos os dias).

O Almoço em Família.
BAR DA NAZA OU CASA DA VAL (Comendador Clementino, próximo à Japurá, de Segunda a Sábado).

Num Passo de Mágica: transforme seu sapato velho em um lindo sapato novo!
SAPATEIRO CÂNDIDO (Calçada da Comendador Clementino, próximo ao Grupo Escolar Ribeiro da Cunha).

A Confluência das Torcidas!
CHURRASQUINHO DO LUÍS TUCUNARÉ (Japurá, entre a Silva Ramos e a Comendador Clementino).

Só o Peixe Sabe se é Novo e do Rio que Saiu. Confira esta voz na...
BARRACA DO LEGUELÉ (na Feira móvel da Prefeitura)

Preocupado com o desempenho, a memória e a inteligência? Tu és? Toma o guaraná que não é lenda. O natural de Maués!
LIGA PRA MADALENA!!! (0 XX 92 3542-1482)

Decepcionado com seus desenganos? Ponha fé nos seus planos! Fale com:
PAI GEOVANO DE OXAGUIÃ (Rua Belforroxo, S/N - Jorge Teixeira IV) (3682-5727 / 9154-5877).

Quem tem fé naõ é um qualquer! Consultas::
PAI JOEL DE OGUM (9155-3632 ou paijoeldeogum@yahoo.com.br).

Belém tá no teu plano? Então liga pro Germano!
GERMANO MAGHELA - TAXISTA - ÁGUIA RADIOTAXI - (91-8151-1464 ou 0800 280 1999).

E você que gostaria de divulgar aqui seu evento, comércio, terreiro, time de futebol, procurar namorado(a), receita de comida, telefone de contato, animal encontrado, convites diversos, marocagens, contacte: afinsophiaitin@yahoo.com.br

Outras Comunalidades

   

Categorias

Arquivos

Blog Stats

  • 4.245.530 hits

Páginas

Arquivos