PARLAMENTARES ASSOCIAM ASSASSINATO DE MARIELLE A CRIME POLÍTICO E COBRAM APURAÇÃO

JUSTIÇA
Câmara criou comissão para acompanhar as investigações. PGR pediu atuação “federalizada” e Barroso disse que caso “mostra combinação de desigualdade, corrupção e mediocridade”
por Hylda Cavalcanti, da RBA.
 
CLEIA VIANA/CÂMARA DOS DEPUTADOSSessão solene de Marielle Franco

Sessão solene em homenagem a Marielle Franco na Câmara dos Deputados

Brasília – O clima de consternação com a morte da vereadora carioca Marielle Franco e seu motorista, Anderson Gomes, também imperou no Congresso Nacional, na Procuradoria-Geral da República (PGR) e nos tribunais superiores. Os parlamentares fizeram passeata interna na Câmara, levantando flores e lembrando as causas de defesa dos direitos humanos e igualdade social defendidas pela vereadora. Foi realizada, ainda, uma sessão solene em sua homenagem e instalada uma comissão externa para investigar o caso. Mas o ponto mais relevante foi a associação feita entre o assassinato e motivações políticas e contrárias à ordem democrática.

Na Câmara, lembraram a ameaça à democracia deputados como Jean Wyllys (Psol-RJ) e Érika Kokay (PT-DF). No Senado, se manifestaram da mesma forma Lindbergh Farias (PT-RJ) e Randolfe Rodrigues (Rede-AP). No Judiciário, declarações neste sentido foram feitas pelo presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Luiz Fux, e pelo ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF).

Fux se disse “chocado com tudo o que aconteceu”. Já Barroso afirmou que o caso “mostra a combinação medonha de desigualdade, corrupção e mediocridade que temos visto, nos últimos tempos, no Rio de Janeiro”. “É um circulo vicioso difícil de romper e que tem levado a situações de extrema violência”, ressaltou.

Pouco tempo depois, a procuradora-geral da República, Raquel Dodge, sugeriu a realização de uma investigação “federalizada” para apurar o caso – o que é observado, conforme a Constituição Federal, em situações de crime de caráter político.

Cobranças à intervenção federal

No Legislativo, em meio ao sentimento de pesar dos parlamentares que tinham uma relação mais próxima com a vereadora, chamou atenção, na Câmara, a fala do presidente, Rodrigo Maia (DEM-RJ), que sempre demonstrou ser favorável à intervenção federal na área de Segurança Pública no Rio de Janeiro. Maia disse que a força policial no Rio “continua sendo sucateada” e cobrou a coordenação da intervenção.

“Sempre achei que a intervenção precisa de diagnóstico, planejamento e execução e sei que estão trabalhando nisso, ainda não chegaram a esta última etapa. É preciso que o planejamento fique pronto logo e seja transparente para todos e que o governo federal entenda que não pode haver esse sucateamento das polícias”, destacou.

O deputado Miro Teixeira (Rede-RJ) lembrou que este foi mais um caso que aumenta o número de registro de 181 líderes de defesa de direitos humanos assassinados em 2017. “Vamos apurar e buscar a punição dos responsáveis”, afirmou, em tom comovido.

Também muito emocionado, o deputado Jean Wyllys, do mesmo partido da vereadora, disse que os parlamentares vão se juntar para tomar as devidas providências. “Estamos aos pedaços agora, mas vamos unir nossas forças e dar continuidade a esta luta. Não vamos esquecer que ideias são à prova de bala”, ressaltou.

O deputado Arlindo Chinaglia (PT-SP) disse que é importante, neste momento, o Congresso voltar a discutir a proposta que trata do abuso de autoridade, em tramitação na Casa, uma vez que na última segunda-feira Marielle Franco fez denúncias contra a violência policial em Acari, comunidade na zona norte do Rio de Janeiro. Chinaglia criticou, ainda, o discurso de ódio observado nas redes sociais contra a pauta de direitos humanos.

‘Morreu porque defendia os seus’

No Senado, Lindbergh destacou que Marielle foi “uma lutadora em defesa dos vulneráveis, dos jovens negros moradores da favela”. “Ela morreu porque defendia os seus, falava da vida nas favelas e denunciava o que estava acontecendo de errado, mostrava que a vida de um jovem negro morador da favela hoje vale pouco. A dor é muito grande, foi um atentado à democracia. Estou muito abalado, porque sei o que Marielle representava”, afirmou.

Jorge Viana (PT-AC) pediu à presidência do Senado que solicite a participação da Polícia Federal na investigação. A senadora Ana Amélia (PP-RS), mesmo integrante da base aliada do governo, disse que o crime foi “uma provocação”. “Espero que as autoridades que estão comandando essa intervenção no Rio deem uma resposta imediata, com uma investigação rigorosa para que o mais rápido possível saibamos a origem e os responsáveis por esse crime bárbaro, não apenas a uma mulher, mas a uma parlamentar, que morreu por uma causa”, destacou.

A comissão externa criada é formada pelos deputados Jean Wyllys, Erika Kokay, Luiza Erundina (Psol-SP) e Wadih Damous (PT-RJ), que vão acompanhar de perto toda a apuração sobre o assassinato da vereadora e seu motorista.

“O caso é um exemplo de feminicídio e de violência política contra a mulher. Que seja simbólico e que a Casa se envolva na comissão externa com a participação de todos os parlamentares, em especial da bancada feminina”, disse a deputada Professora Dorinha Seabra Resende (DEM-TO), logo após a instalação do grupo.

0 Responses to “PARLAMENTARES ASSOCIAM ASSASSINATO DE MARIELLE A CRIME POLÍTICO E COBRAM APURAÇÃO”



  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s




USAR O CONTROLE REMOTO É UM ATO DEMOCRÁTICO!

EXPERIMENTE CONTRA A TV GLOBO! Você sabe que um canal de televisão não é uma empresa privada. É uma concessão pública concedida pelo governo federal com tempo determinado de uso. Como meio de comunicação, em uma democracia, tem como compromisso estimular a educação, as artes e o entretenimento como seu conteúdo. O que o torna socialmente um serviço público e eticamente uma disciplina cívica. Sendo assim, é um forte instrumento de realização continua da democracia. Mas nem todo canal de televisão tem esse sentido democrático da comunicação. A TV Globo (TVG), por exemplo. Ela, além de manter um monopólio midiático no Brasil, e abocanhar a maior fatia da publicidade oficial, conspira perigosamente contra a democracia, principalmente, tentando atingir maleficamente os governos populares. Notadamente em seu JN. Isso tudo, amparada por uma grade de programação que é um verdadeiro atentado as faculdades sensorial e cognitiva dos telespectadores. Para quem duvida, basta apenas observar a sua maldição dos três Fs dominical: Futebol, Faustão e Fantástico. Um escravagismo-televisivo- depressivo que só é tratado com o controle remoto transfigurador. Se você conhece essa proposição-comunicacional desdobre-a com outros. Porque mudanças só ocorrem como potência coletiva, como disse o filósofo Spinoza.

Acesse esquizofia.wordpress.com

esquizofia.wordpress.com

CAMPANHA AFINADA CONTRA O

VIRTUALIZAÇÕES DESEJANTES DA AFIN

Este é um espaço virtual (virtus=potência) criado pela Associação Filosofia Itinerante, que atua desde 2001 na cidade de Manaus-Am, e, a partir da Inteligência Coletiva das pessoas e dos dizeres de filósofos como Epicuro, Lucrécio, Spinoza, Marx, Nietzsche, Bergson, Félix Guattari, Gilles Deleuze, Clément Rosset, Michael Hardt, Antônio Negri..., agencia trabalhos filosóficos-políticos- estéticos na tentativa de uma construção prática de cidadania e da realização da potência ativa dos corpos no mundo. Agora, com este blog, lança uma alternativa de encontro para discussões sociais, éticas, educacionais e outros temas que dizem respeito à comunidade de Manaus e outros espaços por onde passa em movimento intensivo o cometa errante da AFIN.

"Um filósofo: é um homem que experimenta, vê, ouve, suspeita, espera e sonha constantemente coisas extraordinárias; que é atingido pelos próprios pensamentos como se eles viessem de fora, de cima e de baixo, como por uma espécie de acontecimentos e de faíscas de que só ele pode ser alvo; que é talvez, ele próprio, uma trovoada prenhe de relâmpagos novos; um homem fatal, em torno do qual sempre ribomba e rola e rebenta e se passam coisas inquietantes” (Friedrich Nietzsche).

Daí que um filósofo não é necessariamente alguém que cursou uma faculdade de filosofia. Pode até ser. Mas um filósofo é alguém que em seus percursos carrega devires alegres que aumentam a potência democrática de agir.

_________________________________

BLOG PÚBLICO

Propaganda Gratuita

Você que quer comprar entre outros produtos terçado, prego, enxada, faca, sandália, correia, pé de cabra ou bola de caititu vá na CASA UYRAPURU, onde os preços são um chuchu. Rua Barão de São Domingos, nº30, Centro, Tel 3658-6169

Pão Quente e Outras Guloseimas no caminho do Tancredo.
PANIFICADORA SERPAN (Rua José Romão, 139 - Tancredo Neves - Fone: 92-8159-5830)

Fique Frio! Sabor e Refrescância!
DEGUST GULA (Avenida Bispo Pedro Massa, Cidade Nova, núcleo 5, na Rua ao lado do DB CIdade Nova.Todos os dias).

O Almoço em Família.
BAR DA NAZA OU CASA DA VAL (Comendador Clementino, próximo à Japurá, de Segunda a Sábado).

Num Passo de Mágica: transforme seu sapato velho em um lindo sapato novo!
SAPATEIRO CÂNDIDO (Calçada da Comendador Clementino, próximo ao Grupo Escolar Ribeiro da Cunha).

A Confluência das Torcidas!
CHURRASQUINHO DO LUÍS TUCUNARÉ (Japurá, entre a Silva Ramos e a Comendador Clementino).

Só o Peixe Sabe se é Novo e do Rio que Saiu. Confira esta voz na...
BARRACA DO LEGUELÉ (na Feira móvel da Prefeitura)

Preocupado com o desempenho, a memória e a inteligência? Tu és? Toma o guaraná que não é lenda. O natural de Maués!
LIGA PRA MADALENA!!! (0 XX 92 3542-1482)

Decepcionado com seus desenganos? Ponha fé nos seus planos! Fale com:
PAI GEOVANO DE OXAGUIÃ (Rua Belforroxo, S/N - Jorge Teixeira IV) (3682-5727 / 9154-5877).

Quem tem fé naõ é um qualquer! Consultas::
PAI JOEL DE OGUM (9155-3632 ou paijoeldeogum@yahoo.com.br).

Belém tá no teu plano? Então liga pro Germano!
GERMANO MAGHELA - TAXISTA - ÁGUIA RADIOTAXI - (91-8151-1464 ou 0800 280 1999).

E você que gostaria de divulgar aqui seu evento, comércio, terreiro, time de futebol, procurar namorado(a), receita de comida, telefone de contato, animal encontrado, convites diversos, marocagens, contacte: afinsophiaitin@yahoo.com.br

Outras Comunalidades

   

Categorias

Arquivos

Blog Stats

  • 4.240.696 hits

Páginas

Arquivos


%d blogueiros gostam disto: