Archive for the 'Direito' Category

É AGORA, MOÇADA! LULA FAZ EXAME DE CORPO DE DELITO PARA SER SOLTO

 

Produção Afinsophia.

  A democracia mostra uma de suas mais importantes potências: a soltura do nobre líder brasileiro: Lula!

   Depois de mais de três meses encarcerado ilegalmente Lula acordará na aurora de amanhã livre como o vento da liberdade e brisa pura da manhã.

     Depois do exame de corpo de delito, Lula será solto. Será então o brado coletivo da liberdade democrática.

     Viva a Democracia e o Estado de Direito que nenhum Moro, com sua ambição magnificada, pode travar.

NÃO DEU, FACHIN: DIA 26 É DA ESQUERDA: DIRCEU EM LIBERDADE: “OLHA EU DE NOVO, ME DESLOCANDO LIVRE PELA AMÉRICA DO SUL”

Resultado de imagem para imagens de zé dirceu

  Produção Afinsophia.

 Zé Dirceu volta a se movimentar livremente. A 2ª Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) concedeu liminar em habeas corpus para que o ex-ministro permaneça em liberdade até que seus recursos junto à justiça sejam julgados nas cortes superiores Superior Tribunal de Justiça (STJ) e Supremo Tribunal Federal (STF).

   A 2ª Turma do STF é a mesma que colocaria lula em liberdade não fosse a posição persecutória do ministro Edson Fachin contra o mais importante presidente da história do Brasil. Fachin, que conseguiu enganar os movimentos sociais e parte das esquerdas para ser indicado pela presidenta Dilma ao STF, durante o julgamento pediu vistas, com o objetivo de protelar o pedido do advogado de Dirceu, Roberto Pdval, mas levou uma lição de justiça: o ministro Dias Toffoli, concedeu a liminar e foi seguido pelos ministros Gilmar Mendes e Ricardo Lewandowiski. 

    A liberdade de Dirceu reflete o pavor que as direitas têm do julgamento de Lula na 2ª Turma.

PROFESSORES DO AMAZONAS OCUPAM ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA E SECRETÁRIO DE EDUCAÇÃO FOGE

  Hoje, como parte da luta por seus direitos de trabalhadores da educação, os professores, pedagogos e agentes administrativos, em greve, dariam continuidade ao calendário de discussões com o governo Amazonino conversando com o secretário de Educação Lourenço Braga na Assembléia Legislativa do Estado do Amazonas (ALE-AM)  em uma audiência pública convocada pelos deputados na pessoa do deputado José Ricardo do Partido dos Trabalhadores. Entretanto, essa discussão não ocorreu: o secretário Lourenço Braga fugiu da casa do povo cometendo, com sua atitude-fugitivamente-medrosa, antidemocrática, um ato de desprezo aos parlamentares e a instituição parlamentar.

   O secretário de Amazonino, alegou que não participaria da audiência porque os professores estavam muito agitados. Como um representante de sua classe burguesa, já que alguns de seus parentes serviram aos governos antipopulares do Amazonas, Lourenço Braga não pode perceber, clara e distintamente, como a potência-do trabalhador, greve, se manifesta nos corpos e nos afetos como  aumento de potência de agir destes que lutam como processual ativo, como nos mostram os filósofos Spinoza e Nietzsche. A forma ativa de existir como agente de produção de modus sensitivos, cognitivos e éticos autênticos. Lourenço Braga teve medo da Potência da Multidão. O Multitudo, como nos mostra o filósofo italiano Toni Negri. Tudo que é molar teme o movimento real, diriam Deleuze/Guattari e Marx.

    O secretário não percebeu  e não entendeu que a luta dos profissionais da educação do Amazonas não começou agora. É uma luta que luta para ser histórica, já que no Amazonas a maioria dos ditos governantes jamais tiveram inteligência e comprometimento com a educação em seu espírito político. O espírito que cria novas realidades necessárias aos seres humanos em seus habitat. O que esses pseudos governantes sempre fizeram foi conceder à educação o lugar de desnecessidade histórica. O que o governador Amazonino não tem conseguido diante desses trabalhadores da educação que têm consciência engajada.

   Muito antes da performance do secretário fujão, os trabalhadores da educação, durante a madrugada, realizaram um ato de vigília em frente  do prédio parlamentar para depois, juntos com os que iam chegando, adentrarem no plenário da casa do povo. Sem se deixarem abalar pela posição fugitiva do secretário, os trabalhadores da educação, logo em seguida realizaram uma reunião no próprio prédio parlamentar, para decidir novos procedimentos grevistas. O que significa que a greve continua por tempo indeterminado.

     Avante, Companheiras e Companheiros!

PROFESSORES TENTAM DIÁLOGO, MAS GOVERNADOR AMAZONINO CONTINUA INTRANSIGENTE

Produção Afinsophia.

Em movimento contínuo da luta pela educação-democrática, os profissionais da educação  do estado do Amazonas, tentaram, na manhã de hoje, dia 28, encontrar em contato com o governador Amazonino, porém tiveram o seu intento frustrado pela intransigência desse que há anos tem se mostrado inimigo da educação.

 Quase cinco mil trabalhadores da educação se dirigiram ao palácio do governo que fica no Bairro da Compensa, mas não viram o intento profissional compensado. Amazonino não se colocou acessível ao diálogo impedindo a entrada dos grevistas ao recinto oficial. Diante da obstrução dialógica, impossibilidade da práxis-política-transformadora, os trabalhadores da educação realizaram alguns atos contrários à intransigência amazoninozoica: perseguição aos professores, recusa de contactar com o mundo real. 

    Durante a mobilização, vários professores realizaram parlamentos denunciando o quadro que já mostra sinais claros de esquizofrenia-social: impossibilidade da fala construtora como expressão da sociedade-democrática. Porém, esse  surto não ocorrerá, tratando-se da potência-política dos trabalhadores, já que a greve é a expressão da produção de saúde do trabalhador. Não se deixar oprimir para não entrar no quadro esquizofrênico promovido pelas forças antidemocráticas.

   Um fato novo foi apresentado na luta dos professores, nessa manhã. Centenas de estudantes, em comboio, compareceram ao ato se solidarizando com a causa que também envolve eles. Desta forma, comprova-se que Amazonino, com sua obstinação, vem conseguindo fortalecer a luta. Um talento próprio dos intransigente que ninguém pode desprezar. Amazonino despertou o coração do estudante. Logo ele que fantasiava, em um de seus passados, se aposentar para se dedicar ao ensino de filosofia aos jovens das periferias. 

   Dando continuidade ao calendário de luta-sagrada da quadra cristã, os grevistas vão manter encontros setoriais, pela parte da tarde, nos diversos bairros da cidade para que o fogo prometeico continue intenso em seu calor e brilho. 

     Avante, Companheiros e Companheiras!  

PROFESSORES DO AMAZONAS REALIZARAM MAIS UM ATO DE PROTESTO CONTRA A INTRANSIGÊNCIA DO GOVERNADOR AMAZONINO

Produção Afinsophia.

Dando continuidade ao calendário de luta por uma educação-democrática, onde os direitos trabalhistas sejam preservados para que a categoria sinta confirmada sua fundamentação social, os professores do ensino público do estado do Amazonas realizaram mais um ato de protesto contra a intransigência do governador Amazonino que, obstinadamente, não se compromete em acatar suas reivindicações.

 Aproveitando a situação em que se encontra o Brasil sob o manto da opressão instalada pela sociedade golpista, onde os direitos trabalhistas foram violentamente atingidos com a perversa deforma trabalhista que extraiu direitos históricos da classe laboral, Amazonino recorreu à justiça para obrigar a categoria a malograr a luta-democrática. Daí que a desembargadora Socorro Guedes, determinou uma liminar para que os trabalhadores da educação atendesse o desejo do governador.

   Entretanto, o ofício burocrático não foi recebido por nenhum membro da lide educacional, já que a performance-política da categoria não é dirigida por uma entidade específica. O que significa que todos os professores, pedagogos e agentes administrativos são sujeitos-atuantes da performance. O que torna a categoria mais coesa e responsável na produção de seus objetivos.

    Desta forma, em função da decisão jurídica de Amazonino, a categoria, em frente ao Tribunal de Justiça, no Bairro do Aleixo, realizou hoje, dia 27, em plena Semana Santa, que santifica a luta por uma educação-democrática, posto que Cristo milita pelas causas justas, já que seu pai José, foi um trabalhador singular, um ato de protesto contra tal determinação que ataca os profissionais. Compareceram mais de duas mil personalidades-profissionais.

     Seguindo o calendário da luta por uma educação-democrática, a categoria realizará, pela parte da trade, encontros setoriais para discutir a práxis continua das jornadas.

      Como diz o filósofo Spinoza, viver é perseverar continuamente.

       Avante, Companheiros!

PROFESSORES DA REDE DE ENSINO PÚBLICO DO AMAZONAS DECIDEM ENTRAR EM GREVE DIANTE DA INTRANSIGÊNCIA DO GOVERNADOR AMAZONINO

Produção Afinsophia.  

Bem que os professores, os pedagogos, agentes administrativos da rede de ensino público tentaram, mas não adiantou: o tautológico governador (já foi governador por quatro vezes sem criar qualquer política pública de educação) do estado Amazonas, Amazonino Mendes, impossibilitou qualquer acordo com a categoria autêntica da luta pelos direitos profissionais. Categoria autêntica, porque existe outro grupo, que durante anos vem pelegando a educação se postando ao lado dos governos de acordo com seus interesses e desta forma impedindo a unidade da classe dos trabalhadores em educação que se fortaleceria mais para conquistar seus direitos constitucionais.

    Os professores que entraram em greve a partir de hoje, dia 22, têm como fatores reivindicatórios básicos os seguinte seguimentos:

    – Aumento de 35% no salário.

    – Reajuste salarial atrasado há mais de quatro anos.

    – Manutenção do Plano de Saúde que foi retirado por Amazonino.

    – Correção salarial por titularidade e tempo de serviço

    A decisão de entrar em greve, foi tomada em assembléia múltipla realizada na frente do Palácio do Governo pela parte da manhã de hoje que contou com mais de 10 mil profissionais. Os professores realizaram a ultima tentativa para que o governador entrasse em acordo, mas nada conseguiram. O governador, que é conhecido como pouco afeito à política da educação, apesar de no passado ter se alcunhado de comunista e o comunismo acreditar que a educação muda o mundo, se manteve em sua peculiar decisão: tentar fazer prevalecer sua oferta. Oferta que foi acatada por alguns professores-pelegos. Quem sabe grandes admiradores e praticadores do capitalismo de consumo que leva os sujeitos-sujeitados a raciocinarem tendo como suporte cognitivo a força capturadora dessa subjetividade alienante.

      Agora, pela parte da tarde, os profissionais da educação encontram-se realizando assembleias em seus setores escolares discutindo os temas pertinentes aos seus objetivos profissionais. Já, amanhã, pela parte matutina, eles irão produzir uma reunião na frente da Arena do Amazonas, para sem seguida se dirigirem em passeata até o centro da cidade de Manaus. 

      Avante, Companheiros!  

      

    

BLOG AFINSOPHIA COMUNICA AOS ACESSANTES: O WORDPRESS USA ESPAÇO DO BLOG PARA FAZER PUBLICIDADE SEM AUTORIZAÇÃO

Colcha de Retalhos

Colcha de Retalhos. Logo da Associação Filosofia Itinerante (AFIN)

 Breve histórico-virtual. O Blog Afinsophia, corpo-virtual da Associação Filosofia Itinerante (AFIN), iniciou contrato com o WordPress no mês de agosto do ano de 2007. Portanto, há exatamente 10 anos. Tratou-se de um contrato discriminado como plano de domínio. O que significava que o WordPress não poderia exibir publicidade no espaço-virtual do blog em virtude do mesmo não ter qualquer interesse em participar do mundo enebriante da publicidade-capitalista, visto que como um englobante-filosófico acredita no escritor George Orwell quando ele diz que a publicidade é o fruto mais sujo do capitalismo.

   Pois bem, passada toda essa década o contrato foi cumprido. Porém, a partir de umas semanas para cá começou aparecer no Afinsophia propagandas sem qualquer autorização da direção do blog. Como o blog é acessado e seguido por pessoas que acreditam nos discursos expressados e defendidos por ele, como verdades necessárias para criação de novas formas de sentir, ver, ouvir e pensar,como afirmam os filósofos Deleuze e Guattari,  tínhamos a obrigação de procurar saber o motivo de tal procedimento do WordPress, porque para nós trata-se de uma violência contra o corpo-virtual-filosófico do blog que atua junto com a inteligência coletiva na produção  ontológica do existir.

    Diante de nossa inquirição o WordPress informou que as propaganda estavam sendo exibidas porque nosso plano permitia e que se quiséssemos  impedi-las teríamos que contratar outro plano. E mais, que os anúncios eram para pagar os custos. Orá, nós pagamos todo ano a taxa referente ao direito de domínio, como já foi escrito, que significa que o WordPress não oferece gratuitamente o espaço-virtual usado pelo Afinsophia. E mais do mais, o WordPress usa o espaço dos blogs que não têm plano de domínio para exibir publicidade. Para isso basta que o blog tenha um bom acesso. Um exemplo: quando no passado deixamos de pagar a taxa, logo começaram a desfilar propagandas. Quando pagamos a anualidade elas foram retiradas. 

    Como esse comunicado visa especialmente nossos acessantes e seguidores, queremos informar que estamos tomando as devidas providências, com possibilidade de acabar o contrato com o WordPresss.

                                                Abraços afinsophianados.    

A HORA É ESSA! PARTE DO BRASIL-DEMOCRÁTICO SE MOVIMENTANDO EM CURITIBA COMO APOIO AO HOMEM-POLÍTICO LULA!

Conforme o tempo vai passando mais o devir-democracia se movimenta, em Curitiba, como realidade justa em defesa do homem-político Lula. São milhares de pessoas formando o que a filósofa Bárbara Cassin afirma como democracia: a multiplicidade dos iguais. O pletos: ser igual sem perder sua singularidade, o que faz cada um ser em si mesmo, mas como político, o outro como si. Nada do que os nazifascistas entendem nem intelectualmente e nem afetivamente, posto que são aberrações que não chegaram a dimensão do humano. Daí porque cultuam tânatos: a morte. Têm pavor da vida. Degenerados geneticamente querem que os vivos paguem por seus corpos anemizados.

São milhares chegando a cidade de Curitiba para participar da manifestação que mostra o quanto o homem-político Lula é respeitado, amado e exaltado. O mote cruel da inveja dos nazifascistas que sequer desconfiam que o invejoso quer ser o objeto de sua inveja, como diz o antipsiquiatra David Cooper. Assim, como o ato de odiar é querer ter o outro. Psicótico delírio: como um nazifascista poderia ser o homem-político Lula? Como um nazifascista poderia ter Lula? Diria o filósofo Spinoza: não há noções comuns entre os dois. Os nazifascistas são aberrações da vida, Lula, como o devir-povo brasileiro, é vida original.

Porém, tratando-se de nazifascistas, a sociedade brasileira não os entende como apenas os que expressam suas degenerações através de atos de violência material ou tentativas de ofensas delirantes na internet em formas de comentários em site e blogs, mas também também os que são claramente antidemocratas. Os que se simulam um estado civilizatórios, mas são claros predadores da vida harmônica em sociedade como são os casos das mídias-capitalistas, alguns representantes de instituições que exacerbam a patologia das mesmas como aparelhos ideológicos do Estado-burguês.

São aqueles que o filósofo Deleuze em seu artigo Dois Regimes de Loucos chama, pegando a enunciação do psiquiatra Clérambault, de dois grupos de delírio o paranoico e o passional. São eles os passionais que se comportam como se fossem normais, como todo burguês, mas são impulsionados para atos contrários a existência democrática, e, todavia, não tomam seus atos como psicóticos, atos de quem não sabe existir em hegemonia democrática, mas como normalíssimo, postos que lhes trazem segurança e prazer. Exemplo (nem precisava)? Os golpistas.

Daí, por que o movimento real encontra-se se atualizando (atualizando no sentido de formação do virtual, como potência do real, em atual) em forma, substância, conteúdo e expressão democrática na racional e ética Curitiba. Tudo que os degenerados nazifascistas não percebem e não concebem. Para eles não existe cidade, já que cidade é produção das relações sociais nascidas da alteridade, tolerância e cooperação entre todos os habitantes.

A hora é essa! A hora do homem-político-Lula!

ARTISTAS GRAVAM VÍDEO EM DEFESA DA CAUSA INDÍGENA: “DEMARCAÇÃO JÁ!”. ENQUANTO ISSO A POLÍCIA VIOLENTA OS INDÍGENAS, EM BRASÍLIA

demarcação

 Dois vídeos duas perspectivas. Uma movida pela razão crítica que denuncia a expropriação dos indígenas de suas terras, roubados, agredidos e vilipendiados em seus direitos originais de habitantes do país chamado de Brasil. O vídeo reúne dezenas de artistas do Pará, como Dona Onete, a Paraíba, como Chico Cesar, passando pelo Rio de Janeiro, São Paulo, Maranhão, Bahia, Minas entre outros estados: “Demarcação Já!”.

 A outra perspectiva carece de descrição, visto que a cena já se tornou habitual no Brasil: a Polícia violentando que luta por seus direitos. Desta feita foi mais uma vez membros das comunidades indígenas.

   Veja, ouça os vídeos e expanda sua consciência democrática.

    E não esqueça: Dia 28 o Brasil vai reverberar sua necessidade maior: ser um copro-político respeitado em seus direitos. É dia de Greve Geral! Em algumas capitais já foi confirmado ponto facultativo.

     Vamos todos afirmar nosso direitos que estão sendo roubados pelos golpistas que estão depredando o copro do País! 

 

 

AQUI PSEUDOS DEPUTADOS DO AMAZONAS INIMIGOS DOS TRABALHADORES: PAUDERNEY, ATILA LINS, SILAS CÂMARA E SABINO CASTELO BRANCO

 painelll

A aprovação do Projeto de Lei 4.302/1998, de autoria do Executivo, com 231 votos a favor, 188, contra, e, 8 abstenções, libera a terceirização para todas atividades das empresas. É um atentado predador aos direitos dos trabalhadores, porque vai roubar a carteira assinada e os direitos trabalhistas por contratos temporários de trabalho. Tudo que os patrões exploradores e embrutecidos em suas voracidades pelo lucro máximo, queriam.

   Os golpistas, embora tenham levado a vantajem sórdida (na sordidez não há vantagem) para explorar e denegrir a força de trabalho dos trabalhadores historicamente em luta por seus direitos, nessa votação não tiveram os mesmos números de votos de tempos passados. Alguns golpistas votaram contra como foi o caso dos deputados do Amazonas, conhecidos sobejamente como antidemocratas, Hissa Abrão (PDT), Conceição Sampaio (PP), Alfredo Nascimento (PR) e Arthur Virgílio Bisneto (PSDB) (filho de Arthur que quando senador afirmou surrar Lula). Mudaram seus votos talvez imaginando as eleições de 2018 temendo não conseguir qualquer voto de trabalhadores. A não ser voto de falso trabalhador conformado com sua situação de escravo. 

    Esses deputados votaram contra a terceirização impulsionados pelo calculismo-eleitoral, mas o eleitor não esquece seus passados antidemocratas, principalmente quando participaram fortemente na trama do golpe que destituiu a presidenta Dilma Vana Rousseff eleita com mais de 54 milhões de votos democráticos. O eleitor não esquece e aquele que esquecer será lembrado pela campanha que vai ser desencadeada pelos democratas para que eles não sejam reeleitos.

    Porém, alguns pseudos deputados do Amazonas são como consciência-molar: não mudam. O vetusto Átila Lins, o mais velho do Amazonas, vitalício de eleições, continua uma bruta antidemocracia. Sempre reacionário sem qualquer vibração de pós-modernidade. Sua biografia vem do tempo da Arena, a falsa agremiação política criada pela ditadura,a Aliança Renovadora Nacional, partido dos ditadores, e no Amazonas aliado fiel dos mais reacionários governadores e prefeitos que estão impondo um atraso de mais de 30 anos no estado.

    Irmanado com Átila Lins tem o conhecido folclórico Pauderney, do DEM, que jamais esboçou qualquer sinal de democrata. Como Átila Lins, é produto de governadores reacionários que paralisaram o estado. Não expira qualquer corpo cognitivo de uma política racional que possa encadear potências criadoras de novas formas de existir comunitariamente. Na mesma esteira de desnecessidade para o estado, aparece o evangélico da Assembleia de Deus, Silas Câmara, um falso pastor cuja missão é ir ajudando a embotar a razão dos eleitores com suas promessas mistificadoras que só mantém os eleitores no solo da conformidade passiva.

    Agora, de volta, o mesmo Sabino Castelo Branco de antes. Como não havia sido eleito, ficou na suplência de Marcos Rotta, hoje vice-prefeito de Arthur Neto. Como trata-se de escola antidemocrática, Sabino, como bom aluno dos governadores reacionários, sempre foi uma falsa representação democrática do Amazonas na Câmara Federal. Como bom discípulo-reacionário, votou contra os trabalhadores. O que não podia ser diferente. Manteve sua consciência politicamente alienada.  

     Em síntese, como diria o filósofo político Rui Brito (ex-PCdoB), eles todos estão certos em suas posições alienadas da política como produção de existências gratificadas. Por essas posições deverão sofrer uma forte campanha para que não sejam reeleitos para o bem do estado do Amazonas. O Amazonas não suporta mais uma representação tão alienada como esta atual.

A AVENIDA PAULISTA É DO POVO EXPRESSADO PELO MTST

Ocupe a Avenida Paulista reverbera democracia como direito de todos, inclusive ter moradia digna de ser humano.

ENUNCIAÇÕES DOS FILÓSOFOS DELEUZE, GUATTARI E SARTRE PARA COMPREENDER O OLHAR DO CÚMPLICE DE TEMER, ALEXANDRE DE MORAES

Resultado de imagem para imagens do ministro da justiça alexandre moraes

Resultado de imagem para imagens do ministro da justiça alexandre moraes

Resultado de imagem para imagens do ministro da justiça alexandre moraes

As relações entre homens e mulheres se materializam primeiramente através da fenomenologia do corpo. O corpo à distância, já que o homem é um ser das distâncias, como bem disse o filósofo Nietzsche. Eu vejo alguém que passa na calçada em uma perspectiva de corpo inteiro. É esse ser fenomenológico do outro que determina minha consciência como reflexão de que alguém é observado por mim. Se me aproximo desse outro, e então percebo seu rosto, tenho o ser do fenômeno de seu rosto. Aí, posso estabelecer compreensões sobre esse outro. 

      O senso comum carrega sua psicologia de interpretação dos traços dos rostos das pessoas acreditando no que ele encontra as pessoas inteiras expressadas em cada rosto. “Tem um rosto bom. Tem rosto de ladrão. Tem rosto de psicopata”.  Na verdade, não passa de projeção do interpretador sobre o outro. Não há aí nem um indicador filosófico, mas tão somente linguagem resultante do processo de seleção, classificação e hierarquização que o interpretador foi submetido pela voz de comando do poder dominante. Classificar tipos é o que o poder dominante quer para se manter protegido.

     Como o desgoverno golpista oferece um rico leque de personagens que servem a estudos para além dos sociológicos, que leva muitos articulistas, juristas, intelectuais, sindicalistas, estudantes, a sociedade civil, em suas nuances democráticas, a se dedicarem aos entendimentos e opiniões, hoje, o personagem mais em evidência para estudos é o indicado de Temer para o Supremo Tribunal Federal (STF), Alexandre de Moraes.

     Apenas como breve contribuição para esses estudos, nós apresentamos duas enunciações dos filósofos Deleuze e Guattari e Sartre para a compreensão dos rostos e do olhar do indicado de Temer.

      Os filósofos Deleuze e Guattari, no 3 Volume da obra Mil Platôs – Capitalismo e Esquizofrenia, afiram que o homem nasce com cabeça, mas sem rosto. O rosto é uma produção. “O rosto não é um involucro exterior que fala, que pensa ou que sente”. O rosto é um sistema muro-branco-buraco negro, onde são inscrito uma semiótica significante e uma subjetivação. A rostidade. O muro do significante e o buraco-negro da subjetivação.

    Os dois filósofos resume assim o conceitos de rostidade: “Os rostos concretos de uma máquina abstrata de rostidade, que irá produzi-los ao mesmo tempo que der ao significante seu muro branco, à subjetividade seu buraco negro”. Os dois filósofos afirmam que não há nada a explicar e interpretar, mas sabe-se que a máquina abstrata produz rostidade paranoica como o rosto-significante-subjetividade-capitalista.  Entretanto, todo rosto pode ser destruído para fazer surgir outro. Possivelmente a rostidade revolucionária.

       A enunciação do filósofo Sartre é endereçada a fenomenologia do olhar que é desenvolvida em sua obra O Ser e O Nada. Para Sartre a questão não são os olhos, mas o olhar. Como toda pessoa é liberdade, todo olhar é um olhar que se quer transcendência-transcendida. Ou seja, todo olhar como liberdade transcendência-transcendida propende a coagular, empastar o olhar-liberdade do outro.

     Em outro entendimento. Eu sou surpreendido por alguém me olhando. Pronto! Volatizou minha liberdade. Agora sou objeto posicionado do olhar do outro. Poderia até se dizer que vivencio um instante de nadificação do meu Para-si. Sou um imobilizado Em-si. Impotente diante desse olhar que me coloca no “olho do mundo”. É semelhante à vergonha que vivencio quando estou atento a olhar uma situação que tomo como proibida e sou surpreendido com alguém me olhando. Deixo de ser sujeito do olhar para me tornar objeto do olhar do outro que com seu olhar mantém sua liberdade, enquanto eu perco a minha como objeto dele. A conhecida sangria existencial.

      Deleuze e Guattari não aceitaram a fenomenologia do olhar apresentada por Sartre, e também a teoria do olhar apresentada por Lacan que foi extraída de Sartre. Todavia, para o propósito desse texto tanto o conceito de produção de rostidade de Deleuze e Guattari e a fenomenologia do olhar de Sartre servem para o nosso propósito.

       No caso do cúmplice de Temer, Alexandre de Moraes, trata-se de se observar sua rostidade como significante de uma semiótica voz de comando em que as inscrições codificadas ficam bem visíveis e concretizadas por força de suas condutas. E observar no rosto, espaços que ainda não foram fixadas inscrições tanto da linguagem significante a da subjetivação. Claro que as análises da psicologia dos tipos não chegam a esse agenciamento das máquinas abstratas produtoras de rostidade, porque se resumem a relação objetiva de comportamentos.

       Já a fenomenologia do olhar de Sartre endereça ao olhar-sujeito como liberdade transcendência-transcendida sobre a liberdade do personagem que em um momento de sua existência foi surpreendido pelo olhar que empastou sua liberdade impossibilitando sua transcendência-transcendida, vocação do Para-si. O sujeito-olhar determinou nele a situação de objeto-olhado empastado. Um olhar inquiridor, reprovador, punitivo, judicativo lhe imprimiu um olhar-culpa, olhar-medo, olhar-desconfiança, olhar-defensivo.

       Como as pessoas de seu círculo estão mais preocupadas com suas atuações-egoícas não percebem seu olhar. E também, seu olhar-culpado é deslocado do olhar dos outros por suas performances tidas por alguns como desajeitadas que leva os analistas políticos, jurídicos, e outros, o classificarem como um ministro sem os elementos essenciais para ocupar o cargo no STF. Mas é preciso entender que suas performances são suas defesas para ocultar a força do olhar que lhe imobilizou para que ele não se veja descoberto sem a liberdade ontológica que ficou presa no olhar do outro que para si foi seu primeiro olhar-original no mundo. O olhar que colocou no mundo. Um mundo ameaçador. Uma demonstração existencial: seu autoritarismo. Trata-se de defesa contra o olhar-medo.

      Se tomarmos Deleuze, Guattari e Sartre como fundamentação para aproximação com os outros, fica fácil de entender que Lula e Dilma falharam nas escolhas dos ministros para o STF, porque não levaram em conta a rostidade e a fenomenologia do olhar.

       Atenção, Lula, em 2018! A questão não é o rosto, é a rostidade. A questão não são os olhos, mas o olhar.  

DEPUTADO PAULO PIMENTA VAI À JUSTIÇA PEDIR O AFASTAMENTO DO DELEGADO ‘TIMINGUISTA’ (MOMENTO CERTO) IGOR DE PAULA DA PF POR SUA ATITUDE “CRIMINOSA” E “COVARDE” PARA ATINGIR LULA

Resultado de imagem para foto do deputado paulo pimenta do pt

Resultado de imagem para imagem do delegado da policia federal igor romario de paula

Veja o vídeo em que o deputado Paulo Pimenta vai à justiça pedir a punição do delegado da Polícia Federal Igor Romário de Paulo, que segundo o deputado fez campanha para Aécio, para que ele seja punido por afirmar em entrevista que Lula pode ser preso em 30 ou 60 dias.

      Aqui o vídeo.

 

ADVOGADOS DE LULA PUBLICAM NOTA CONTRA DECLARAÇÃO DO DELEGADO DA POLÍCIA FEDERAL IGOR DE PAULA QUE EM ENTREVISTA A MÍDIA REACIONÁRIA AFIRMOU QUE LULA PODE SER PRESO DENTRO DE 30 OU 60 DIAS

delegado

 É simplesmente fácil de entender. O delegado da Polícia Federal Maurício Moscardi Grillo, semanas passadas, concedeu entrevista a revista reacionária Veja que foi uma das explícitas integrantes do golpe que assaltou o governo Dilma eleita com mais de 54 milhões de votos genuinamente democrático. Na entrevista, o delegado afirmou que a PF havia “perdido o timing” para prender o ex-presidente Lula.

 Agora, Igor Romário de Paulo, delegado da Polícia Federal, coordenador das investigações da Operação Lava Jato, preste a concluir dois inquéritos contra Lula, contradisse seu companheiro de instituição. Igor disse que o “timing” para prender Lula pode aparecer em 30 ou 60 dias.

    “Não acho que a gente perdeu o timing. Esse timing pode ser daqui a 30 dias, daqui a 60 dias”, afirmou.

    Leia a nota publicada pelos advogados de Lula.

   Sobre a entrevista concedida pelo Delegado Igor Romário de Paula ao portal UOL (27/01/2017), fazemos os seguintes registros, como advogados do ex-Presidente Luiz Inácio Lula da Silva:

1- A divulgação pela imprensa de fatos ocorridos na repartição configura transgressão disciplinar segundo a lei que disciplina o regime jurídico dos policiais da União (Lei no. 4.878/65, art. 43, II). Além disso, a forma como o Delegado Federal Igor Romário de Paula se dirige ao ex-Presidente Lula é incompatível com o Código de Ética aprovado pela Polícia Federal (Resolução no. 004-SCP/DPF, de 26/03/2015, art. 6o, II) e com a proteção à honra, à imagem e à reputação dos cidadãos em geral assegurada pela Constituição Federal e pela legislação infraconstitucional e, por isso, será objeto das providências jurídicas adequadas;

2- Ao renovar uma abordagem sobre hipotética privação da liberdade do ex-Presidente sob o enfoque de “timing” ou sentido de oportunidade, o Delegado Federal Igor Rodrigo de Paula deixa escancarada a natureza eminentemente política da operação no que diz respeito a Lula. Há pré-julgamento, parcialidade, vazamentos e comportamentos que violam a ética e a conduta profissional por parte de diversas autoridades envolvidas nas investigações e processos referentes ao ex-presidente. É o “lawfare”, como uso da lei e dos procedimentos jurídicos para fins de perseguição política, exposto reiteradamente pela defesa de Lula, que fica cada vez mais claro a cada pronunciamento de agentes públicos que participam da Operação Lava Jato;

3- Agentes públicos que se valem do cargo para promover atos lesivos à honra de Lula ou de qualquer cidadão cometem abuso de autoridade, na forma do artigo 4o., alínea “h”, da Lei no. 4.898/65. Por isso, o conteúdo da entrevista concedida pelo Delegado Federal Igor Romário de Paula deve ser investigada e punida, se constatada ocorrência do ilícito, independentemente de “timing”. Ninguém está acima da lei, quanto mais as autoridades encarregadas de garantir o seu cumprimento;

4- A declaração do delegado Igor de Paula caracteriza coerção moral ao ex-Presidente e ataque à sua imagem pública. É inadmissível que um agente do estado se pronuncie sobre investigação ainda em curso, sob sua responsabilidade, com o claro objetivo de constranger um cidadão, em desrespeito ao direito de defesa e ao devido processo legal.

O fato presente é mais uma evidência de que alguns integrantes e mesmo coordenadores da Operação Lava Jato desviaram-se do objetivo da investigação, para atuar na perseguição ao ex-presidente, mesmo sem existir evidências de delitos ou provas de qualquer tipo contra Lula.

 

A CONFEDERAÇÃO NACIONAL DOS TRABALHADORES EM EDUCAÇÃO, DIANTE DA RUPTURA DO PROCESSO DE DEMOCRATIZAÇÃO DA EDUCAÇÃO PÚBLICA POR FORÇA DO DESGOVERNO GOLPISTA TEMER, DECIDIU REALIZAR GREVE NACIONAL NO DIA 15 DE MARÇO

 A Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE), frente aos desmandos provocados pelo desgoverno golpista-Temer, obstruindo direitos garantidos e impossibilitando avanços na educação, desmonte da Previdência Social, alteração nas leis Trabalhistas e outras violências contra os direitos do trabalhador brasileiro, decidiu tirar pauta de greve nacional depois do 33° Congresso Nacional da CNTE, ocorrido entre os dias 12 e 15 de janeiro de 2017. O dia escolhido foi o dia 15 de março.

  A CNTE, embora esteja preocupada com todos os retrocessos impostos ao povo brasileiro pelo irracional, estúpido e bruto desgoverno golpista-Temer, tem como pontos principais de seu combate sois seguimentos político-social-jurídico. Combate a proposta à reforma da Previdência defendida pelo desgoverno, e cumprimento integral da Lei do Piso Nacional do Magistério. 

    Hoje, dia 23 de janeiro, a CNTE publicou nota informando ao povo brasileiro e sua categoria a decisão pela greve nacional a partir do dia 15 de março.

     Leia a nota e divulgue se você é comprometida (o) com a sensibilidade, a inteligência e a ética do povo brasileiro.

O 33º Congresso Nacional da CNTE, ocorrido de 12 a 15 de janeiro de 2017, deliberou a deflagração de GREVE NACIONAL DA EDUCAÇÃO, a partir de 15 de março. Os eixos centrais da greve são a nefasta Reforma da Previdência, encaminhada pelo governo golpista de Michel Temer ao Congresso Nacional (PEC 287/16), e o cumprimento integral da Lei do Piso Nacional do Magistério. Outras pautas serão agregadas nos estados e municípios, de acordo com as realidades locais.

O Congresso da CNTE considerou inevitável a realização da greve nacional em função dos desdobramentos do golpe jurídico-parlamentar e midiático no Brasil, que busca:

  • – Afrontar o Estado Democrático de Direito previsto na Constituição;
  • – Substituir as políticas de distribuição de renda por políticas de terceirização e privatização;
  • – Engessar o Estado brasileiro impedindo-o de promover o crescimento econômico por meio do congelamento dos investimentos por 20 anos;
  • – Impor uma REFORMA DA PREVIDÊNCIA que castigará a classe trabalhadora e os mais pobres do país, especificamente na educação as mulheres, patrocinando o desmonte da previdência pública e promovendo os fundos privados.

O golpe no Brasil teve por objetivo devolver o poder político às elites, abrindo caminho para a privatização de empresas públicas e das riquezas minerais, recolocando o país na agenda global do neoliberalismo, inclusive transferindo serviços e fundos públicos para o mercado, em especial os de educação, saúde e previdência.

Ademais, o golpe se mostra orquestrado na América Latina e requer a união dos/as trabalhadores e dos movimentos sociais para contrapor a hegemonia neoliberal e conservadora na Região. E a CNTE encampa a luta de resistência e luta com a urgência que a conjuntura necessita, esperando agregar outros atores sociais na greve nacional.

Portanto, a GREVE NACIONAL DA EDUCAÇÃO caminha na perspectiva de fortalecer a construção da GREVE GERAL da Classe Trabalhadora, a ser convocada pelas centrais sindicais.

CALENDÁRIO DA GREVE NACIONAL DA EDUCAÇÃO

– Demarcar o dia 8 de março (Dia Internacional da Mulher) para realização de Assembleias Gerais nos sindicatos locais, com atos e passeatas para deliberar sobre o início da Greve em cada uma das redes de ensino do país.

– Até 14/03 – Mobilização de preparação da Greve Nacional da Educação.

– Dia 15/03 – indicativo para o início da Greve Nacional da Educação.

– Dia 25/03 – Reunião da Coordenação Nacional da Greve Nacional.

– De 27 a 31/03 – Período para as entidades filiadas à CNTE e entidades parceiras realizarem avaliações do movimento paredista.

 

FILMAGEM SÁDICA DE “QUATRO VIDAS DE UM CACHORRO” MOSTRA OBSCENIDADE ANTROPOMÓRFICA DA AMBIÇÃO DO LUCRO SOBRE OS ANIMAIS

peta

 O filósofo Jean Baudrillard mostra a obscenidade como êxtase do real. A dissipação do real pelo virtual. O fim da objetividade como referência dos sujeitos reais. A antropomorfização dos animais, atribuir sentimentos chamados humanos aos animais, é uma forma de obscenidade. O animal perde seu instinto natural, sua natureza, através da força obscena do homem.

 Desde pequena a criança, e os adultos e idosos de hoje, é obrigada a ter dos animais um entendimento “humanizado”. Cujo objetivo é tornar o animal seu parceiro. Principalmente quando é uma criança criada sozinha, sem irmãos, ou colegas com quem ela possa distribuir vivências reais.

    Antropomorfizados os animais foi fácil transformá-los em fonte de lucro. O circo é um cruel exemplo. Com a indústria cinematográfica, essa fonte de lucro foi super dimensionada. Disney que o diga. Sem essa violência contra os animais não haveria esse pseudo mundo infantil que é a Disney World. A ilusão compensatória de adultos cujas infâncias foram obstruídas. A mentira satisfatória, como diz Baudrillard, para o adulto acreditarem que existe um mundo adulto fora da Disney.

  Seguindo essa fonte perversa de lucro, o deus Mamon do capitalismo, a companhia de filmes Universal Pictures resolveu produzir o filme “Quatro Vidas de Um Cachorro”, que conta a luta do cachorro, personagem principal, por sua sobrevivência, e que será lançado no dia 28 de janeiro. Só que durante as gravações, o cachorro, melhor amigo do homem, homem que não alcançou o grau superior da amizade, é continuamente violentado para realizar os objetivos das filmagens que vão servir de adestramento sensorial e mental do público cúmplice. Que vai pagar o ingresso para confirmar sua cumplicidade antropomórfica. E voltar para casa, se tiver algum bichinho doméstico, para transferir sua cumplicidade ao amigo do lar.

   O técnico-homem das gravações, amigo do cachorro, tenta jogar o amigo de Lázaro – esse era amigo – em uma piscina simulando correnteza, mas o amigo de Lázaro se opõe à tortura. O técnico-homem não quer que o personagem principal tenha um momento de autonomia e o tenta jogar da água. O cachorro, amigo de Lázaro, reluta, mas é empurrado para o sadismo dos produtores do filme. Até que o cachorro afunda e os técnicos e a direção ficam preocupados. Preocupação não com o cachorro, é óbvio, mas a perca de lucro se o cachorro morre.

   O site TMZ obteve o vídeo e jogou na rede. A maior ONG do mundo responsável pela defesa dos animais A People For The Ethical of Animals (PETA) entrou em ação e já deflagrou o boicote ao filme que para ser realizado violentou o amigo de Lázaro. Daí, a lógica capitalista ser um estrondoso deboche contra o público: segundo os realizadores o filme é uma mensagem de amor pelos animais. Há quem goste desse tipo de “amor”, mas não os animais.

   Síntese da antropomorfização-fílmica: o mal contra o cachorro como forma de entretenimento para fortalecer o mal que é capitalismo.

    Vejam o vídeo, ouçam e constitua sua consciência defensora dos direitos à vida dos animais. E de quebra, se nega a seguir o êxtase do real, a obscenidade.

     E aqui o trailer do filme para os cúmplices da violência contra os animais. É tão bonitinho! Parece comigo.

EM MANAUS JUIZ MANDA PRENDER DIRETORIA DOS RODOVIÁRIOS EM FUNÇÃO DA GREVE GERAL

Resultado de imagem para imagens do sindicato dos rodoviarios de manaus

 A questão da luta pelos direitos dos rodoviários em Manaus é muito antiga. A relação íntima dos empresários de transporte coletivo com os prefeitos cria um grande obstáculo para que essa questão seja solucionada. Em tempo de eleição já é comum candidatos receberem auxílio desses empresários. Fato que compromete todos os seguimentos desse serviço público, como o caso dos direitos dos rodoviários.

Na manhã de hoje, dia 17, esses profissionais iniciaram uma greve que alcançou 100% de seus profissionais. O que significou que a população que depende do transporte coletivo foi mais afetada. Que é a maioria da população de Manaus. Diante da situação de paralisação geral, o juiz plantonista Adilson Maciel Dantas, determinou, através de liminar, que os rodoviários colocassem em circulação 100% da frota de ônibus. Como a diretoria do sindicato decidiu continuar a greve o juiz mandou prender os responsáveis pela greve.

 “Não sei em quem o Sindicato dos Trabalhadores se confia para desafiar, de forma tão desarvorada, o cumprimento de uma ordem judicial e, pior, adotando uma posição que compromete toda a sociedade que depende desse serviço de transporte coletivo – que é de natureza essencial.

Quantos perderam o dia de trabalho, o dia de aula, tudo por conta de uma decisão irresponsável, autoritária, que desafia  que desafia o Poder Judiciário, afronta o Estado Democrático de Direito e pretende impor à Justiça e à sociedade as decisões unilaterais do Sindicato obreiro, em detrimento de toda a sociedade?

   Cumpra-se, como de estilo, porque decisão judicial foi feita para ser cumprida ou discutida pelas vias legais, nunca por simples voluntarismo de quem quer que seja”,  “, disse o juiz.

 A decisão do juiz determina as prisões dos seguintes dirigentes: Givancir de Oliveira Silva, Josildo de Oliveira Silva, Élcio Campos Rêgo, João Batista Rodrigues do Nascimento, Jaildo de Oliveira Silva – o Jaildo dos Rodoviários, vereador reeleito pelo PC do B, e Josenildo de Oliveira e Silva. 

    E a população pergunta: “E por onde anda o prefeito?”. 

   O prefeito é Arthur Neto, do PSDB, que quando senador ameaçou surrar Lula. E quando pela primeira vez eleito prefeito de Manaus nos tempos de Collor, em sua campanha, afirmou resolver os problemas do transporte coletivo em Manaus. Hoje, em seu terceiro mandato, esse tipo de serviço público continua pior do que antes. 

 

  

RELATÓRIO DA ONG OXFAM SOBRE A POBREZA LEVA BRASILEIROS A LEMBRAR DO CRESCIMENTO DA RENDA DOS MAIS POBRES NO GOVERNO POPULAR DE LULA

Todo brasileiro preocupado com a existência do homem no planeta Terra se indigna com a perversidade na distribuição da riqueza, onde apenas oito homens representam a riqueza contra 3.6 bilhões de pobres. Um demonstrativo confirma que 99% da riqueza do mundo encontra-se nas mãos desses homens, enquanto 1% é excluído de seus direitos fundamentais. 

   O relatório da ONG Oxfam, publicada aqui nesse blog, mostrando o quadro atual da desigualdade entre os ricos e pobres, confirma o grau de irracionalidade e perversão que predominam no planeta referente a satisfações dos direitos básicos da maioria da população mundial.

    Diante da publicação do relatório, o ex-presidente Lula, autor da maior revolução social que atingiu quase 40 milhões de brasileiro que se encontravam na faixa da miséria, divulgou em seu facebook traços de seu governo popular que beneficiou esses milhões de brasileiros. Uma ética realidade econômica que contrastava, de certa forma, com os documentos do relatório, e, mais ainda, com a pobreza do Brasil dominado pelos golpistas. 

“Durante o governo Lula, o crescimento da renda dos mais pobres foi 3 vezes maior do que a dos mais ricos. Mais de 36 milhões de brasileiros saíram da extrema pobreza. Tudo graças a iniciativas como a valorização do salário mínimo, aos programas sociais como o Bolsa Família e à democratização do acesso ao crédito, a moradia, à saúde e à educação”.

Saiba mais: http://brasildamudanca.com.br/inclusao-soci…/inclusao-social

MORO ELOGIA DUAS VEZES CRISTIANO ZANIN, ADVOGADO DE LULA

zandes

   No vídeo divulgado pelo site Migalhas, além do evidente posicionamento de Moro, se observa um momento em o juiz premiado pela Rede Globo e IstoÉ, entre outras entidades, há um momento que poucas pessoas perceberam. É quando ele elogia Cristiano Zanin, advogado de Lula.

O elogio salta duplamente. Uma quando Zanin afirma que “da mesma forma como as pessoas estão sujeitas a determinadas ações, as autoridades devem estar”, e Moro responde, “Tá bom. Uma linha de advocacia muito boa”. Moro fez o elogio porque ele sabe que Zanin argumentou juridicamente. A outra quando Zanin afirma que recebe “como elogio” a observação de Moro, e Moro responde, novamente, “Tá bom”.

Zanin – Eu acho que ninguém esta acima da leia. Então, da mesma forma como as pessoas estão sujeitas a determinadas ações, as autoridades devem estar.

Moro – Tá bom, doutor. Uma linha de advocacia muito boa.

Zanin – Faço registro de vossa excelência e recebo como elogio.

Moro – Ta bom.

Ouça e veja o vídeo publicado pelo Migalhas.

NINGUÉM SEGURA LULA EM 2018. É O QUE MOSTRA A PESQUISA DO REACIONÁRIO DATAFOLHA

          A questão é simples de entender. Há basicamente no mundo duas subjetividades que contribuem com seus corpos para estruturação dos sujeitos. Uma a subjetividade capitalista muito bem imobilizada pelos elementos que se foram cristalizando durante seus ambiciosos percursos e que se transformaram em subjetividade a ser defendida. Significando que o capitalismo como subjetividade do lucro mantém continuamente um programa de defesa dessa subjetividade se propagando em seu exército de alienados.

       A subjetividade capitalista, em sua molaridade, não pretende nada mais do que defender seu corpo lucrativo. Por isso não esperar nada de novo, nada de criativo nessa subjetividade. Tudo que ela reflete são apenas ficções saídas das imagens que lhes formam. Significa que a subjetividade capitalista é o império dos estereótipos, clichês e simulações. Dessa subjetividade pode-se usar o aforismo grego: “Não há nada de novo sob a luz do sol”.

      O exemplo cristalino de que essa subjetividade só tende a repetição do já dado, do já estabelecido, do corpo inativo ou desativado, é o golpe. Os golpistas tentam de todas as formas que lhes competem, desenterrar o corpo fétido que foi pulverizado pelos governos populares Lula/Dilma. Uma vivência jamais sentida na história do Brasil. Os golpistas querem que o novo, apresentado pelos governos populares, seja dissipado. Uma tentativa delirante, posto que o novo não pode ser atingido pelo que se encontra desativado. Os fantasmas não amedrontam os vivos.

      A outra subjetividade poderia ser tida, como nos mostra o filósofo Guattari, como molecular. Ou com Nietzsche, a subjetividade da vontade de potência, ou a subjetividade virtù, como pensa Toni Negri encadeado com Machiavel e Spinoza. O filósofo do aumento da potência de agir.

     Essa subjetividade não para de se expandir intensivamente, mesmo quando se defronta com obstáculos molares promovidos pela subjetividade capitalista. Essa subjetividade não é paralisada, porque é continuamente constituinte, sempre movimentada como devir processador da práxis e poieses. Ou melhor, como diz Marx, como “movimento real” que ultrapassa os estados de coisas estabelecidos como verdades eternas.

      É essa subjetividade inquieta, atuante e rica, que se mostra através dos sujeitos-livres que pensam Lula como o infinitamente representante da concretude do novo, porque ele, como potência do agir, compôs com a potência de agir dos movimentos que lhe antecederam que Guattari chama de cartografia de desejos. Os desejos políticos, sociais, econômicos, estéticos, antropológicos, etc. A cartografia sempre mutante e desterritorializante.

      Lula emerge, na pesquisa, superando todos os membros do PSDB em processo de delação: Aécio, Serra e Alckmin. Não esquecer que a pesquisa foi feita antes dos vazamentos que atingem profundamente os golpistas. Mesmo sendo um instituto de pesquisa da direita-golpista, a pesquisa mostra que Lula continua em ascensão na opinião do eleitor.

      Em março Lula tinha 15% de intenções, agora tem 25%. E, logicamente, embora a pesquisa não mostre, trata-se das potências de agir dos brasileiros que fazem parte da produção da cartografia de desejos da subjetividade-democrática-devirina.

      Muitos não entendem porque a mídia difamando constantemente a imagem que ela acredita ser de Lula, principalmente a corrupta Rede Globo, não consegue dissipar o Sapo Barbudo. Como também a obsessão de Moro. Não conseguem porque Lula é movimento, e como movimento é o contínuo novo. E “o movimento real” é o devir/vida, e o devir/vida é o Povo. Não o povo consignado pela sociologia-burguesa que lhe apresenta como um corpo capturado pela semiótica do Estado hegeliano que pode muito bem servir para os programas das estatistas, como diz o filósofo Baudrillard. Porém, o povo como acontecimento criador de sentidos e valores outros necessário para o viver comunalidade.

         Podem difamar que “o movimento real” é incapturável


USAR O CONTROLE REMOTO É UM ATO DEMOCRÁTICO!

EXPERIMENTE CONTRA A TV GLOBO! Você sabe que um canal de televisão não é uma empresa privada. É uma concessão pública concedida pelo governo federal com tempo determinado de uso. Como meio de comunicação, em uma democracia, tem como compromisso estimular a educação, as artes e o entretenimento como seu conteúdo. O que o torna socialmente um serviço público e eticamente uma disciplina cívica. Sendo assim, é um forte instrumento de realização continua da democracia. Mas nem todo canal de televisão tem esse sentido democrático da comunicação. A TV Globo (TVG), por exemplo. Ela, além de manter um monopólio midiático no Brasil, e abocanhar a maior fatia da publicidade oficial, conspira perigosamente contra a democracia, principalmente, tentando atingir maleficamente os governos populares. Notadamente em seu JN. Isso tudo, amparada por uma grade de programação que é um verdadeiro atentado as faculdades sensorial e cognitiva dos telespectadores. Para quem duvida, basta apenas observar a sua maldição dos três Fs dominical: Futebol, Faustão e Fantástico. Um escravagismo-televisivo- depressivo que só é tratado com o controle remoto transfigurador. Se você conhece essa proposição-comunicacional desdobre-a com outros. Porque mudanças só ocorrem como potência coletiva, como disse o filósofo Spinoza.

Acesse esquizofia.wordpress.com

esquizofia.wordpress.com

CAMPANHA AFINADA CONTRA O

VIRTUALIZAÇÕES DESEJANTES DA AFIN

Este é um espaço virtual (virtus=potência) criado pela Associação Filosofia Itinerante, que atua desde 2001 na cidade de Manaus-Am, e, a partir da Inteligência Coletiva das pessoas e dos dizeres de filósofos como Epicuro, Lucrécio, Spinoza, Marx, Nietzsche, Bergson, Félix Guattari, Gilles Deleuze, Clément Rosset, Michael Hardt, Antônio Negri..., agencia trabalhos filosóficos-políticos- estéticos na tentativa de uma construção prática de cidadania e da realização da potência ativa dos corpos no mundo. Agora, com este blog, lança uma alternativa de encontro para discussões sociais, éticas, educacionais e outros temas que dizem respeito à comunidade de Manaus e outros espaços por onde passa em movimento intensivo o cometa errante da AFIN.

"Um filósofo: é um homem que experimenta, vê, ouve, suspeita, espera e sonha constantemente coisas extraordinárias; que é atingido pelos próprios pensamentos como se eles viessem de fora, de cima e de baixo, como por uma espécie de acontecimentos e de faíscas de que só ele pode ser alvo; que é talvez, ele próprio, uma trovoada prenhe de relâmpagos novos; um homem fatal, em torno do qual sempre ribomba e rola e rebenta e se passam coisas inquietantes” (Friedrich Nietzsche).

Daí que um filósofo não é necessariamente alguém que cursou uma faculdade de filosofia. Pode até ser. Mas um filósofo é alguém que em seus percursos carrega devires alegres que aumentam a potência democrática de agir.

_________________________________

BLOG PÚBLICO

Propaganda Gratuita

Você que quer comprar entre outros produtos terçado, prego, enxada, faca, sandália, correia, pé de cabra ou bola de caititu vá na CASA UYRAPURU, onde os preços são um chuchu. Rua Barão de São Domingos, nº30, Centro, Tel 3658-6169

Pão Quente e Outras Guloseimas no caminho do Tancredo.
PANIFICADORA SERPAN (Rua José Romão, 139 - Tancredo Neves - Fone: 92-8159-5830)

Fique Frio! Sabor e Refrescância!
DEGUST GULA (Avenida Bispo Pedro Massa, Cidade Nova, núcleo 5, na Rua ao lado do DB CIdade Nova.Todos os dias).

O Almoço em Família.
BAR DA NAZA OU CASA DA VAL (Comendador Clementino, próximo à Japurá, de Segunda a Sábado).

Num Passo de Mágica: transforme seu sapato velho em um lindo sapato novo!
SAPATEIRO CÂNDIDO (Calçada da Comendador Clementino, próximo ao Grupo Escolar Ribeiro da Cunha).

A Confluência das Torcidas!
CHURRASQUINHO DO LUÍS TUCUNARÉ (Japurá, entre a Silva Ramos e a Comendador Clementino).

Só o Peixe Sabe se é Novo e do Rio que Saiu. Confira esta voz na...
BARRACA DO LEGUELÉ (na Feira móvel da Prefeitura)

Preocupado com o desempenho, a memória e a inteligência? Tu és? Toma o guaraná que não é lenda. O natural de Maués!
LIGA PRA MADALENA!!! (0 XX 92 3542-1482)

Decepcionado com seus desenganos? Ponha fé nos seus planos! Fale com:
PAI GEOVANO DE OXAGUIÃ (Rua Belforroxo, S/N - Jorge Teixeira IV) (3682-5727 / 9154-5877).

Quem tem fé naõ é um qualquer! Consultas::
PAI JOEL DE OGUM (9155-3632 ou paijoeldeogum@yahoo.com.br).

Belém tá no teu plano? Então liga pro Germano!
GERMANO MAGHELA - TAXISTA - ÁGUIA RADIOTAXI - (91-8151-1464 ou 0800 280 1999).

E você que gostaria de divulgar aqui seu evento, comércio, terreiro, time de futebol, procurar namorado(a), receita de comida, telefone de contato, animal encontrado, convites diversos, marocagens, contacte: afinsophiaitin@yahoo.com.br

Outras Comunalidades

   

Categorias

Arquivos

Blog Stats

  • 4.245.443 hits

Páginas

outubro 2021
D S T Q Q S S
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  

Arquivos