Archive for the 'Eleições' Category



CANDIDATOS-GOLPISTAS AO GOVERNO DO AMAZONAS ESTÃO FAZENDO DA UNIVERSIDADE DO ESTADO DO AMAZONAS OBJETO DE EXPLORAÇÃO PARA SEDUZIR ELEITORES INCAUTOS

Resultado de imagem para imagens do senador eduardo braga com amazonino

Produção Afinsophia.

 Muito simples. 

 O reitor da Universidade do Estado do Amazonas (UEA), Cleinaldo de Almeida Costa, cujo cargo que ocupa lhe chegou por indicação e não por eleição direta realizada pela comunidade universitária, afirmou que a instituição encontra-se em colapso, e pode até fechar. Cleinaldo foi indicado pelo governador-cassado José Melo. Por sua vez, Melo chegou ao governo porque faz parte do grupo apolítico que há mais de 30 anos plantou o atraso no estado e que vem com representante ainda do período anterior da implantação da ditadura civil-militar que perdurou de 1964 a 1985, como foi o caso do ex-governador Gilberto Mestrinho que foi eleito o primeiro governador do Amazonas pós-ditadura.

  Gilberto Mestrinho fez o seu substituto Amazonino Mendes que fez seu substituto Eduardo Braga que fez seu substituto Omar Aziz que fez seu substituto Zé Melo. Lembra Drummond, mas não tem nada a ver com o excelso poeta de Itabira, Carlos Drummond de Andrade, a não ser a pedra no meio do caminho do estado do Amazonas.

    Como se observa, como diz o jornalista-filósofo Mino Carta, é tudo a mesma sopa. Agora, com Zé Melo cassado o grupo lançou seus candidatos, sendo que todos expressam a mesma subjetividade reacionária produzida pela imagem-dogmática do estado capitalista-paranoica, como dizem os filósofos Deleuze e Guattari. E mais, todos fizeram parte do golpe que assaltou o governo da presidenta Dilma Vana Rousseff eleita com mais de 54 milhões de votos democráticos. Quer dizer: todos fazem parte do golpe que colocou Temer no poder para entregar as riquezas do Brasil ao capital internacional, principalmente, ao norte-americano e destruir os direitos trabalhista como, também, as estruturas históricas da Previdência Social. Logo, todos são antidemocratas.

   Com a declaração de Cleinaldo, os golpistas aproveitaram para usar uma das regras ofensivas do capitalismo: a exploração. Amazonino Mendes, que se consider o pai da UEA, tomou para si o direito de defender a instituição diante do perigo. Disse que ao ser eleito vai tomar todas as providências para defender a instituição e elevar seu padrão que vem pedindo algumas mudanças necessárias. Por sua vez, Eduardo Braga também se tomou com o direito de defender a instituição. Afirmou que, como foi o sucessor de Amazonino, foi ele quem solidificou a instituição, aumentando o número de alunos de mil para vinte mil. Como se observa os dois avidamente querem aproveitar a declaração de Cleinaldo para faturar votos com os eleitores-incautos. Que democraticamente são os ignorantes-políticos (Brecht chama de Analfabetos Políticos). Há quem desconfie que tudo não passe de lance cabo-eleitoral. 

   Como se entente, os dois candidatos ao governo do estado estão se comportando da forma mais edipiana possível, diria Freud. Todos querem ser o pai da instituição e que ela só existe pela vontade deles. Esse tipo de posicionamento tem a clara intenção de levar os estudantes e os funcionário da instituição a acreditar que eles serão os governantes que defenderão seus direitos. Eles esquecem que a instituição é pública e não pertence nem a Amazonino e a Eduardo Braga. Pertence ao povo amazonense com corpos administrativos estabelecidos pelo estado, e que, por sua vez, é produção desse povo, como diz o filósofo Hegel.

    Nenhum sujeito individualmente pode criar uma instituição. Como diz o filósofo Deleuze, em um belo texto, as instituições foram se compondo historicamente através dos encadeamentos que os corpos dos instintos humanos foram produzindo. Só depois que as instituições foram capturadas pelos agenciamentos coletivos de enunciação da imagem-dogmática do estado capitalista-paranoico que elas se transformaram em aparelhos ideológicos, aí já estamos tratando de Marx e Engels. 

   Embora a UEA não tenha sido produzida pelos agenciamentos coletivos-livres das potências comunalidade como foi a Universidade Federal do Amazonas (UFAM), todavia, ela é uma instituição-publica que não reflete o narcisismo de Amazonino que tanto quer que ela fique ligada a ela. Assim, como também Eduardo Braga. Psicanaliticamente sintoma de apropriação-desapropriação. Na linguagem povo: meu pirão-querido. 

     A UEA é um território onde seus agentes produzem, através de suas sensibilidades, cognições e éticas, saberes e dizeres que compõem com os saberes e dizeres da camunalidade novas formas de existências. Corpos que nem Amazonino e nem Eduardo Braga jamais produziram no Amazonas. Os trinta anos de atraso no Amazonas confirmam a a inexistência desses corpos. 

     No mais (ou no menos), aquele que for eleito tem obrigação administrativa de dispor de recursos para o funcionamento da UEA. E mais ainda, se o eleito for um candidato com programa popular em que o povo seja o sujeito-ativo de sua existência política-econômica-social-estética. 

    

  

LAMENTO DE GOLPISTAS – CANDIDATOS AO GOVERNO DO AMAZONAS LAMENTAM DECISÃO DE LEWANDOWSKI DE INTERROMPER ELEIÇÃO. COMO IGUAL MELO COMEMORA.

 

Resultado de imagem para imagens do ex-governador amazonino com o senador eduardo braga

Resultado de imagem para imagens do ex-governador amazonino com o senador eduardo braga

Resultado de imagem para imagens do senador eduardo braga com ex-governador amazonino

Produção Afinsophia

Na noite de ontem, dia 28 (véspera da festa do porteiro do céu), o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Ricardo Lewandowski concedeu liminar que suspende a eleição para o governo do estado do Amazonas. A eleição seria para indicar o candidato eleito ao cargo deixado pelo governador José Melo, cassado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). A medida determina que Melo volte ao governo. Só depois de analisados embargos de declaração é que a situação poderá ser decidida.

  A decisão foi um sopro do Polo Norte sobre os candidatos que, de acordo com os graus de suas vaidades, já exibiam seus corpos narcísicos como fervorosos crentes do amor do povo. Como candidatos eles acreditavam e acreditam que são melhores que Zé Melo e podem salvar o Amazonas tão sofrido.

   Tem de tudo como candidato, de Amazonino, apoiado pelo prefeito que afirmou surrar Lula e membro do partido golpista PSDB, Arthur Neto, a Eduardo Braga. Só que nesse “tem de tudo” emergem dois corpos que eliminam o conceito coletivo “tem de tudo” que liga a maioria dos candidatos: o golpe. Um, é o que mostra a variável candidato Zé Ricardo do Partido dos trabalhadores. Zé Ricardo, como não poderia ser diferente, não participou do assalto contra a democracia que refletia a presidenta Dilma Vana Rousseff, eleita com mais de 54 milhões de votos democráticos. Golpe que colocou o Brasil a mercê de uma quadrilha de corruptos. Outro, é o que mostra e afirma que todos os candidatos são de partidos que idealizaram, elaboraram e executaram o golpe. Aí, a clara e insofismável ligação do Zé Melo que também apoiou o golpe.

    E mais, para esse corpo dois: esses candidatos são sujeitos-sujeitados da mesma subjetividade anacrônica e calculista que vem atrofiando o corpo político do estado do Amazonas. Se não fosse farsesco daria uma ironia-poética (ironia como o contrário da enunciação-afirmativa; do tipo socrático): Gilberto Mestrinho lança Amazonino Mendes que lança Eduardo Braga que lança Omar que lança Zé Melo. Todos governadores e alguns prefeitos de Manaus. Corpo-decadente circulado pelos outros candidatos que não ocuparam esses cargos, mas que participam da mesma subjetividade-impotente em relação a vida, como diriam os filósofos Spinoza e Nietzsche. 

     Abstraindo a questão jurídica e levando em consideração essa subjetividade-impotência-política, a eleição é um mero lance de troca de corpos biológicos: sai o corpo Zé Melo entra o corpo (qualquer um deles) mesma subjetividade. Todos continuam comprometidos com o golpe da mesma forma que Zé Melo. Poderia alguém afirmar: Mas Amazonino é do PDT que não apoiou o golpe. Ele é do partido, mas não tem nenhuma empatia-política com Brizola. Além de quê, o deputado Hissa, que é do PDT, votou pelo golpe, assim como um senador que votou pelas deformas do golpista-mor Temer, procurador do capital nacional e internacional. E mais mais além do quê: Amazonino se dizia comunista e durante seus cargos jamais expressou qualquer cacoete marxista. 

   De modos (sem modos) que até 2018, se Zé Ricardo não for eleito, Zé Melo continuará no trono de governador do Amazonas. Não importa qual seja o CPF.

PESQUISA MOSTRA SE HOUVESSE ELEIÇÃO HOJE AÉCIO SERIA ELEITO PRESIDENTE: 63,7% QUEREM QUE ELE SEJA PRESO

Resultado de imagem para imagens de aécio neves

  A maior intenção de Aécio, uma das bílis do golpe, no confuso mundo alcunhado de político sempre foi cair no gosto do povo. Ser o enunciado do discurso popular, já que o enunciado é o corpo estrutural do discurso. Embora Aécio jamais tenha se mostrado e se comportado como alguém que merecesse esse enunciado.

  Alienado do discurso do povo, ele invejou Dilma. Quis ser Dilma, já que o invejoso, como afirma o antipsiquiatra David Cooper, quer ser aquele que ele inveja. É o caso que ocorre com todos que invejam Lula. Um desejo impossível de ser realizado, posto que o invejoso inveja o outro porque é impotente para os valores que o invejado produz. O invejado mostra em público a insignificância do invejoso. Querer ser o outro que ele inveja é querer ter o outro como um esconderijo de sua indigência. Como diz o filósofo Sartre, o invejoso é um ser padecido. Não um ser que produz seu Para-si.

   Agora, Aécio pode deixar sua condição de ser padecido, invejoso. A pesquisa do Instituto Parana divulgada hoje, que apresenta Lula imbatível no primeiro lugar das intenções de votos para a presidência da República, mostra que Aécio, vulgo Mineirinho, o caráter oral, quer engolir todas as formas de valores monetários, como afirmam Freud/Klein, poderia ser eleito se as eleições para presidente da República fossem hoje, dia 31, porque encontra-se sustentado pela opinião pública.

   De acordo com a pesquisa, 63,7% do povo brasileiro querem que ele seja preso. E de quebra, 46% e 45% querem que seu amigão, Temer, o golpista-mor, seja também preso.

   Moral que se pode extrair da pesquisa: na democracia, nem sempre o elemento quantitativo serve somente para a eleição de um presidente, mas, também, para expressar o grau de opinião contrária a um representante antipopular.

  

GRANDE SALTO EM DIREÇÃO DAS DIRETAS JÁ: CCJ DO CONGRESSO APROVA A PEC DAS DIRETAS

Resultado de imagem para imagens da votação hoje da PEC das diretas

 A Comissão da Constituição e Justiça (CCJ) do Senado aprovou a Proposta de Emenda à Constituição que estabelece eleições diretas se o presidente da República deixar o mandato nos três primeiros anos de sua posse. A aprovação foi um verdadeiro placar de basquete: unanimidade.

   O autor da PEC é o senador, sem partido do DF, Reguffe, e o relator é o combativo senador do Partido dos Trabalhadores Lindbergh Farias do Rio de Janeiro. Com sua aprovação a PEC segue para o plenário do Senado e se for aprovada adeus golpistas do segundo tempo comandados pela Globo que lutam pelas Indiretas Jaz para manterem seu privilégios burgueses que oprime a classe trabalhadora.

    Essas direitas só param quando levarem, no ringue da democracia, umas Diretas Já!

O RIO DE JANEIRO MANDOU SEU RECADO: FORA TEMER! DIRETAS JÁ!

A decisão tomada em Brasília dia 24 de maio pela Frente Brasil Popular, Povo Sem Medo, Centrais Sindicais e Movimentos Populares após a violência contra o povo de que hoje, dia 28, na cidade do Rio de Janeiro seria realizado um grande evento, aquilo que era virtual acabou de concretizar-se. Num Rio de Janeiro com muita chuva, nevoeiro, frio e brisa do mar não impediu que mais de 150 mil almas democratas comparecessem para levar seu brado de repulsa aos golpistas que estão no planalto central.

Inúmeros discursos, muita música e um show para unir a alma do povo brasileiro contra o medonho foi entoada. Só Chico não compareceu porque está em Roma.

Milhares de pessoas participaram da festa. A mídia golpista não cobriu o evento, é claro. Rede Bandeirantes, Rede Globo, Record só mostraram pequenas cenas para não dizer que não falaram do grande evento. Mas o que importa é que os Sujos deitaram e rolaram, a mostrar para o país e o mundo que o povo brasileiro não aceita mais estes golpistas que nesta semana, a partir de amanhã vai ver que o cipó de aroeira que bate em ladrão de celular bate em golpista.

O ilegítimo foi a Alagoas e Pernambuco, como sempre escondido, porque é incapaz de sair na rua como saem os democratas, livres, ovacionados, beijados. Os golpistas para onde vão são escrachados.

Alagoas e Pernambuco enfrentam problemas com alagamentos, cidades inundadas, muito prejuízos e pessoas que perderam a vida. Estes Estados são muito importantes, as pessoas que ali moram são muito especiais, assim como todos os brasileiros merecem nosso carinho. O ilegítimo está fazendo uma média com a dor do nosso povo, mas para ele o recado do Rio de Janeiro está dado e vai continuar se ele não renunciar. Fora Temer!

COISA DE RENAN. RENAN INDICA SUBSTITUTOS PARA TEMER, MAS A LEGÍTIMA ELE NÃO INDICA: DILMA

Resultado de imagem para imagens do senador renan

 Coisa de reacionário. Renan é um dos mais acusados em delação, mas nos últimos meses vem querendo esculpir um personagem diferente do que o povo aprendeu a tê-lo. Fingiu que se afastou de Temer ensaiando uma aproximação com Lula, mas o povo não é otário e entendeu claramente a trapaça muito comum entre os politicofastros (falsos políticos, para os gregos).

 Hoje, dia 23, em entrevista à Rádio Gaúcha, se tomando como autoridade para opinar sobre a fuzarca-cruel que impuseram a administração-pública brasileira, afirmou que é preciso criar “uma solução negociada” para o afastamento de seu companheiro de golpe Temer. Para ele, Temer, tem que facilitar uma solução.

  “Não será por falta de nomes que vamos deixar de escolher, no curto prazo, um presidente e um vice-presidente da República”, afirmou o hexacampeão de delação.

   Como legítimo ‘democrata’ ele sugeriu os seguintes nomes para substituírem Temer,o golpista-mor: Carmen Lúcia, presidenta do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Gilmar Mendes, ex-ministro Joaquim Barbosa, senadora Kátia Abreu, ex-ministro Nelson Barbosa, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, e o presidente do Senado, Eunício Oliveira, os dois últimos gente finíssimas, ambos denunciados em esquema de corrupção.

      A solução negociada talvez seja a renúncia de Temer com a garantia de não ser preso, como já foi noticiado. Temer participa do golpe de forma conspiratória e imoral, é acusado de corrupção antes e depois de se apossar do governo, renuncia e volta para casa como se nada de social e politicamente perverso não houvesse praticado. Ou quem sabe, arranja-se um exílio para ele desfrutar de suas posses financeiras desviadas do poder público.

    Como um bom golpista, Renan não indicou a presidenta Dilma Vana Roussef, presidenta legítima eleita com mais de 54 milhões de votos democratas. Portanto, a legítima para ser indica a retornar ao posto maior da representação democrática. E mais, Renan, como golpista, propaga eleição indireta. Só que o povo brasileiro não aceita cabresto. O povo quer eleições Diretas Já!

    É verdade, Renan não passa de Renan.

ELEIÇÃO PARA GOVERNADOR DO AMAZONAS: DIREITAS GOLPISTAS SE OURIÇAM E A ESQUERDA VAI COM DEPUTADO JOSÉ RICARDO DO PARTIDO DOS TRABALHADORES

Resultado de imagem para simbolo da democracia

  Com a cassação do ex-governador do Amazonas Zé Melo e sei vice Oliveira, vulgo Cabeção, foi estabelecido pelo Tribunal Superior Eleitora (TSE) que o seu sucessor deverá sair de eleição direta em mandato que durará 19 meses. Um tempo suficiente para que o novo governador possa mudar os rumos do atraso implementado por Melo. Na verdade, continuidade do que já havia ocorrido anos passados sob as batutas de outros governadores.

    Ocorre que o entendimento de “um tempo suficiente” para mudar só pode se tornar real se o eleito for alguém da subjetividade progressista. Alguém cuja percepção e concepção de mundo inclua a dimensão humaniora. Humanidade. A dimensão-política que tem da administração publica o entendimento de prática-social que engloba todo o estado e não somente classes privilegiadas que somente procuram defender e manter seus interesses, como vem ocorrendo há mais de três décadas.

    Daí que essa eleição tem atraído os mesmos representantes do atraso. Personagens que participaram explicitamente do golpe que destituiu a presidenta Dilma Vana Roussef do governo. Governo que lhe foi outorgado por mais de 54 milhões de eleitores. Assim, embora haja vários candidatos das direitas, não deve prevalecer engano (alguns chamam logro): todos são reacionários, embora de partidos diferente nas siglas, todos compõe a mesma subjetividade da economia-política-capitalista. Dos que já ocuparam cargos de governos, nenhum desenvolveu uma política que tivesse um mínimo corpo racional. O que faz ser a política uma práxis-ação e poises-criação filosófica, já que a filosofia é o movimento real que produz existência coletiva em forma de comunalidade onde todos são agentes-sociais de afetos e cognições transformadoras.

    Os reacionários como não são traspassado por esses corpos afetivos e cognitivos, querem aproveitar o momento para recolocarem em prática o que já é por demais conhecido pela sociedade amazonense. São pessoa reativas, agidas sem qualquer potência-política para possibilitar mudanças. Porém, para antagonizar esse estado de desativado-politicamente, o Partido dos Trabalhadores lançou ontem, domingo, dia 7, a candidatura do deputado estadual José Ricardo que é no Amazonas o único deputado que atua na ordem da razão-social promovendo tentativas (os reacionários dominam a Assembléia Legislativa) de estabelecer programas que atinjam as populações abandonadas pelo estado e a prefeitura, que também encontra-se nas mãos do reacionário prefeito Arthur Neto e seu grupo-molar.

     É possível que também outros partidos de esquerda lancem candidatos. Como o PSOL que cogita a candidatura de seu membro Queiroz. Assim, como o PSTU que poderá lançar o professor Gilberto. Enquanto isso vamos aguardando as definições e o início das propagandas e trabalhar por um Amazonas que seja politicamente real. 

GOVERNADOR GOLPISTA ZÉ MELO, QUE FAZ PARTE DA SUBJETIVIDADE ANACRÔNICA QUE ATRASA O AMAZONAS HÁ MAIS DE 30 ANOS, É CASSADO PELO TSE. CABE EMBARGOS

Resultado de imagem para imagens de zé melo governador do amazonas

Resultado de imagem para imagens de zé melo governador do amazonas

 

 OResultado de imagem para imagens do governador do amazonas ze melo com o senador eduardo braga Tribunal Superior Eleitoral (TSE) cassou hoje o mandato de governador Zé Melo, e seu vice Henrique Oliveira, vulgo Cabeção. A cassação, no plano individual, é de Zé Melo, mas tomada por mais ampla concepção, é de todos os personagens que fazem parte da subjetividade anacrônica que domina o estado do Amazonas e lhe impôs cruel atraso em todas suas dimensões.

  Zé Melo é filho da ditadura, como outros que se afiguram no mesmo quadro que ele participa. Apoiou a ditadura e lhe serviu, o que não é novidade. Mas deixando essa momento de sua vida pública, o que conta neste momento são suas relações com todos os governantes do pós-ditadura que não tinham a dimensão política humaniora, como diz o filósofo Kant, para governar os negócios do estado. Passou pelos governadores Gilberto Mestrinho, Amazonino Mendes, que lhe indicaria para o governo do estado, mas escolheu o golpista Eduardo Braga. Braga com quem Zé Melo manteve estreita relação, assim como também com o ex-governador, senador, também golpista, Omar Aziz. Além de ter sido ligado ao prefeito que ameaçou surrar Lula, Arthur Neto, também golpista como seu filho Bisneto.

Seu vice, Henrique Oliveira, um dos muitos que aportaram em Manaus, vindos de outras glebas para se alocar bem, principalmente como apresentador de programa de exploração da miséria amazonense, também não rompeu a regra, pelo contrário, só solidificou. Henrique é parte dessa subjetividade reacionária cruel.

   Por esse quadro invejável “democraticamente”, entende-se que a cassação de Zé Melo tem o sentido – nada simbólico, mas real – de expressar essa subjetividade. Mas não fica só nesses politicofastros – falsos políticos -, toca também nos meios de comunicação que sempre serviram, e servem, aos governantes, além de outros profissionais, como muitos professores submissos, médicos, economistas, e, principalmente, a classe média indiferente parasitária que domina o Amazonas e que não exite sem apoio a esse tipo de gente.

    Embora Zé Melo possa ingressar com embargos de declaração, o TSE afastou Zé Melo e determinou realização de eleição em 40 dias, já que seu opositor – na brincadeira – ex-governador Eduardo Braga, que entrou com o pedido de cassação, não pode assumir. Diante da determinação da eleição, e sabendo-se a priori que os possíveis candidatos fazem parte da subjetividade dominante, pergunta-se: Para a população amazonense a cassação de Zé Melo e Henrique Oliveira, muda a perspectiva do sentido de política? O próprio Davi Almeida, presidente da Assembleia Legislativa do Estado Amazonas, faz parte da subjetividade do atraso dominante. É o Davi que vai convocar a eleição.

    Claro, que nem tudo encontra-se perdido se houver um candidato de um subjetividade progressista, que para o bem do Amazonas, existe no estado. Caso contrário, o espírito antidemocrático continuará dominando.  

O VÍCIO CONFIRMA (NÃO PODIA SER DIFERENTE, É VÍCIO) INSTITUTO DAS MÍDIAS REACIONÁRIAS DATAFOLHA REAFIRMA: LULA DISPARADO

Para medir a dimensão preferencial do eleitorado brasileiro, na sequência das demais pesquisas que já indicavam o vício, antes da greve nacional do dia 28 de abril de 2017, que teve a participação de mais de 40 milhões de trabalhdores, depois das delações da Odebrecht e da encenação de Léo Pinheiro da OAS o instituto das mídias reacionárias Datafolha foi às cidades e aos interiores do Brasil na quarta e quinta-feira fazer um levantamento de como vai a intenção de votos para 2018 ou antes de 2018.

Não deu outra. O vício foi reconfirmado. Não tem pra ninguém. Só dá Lula. Vamos aos números-numerantes:

Lula tem entre 29 e 30% no primeiro turno;

Aécio Neves ficou com 8%, mas já teve 25%

Alckmin, o Santo não vem sendo venerado tem 6%, quem diria, um Santo.

Dória, que chamou os trinta e cinco milhões de trabalhadores de vagabundos é aceito só pelos de sua laia – 9%

Desdobramentos

: <p>Aécio</p>

Na última pesquisa do Datafolha de dezembro passado, numa disputa, com Aécio, Lula disparou de 25% para 30% e Bolsonaro foi de 9% para 15%. Marina, que não tem mais o apoio do dono da Natura caiu de 15% para 14%; Aécio foi de 11% para 8%. Ciro Gomes não perde seus 5%. Temer que nunca esteve dentro, o nulo foi de 4% para 2%. Despencou. Despencou o quê?

Noutro quadro entre Lula e o Santo Alckmin, Lula tinha 26% e atingiu 30%. O da plumagem amarela e preta, bicudo foi de 8% para 6%. Marina deixou os 17% e ficou com 16%. O elogiador de torturador foi de 8% e parou nos 14%. Ciro manteve os 6% e Temer saiu dos 4% para os 2%.

Assim que acabamos de produzir o texto acima, Fernando Brito do Tijolaço divulga as informações abaixo:

MAIS UMA MANCADA DO DATAFOLHA. MAS DESTA VEZ, PARECE SÓ ERRO. OU DELÍRIO.

 

https://i0.wp.com/www.tijolaco.com.br/blog/wp-content/uploads/2017/04/mancada.jpg

Eu tinha percebido a maluquice e, agora, um amigo chama-me a atenção.

Eles também, tanto que, neste momento, falta o “Cenário 4” na lista que apresentam na página da Folha na internet.

É que, quando apresentam uma variação onde não parece Lula como candidato (Temer também não está, mas com seus 2% isso não faz diferença alguma), a disputa ficaria entre Marina (45%) e Bolsonaro (44%), vindo a seguir Ciro (30%) e o petiz quase sessentão João Doria, com 20%. Logo depois, a Marina do PSOL, Luciana Genro, com 15%, Eduardo Jorge, o tucano verde com 10% e Ronaldo Caiado Com 2%. Brancos, nulos e “não sei” somariam 31%.

Deve o esperto leitor e a atilada leitora ter percebido que, neste caso, a soma das percentagens dá modestos 197%.

No jornal impresso, que reproduzo também, acima, volta-se aos 100% e à realidade.

Ou não, porque quem se descuida com aritmética pode muito bem se descuidar com estatística.

Ao menos, desta vez, parece ter sido só mancada. Porque, da outra, esconderam o desejo por novas eleições diretas, sumindo com a pergunta que o Tijolaço achou, esquecida nos servidores do Datafolha.  Diretas que, agora, “só” são desejadas por 85% dos brasileiros.

O vício por ser vício é grudante, as bocas de chupar ovo ovoscuem, santos se dessantizam e Dória o dono da Avenida Paulista é só Dor para quem não produz bons encontros. Valeu nosso vício.

 

 

FESTA DA GREVE GERAL EM MANAUS FOI HISTÓRICA: MAIS DE 30 MIL

A maior via urbana de Manaus, Avenida Eduardo Ribeiro, foi tomada em todos seus espaços como nunca ocorrera em sua história. Nem no tempo em que era palco do carnaval que reunia um número muito expressivo de moradores da gleba-indígena.

Foram mais de 30 mil manifestantes, mas que não foram vistos pelas mídias anacrônicas submissas aos governos reacionários que implantaram o atraso no estado. Para elas, que apoiam explicitamente o desgoverno golpista, inclusive blogs e sites mercantilistas também da mesma orientação antidemocrática, o número foi menor. Um claro sintoma de escotomização apolítica: impossibilidade de enxergar com nitidez a objetividade.

Todos os seguimentos se fizeram presentes, sindicatos, partidos políticos, movimentos sociais, igrejas, representações afro como macumba, umbanda, quimbanda, candomblé, afoxé, indígenas, professores, alunos e trabalhadores da Universidade do Estado do Amazonas (UEA), LGBS, Correios, Associação Filosofia Itinerante – que já tem há anos cadeira cativa -, e por incrível que possa parecer até professores da Universidade do Amazonas (UFAM), que reivindicam os benefícios criados pelos governos populares Lula/Dilma, e que, agora, o desgoverno golpista extraiu. Antes, rolando nas benesses, não paravam de lançar invectivas aos governos populares. Mas, como diz Brecht, cada homem se sente melhor na sua própria pele, eles, como fantasmas (a função do fantasma é sempre voltar), apareceram na manifestação. Uma boa decisão para a democracia.

Uma festa digna de uma Greve Geral que no Brasil reuniu mais 40 milhões nas ruas sem contar os que ficaram em casa, ou em suas ruas aproveitando o ferido trabalhista-democrático. Muitos aproveitaram a ausência de transportes trafegando nas ruas para bater uma pelota, brincar, fazer um churrasquinho, e por que não, empurrar umas amargosas, sem transgênicos.

Logo pela manhazinha, várias categorias realizaram manifestações nos locais de trabalho, como foi o caso dos trabalhadores do Distrito Industrial. Professores associados da Asprom, aproveitando a greve geral, seguiram até o palácio do governo para reivindicar o pagamento da data base que se encontra há meses atrasada. Depois começou a reunião, às oito horas, na Praça da Polícia, de onde saiu a mega passeata seguindo pela Avenida Sete de Setembro, subindo a Avenida Eduardo Ribeiro até chegar a Praça do Congresso onde foram realizados novos discursos das categorias.

Um dos grandes brilhos da festa-democrática foi produzido pela participação de muitos jovens e crianças que não pararam de mandar recados aos golpistas nacionais e locais como os deputados Átila Lins, Pauderney Avelino, Silas Câmara, Hissa Abrahão, Conceição Sampaio, Arthur Bisneto, Alfredo, Tucumá, Nascimento e Sabino Castelo Branco. Todos golpistas inimigos da democracia nacional e amazonense.

Mas vamos ao talento do invejado do artista da luz, educador, ator, bonequeiro e historiador Alci Madureira cujas imagens não negam o que foi a exuberante festa.

TAUTOLOGIA DOS PSEUDOS DEPUTADOS DO AMAZONAS: ÁTILA LINS, PAUDERNEY, ARTHUR BISNETO, SILAS CÂMARA E ALFREDO NASCIMENTO. OS 5 CONTRA OS DIREITOS TRABALHADORES

         Repete-se o conteúdo e a expressão: pseudos parlamentares do Amazonas votaram contra a democracia. Desta vez, contra os direitos dos trabalhadores. Mas todos os oito votaram a favor do golpe que afastou a presidenta Dilma Vana Rousseff eleita com mais de 54 milhões de votos para implantar a ditadura da estupidez, brutalidade e indigência.  

         Como se sabe, esta é a pior bancada federal do estado de Ajuricaba. Dai a tautologia: sempre a miserável repetição. A reacionária redundância. Não podia ser diferente. Trata-se de atavismo politicofastro: todos eles são oriundo de governantes reacionários que enterraram o atraso nas terras amazonenses. Foram sempre paus mandados desses governantes. Pela lei da inércia-antidemocrática não poderiam ser diferente. Nada escapa deles como potência democrática capaz de os fazê-los políticos. Dos chamados velhos como os chamados novos. Todos se igualam como impotência política.

      Na votação de ontem, que depredou a lei trabalhista, cinco dessas personagens antidemocráticos votaram a favor do projeto fascista. Átila Lins, Pauderney, Silas Câmara, Alfredo Nascimento e Arthur Bisneto. Corpus folclóricos deles. Os dois primeiros sempre votam irmanados: contra os direitos democráticos. Silas Câmara, da Assembleia de Deus, vota com seu deus contra os trabalhadores, apesar de Cristo representar potência-produtiva. Alfredo Nascimento – o entregador de tucumã para o ex-governador Amazonino Mendes, seu guru – não é amazonense, é do Rio Grande do Norte, mas tem a consciência de Agripino Maia seu conterrâneo do peito e ideológico.  Arthur Bisneto dispensa apresentação. É filho de Arthur Neto, que prometeu surrar Lula, e é o atual prefeito de Manaus pelo partido da burguesia-ignara. A ralé da política brasileira. Por esse corpus folclórico, não esperar relevância democrática deles.

     Os outros três que votaram contra, Conceição Sampaio, Hissa Abrahão e Sabino, seguem a mesma subjetividade. Votaram contra não por consciência política, mas, talvez, calculando ganhos com tais atitudes. Ano que vem é ano de eleição (ano da trieleição do comandante Lula) e eles devem já ter ligado suas lunetas. Os outros antidemocratas votaram a favor,porque acreditam no seguro cabresto no cangote de seus eleitores. Mas o povo não é otário.

      E mais, pelo menos entre os oito, tem como certo seu adeus: o ex-deputado Praciano vai se candidatar. E eleição incontestes. Sem precisar fazer campanha.   

    

O VÍCIO CONTINUA (CLARO, É VÍCIO): PESQUISA MOSTRA LULA DISPARADO. O QUE TODOS SABEM

 Mais uma pesquisa foi divulgada hoje, dia 26, dois dias antes da Greve Geral, que não vai mostrar que o buraco é mais embaixo ou mais em

 cima, mas que o buraco vai explodir. Dessa vez foi o instituto Ipsos. E como não poderia ser diferente, o Ipsos re-re-reafirmou o que os outros institutos, como o Vox Populi e o Ibope – das direitas -, já haviam afirmado. Lula tem 34% da preferência do eleitor. O que lhe daria a certeza de ser trieleito presidente da República Brasileira. É mole? Então, espera. Para as direitas golpistas, o futuro só a Deus e Lula pertence.

    Para piorar o casos dos golpistas, além de Lula disparar, o golpista-mor, Temer, continua batendo recordes no gosto do povo: tem 87% de desaprovação de seu desgoverno e 10% de aprovação. Deve ser otimismo de seus amigos como a Rede Globo e alguns membros do poder judiciário e empresários que são a favor da deforma da Previdência.

    E para manter e fortalecer o vício: Lula é considerado o melhor político do Brasil. É mole? Quer mais? Não precisa esperar, Lula é o futuro.

     Memória democrática: Dia 28, já para as ruas! É Greve Geral na ideia e no corpo.

RESISTIR, SEMPRE, VERGAR, JAMÉ; 78% QUEREM CASSAÇÃO DE TEMER E 90% ELEIÇÕES DIRETAS JÁ!

Vagner Freitas

“A resistência de vocês é fundamental” – Dilma falando a Gregório Duvivier

Todo vergar simboliza submissão. Uma árvore não se verga ao vento. Ela compõe com o vento. Todo sorriso diante do opressor é sorriso opressor. Não podemos dizer que seja sorriso. O que é o sorrir? O que é rir? Rir é criar. Rir é entender o humor e com o sorrir refletir sobre a situação posta. Moro não ri frente ao tirano. O riso do escravo frente ao tirano escravo não é riso.

Isto posto nos leva a refletir sobre situação  política do Brasil neste momento. A nossa resistência, como disse Dilma é fundamental. Precisamos falar do que está acontecendo no Brasil toda hora. Precisamos denunciar as arbitrariedades e violências que se cometem por parte dos tiranos golpistas contra o povo brasileiro.

Por que o exército condecorou Moro? O que fez Moro para receber essa honraria? Quebrou com a economia, desenvolve uma perseguição seletiva contra Lula e o PT e por isso é condecorado. Um juiz não deve ser condecorado. Sua atitude de magistrado nada mais é do que sua obrigação. Julgar justamente. Não por convicção. Moro recebe prêmio da Rede Globo, Dória e agora do Exército, instituição nacional, que aparece em pesquisas com alto valor de reconhecimento. Só que com essa premiação entendemos que  compactua com o medonho.

As duas pesquisas publicadas pela Vox Populi/CUT e pelo Ibope demonstram que se as eleições para presidente fossem hoje, Luís Inácio Lula da Silva seria eleito em primeiro turno. Não teria para ninguém.

Duas situações dão respaldo a isso. A forma de governar de Lula e Dilma nos dois governos populares que empreenderam e que as políticas sociais adotadas beneficiaram o povo: Luz para Todos, por exemplo. Quem fez isso antes? Ninguém. A outra situação que está fazendo Lula manter o minarete apontado para ser tricampeão é a saga desenfreada da Globo, e demais mídias golpistas, empresários, e a justiça, que não é justiça brasileira que não julgou, não se posicionou diante do golpe (faz parte), da derrocada da economia, dos desmandos e roubos no país. Quanto mais “batem” em Lula, mais ele cresce na aceitação popular, porque a leitura que o povo faz do enredo é que ele representa a classe trabalhadora, como milhares, ele é contra tudo o que se está votando no congresso contra a classe.

A revista Carta Capital deste final de semana divulga mais informações da pesquisa da Vox Populi/CUT feita entre os dias 6 e 10 de abril com população maior de 16 anos de todos os Estados brasileiros incluído o DF com margem de erro de 2,2 para mais ou menos.

O destaque deste corte da pesquisa é que 78% dos brasileiros desejam a cassação do golpista Fora Temer e 90% querem eleições diretas já.

Tudo o que os golpistas vem impondo de mudanças prejudiciais ao povo contribui para esse quadro. O primeiro, claro. já foi o golpe que Dilma sofreu. Nesse golpe, atendendo interesses do capital, visava-se implantar o Estado mínimo. A PEC da morte é um exemplo, assim como o que Pedro Parente está fazendo na Petrobras e as investidas para controle da água doce de nosso país. Os interesses por terras na Amazônia é muito grande. E os interessados não são nacionais. São estrangeiros. E dentre os estrangeiros sobressaem representantes de grandes empresas. Os sistemas de vigilâncias da Amazônia nada mais são do que monitores de identificação onde estão nosso recursos minerais.

O cerco a Lula. Lula não é o proprietário do apartamento do Guarujá. 73 testemunhas, unânimes enunciaram que Lula não é o dono do apartamento. Léo Pinheiro está preso desde 2014. No seu primeiro depoimento inocentou Lula e por esse motivo inviabilizou sua delação. A procuradoria comandada por Delagnol e pelo juiz que não é das araucárias o deixaram preso. Leo Pinheiro quer sair do xilindró, Moro não tem provas para prender Lula, só convicção, a audiência de Lula é dia 03 de maio, precisa-se dessa prova, mas não há. O dia se aproxima, o Juiz de Brasília Vallisney de Souza quer ser mais rápido que Moro transformando Lula em réu. Há perseguição contra Lula, o Partido dos Trabalhadores e o povo.

Como diz o jornalista Josias de Souza “é desnecessária e arriscada a detenção de Lula”.

A situação do povo está muito difícil. Mais de 13 milhões de brasileiros estão desempregados. A fome e falta de dinheiro é grande. Ou paramos isso ou a derrocada nos levará ao buraco.

Por isso, o dia 28 de abril será muito importante: “A crise política só começará a ser debelada com novas eleições, e somente uma intensa mobilização popular, com os movimentos sociais e a população nas ruas, será capaz de antecipá-las”, enuncia Vagner Freitas, presidente da CUT, pois não temos como esperar do Legislativo qualquer solução. “Boa parte dos deputados e senadores que estão aí sabe que não será capaz de se reeleger em 2018, até pelos impactos da Lava Jato. Parecem negociar o fim de suas carreiras políticas.”

Todas as categorias de trabalhadores devem parar suas atividades, ir para as ruas, se manifestar, porque só assim nós derrubaremos os golpistas que nos impuseram tais mazelas. Resistir sempre, se vergar aos tiranos jamée.

ATÉ INSTITUTO DAS DIREITAS (SEM EUFEMISMO: DO GOLPE), IBOPE MOSTRA QUE O COMANDANTE LIDERA EM DIREÇÃO A 2018: 47%

 Em mais um pesquisa do instituto das direitas (sem eufemismo: dos golpistas), Ibope, o comandante Lula aparece disparado na frente de todos os insensatos. Segundo o instituto Lula tem 47% de preferência dos eleitores. Já os outros… Os outros são simplesmente os outros sem sujeitos. Questão de fenomenologia: sem sujeito não há objetividade. Para o filósofo Sartre, não há Para-si que promove a transcendência do Em-si. O que seria a produção política do sujeito. Tudo que não é apresentado pelos insensatos que teimam em disputar com o comandante Lula.

  Só a título de impotência grotesca.

   Marina, ressentida evangélica: 33%. Serra, Carena & Vizinho: 25%. Joaquim Barbosa: 24%. Alckmin, vulgo Santo, e seu parceiro Aécio-Mineirinho: 22%. Ciro Gomes: 18%. Bolsonaro: 17%. Dória, folclórico-janota: 15%.

   Como se percebe, é festa democrática. Não há como fazer desaparecer o comandante Lula. Todas as forças dos aguilhões (ordem do capitalismo) das direitas, não são capazes de destruir o comandante Lula. O comandante Lula é o que o filósofo fenomenólogo Edmund Husserl afirma da essência (ou do eidos: ideia): irredutível. Nada reduz Lula na subjetividade democracia do povo brasileiro.

     Em função de sua essência irredutível a democracia é uma festa, porque no Brasil seu enunciado, entrelaçado como subjetividade-comunalidade, é Lula.

      É festa democrática

      É tempo de eleição

      Lula é tricampeão!

NÃO TEM GLOBO QUE SEGURE O GOLPE. LULA É QUERIDO E ESTÁ PRESO NO CORAÇÃO DO SEU POVO

ricardo stuckert

Por que a Globo usa de 4 horas, 33 minutos para denegrir a imagem do ex-presidente Lula e 18 minutos para falar mal da presidente Dilma Rousseff eleita com 54.501.118 votos e o dublê junto com Aécio tiveram 21 minutos?

Porque no governo do Lula e da Dilma não se quebrou o monopólio dessa empresa golpista.

A quebra desse monopólio não dependia só dos dois, teria que passar pelo congresso, é claro. Mas se tivessem os dois trabalhado para isso, principalmente o Lula no primeiro e segundo mandatos não teríamos uma emissora sonegadora de impostos, golpista, colocando os dois com mais tempo negativo do que os golpistas Aécio, Temer e seus 8 ministros delatados.

Mas, a Globo pra nós já era. É bom que Requião vá mesmo visitar os irmãos Marinhos na penitenciária. Esperamos. E isso será em breve. Porque na Democracia que vamos reconstruir não há lugar para golpistas e nem emissora de televisão que propaga ideias nefastas e defende interesses privados e dos Estados Unidos contra o bem comum, contra o povo.

Prova de que a Globo não influencia o povo brasileiro está ai na pesquisa da Vox Populi/CUT. Lula é o primeiríssimo nas intenções de votos para 2018. Está com mais de 45% de preferência contra todos os golpistas. Menos o Ciro. O Ciro não é golpista. Já foi ministro de Lula e está no PDT que um dia teve Leonel de Moura Brizola. Só essa pesquisa para nós já foi um grande alento depois da decisão arbitrária de ontem do juiz das Araucárias de determinar que Lula esteja presente nas oitivas das mais de oitenta testemunhas. Lula teria que se mudar para Curitiba. Isso é uma jogada, como disse o jurista italiano, de juiz que está perdendo o jogo. Lula irá prendê-lo e ele está com medo.

Atenção caravanas com destino a Curitiba. Serão mais de cem mil defensores de Lula que chegarão à cidade das araucárias a partir do dia 1º de Maio, inclusive, enviados deste Blog como correspondentes da AFINPRESS. O juiz da 13ª Vara de Curitiba que este Blog já conhece, a Vara, quer intimidar o caravaneiros. O certo é estarmos em Curitiba no dia 3 de Maio e no término da audiência retornarmos para nossos Estados. Não tem como ficar em Curitiba nas mais de 80 audiências, e é claro, isso é para intimidar, é um forma de pressionar Lula que já recorreu e não tem como prosperar mais uma arbitrariedade dessa. Mas  se for preciso um exército de Lulas é o que temos em excesso.

O dia 18 de abril também foi muito bom porque, desde ontem, anunciado uma produção de cinema, transmitido pela TV franco-alemã ARTE, nessa terça-feira 18, o documentário “Brasil: O grande salto para trás”, das francesas Frédérique Zingaro e Mathilde Bonnassieux,  com Duvivier divulgaram com mais de 55 minutos o golpe que nossa Democracia e a presidente Dilma sofreram e como era o Brasil antes e como está agora. É um trabalho cinematográfico interessantíssimo e que neste momento deve-se propagar, divulgar mostrando o que está se concretizando de ruim no nosso país.

Os golpistas levaram um surra na Câmara dos Deputados quando leram as propostas da reforma trabalhista: 230 x 163. Deputados golpistas que aprovaram a admissibilidade do golpe estão a deixando o golpista mor e seu projeto de ponte para o futuro.

Categorias de trabalhadores começam a reagir contra as propostas de mudanças na CLT, reforma trabalhista, terceirização já aprovada e sancionada, reforma da previdência. A invasão da Câmara dos Deputados por policiais civis em Brasília pela segunda vez demonstra que o grau de aceitação das medidas que o congresso vota está chegando num limite e que o povo não aceitará. O povo não aceita um congresso com deputados e senadores acusados de roubo votarem medidas que só prejudica o trabalhador.

A decisão do Papa Francisco de não atender ao convite do dublê de presidente foi uma decisão política. Está certo o papa.

No mais, a Odebrecht, grande empresa brasileira se constituiu como império devido as relações promíscuas que sempre manteve com governos e não nos venham dizer, senhores da Odebrecht, senhor Emílio, que a corrupção aumentou depois da ditadura. Na ditadura havia corrupção e vocês veem enriquecendo a muito tempo no Brasil. E ainda dizem que no governo de FHC não houve investimento em infraestrutura. Claro, investiu-se noutros negócios. Paraísos fiscais por exemplo.

O próximo dia 28 de abril iremos para o Brasil com uma monstra greve geral. Todos os trabalhadores da cidade e do campo estão sendo convocados pelos líderes dos trabalhadores, pelas centrais sindicais, movimento sociais, pra pararmos o Brasil exigindo a queda desse golpistas, eleições diretas já, pois não consideramos o dublê de presidente e seus dublês de ministros como nossos governantes. Vamos avantes companheiros. Avantes Camaradas. Nossa vitória está próxima e aqui parafraseamos Lenin: Todo poder aos trabalhadores brasileiros!

CUT/VOX POPULI: MATEMÁTICA 2018 PARA GOLPISTAS – LULA TEM 45% CONTRA 35% DOS GOLPISTAS EM TRÊS CENÁRIOS. O COMANDANTE GANHA NOS 2 TURNOS, É MOLE? QUER MAIS? ESPERA!

      O instituto CUT/Vox Populi realizou pesquisa entre os dias 6 e e 10, em 118 municípios de todos os estados e Distrito Federal, com 2000 pessoas com mais de 16 anos, e margem de erro de 2 para cima e para baixo. A pesquisa, divulgada hoje, dia 18, mostra uma terrível, pavorosa, realidade para os golpistas de todos os naipes, matizes e facetas: o comandante Lula, apesar de Moro, procuradores, falsos parlamentares, falsos empresários, Rede Globo, Estadão, Folha, IstoÉ, Veja, Época e congêneres, vence as eleições de 2018 para presidente da República nos dois turnos contra qualquer enxerido. O comandante Lula só perde para um candidato: ele mesmo. Coias de louco, meu e minha.

    De saída a pesquisa mostra que Lula tem entre 44% e 45% de intenção de votos contra a somatória de todos os candidatos que chega a 32% e 35%. O que significa que o comandante Lula não consegue enxergar ninguém na frente dele, e muito menos atrás. Coisa de louco, meu e minha!

     Em tempo de listas, vejamos as listas de Lula contra os que não se mancam buscando consideração com o eleitor, mas que o eleitor sacal não concede qualquer pelota.

    – Comandante Lula 44%, subiu de dezembro a abril 7%. Aécio, o Mineirinho-Tarja, 9%, antes tinha 11%.

    – Comandante Lula 45%, antes tinha 38%, subiu 7%. Alckmin, vulgo, ou Opus Dei, 6%, antes tinha 10%.

    – Comandante Lula 45%, folclórico-janota, Dória, 5%. 

    A pesquisa contou com os nomes, também, de Marina, Bolsonaro e Ciro.

   No segundo turno o couro continua:

    – comandante Lula 51%, Mineirinho tarjado, 17%.

   – Comandante Lula 51%, santo Opus Dei, 17%.

   – Comandante Lula 49%, Marina, a evangélica ressentida, 19%.

   – Comandante Lula 53%, folclórico-janota, Dória, 16%.

    Na pesquisa do voto espontâneo, aquela que o pesquisador, ou pesquisadora, pergunta, sem mostrar a tabela, em quem “você votaria”, o comandante Lula dispara: tem 36% os outros de 5% para baixo, é mole ou quer mais? Depende do masoquismo.

      Ainda teve aquela manjada história de perguntar “qual o melhor presidente do Brasil?” para aparecer a manjada resposta: Lula com 50%. Também teve a questão da admiração de Lula, apesar da Lava Jato da turma do Moro: os que lhe admiram passou de 33% para 35%; os que admiram e gostam muito de Lula passou de 33% para 35%. E, como não poderia ser diferente, os que não admiram e não gostam (certamente os analfabetos políticos filiados do golpe) caiu de 37% para 33%. Até o dia da vitória final, em 2018, se eles participarem de um curso de formação política, é possível que mudem. Caso contrário só a psiquiatria materialista.

     Diante dessa democrática realidade, temos que aceitar e lamentar o desespero das direitas e extremas-direitas, já que não podem mudar o futuro que a Deus pertence. Um Deus-Lulista, posto que Deus é democrata. Pelo menos seu Filho, J.C. é socialista!    

     Enquanto a festa já se faz, vamos a Curitiba, no dia 3, quando Lula vai prender Moro. Veja o vídeo.

CRIANÇAS PIAM JUDAS DESLOCADO EM TEMER

Vejam as imagens criadas pelo artista da luz, Alci Madureira.

Judas para às crianças se desdobra na linha livre mais antropológica do que mística judicativa. Para elas Judas surge como possibilidade lúdica de folguedo não vingativo. Como diz o menino Pedro: “Eu nem sei quem é Judas!”. Pedro, para seu contentamento, escapa da ordem condenatória a-histórica que o discursa como traidor. Aquele que traiu Cristo. Nada de real, mas somente tentativa irracional de fortalecer o dogma calculista.

As crianças querem brincar a tradição antropológica-cultural que escapa da ordem-aguilhão: condenar sem saber por que. A onda é saber que o boneco transfigurado em Judas, que se deslocou em Temer, traz em si muitos bombons e algumas moedas que elas esperam encontrar no alegre momento em que o boneco, criado pelo educador, ator, fotógrafo, Alci Madureira, é piado por elas no sábado de Aleluia. O sábado da alegria festeira.

Nada de vingança, nada de castigo, nada de condenação, mas só festa. Foi assim que as crianças do Bairro Nova Cidade, da Rua 44,piaram o Judas deslocado em Temer com direito a testamento do Iscariotes que deixou boas lembranças à elas. Além do famoso bolo Luiz Felipe, pipocas, bombons, refrigerantes, chocolates e, como não poderia faltar, a famosa foto junto ao personagem do momento. Sem esquecer que antes da piaçam elas conversaram com ele.

PÁSCOA: A PASSAGEM DEMOCRÁTICA QUE CORTA O GOLPE

Construindo a democracia brasileira, e com um nome que continuará o desenvolvimento do nosso país. Lula pede passagem. Ele vem aí.

O golpe foi consolidado com a deposição da presidente Dilma eleita com 54.501.118 votos. Foi eleita, escolhida. Toda uma força antagônica da direita trabalhou para derrotá-la, mas uma força que saiu do povo venceu e a democracia brasileira em produção coletiva se construia tendo tiranos, golpistas a rondá-la.

Todas as forças progressistas apresentaram os motivos do golpe. Os interesses dos grandes capitalistas, de empresas nacionais e internacionais, governos, quebra de monopólios agiam para derrubar a presidente eleita pelo povo.

Neste momento não nos venha o dublê de presidente, Michel Temer tirar o corpo de fora, dizendo em entrevista numa emissora de televisão que um dos responsáveis pelo golpe foi o senhor golpista Eduardo Cunha quando não teve os votos que necessitava para escapar do processo de cassação na comissão de ética.  Isso foi uma das causas.

O dublê de presidente, como vice-presidente tramou. Ele queria o poder. Ele tramou o golpe. Muito antes, andava se queixando de isolamento. Tanto que escreveu uma carta se queixando da presidente. Ali estava uma das senhas para o golpe.

Outra desculpa está de que o golpe foi organizado quando a presidente da Petrobras Graça Foster demitiu todos os ladrões que operavam na estatal.

Agora se sabe que não é de hoje que interesses não republicanos operavam para quebra de monopólios da Petrobras e das telecomunicações estando por trás a Odebrecht e a Rede Globo de Televisão.

A Lava Jato iniciou a operação em em 2014. Muito do que está sendo revelado agora, que segundo Emílio Odebrecht questiona, porque não revelaram isso a 30, 20, 10 anos. A Lava Jato não tinha como revelar isso nesse tempo. Mas de março de 2014 para cá sabia de muita coisa. E por fazer parte do sistema jurídico do Brasil e aí capitaneado pelo STF não poderiam ter permitido que os brasileiros vivessem o que estão vivendo hoje. Desemprego, fome e o retorno da miséria.

O STF foi provocado, se pediu para interferir no que estava acontecendo e nada foi feito. Agora mesmo, com a divulgação das delações o STF e outros colegiados como Tribunais de Contas, CNJ estão ilesos. Para a ministra aposentada do STJ, Eliana Calmon, ratifica o que afirmou em 2011 de que havia bandidos escondidos atrás de togas, declara: “entendo que a Lava Jato pegará o Judiciário, mas só numa fase posterior, porque muita coisa virá à tona. Inclusive, essa falta tem levado a muita corrupção mesmo. Tem muita coisa no meio do caminho. Mas por uma questão estratégica, vão deixar para depois”, diz.

O judiciário nunca, nunca mesmo deve agir depois. O judiciário deve agir antes das injustiças serem praticadas. O golpe que a presidente Dilma Rousseff sofreu é um exemplo disso. O golpe teve o aval. O golpe foi presidido pelo Presidente do STF. Recursos chegaram ao STF para evitar o golpe. O STF impediu a posse de Luis Inácio Lula da Silva como ministro de Dilma Rousseff.

O golpe já aconteceu e as consequências estão ai. Inúmeros deputados, senadores que votaram a favor do golpe estão delatados por vários executivos de grandes empresas. Senadores, deputados, governadores que ganham eleições quantas disputam. Por quê?

Possuem muita grana. Recebem verbas oficiais, registradas no TSE. Recebem caixa 2 e por fora, sem nenhum registro há informações de mensalões, mensalinhos de acordo com o acerto entre o executivo, lobista e o candidato para facilitar favorecimentos em licitações e medidas provisórias.

A passagem para a democracia, a mudança, o novo só surgirá numa produção do povo. É necessário a compreensão de tudo isso, mas ir à práxis. E neste momento só temos uma saída. Eleições diretas para presidente da República, Senadores, Deputados Federais, governadores, estaduais, prefeitos e vereadores. Eleições para uma nova Constituinte e um reforma política que reveja, reavalie tudo de errado, de roubo, de corrupção que vivemos. É difícil acabar com esse mal, mas precisamos rever nossa forma de votar e escolher os homens que carregam novas formas de ver, propor mudanças para que nosso povo não sofra.

Isso só vai acontecer com a participação de todos. No dia 28 de abril de 2017 haverá uma greve geral contra todas as medidas que os golpistas já aprovaram e pretendem aprovar e corroborando conosco nessa caminhada estão todos os movimentos sociais, blogs sujos e a Igreja Católica que assumiu junto com milhões de brasileiros uma passagem democrática que corta o golpe.

 

O TESTAMENTO DE JUDAS, 2017, COM A PARTICIPAÇÃO ESPECIALÍSSIMA DE JESUS CRISTO

A notícia correu célere: Judas Iscariotes e Jesus Cristo iriam se reunir em frente ao Palácio do Planalto para enunciarem, em repente, o intempestivo Testamento de Judas aos homens de boas e más consciências.

Como sempre ocorre quando a mensagem tem como conteúdo e expressão esses dois sublimes personagens transhistóricos, Brasília foi tomada pela maior e melhor multidão de toda sua história fazendo inveja aos filósofos Machiavel e Toni Negri, dois amigos que mais tratam da Multitudo como Potência da Multidão.

A multidão-política não somente queria sentir de perto os dois inigualáveis sacro-personagens e lhes conferir reverências, como também saber suas opiniões sobre o mal que se alojou no Brasil depois que homens e mulheres degenerados (os que sofrerem alterações teratogênicas em suas constituições genéticas impossibilitando-os da produção humana de sensibilidade, cognição e ética democrática) depuseram a presidenta Dilma Vana Rousseff, eleita com mais de 54 milhões de votos, através de um golpe idealizado, elaborado e executado por parte do Judiciário, parlamentares, mídias capitalizadas, e empresários vorazes, além de alienados-paranoicos de todos os matizes.

A multidão-política, diante dos dois magnânimos personagens, pediu que eles explicassem como o país poderia se soerguer depois de toda força predadora desencadeada pelos golpistas que afetou terrivelmente os direitos dos trabalhadores, a economia, a Previdência social, as ciências, as artes, as politicas sociais, todas as produções realizadas pelos governos populares de Lula e Dilma.

Jesus Cristo e Judas Iscariotes, em função de suas inteligências e militâncias, responderam que sabiam de tudo que estava ocorrendo de mal no Brasil, e que se encontravam dispostos a, juntos com os brasileiros de boa fé e razão, examinar o quadro maléfico e tentar procurar soluções. Mas avisaram que a democracia, citando o filósofo Spinoza, é uma contínua produção política saída da composição das potências de todos que se constitui em Bem Comum ou Estatuto do Público do Estado. Daí que todos os brasileiros deveriam produzir a democracia em todo momento. Só assim o Brasil estaria protegido contra qualquer golpe que pudesse lhe tirar o poder de criar o seu próprio destino e proteger sua soberania. E que deveriam ouvir o filósofo Marx quando ele afirma que viver é se encontrar sempre em movimento real. O movimento que descontrói a aparência criada pelo capitalismo. A máscara maior da burguesia.

Depois dessas considerações coletivas, os dois tiraram as violas dos sacos, observaram as afinações, fizeram alguns improvisos, alguns exercícios sonoros e começaram a enunciar o testamento de 2017. Quando o dueto transcendental, impulsionado pelo seu plano de imanência, soltou seus primeiros acordes, a galera foi ao delírio aplaudindo e bradando “Viva à Democracia! O regime político de Cristo e Judas que nenhum golpista vai acabar!”

JUDAS (Sorridente agradecendo ao povão, iniciou sua enunciação) –

Meu amigo Jesus Cristo

Pra começar esse repente

Explique pra todos nós

Como é que você sente

O Brasil sendo humilhado

Por essa gente demente.

 

CRISTO (Contagiado de contentamento acenando para o povão)-

Amigo Judas Iscariotes

Sinto como uma desgraça

Um povo trabalhador

Sendo ofendido em sua raça

Mas é coisa de momento

Logo resgata sua graça.

 

Judas – Mas companheiro J.C.

Isso é muito sofrimento

Esse povo não merece

Passar por esse tormento

Obra própria de tarado

Que não tem bom sentimento.

 

Cristo – Companheiro J.I.

Você tem toda razão

O homem não está no mundo

Para passar por privação

Mas não esqueça que existe

Gente mal, aberração.

(Público – E quanta aberração!)

Judas – Tenho aqui no meu juízo

Uma ideia e não me gabo

Para mim esses golpistas

Tiveram ajuda do Diabo

Porque não têm inteligência

Pra levar um golpe a cabo.

(Público – É verdade Judas!)

Cristo – Não aceito essa ideia

O Diabo é inteligente

Não mistura sua moral

Com esse tipo de gente

Que você já afirmou

Ser uma “gente demente”.

 

Judas – Eu fui mal, amigo Cristo,

Ao Diabo acusar

Ele faz suas traquinagens

Mas não iria prejudicar

Esse povo brasileiro

Que já demonstrou amar.

(Público – Eu, hein!)

Cristo – Todo golpe é praticado

Por figuras desse planeta

Não é coisa de extraterrestre

Tramando uma mutreta

Para no final das contas

Conseguir sua chupeta.

(Público – Eu sei que chupeta quer golpista!)

Judas – Para você, amigo Cristo,

Qual deles é o pior golpista

Já que têm muitos desfilando

Na famosa imensa lista

Nomes de todos os credos

Falsos político e jornalista.

(Público – Tem também gente judiciarista.)

Cristo – É verdade, Iscariotes,

Mas todo golpista é igual

Não é possível escolher

Quem é menos anormal

Por isso o testamento

Vai bombar geral.

(Público – Esse Cristo é mesmo Cristo, meu!)

Judas – Eu vou logo agraciando

O dublê de presidente

Deixando-lhe como lembrança

O Manual do Indigente.

 

Cristo – Para o dublê de presidente

Inimigo da democracia

Deixo-lhe sua cassação

Como fim da fantasia

 

Judas – Ao guloso Aécio-Mineirinho

Da Lava Jato freguês

Deixo-lhe como lembrança

O conforto cativante do xadrez.

 (Público – Também o cheiro da creolina.)

Cristo – Ao vaidoso Fernando Henrique

Que pousava de vestal

Deixo-lhe como lembrança

O escárnio da moral.

 

Judas – Ao senador Homero Jucá

O amante da suruba

Deixo-lhe como lembrança

A lei com sua curuba.

 

Cristo – Ao senador Renan Calheiros

Que do golpe cantou loas

Deixo-lhe como lembrança

Sua derrota em Alagoas.

 

Judas – Ao senador Aloísio Nunes

Que da esquerda fingiu ser dela

Deixo-lhe como lembrança

O fantasma do Marighella.

 

Cristo – Ao governador Geraldo Alckmin

Conhecido como ‘Santo’

Deixo-lhe reservado

No STF seu canto.

 

Judas – Ao senador José Sarney

O patrono do reacionarismo

Deixo-lhe como lembrança

A impotência do coronelismo.

 

Cristo – Ao senador Eduardo Braga

Que se dizia moderno

Deixo-lhe como lembrança

Da corrupção o seu terno.

 

Judas – Ao senador Omar Aziz

Que se dizia comunista

Deixo como lembrança

O martelo e a foice na lista.

 

Cristo – Ao deputado Alfredo Nascimento

Que ao Amazonino levava tucumã

Deixo como lembrança

A justiça do amanhã.

 

Judas – Aos deputados do Amazonas

Analfabetos políticos do mal

Deixo-lhes em 2018

A barca do balatal.

 

Cristo – Para o senador José Serra

Um soberbo entreguista

Deixo-lhe toda a inveja

Ao ver o Brasil progressista.

 

Judas – A Rede Globo golpista

Que odeia a democracia

Deixo como lembrança

O fim de sua aliança com a CIA.

 

Cristo – Ainda para a Rede Globo

Que vive de simulação

Deixo-lhe o depoimento da Odebrecht

Que lhe envolve na corrupção.

 

Judas – Aos ‘justiceiros’ de Curitiba

Que perseguem Lula como um troféu

Deixo-lhes como lembrança

A ilusão que chegarão ao céu.

(Público – O céu é para os justos!)

 

Cristo – Para estes ‘justiceiros’

Que usam o nome de Deus em vão

Deixo-lhes o anseio do paraíso

Como uma grande frustração.

 

Judas – Para os amigos da blogosfera

Que não recuam jamais

Mesmo com todas as porradas

Dos grupos irracionais

Deixo-lhes a boa máxima

Lutar é que nos vivos faz.

 

Cristo – Para minha amiga Dilma

Primeira presidenta do Brasil

Como minha mãe Maria é honrada e guerreira,

Diferente do golpista vil

Deixo como lembrança

O eterno respeito desse povo varonil!

(Público – Valeu minha eterna presidenta!)

 

Judas – Perseguida desde a adolescência

Por lutar pela liberdade

Essa mulher não se curvou

Como faz todo covarde

Por isso deixo-lhe no coração

A chama que sempre arde.

 

Cristo – Para meu amigo Lula

Que pelas aberrações é invejado

Porque não são seres políticos

Como ele é formado

Deixo-lhe a certeza

Que não será aprisionado.

 

Judas – Como líder do povo brasileiro

Só Lula poderá salvar essa nação

Depois da catástrofe dos golpistas

Onde prevaleceu a destruição

Deixo-lhe a certeza

Que em 2018 terá tripla eleição!

(Público cantando – “Olê! Olê! Olê, Olê, Olá, Lula, Lula, lá!”)

 

Os Dois – Assim, povo brasileiro

Terminamos o testamento

Pode ser que muita gente

Não foi lembrada no momento

Mas quem produz democracia

Sabe que vive em nosso pensamento!

(Público – Eu vivo!).

NIETZSCHE E REICH FALAM SOBRE CRISTO NA SUA PERMANENTE E ETERNA CRUZ QUE LEVOU AO GOZO O DYSANGELISTA SÃO PAULO

Resultado de imagem para imagens de cristo no filme de pasolini, o evangelho segundo são mateusResultado de imagem para imagens de friedrich nietzsche

Resultado de imagem para imagens de w. reich

Fotograma da obra cinematográfica O Evangelho Segundo São Mateus, de Pier Paolo Pasolini, produzida em 1964 e considerada pelo Vaticano o melhor cinema sobre Cristo.

Em mais uma sexta-feira Santa, ou da paixão de Cristo em que os cristãos influenciados pelo Apóstolo Paulo veneram a morte que para Nietzsche é a coisa mais imunda, numa criação literária política, entrevistamos Reich e Nietzsche, dois pensadores que defenderam a vida dos maus encontros na luta contra a coisa imunda.

Blog Afinsophia: Neste momento há no Brasil uma perseguição de apolíticos, mídia golpista, judiciário,  governo e empresas norte americanas e de outros países envolvidos no golpe contra a Democracia e os governos populares de Lula e Dilma. No ser humano isso é provocado por quem e se com essa prática Jesus Cristo, o maior socialista do mundo continua sendo assassinado? O  que fazem os promotores e o que acontece com a Justiça?

Reich: “Quando a Peste emocional ataca sua vítima, ela ataca forte e rapidamente. Ataca sem piedade ou interesse pela verdade dos fatos; só interessa uma verdade: matar a vítima.”

“Há promotores públicos que agem como verdadeiros advogados, estabelecendo a verdade, recorrendo a múltiplas fontes. Há outros cujo único objetivo é a morte da vítima, seja essa morte certa ou errada, justa ou injusta.”

“Aí está o assassinato de Cristo, hoje como a dois mil ou quatro mil anos atrás.”

“Quando a peste emocional ataca, sua vítima está exposta aos olhos e julgamento de todos, difundem-se largamente as acusações que existem contra ela. A vítima fica nua diante de seus juízes , como um servo no meio de uma clareira, prestes a ser morto, enquanto os caçadores se escondem nas moitas. O verdadeiro acusados raramente aparece em cena; geralmente sua identidade permanece secreta até pouco antes do golpe fatal. Não existe lei que puna o caçador escondido.”

“[…] Quando a peste emocional ataca a justiça recua mansamente, chorando.”

Resultado de imagem para imagens de cristo no filme de pasolini, o evangelho segundo são mateus

Blog Afinsophia: Hoje é sexta-feira Santa. Nietzche, você fala numa verdadeira história do cristianismo. Qual sua crítica ao termo “cristão”?

Nietzche: ” A palavra “cristão” é já um equívoco; no fundo só existiu um cristão e esse morreu na Cruz. O Evangelho “morreu” na cruz. O que desde então se chamou “Evangelho” era já o contrário do que Cristo havia vivido; uma “má mensagem”, um dysangelium. É falso até a estupidez, o ver em uma “fé”, por exemplo, a fé na salvação por Cristo, o sinal distintivo de cristão. […]”

BA: Em que momento se decidiu a sorte do Evangelho?

N: “A sorte do Evangelho decidiu-se no momento da morte: estava suspenso da cruz. Só a morte, essa morte inesperada e ignominiosa, a cruz que geralmente estava reservada à canaille; esse espantoso paradoxo foi que conduziu por si mesmo os discípulos perante o verdadeiro problema. “Quem era este? Que significa isto”? […] “Quem foi que o matou? Quem era o seu inimigo natural? Esta pergunta surgiu como um relâmpago. Resposta: o judaísmo “reinante”, a sua classe diretora. Desde esse momento encontraram-se em rebeldia contra a ordem, considerou-se Jesus como um “sublevado contra a ordem estabelecida”.

Resultado de imagem para imagens de cristo no filme de pasolini, o evangelho segundo são mateus

BA: Depois do assassinato de Cristo se falou em boa nova. Qual delas foi seguida e quem o manteve crucificado até os dias de hoje?

N: “[…] A boa nova foi seguida de perto pela “pior” de todas, a de São Paulo. Nele se encarna o tipo contrário do “gozozo mensageiro”, o gênio no ódio, na visão do ódio, na implacável lógica do ódio. Quantas coisas sacrificou ao ódio, esse Dysangelista! Antes de tudo ao Salvador: cravou-o na “sua” cruz. […]”

Com o depoimento destes dois grandes estudiosos da alma humana; no Brasil, temos perseguidores e perseguidos. Não temos cristãos como diz Nietzsche. O único teve um fim que o povo junto com os judeus e o império romano assassinaram. No Brasil, os golpistas já assassinaram nossa democracia, depuseram nossa presidente e perseguem nosso virtual presidente em 2018. A peste emocional é motivo de preocupação porque ela está na direita brasileira que neste momento produz uma camiseta com o presidente Lula degolado. Isso não é admissível, é uma provocação. A guilhotina só foi usada na Revolução Francesa. Neste momento que os yankes intimidam a Coreia do Norte, bombardeiam o Afeganistão, não é intenção do povo brasileiro ir à guerra civil. A pior das guerras. Se faz necessário neste momento que o governo golpista renuncie e se convoque eleições gerais em todos os níveis. Só assim é possível, nesta sexta feira reverenciarmos o mais lindo de todos os homens, o propagador da paz, da liberdade, da solidariedade, da vida, sem milagres, acreditando no homem como potencial agente de superação para chegar ao super-homem como falou Nietzsche.

Resultado de imagem para imagens de cristo no filme de pasolini, o evangelho segundo são mateus

Fonte: Os textos da entrevista com Reich foi sacado do livro O Assassinato de Cristo, publicado pela Martins Fontes e o papo com Nietzsche foi do seu  O Anticristo, publicado pela Editora Moraes.


USAR O CONTROLE REMOTO É UM ATO DEMOCRÁTICO!

EXPERIMENTE CONTRA A TV GLOBO! Você sabe que um canal de televisão não é uma empresa privada. É uma concessão pública concedida pelo governo federal com tempo determinado de uso. Como meio de comunicação, em uma democracia, tem como compromisso estimular a educação, as artes e o entretenimento como seu conteúdo. O que o torna socialmente um serviço público e eticamente uma disciplina cívica. Sendo assim, é um forte instrumento de realização continua da democracia. Mas nem todo canal de televisão tem esse sentido democrático da comunicação. A TV Globo (TVG), por exemplo. Ela, além de manter um monopólio midiático no Brasil, e abocanhar a maior fatia da publicidade oficial, conspira perigosamente contra a democracia, principalmente, tentando atingir maleficamente os governos populares. Notadamente em seu JN. Isso tudo, amparada por uma grade de programação que é um verdadeiro atentado as faculdades sensorial e cognitiva dos telespectadores. Para quem duvida, basta apenas observar a sua maldição dos três Fs dominical: Futebol, Faustão e Fantástico. Um escravagismo-televisivo- depressivo que só é tratado com o controle remoto transfigurador. Se você conhece essa proposição-comunicacional desdobre-a com outros. Porque mudanças só ocorrem como potência coletiva, como disse o filósofo Spinoza.

Acesse esquizofia.wordpress.com

esquizofia.wordpress.com

CAMPANHA AFINADA CONTRA O

VIRTUALIZAÇÕES DESEJANTES DA AFIN

Este é um espaço virtual (virtus=potência) criado pela Associação Filosofia Itinerante, que atua desde 2001 na cidade de Manaus-Am, e, a partir da Inteligência Coletiva das pessoas e dos dizeres de filósofos como Epicuro, Lucrécio, Spinoza, Marx, Nietzsche, Bergson, Félix Guattari, Gilles Deleuze, Clément Rosset, Michael Hardt, Antônio Negri..., agencia trabalhos filosóficos-políticos- estéticos na tentativa de uma construção prática de cidadania e da realização da potência ativa dos corpos no mundo. Agora, com este blog, lança uma alternativa de encontro para discussões sociais, éticas, educacionais e outros temas que dizem respeito à comunidade de Manaus e outros espaços por onde passa em movimento intensivo o cometa errante da AFIN.

"Um filósofo: é um homem que experimenta, vê, ouve, suspeita, espera e sonha constantemente coisas extraordinárias; que é atingido pelos próprios pensamentos como se eles viessem de fora, de cima e de baixo, como por uma espécie de acontecimentos e de faíscas de que só ele pode ser alvo; que é talvez, ele próprio, uma trovoada prenhe de relâmpagos novos; um homem fatal, em torno do qual sempre ribomba e rola e rebenta e se passam coisas inquietantes” (Friedrich Nietzsche).

Daí que um filósofo não é necessariamente alguém que cursou uma faculdade de filosofia. Pode até ser. Mas um filósofo é alguém que em seus percursos carrega devires alegres que aumentam a potência democrática de agir.

_________________________________

BLOG PÚBLICO

Propaganda Gratuita

Você que quer comprar entre outros produtos terçado, prego, enxada, faca, sandália, correia, pé de cabra ou bola de caititu vá na CASA UYRAPURU, onde os preços são um chuchu. Rua Barão de São Domingos, nº30, Centro, Tel 3658-6169

Pão Quente e Outras Guloseimas no caminho do Tancredo.
PANIFICADORA SERPAN (Rua José Romão, 139 - Tancredo Neves - Fone: 92-8159-5830)

Fique Frio! Sabor e Refrescância!
DEGUST GULA (Avenida Bispo Pedro Massa, Cidade Nova, núcleo 5, na Rua ao lado do DB CIdade Nova.Todos os dias).

O Almoço em Família.
BAR DA NAZA OU CASA DA VAL (Comendador Clementino, próximo à Japurá, de Segunda a Sábado).

Num Passo de Mágica: transforme seu sapato velho em um lindo sapato novo!
SAPATEIRO CÂNDIDO (Calçada da Comendador Clementino, próximo ao Grupo Escolar Ribeiro da Cunha).

A Confluência das Torcidas!
CHURRASQUINHO DO LUÍS TUCUNARÉ (Japurá, entre a Silva Ramos e a Comendador Clementino).

Só o Peixe Sabe se é Novo e do Rio que Saiu. Confira esta voz na...
BARRACA DO LEGUELÉ (na Feira móvel da Prefeitura)

Preocupado com o desempenho, a memória e a inteligência? Tu és? Toma o guaraná que não é lenda. O natural de Maués!
LIGA PRA MADALENA!!! (0 XX 92 3542-1482)

Decepcionado com seus desenganos? Ponha fé nos seus planos! Fale com:
PAI GEOVANO DE OXAGUIÃ (Rua Belforroxo, S/N - Jorge Teixeira IV) (3682-5727 / 9154-5877).

Quem tem fé naõ é um qualquer! Consultas::
PAI JOEL DE OGUM (9155-3632 ou paijoeldeogum@yahoo.com.br).

Belém tá no teu plano? Então liga pro Germano!
GERMANO MAGHELA - TAXISTA - ÁGUIA RADIOTAXI - (91-8151-1464 ou 0800 280 1999).

E você que gostaria de divulgar aqui seu evento, comércio, terreiro, time de futebol, procurar namorado(a), receita de comida, telefone de contato, animal encontrado, convites diversos, marocagens, contacte: afinsophiaitin@yahoo.com.br

Outras Comunalidades

   

Categorias

Arquivos

Blog Stats

  • 4.241.980 hits

Páginas

junho 2021
D S T Q Q S S
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930  

Arquivos